Hollywood

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Hjhgjg.JPG Este artigo é relacionado a cinema,

E com certeza deve envolver a Immediate Music ou Quentin Tarantino.
Na União Soviética, o cinema assiste VOCÊ!.

O sinal de Hollywood (Lê-se Roliúdi)

Cquote1.png Você quis dizer: Letreiro branco e tosco Cquote2.png
Google sobre Hollywood

Hollywood — em Los Angeles — é a segunda maior indústria de Cinema do mundo (a primeira é, acreditem ou não, Bollywood, na Índia). Em Hollywood, os executivos e vice-presidentes dos estúdios — os estúdios tem mais vice-presidentes do que faxineiros — pensam nas melhores formas de ganhar dinheiro com uma bosta de filme. E eles conseguem quase sempre — como Alien vs. Predador conseguiu provar — graças ao público imbecil.

Origem[editar]

Hollywood foi criada quando alguém pensou, então, eles acharam um cidade de Los Angeles, um lugar cheio de vegetação. Daí o nome "Hollywood", que significa algo como "floresta sagrada". Na verdade, o certo seria "Holywood", com um "L" só, mas sendo americanos (e ANALfabetos), adicionaram um "L" a mais e deram tapinhas nas próprias costas.

Cinema Hollywoodiano[editar]

a mentalidade de Hollywood

Os filmes "hollywoodianos" são caracterizados por terem roteiro, direção e atores, todos voltados para gerar o máximo de dinheiro possível para o estúdio que está financiando o filme. Quer fazer um filme sobre a vida do lutador James Braddock financiado por Hollywood? Aqui vai um guia:

  • Contrate o roteirista de Batman e Robin, Akiva Goldsman, para escrever o roteiro.
  • Transforme James Braddock num ser perfeito, incapaz de cometer erros, para que o público possa torcer por ele.
  • Arrume uma esposa chorona para que Braddock possa nos mostrar o quanto ele é compreensivo.
  • Transforme um lutador da vida real, Max Baer, num canalha filho-da-puta chupa-rola desgraçado — mesmo que ele fosse gente boa na vida real — para que torçamos ainda mais por Braddock.
  • Componha uma trilha sonora tão açucarada que mataria um diabético de infarto.
  • Numa Perseguição de Carro 1º tire as porcas e alguns parafusos para ele quando capotar sai voando as peças, 2º Bote um Carro novo correndo contra um clássico ou exploda de uma vez.
  • Nos Filmes de Ação Tenha sempre Explosões, o público gosta de algo sair voando pelos Aires assim como seu dinheiro.
  • Adicione um flashback em cores vibrantes, mostrando tempos mais felizes, apenas para retornar à triste realidade do presente, nos fazendo torcer ainda mais pelo protagonista que ganha menos que o faxineiro.
  • Não adicione falas bobas como "você sempre será meu campeão". Akiva Goldsman fará isso sem sua ajuda.
  • Contrate atores estabelecidos como Angelina Jolie, Brad Pitt e o retardado do Tom Cruise para garantir uma boa bilheteria de idiotas.

Ou, se você quer fazer um filme sobre um assassino que persegue um grupo de jovens:

  • Contrate o limpador de vaso sanitário da Warner para escrever o roteiro. Vai ficar uma merda, claro, mas esse é o objetivo.
  • Contrate um diretor estreante pois tem mais criatividade e claro.
  • Contrate um compositor qualquer para compor uma trilha sonora que aumenta de volume de repente para assustar o público.
  • Os personagens devem ser caricaturas: a garota moralmente perfeita, a viciada em drogas, a ninfomaníaca, o ninfomaníaco, o viciado em drogas,algum personagem negro (óbvio), o interesse amoroso da garota moralmente perfeita (ele é também moralmente perfeito), e é claro, o vilão babaca que carrega alguma coisa afiada.
  • Os personagens devem morrer em ordem: primeiro os ninfomaníacos, depois os viciados, depois o interesse amoroso da protagonista e finalmente o vilão, morto pela protagonista, que do nada um se transforma em Rambo.
  • Quando um personagem for assassinado, desvie a câmera. Quanto menos violência, mais branda será a censura, mais gente vai poder assistir o filme, mais dinheiro você ganha!
  • Deixe o final em aberto para uma continuação (more money, baby!).

Métodos de Como Ser um Ator, Diretor ou Roteirista em Hollywood[editar]

o diretor Uwe Boll, seguidor do primeiro método

Método 1 — Chupe o pau de um dos vice-presidentes de um dos estúdios.

1.1 — Chupe o pau do porteiro do estúdio para conseguir chegar ao vice-presidente e chupar o pau dele.

Método 2 — Procure filmes de terror que precisem de jovens atores novatos que serão mortos pelo vilão e faça um teste. Se falhar, chupe o pau do diretor de elenco (depois de entrar na fila, claro)

Método 3 — Seja amigo de um ator, diretor ou roteirista famoso. Afinal, as chances disso acontecer são imensas! Peça a ele que o ajude. Se ele disser não, chupe.

Como Se Comportar Caso Você Tenha Conseguido Ser um Ator em Hollywood[editar]

  • Entre para alguma seita idiota, como Cientologia ou a Cabala, e faça com que o mundo inteiro saiba disso.
  • Deixe ser flagrado fazendo algo realmente idiota, degradante ou humilhante por algum fotógrafo, como dirigir bêbado, beijar alguém do mesmo sexo, ser flagrado com maconha pela polícia, fazer sexo numa praia pública e coisas do gênero (também vale "vazar" um vídeo pornô seu na Internet).
  • Ao ser "flagrado", não se esqueça de dar umas porradas no fotógrafo na hora e de posar de ofendido/violado quando a notícia correr (e de processar o fotógrafo por uso ilegal de imagem quando a poeira abaixar).
  • Case-se bêbado numa capela drive-thru em Las Vegas com um estranho(a) de noite e depois peça a anulação do casamento na manhã seguinte.
  • Transforme o nascimento de sua filha num evento mundial e venda as fotos do parto pra algum tabloide inglês por alguns milhões de dólares (Mas de forma que pareça que as fotos, sabe-se lá como, "vazaram" na imprensa).
  • Adote uma causa internacional, como o Greenpeace, o Cansei ou qualquer outra merda só para tentar apagar sua fama de playboy, apesar de ainda assim usar joias com diamantes de sangue e roupas com peles de animais sem nenhuma vergonha.
  • Para passar uma imagem mais matura e, de quebra, faturar alguns pontos na mídia como santinho, sequestre adote uma criança de algum país de 3° mundo que ninguém conheça e pague uma fortuna aos pais dela para calarem a boca.
  • Faça uma escultura de ouro do primeiro cocô de sua filha e venda num leilão para que os compradores coloquem a obra em cima da lareira do lado da sala de jantar. Sabe como é, para mostrar aos convidados.
  • Vá ao programa da Oprah, pule no sofá dela em rede nacional, tente quebrar os pulsos dela e não esqueça de dizer que "ama" sua mulher.
  • Faça uma cerimônia de casamento de alguns milhões de euros num castelo medieval, arme o maior barraco na festa e depois divorcie-se após 1 mês de casamento.
  • Faça com que sua esposa desapareça da face da terra, sobrando apenas você para ser idolatrado pelos fãs.

Personalidades imbecis que Hollywood Ama (lê-se: minas-de-ouro)[editar]

Paul W. S. Anderson — Especialista em destruir filmes baseados em videogames, o diretor/roteirista/chupa-rola Ph.D. Paul W. S. Anderson já cometeu Alien vs. Predador, Mortal Kombat e Resident Evil. Ele também produziu DOA: Dead or Alive. No futuro, irá dirigir Castlevania.

Uwe Boll — Foi o mentor de Paul W. S. Anderson. Enquanto Anderson destrói os filmes que ele próprio faz, Boll destrói as franquias inteiras com seus lixos inomináveis, como "Alone in the Dark", "House of the Dead" e "Bloodrayne".

Orlando Bloom — Tão expressivo quanto uma tábua de madeira, o ator Orlando Bloom já interpretou (leia-se: apareceu caracterizado como) Legolas de O Senhor dos Anéis e Will Turner de Piratas do Caribe. Ele também atuou no filme Náufrago como a bola de futebol Wilson.

Hayden Christensen — Quando estava quase terminando a nova trilogia de Star Wars, George Lucas resolveu escolher o pior ator possível para interpretar o personagem mais importante do filme, Anakin Skywalker. Eis que surge Hayden Christensen. Se Orlando Bloom interpretou a bola de futebol Wilson em Náufrago, Christensen interpretou o tronco de árvore cortado sobre o qual a bola ficava.

Megan Fox — Vadia e gostosa, só sabe fazer filmes onde seus peitos são sempre as estrelas principais, é conhecida por ir há eventos entupida de maquiagem, dar o rabo para homens (e mulheres), ser a pseudo-Angelina Jolie e falar merda toda vez que abre a boca. É a favor da legalização da ervinha também, coisa que os leitores daqui conhecem muito bem.

Jessica Simpson — Loira e gostosa. Preciso dizer mais?

Calçada da Fama[editar]

A Calçada da Fama de Hollywood é uma calçada em Hollywood que tem fama. Ninguém sabe porque ela tem esse nome. Na Calçada da Fama estão dispostas dezenas de estrelas que homenageiam pessoas famosas (ou nem tanto) que contribuiram para a indústria do entreterimento ao invés de dedicar suas vidas a fazer algo mais útil para a sociedade e morrer como desconhecidos.

É terminantemente proibido parar o carro na Calçada da Fama, a pena sendo uma multa feia (ou pena de morte, caso a estrela de Chuck Norris seja danificada ou tocada). Também é proibido jogar lixo, fotografar com flash, fotografar sem flash, filmar, caminhar, olhar ou chegar perto da Calçada da Fama.

No outro lado da rua está localizada a Calçada da Infâmia, mas ela é a Calçada da Fama não se falam muito ultimamente.

Estrelas na Calçada da Fama

Calçada da Infâmia[editar]

A Calçada da Infâmia de Hollywood é menos conhecida que a Calçada da Fama de Hollywood, mas nem por isso menos especial (ao menos é o que o psiquiatra dela afirma). Nessa calçada estão dispostas estrelas homenageando as pessoas mais infames e detestadas de Hollywood.

Estrelas na Calçada da Infâmia
Mirror2.jpg Conheça também a versão oposta de Hollywood no Mundo do Contra:

Espelhonomdc.jpg