Hilary Duff

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Loirastupidaaaa.jpg Hello, Honey! Este artigo é fashion!!

Este artigo é algo que eu e minhas amigas pink adoramos! Se você for nerd ou pobre, tipo, é melhor passar longe daqui, e se vier aqui pra arranjar confusão, nós vamos chamar a galerinha popular para humilhar você!


Emblem-sound.svg Hilary Duff
Hillary-duff-2019.jpg
Antes da consulta de aplicação de botox, em 2019
Nome Hilária Cerveja Duff
Origem Texas, Bandeira dos Estados Unidos Estados Unidos
Sexo Oral Feminino
Instrumentos
Nuvola apps kcmmidi.svg
Karaokê, Joias, Maquiagem,...
Gênero Patricinha
Influências Mandy Moore
Nível de Habilidade Icon 00 percent.png
Aparência Loira burra inteligente
Plásticas Silicone nos seios e na bunda
Vícios
Nuvola apps atlantik.png
Pagar-pau para boazinha, se arrumar muito e ser uma patricinha sem-sal no geral
Cafetão/Produtor
Crystal Clear action bookmark.svg
Disney
Desentrevistasminibox.PNG O Desentrevistas
possui uma entrevista com
Hilary Duff
O famoso sorriso falso de Hilary Duff.


Cquote1.svg Você quis dizer: Anya Marina Cquote1.svg
Google sobre Hilary Duff
Cquote1.svg Falei dela para o meu filho! Cquote2.svg
Mãe sobre Hilary Duff
Cquote1.svg Sou melhor que ela! Cquote2.svg
Nicole Richie sobre Hilary Duff
Cquote1.svg Ninguém é melhor que ela! Cquote2.svg
Joel Madden sobre Hilary Duff
Cquote1.svg Eu compro os produtos dela! Cquote2.svg
Sua prima sobre Hilary Duff
Cquote1.svg Ela faz perfumes parecidos com os que eu faço... Cquote2.svg
Britney Spears sobre Hilary Duff
Cquote1.svg Eu comprei o CD dela! Cquote2.svg
Demi Lovato sobre Hilary Duff
Cquote1.svg Tem doido pra tudo nesse mundo... Cquote2.svg
Eu sobre a citação acima
Cquote1.svg Roubei uma jóia da amiga dela... Cquote2.svg
Avril Lavigne sobre Hilary Duff
Cquote1.svg Baby you're a firework Cquote2.svg
Katy Perry sobre Hilary Duff
Cquote1.svg Eu tirei o posto de maior vadia da Disney dela Cquote2.svg
Miley Cyrus sobre Hilary Duff
Cquote1.svg Claro... Ninguém gosta dele! Cquote2.svg
Britney Spears sobre Selena Gomez
Cquote1.svg Já comi! Cquote2.svg
Wili sobre Hilary Duff


Hilary Britney Spears cerveja Duff é uma cantriz, ex-astro mirim da Disney, compositora de músicas-feitas, patricinha estilista e escritora estadunidense que chegou ao estrelatoum tempo atrás por conta da irritante série televisiva para gurias retardadas, Lizzie McGuire (o antecedente da Hannah Montana). Ao contrário das suas rivais dos anos 2000, ela sempre foi uma patty bonitinha sem-sal e sem-graça, e seu único "escândalo" foi ser acusada por militontos da Internet do crime imaginário de Apropriação cultural por conta de um disfarce de Halloween em 2016. No fundo: foi uma Lindsay Lohan que se deu bem, sendo um daqueles raros casos de loira inteligente... Ou não.

Infância

Já nasci fâshiô, seu pobre!

Vinda de algum buraco do Texas em 1987, Hilary nasceu gastando todo o dinheiro dos pais... tal como todas as outras patricinhas. Quando tinha 6 anos já gastava um dinheirão em maquiagem, joias, diamantes, brincos, roupa e outros tarecos e seus pais se endividaram só para bancar essas despesas. Muito inspirada na Barbie, fazia bonecas, roupas para as bonecas, penteados... Depois começou alimentando a ideia de que queria ser famosa e participar naqueles concursos de beleza infantis onde as crianças são vítimas de tortura vestidas como adultas pelas mães gordas e frustradas que nunca conseguiram virar modelos na juventude e começaram comendo seus problemas e agora projectam-se nas filhas... Hilary ainda foi fazer aulas de canto, ballet e interpretação, mas, junto com as futilidades amadas por Hilary, os pais dela ficaram sem grana para pagar as inscrições nos concursos...

Carreira

Ânus 90

Enrolando um baseado em Lizzie McGuire (2001) e tendo visões psicadélicas.

... para ajudar os pais a bancar essas despesas todas, Hilary e sua irmã tiveram de ir fazer comerciais brega para a televisão, para prestigiadas marcas de moda como a Subway. Durante essa altura, seus pais as seguiam para todo o lado, as protegendo do teste do sofá dos pedófilos de Hollywood, pelo que Hilary não conseguiu ser escalada para nenhum papel e só 1997 conseguiu entrar no seu primeiro filme... como figurante não-creditada. Só em 1998 consegue seu primeiro papel de protagonista em Gasparzinho e Wendy , quando sua mãe dá o corpo ao manifesto e passa ela no teste do sofá com sucesso... afinal as dívidas eram muitas graças aos gastos exorbitantes da filha. Depois disso, foi aparecendo como figurante em algumas séries de televisão, mas suas interpretações eram tão ruins que chegou mesmo a ser despedida de uma.

Ânus 2000

Fazendo audição para Lizzie McGuire em 2001.

Em 2000 conseguiu ser escalada para o papel de protagonista da nova série bostinha do Disney Channel, Lizzie McGuire , depois de na audição ter interpretação o hit Ops... I Did It Again da Britney Spears e os produtores verem ali a oportunidade de criar uma segunda Britney e ganhar muita grana. O programa foi para o ar em 2001 e Hilary interpretava a guria retardada principal que queria se tornar numa cantora de sucesso... se isso lhe soa mais ou menos familiar é porque é quase o mesmo enredo de Hannah Montana e essa série infernal do início dos anos 2000 é a razão pela qual coisas como Miley Cyrus, Selena Gomez, Ariana Grande conseguiram chegar à fama. A série fez muito sucesso entre a piralhada e valeu à Disney milhões de dólares. Para encherem mais os cofres, ainda comercializaram trilhas sonoras, livros, bonecas, brinquedos, videogames e mais uma infinidade de merchandise que obrigava os pais de então a abrir os cordões à bolsa e oferecer essas porras para as filhas. Hilary continuou trabalhando para a Disney, e em 2002 protagoniza mais um telefilme irritante Cadete Kelly , onde é a protagonista patty e bonitinha, que álias, é o único tipo de papel que sabe fazer... e mal. Em 2002, depois de muito babar-ovo por ela na mídia como seu astro principal, a Disney lhe oferece seu primeiro álbum intitulado Santa Claus Lane (Papai Noel Me Comeu) com canções de Natal para pattys mirim que nem ela, mas o disco não fez qualquer tipo de sucesso lá nos Estados Fudidos e muito menos teve projeção internacional. Mas a Disney tanto manipulou as mentes da pirralhada passando essa bosta na Rádio Disney que as gurias retardadas começaram implorando para os papais comprarem.

Mostrando todo o seu talento enquanto "atriz do Disney Channel".

Em 2003 se estreia em Hollywood com o ridículo filme para a criançada: O Agente Teen , acerca de uma crianção que é um espião e onde ela faz o mesmo papel de sempre. Nesse mesmo ano, para a Disney continuar vendendo a antecessora da Hannah Montana, é lançado o filme da série Lizzie McGuire - Um Sonho PopStar , onde Hilary interpreta duas personagens que, devido ao à sua falta de talento, parecem a mesma. O single What Dreams Are Made Of (Uma Patricinha é Isto) logo faz muito êxito junto aos seus fãs habituais, ou seja, pitas que querem ser como ela e sempre veem aqui na Desciclopédia vandalizar esse artigo. Nesse ano também lança, lança novo álbum, intitulado Metamorphosis (De patty criança a patty adolescente), com os singles So Yesterday ( Essa Roupa é Tão Coleção Passada) e Come Clean (Vem-te Limpo). Com a Disney a publicitar e manipular mentes, isso foi um grande sucesso entre as gurias retardadas. Ainda nesse ano participa o filme Doze É Demais , onde seu papel é quase de figurante e onde nem sequer atua, se limitando a fazer de si mesma. Em 2004 finalmente chega ao fim a insuportável série da Disney (mas não se preocupe porque vem logo outro a seguir para infernizar a paz alheia), e Hilary logo vai ser comida pelo galã genérico da piralhada Chad Michael Murray em A Nova Cinderela , e com uma interpretação tão fracassada "aclamada" que logo é nomeada para o prestiagdo Framboesa de Ouro como Pior Atriz, mas infelizmente perde para Jenny McCarthy, outra loira burra. Ainda nesse ano, lança seu terceiro álbum Hilary Duff (Eu sou Patricinha), com plágios de Avril Lavigne e Ashlee Simpson e cheio de autotune e outras técnicas de modificação de voz, e só com um single Fly (Modinha), mas, ainda assim, chegou ao topo das Botas do Bill (Billboard) graças aos seus fãs retardados. Também lança sua linha de roupa, originalmente chamada de Stuff by Hilary Duff , que foi distribuída pelos supermercados lá dos States.

Hilary pousando para os fãs baba-ovo, em 2008.

Em 2005 volta a ser a protagonista patty e bonitinha (seu único papel) na comédia romântica brega Paixão de Aluguel , mais um fiasco. Já sem ideias, nesse mesmo ano, lança um best off (que é como quem diz, suas canções mais vendidas, não as melhores, que são inexistentes), Most Wanted (Minha Bolsa de Grife), com seu single Wake Up (Compras), que fez muito êxito entre as gurias retardadas. Nesse ano também surge na sequela desnecessária de Doze É Demais 2 onde só está lá e nada mais, mas, ainda assim, volta a ser nomeada ao Framboesa de Ouro de Pior Atriz... infelizmente não ganhou, mas no ano seguinte volta a ser nomeada a esse prestigiado prêmio cinematográfico por Material Girls (2006), e junto com sua irmã foi plagiar fazer cover da canção de Madonna. Em 2006, também lança seu perfume para patricinhas, With Love... Hilary Duff. Em 2007 lança o álbum Dignity (Fui Comida com Dignidade) com músicas acerca de sua mãe chifruda e do divórcio dos pais. Lançou os videoclipes With Love (Dando com Amor) e Stranger (Dei para um Estranho), onde surge mais sexy, que é como quem diz vadia, mas nunca chegando ao extremo de suas outras coleguinhas dos anos 2000, já que a coisa mais "provocatora" era ela chupando o polegar. Em 2008 lança outro best off porque já não tinha ideias para músicas novas, Best of Hilary Duff (A Patricinha da Música). Nesse disco vindo do Inferno sampleou Personal Jesus dos Depeche Mode, uma blasfêmia do caralho, já que a música era (quase) Gospel e a virgem será que era mesmo? fez apelo sexual na música. Os fãs dos Depeche adoraram por motivos obvios: quer isso dizer, que adoraram porque ganharam um novo alvo de críticas. Enquanto Dave Gahan queria que Jesus o tocasse, Hilary implorou por ser tocada por qualquer um. Em 2009 começa se tentando afastar de seu status como "ídolo adolescente" ao escolher mais papéis mais dramáticos, como According to Greta , onde tenta fazer de uma adolescente rebelde, mas como ela é uma patricinha inveterada e seu talento não é grande, foi outro fiasco. Ainda nesse ano vai fazer putarias como figurante na irritante série televisiva Gossip Girl . Volta, ainda, a lançar outra linha de roupa para gurias retardadas pattys "adolescentes como ela".

Ânus 2010

Mostrando todo o seu talento enquanto "atriz de Hollywood", em 2017.

Ao longo dessa década, Hilary continuou aparecendo como figurante patty em algumas séries e filmes de quarta ou quinta categoria, fazendo dublagens, suas canções habituais e coisas de patricinha no geral. Em 2010 revolve ir paga-pau pra escritora e anuncia que vai lançar uma trilogia de livros infanto-juvenis para pattys como ela, intitulada Elixir , lançando o primeiro livro nesse ano, o segundo em 2011 e o último em 2013. Ninguém sabe de que falam os livros porque ninguém leu... afinal até seus fãs mirim entretanto cresceram e a nova pirralhada andava babando-ovo por Selena Gomez e Miley Cyrus. Ainda assim foi considerado um best-seller pelo New York Times... porque Hilary comprou milhares de cópias ela mesma para distribuir gratuitamente por escolas e afins, já que ninguém queria pagar por isso, alguns não queriam essa porra nem dada. Nesse ano, contracena ao lado de Winona Ryder em Stay Cool , outro fiasco, e em que Winona roubou vários diamantes e outros tarecos a Hilary. Em 2012 finalmente concretiza seu sonho de vida ao aparecer como jurada do programa de moda Project Runway , onde finalmente pôde usar seus conhecimentos de patty.

Em 2015 integra o elenco principal da série Younger , uma espécie de Gossip Girl para adultos, onde Hilary volta a interpretar a única coisa que sabe: a patty bonitinha. Nesse ano lança novo álbum, Breathe In. Breathe Out (Eu Respiro Moda), com os singles Chasing the Sun (Usando Chanel) e Sparks (Purpurina), mas não conseguiu entrar para as Botas do Bill, porque, de novo, seus fãs cresceram e a pirralhada estava interessada noutras pattys (agora mais vadias do que nunca). Vendo que seu futuro na música estava negro, voltou a fazer a única coisa que as pattys sabem: desenhar outra linha de roupa e ainda uma linha de cosméticos.

O tempo passa tão rápido...

Uma vez que nos Estados Unidos tudo é possível, inclusive dirigir com menos de 18 anos, Hilary resolveu que era hora de tentar a sorte, uma vez que até mesmo palermas como Bill Gates e George W. Bush mostraram ser capazes de conquistar o posto de donos do mundo. Já que os nerds e onanistas alcoólatras são capazes de se eleger, porque uma patty sem noção não poderia comandar a bancarrota americana? Com esse intuito e com o fato de ela já ter carteirinha do Partido Democrata, tenta uma luta de vida ou morte contra Barack Obama Donald Trump em 2016. Infelizmente não foi eleita, mas com a candidatura de Kanye West em 2020, ela já revelou que está pensando seriamente em se candidatar de novo.

Em 2018 lançou mais uma linha de moda (a única coisa que lhe dá grana, mesmo), desta vez de óculos de sol, porque era a única coisa que estava faltando para completar o visual de patty. Em 2019 surge no filme de terror brega The Haunting of Sharon Tate , relativo aos assassinatos de Charles Manson. Essa porra foi tão ruim, que não recebeu uma única crítica positiva... e Hilary finalmente conseguiu conquistar o cobiçado Framboesa de Ouro por Pior Atriz.

Rivalidades

Só os Millennials sabem o quão barraqueira foi essa briga.

Apesar desse paga-pau pra boazinha Hilary sempre adorou um barraco. Sua primeira briga (e a mais lendária) foi com a coleguinha da Disney, Lindsay Lohan, em 2004, quando esta acusou Hilary de "roubar o seu homem", Aaron Carter. Mas, afinal, Aaron continuava namorando Lindsay nas costas de Hilary, e vice-versa, e ainda pegando Ashlee Simpson e... fazendo boquete em caras porque na verdade ele é gay bissexual. E, em vez de ferrar o cafajeste, pegaram briga uma com a outra. Na altura, Lindsay nunca deixou de xingar Hilary nas suas entrevistas e outras aparições, enquanto Hilary fazia de tudo para ignorar, se achando superior a tudo isso (enquanto só fazia filmes de merda). Esse drama só terminou em 2012, quando as duas reconciliaram e Hilary viu o desastre em que Lindsay se tornou e ficou com pena e achando que ela necessitava de um amigo.

Avril Lavigne prestando homenagem a Hilary Duff.

Por volta da mesma altura, comprou briga com Avril Lavigne ao dizer que ela devia tratar melhor seus fãs... essa é a versão oficial, porque fontes exclusivas revelaram à Desciclopédia que Avril, na verdade, tinha inveja dos diamantes de Hilary e quis roubar um, mas ela não deixou e essa maldita ladra roubou uma joia da amiga dela. Quando Hilary descobriu, disse que Avril não sabia cantar, que nunca deu bola para os fãs e, então, Avril passou a detestar Hilary. Depois disso, Avril foi para os Kid's Choice Awards de 2004 dizer que Hillary devia desaparecer porque estava falando bosta e que era uma "menina da mamãe" e "trouxa". Mas, no fim de tudo... Avril acabou por casar com o vocalista dos Nickelback... pode se dizer que Hilary teve a última risada.

Em 2009, Faye Dunaway (com 68 anos na altura e portanto já com idade para ter juízo) pega briga com Hilary por conta dela ter sido escalada para a protagonista no remake de Bonnie and Clyde e reviver o papel icônico de Faye. A velha não ficou impressionada a perguntou porque não escolheram uma atriz a sério. Hilary logo respondeu que seus fãs, que irão ver o filme, nem saberão quem a velha é, e que achou o comentário desnecessário. No entanto, em 2011 Hilary sai do projeto e desculpa-se com a gravidez.

Filmografia

Hilary é afamada por seus papéis muito diversos e desafiantes, sempre trazendo algo de novo para seu trabalho. Ainda assim, conseguiu várias nomeações para o prestigiado prêmio cinematográfico Framboesa de Ouro: como Pior Atriz por A Nova Cinderela (2005), Na Trilha da Fama (2005) e Doze É Demais 2 (2005)... finalmente conseguiu ganhar esse cobiçado prêmio em 2020 por The Haunting of Sharon Tate. Além disso, também esteve nomeada para "pior casal" com sua irmã Haylie Duff por Material Girls em 2007.

Hilary no seu filme caseiro para punheteiros, velhos tarados, crianças que assistem band cine prive, masoquistas, zoolosexuais, travestis, Pedofilos.. adolescentes fofos em 2003.

Televisão

Ainda sou virgem de orelha apenas... totalmente!

Discografia

  • 2002: Santa Claus Lane: Papai Noel Me Comeu
  • 2003: Metamorphosis: De patty criança a patty adolescente
  • 2004: Hilary Duff: Eu Sou Patricinha
  • 2005: Most Wanted: Minha Bolsa de Grife
  • 2007: Dignity: Fui Comida com Dignidade
  • 2008: Best of Hilary Duff: A Patricinha da Música
  • 2015: Breathe In. Breathe Out: Eu Respiro Moda

Livros

Em 2010, Hilary lançou seu primeiro livro de uma trilogia intitulada de Exilir talvez um plágio do "Crepúsculo", direcionada para gurias retardadas, que fala de uma patricinha rica que não faz nada na vida a não ser viajar pelo mundo... ou seja, é autobiográfico.

  • 2010: Elixir: Ninguém sabe...
  • 2011: Devoted: ... o que acontece nisso ...
  • 2013: True: ... porque ninguém leu (exceto, talvez, seus fãs retardados)

Vida Pessoal

Como toda a patricinha, também Hilary colecionou "homens fâshiôn" ao longo da sua carreira: logo em 2001 assumiu namoro com o galã genérico da pirralhada (da altura), Aaron Carter, que logo deu o barraco falado anteriormente com Lindsay Lohan. O casal falsete terminou tudo em 2003, mas no ano seguinte de 2004 Hilary já estava namorando Joel Madden, o vocalista emo da bAnDiNhAh EmUh Good Charlotte... o porquê de um cara que pagava-pau para rebelde-depressivo estava pegando uma patty era um mistério, mas ele não passava de um poser mesmo. Tudo terminou em 2006 mas não sem antes Hilary atrair toda a escumalha retardada de fãnáticas alienadas do cara, que passaram a xingá-la, como fazem com todas as gurias que namoram seus ídolos.

Em 2007 começa transando um jogador de hóquei chamado Mike Comrie, e casam em 2010 com Hilary parindo seu primeiro filho em 2012. Dá merda em 2014 e se divorciam. Em 2017, como já não tem mais ideias para novas canções, começa transando o compositor Matthew Koma, com quem tem sua segunda filha em 2018. Para garantir que o cara não escapa de escrever suas músicas, se casam em 2019.

Galeria

Afiliados

Seres rivais:

Estrelinha.jpg
Hilary Duff ganhou uma estrelinha, pois:
É um ex-astro mirim da Disney e não virou vadia nem drogada na idade adulta!
Vivaaaaaaaaaaaaaaaaaaa!
Parabéns, Hilary Duff!
Continue se esforçando para que nunca perca suas estrelinhas e consiga sempre outras como esta!
Lula-7.jpg
v d e h