Homo sapiens

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Humanos)
Ir para: navegação, pesquisa
331px-Longcat.jpg Prepare-se para ler:
Esse artigo é muuuuito grande e pode causar cegueira.
Pense duas vezes e não seja tão idiota antes de ler algo assim
Celula2.jpg Este artigo é relacionado à biologia.

Evite manter contato com fungos.

Humano
Exemplo de um ser humano que deu certo
Exemplo de um ser humano que deu certo
Classificação científica
Reino: Animal
Filo: Acordados
Classe: Mamadores
Ordem: Homem Primata Capitalismo Selvagem
Subordem: Nariz seco
Família: Hominídeos
Gênero: Homossexuais
Espécie: Humano
homo sapiens Deus, 30.000 a.C.
homo multi ação

Cquote1.png Meus Brinquedinhos de Montar! Cquote2.png
Deus sobre Homo sapiens
Cquote1.png Meu sonho é ser um! Cquote2.png
Carla Perez sobre Homo sapiens
Cquote1.png Depois de mim, eles se tornaram o que são! Cquote2.png
Tony Ramos sobre Homo sapiens
Cquote1.png Num adianta, Homo esta em todo lugar!!! Cquote2.png
Clodovil sobre Homo sapiens
Cquote1.png Caralho! No meu tempo homem tinha pelo no corpo todo, e andava que nem macaco! Cquote2.png
Dercy Gonçalves sobre Homo sapiens


Ser humano, ou humano, serumano, Erros de Deus, Homo Sapiens ou humanos (do latim hum, otário, + ânus,cu) são seres que bugaram e ficaram assim, mas não era para serem assim (Na verdade, era para serem sim, já que o Mestre do Universo Jeová Allah, ou simplesmente Deus Místico dos Crioulos do Deserto, provavelmente criou esses primatas feios e sem pelos porque sabia que eles iriam se matar e cometer muito genocídio e violações. Aliás, esse Deus Dos Crioulos do Deserto tem um baita senso de humor, ao ponto de mandar um pai sacrificar seu filho num altar sem nenhuma explicação (a não ser a diversão que isso gera).

Não se iluda com os enganadores profissionais da Globo, que possuem influência total sobre os meros humanos bostileiros a respeito do que eles falam ou pensam. Todo seu conhecimento sobre a raça demoníaca dos humanos está errado. Se quer saber sobre os segredos ocultos e míticos do universo, a Desciclopédia é o site perfeito.

Definição[editar]

Exemplo de um ser humano fraco.

Esses macacos ensebados são nativos do Planeta Terra com complexo de superioridade sobre todos os demais seres do reino animal já que se enxergam como o ápice entre as criações de senhor Gzuis. Mas a verdade é que não passam de um monte de desperdício inútil de matéria orgânica, que poderia ser muito melhor usada para fazer coisas muito melhores com todo esse carbono como grafite e carvão.

Apesar de muitos dizerem que Jeová Allah se arrependeu de ter dado um fim épico nos dinossauros e ter colocado um bando de primatas patéticos cheira-cus no lugar dos fodásticos dinos, a verdade é que mesmo uma caralhada de T-Rexs não conseguiriam produzir tantas gargalhadas quanto um bando de seres humanos bêbados armados com AK-47s fazendo pirataria na Somália.

O Homo sapiens também é chamado de homem ou homo, o que é por si só uma contradição, ou não. Há dúvidas sobre qual espécie esquecida por Deus deu origem ao serumano. Para alguns, saiu do cu de um bonobo, para outros, descende do homo erectus, e para um terceiro grupo, descende mesmo é de Dercy Gonçalves e Mumm-Ra (apesar de que na verdade Mumm-Ra é quem surgiu da costela da mãe-de-todos Dercy Gonçalves). Contudo, não importa quem deu origem a essa desgraça, pois, no final, todo ser humano nasce mesmo é de uma esporrada dada no banheiro de um boteco depois do macho e da fêmea da espécie fazerem uso da famosa birita.

O ser humano é um membro da Ordem dos primatas, cientificamente chamado como espécie de Homo sapiens sapiens (homem que sabe que nada sabe). Todavia, ao contrário dos outros primatas que vivem de forma simples cheirando uns os cus dos outros, fazendo guerra de merda e formando grupos para caçarem, espancarem, torturarem e canibalizarem outros grupos, o ser humano faz tudo isso (principalmente quando vive na África, Nordeste brasileiro, Haiti, Rio de Janegro, Nicarágua, Sudeste Asiático, Oriente Médio ou Leste Europeu), mas depois fica com pesinho na consciência porque acha que quebrou as regras morais de Jeová Allah, Krishna, Mitra ou qualquer outro amiguinho místico em quem esse gasto inútil de carbono seja capaz de se agarrar para dar sentido à sua vida triste e sem sentido. Ou seja, enquanto os outros primatas, principalmente o glorioso chimpanzé, vive tocando o foda-se, o ser humano faz merda, mas depois fica se lamentando em vez de se entregar de braços abertos à zoeira. Felizmente, às vezes o Deus da Zoeira envia alguns ungidos para o mundo como Gengis Khan, Vlad, o Empalador, Nero, Rei Leopoldo da Bélgica, Hitler, Richard Nixon, Pol Pot, Churchill, Stalin, Suharto, Amin Dada e Harry Truman para pregar a palavra do humor ilimitado sobre a humanidade sem restrições. Um grande exemplo foi o de um japonês zueiro, o general Yoshio Tachibana, que fazia Sukiyaki com o fígado de prisioneiros de guerra, porque não dispensava o gostinho que a bílis humana dava à sua refeição (para se ter uma ideia da quantidade de huehuehue que corria nas veias desse cara redonda, basta dizer que antes dele canibalismo não era considerado crime pelo Direito Internacional).

A espécie humana é a única no reino animal com mais de dois sexos, podendo ser contados mais de 8000 gêneros diferentes, desde traveco circuncidado até homem de vagina. Claro que, como tudo o que cerca esse primitivo animal, em vez de aproveitar essa quantidade de sabores diferentes em grandes e sodômicas surubas, o serumano fica se sentindo culpado por ter tesão por quem tem órgãos reprodutivos iguais aos seus. Passa então a ir à igreja e acreditar que está com o Satanás no corpo. Mas isso dura só alguns dias, porque não consegue lutar contra os instintos putaneiros e acaba comendo o rabo de um travesti anão da Malásia enquanto dá a cruzeta para um jumento selvagem. Mas claro que em público ele diz que odeia os gays, porque, você sabe, moralismo barato e hipócrita é uma das principais características desse erro de Deus.

Ao contrário do chimpanzé, que reconhece outros chimpanzés pelo cu, o Homo sapiens baseia-se em traços faciais para se relacionar. Contudo, algumas raças de seres humanos, por conta de instintos atávicos, preferem olhar apenas para as bundas de outros seres humanos e baseia toda sua vida em perseguir rabos para o acasalamento anal. Esse tipo de humano pode ser encontrado principalmente entre os africanos e seus descendentes, sendo o Brownzil, país onde quase todos têm herança afro (apesar de terem vergonha disso e jurarem que são brancos), uma das grandes regiões habitadas por caçadores de cus. Ou seja, quem gosta de mulher com cu de gorila geralmente é afro-descendente. Já europeus e asiáticos preferem a famosa tetinha, demonstrando, dessa forma, que não conseguiram ainda ser desmamados e abandonar a fase infantil para adentrar a vida adulta. Basta ver a quantidade de jogadores de Warcraft que podem ser encontrados entre membros dessas raças para provar que são eternas e frágeis crianças. Por conta disso, muitas mulheres das etnias crioula das neves e crioula do arroz procuram as pirocas dos crioulos da savana e dos crioulos do deserto para satisfazerem suas necessidades bucetais. Algo digno de nota é o fato de que, apesar de viveram na América Latrina, o argaytino também tem preferência pela mamadeira de carne (tanto a feminina quanto a masculina). Mas isso é compreensível, visto que esses sub-humanos não passam de guidos transplantados para uma colônia experimental criada por franceses onde foi permitido a espanhóis, indígenas e italianos foderem livremente. Como italianos/guidos e espanhóis/dagos - esses crioulos da massa e crioulos da paella chupadores de pau de travecos sem nenhum controle emocional (o que os aproxima dos crioulos da savana) - já são sub-humanos por natureza, a colônia experimental falhou totalmente.

Muitas vezes, os humanos usam drogas e outras substâncias alucinógenas para esquecerem que sua vida é uma merda vazia e sem sentido. Como nos diz o filósofo Chris Rock, os traficantes não vendem drogas, mas sim oferecem drogas, visto que não precisam fazer propaganda alguma para venderem seu produto ou ficar se preocupando com coisas como "E agora, como eu vou me livrar de todo esse estoque de crack??". A verdade é que o ser humano ama ficar doidão, faz de tudo para ficar doidão, desde encher a cara com vodka barata até fumar estrume de vaca. Contudo, como já dito, o ser humano sente culpa e vergonha pela bosta que corre em suas veias e, dessa forma, criminaliza o uso de várias ótimas drogas como crack, heroína, cocaína e maconha. Contudo, como sabemos, o instinto do ridículo não pode ser controlado. Dessa forma, apesar de dizer que "maconheiro é tudo vagabundo" em público, o ser humano não dispensa encher as ventosas nasais de pózinho da alegria.

A sociedade humana é bem complexa, mas se a dividimos basicamente em ricos e pobres, veremos que a coisa é bem mais simples. Quem tem dinheiro, vive mais, tem mais mulheres, é mais bonito, etc. Quem não tem, é um puto de um lascado que vive se fudendo de trabalhar e nunca ganha nada!

História[editar]

O ser humano foi encontrado pela primeira vez na antiga Califórnia do Norte, em 1969. Depois disso, cientistas colocaram um filhote humano em cativeiro e constataram que ele se multiplicou de forma indesejada.

O nosso elo mais antigo é chamado de Australopithecus (o único sobrevivente deste grupo morreu há pouco tempo! Seu nome era Dercy Gonçalves). Ele acabou sofrendo evolução (como todo pokemon) e acabou virando o Homo Habilis, obviamente se você não é nenhum retardado deve saber que o nome Habiles foi-lhe dado por que ele ganhou novas habilidades! Após isto, ele evoluiu novamente e virou o Homo Erectus (não pense bobagem!). Após o Homo Erectus veio o Homo de Neandertal que finalmente deu origem ao nosso querido Homo Sapiens.

Quem criou esta teoria louca foi um tal de Charles Darwin, que não tinha nada melhor pra fazer e acabou inventado a famosa teoria da evolução. Outra teoria é a criacionista, que diz que um ser supremo (como Chuck Norris, por exemplo) criou os homens e que eles são imutáveis desde então. Também existe a teoria extraterrestre, que segundo a tal, seres de outros planetas (Marte, por exemplo) resolveram criar um colônia de férias aqui na Terra e acabaram a povoando. A também uma outra teoria de que o Capirolo tenha invadido o planeta e criado a raça humana apenas pra estragar o mundo perfeito que Deus fez,assim pode-se explicar de vez a ruindade do ser humano.

Evolução[editar]

Satã,um possível criador da raça humana
Teoria da evolução

Foi um grande erro da Natureza e de Deus. Depois da merda ter sido feita a única coisa que Deus se limitou a dizer foi: "Desculpe os transtornos".

Tudo começou quando Deus resolveu cuspir no seu banheiro chamado Terra. Quando ele viu que suas divinobactérias estavam evoluindo e criando vida burocrática notou que se tivesse cagado teria sido melhor. Desde aí começou a perdição, faziam sexo descompromissado, com qualquer um e sem camisinha.

Uma vez que estava ficando chato fazer sexo na água, resoveram ir para a terra firme tentar algumas posições novas. Tentaram em cimas das árvores, não gostaram e desceram e a putaria rola solta até hoje. Não importa mais onde nem quando, o importante é fazer sexo.

Cquote1.png Tem gente que considera uma péssima ideia ter descido das árvores, mas deveriam nem sequer terem subido já que sair da água foi uma ideia terrível Cquote2.png
Douglas Adams sobre Evolução Humana

Civilização[editar]

Há cerca de 10000 anos, os Homo sapiens aprenderam a plantar e a domesticar animais (nossa que grande avanço!). Depois disto ele passou a inventar um bando de besteira como o casamento, o trabalho e a escrita. Depois, mais ou menos uns 6000 anos atrás, começou a criar as nossas queridas e amadas cidades. E junto com elas, veio o índice de homicídios, os mendigos e os políticos corruptos.

Na Idade Media os homens conheceram sua fase mais negra (pelo menos foi o que a nossa gracinha Hebe Camargo afirmou). Naquele tempo, os homens só tomavam banho uma vez por ano (imagine a catinga de bacalhau que as mulheres deveriam ter?). Mas também haviam coisas boas na idade media! Um bom exemplo, era o cheriamento de gatinho, pratica esta que foi bastante acentuada no cotidiano dos homens.

Mas a idade media foi embora com a chegada do advento da tecnologia! Foram fabricas, maquinas a vapor, e um monte de bosta deste tipo criadas! Ai o homem resolveu (lascar) colonizar outros paises. E logo após isto, veio as guerra! Era guerra pra todo, guerra dos sem anos, guerra das rosas, guerra pelo Acre (teve essa?)... Mas a pior de todas as guerras com certeza foi a segunda grande guerra! Pois foi neste conflito que o vírus emotocitos veadostal se espalhou com mais ferocidade!

Graças a todos estes acontecimentos, encontramo-nos hoje na era da globalização! Onde as maquinas servem os homens (mesmo sendo mais inteligentes do que eles) e qualquer um pode ser o que quiser!

Habitat e população[editar]

As primeiras cidades

Antigamente, os homo sapiens tinham que ficar migrando de um local para o outro em busca de alimento e água. Mas hoje em dia, ele pode modificar o ambiente e construir o próprio habitat (se bem que isto esta acabando com o planeta...)!

Desde 1800 a população humana na Terra aumentou de 1 bilhão, para mais de 6 bilhões! Mas não pense que este número aumentou por que o homem de hoje em dia esta fudendo mais as mulheres do que o de antigamente! Na verdade, esse número aumentou por que as pessoas estão vivendo mais! E se quer saber, o homem de antigamente tinha mais tempo de fuder sua mulher do que os de hoje em dia!

O fato é que em 2008, metade da população mundial estava vivendo em cidades! Isto esta colaborando para o aumento da criminalidade e da pobreza! Sem falar que graças ao nosso querido Homo sapiens, o aquecimento global pode acabar com todo o mundo, e inúmeros espécimes estão ameaçadas de extinção graças à atuação do homem! (por que os veados também não ficam ameaçados de desaparecer do mapa?).

Já em 2011, somos 7 bilhões de criaturas. Segundo cientistas do Instituto de Biologia da Universidade Epístolar Barro Branco, a terra compactou-se em 5 metros o seu diâmetro total, pois já não aguenta tanto peso. Além disso, a vida marinha nunca esteve tão bem, já que aproveita os despojos do esgoto para se multiplicar. Sinal que tem gente cagando sem parar nessa vida.

Maneiras encontradas pelo Serumano para não cometer suicídio[editar]

O Homo sapiens começou sua carreira no planeta Terra como comedor de carniça deixada por outros mamíferos muito mais fortes e fodões. Os fracos, lentos e bosteiros serumanos ficavam escondidos esperando os grandes predadores mandarem ver nas caças e, quando cansavam de comer e deixavam só a carcaça, lá ia o serumano comer os restos. Além de carniça, os seres humanos comiam principalmente insetos, ovos, raízes e qualquer coisa que não exigisse força, agilidade e velocidade, qualidades que esses macacos molengas só apresentam em filmes de kung-fu e desenhos japoneses. Dessa forma, a verdade é que o serumano é uma bosta fraca e mal montada, que nasce de maneira prematura, pois a cabeçona do bebê precisa passar pela xoxota da fêmea humana, a qual tem os quadris menores do que os dos outros primatas.

Por nascer de maneira prematura e precisar ter o crânio espremido para passar pela xoxota, o desperdício de carbono já vem para o mundo com tendência a ser pancada das ideias e, por conta disso, cria várias ficções como leis, dinheiro, palavras, hierarquias sociais, regras de etiqueta, regras de comportamento, rituais, regras morais e um monte de coisas que não existem de verdade. Dessa forma, os xaropes passam a acreditar que essas merdas foram dadas a eles pela natureza ou por algum Deus e começam a se matar por conta dessas fantasias. Aí, por exemplo, se algum outro primata pelado diz "Cara, eu não acredito em qualquer coisa sobrenatural" o macacão o qual depositou tempo de sua inútil vida e se agarrou sentimentalmente na crença de que existem fantasmas, fadas, almas, deuses e essas coisas todas fica revoltado e começa uma guerra religiosa para, por meio do genocídio, provar que existem os seres sobrenaturais nos quais ele acredita e pelos quais é apaixonado.

Mas a verdade é que o patético primata fica sempre muito triste quando imagina que é só um monte de matéria como qualquer objeto inanimado existente no mundo e então precisa criar coisas como religião, valores morais, seriados de televisão, filmes, vídeo games, desenhos japoneses, ideologias para seguir e várias outras coisas simplesmente para poder acreditar que a própria vida tem algum sentido ou para poder se esconder num mundo de fantasia fugindo da realidade, a qual insiste em jogar na cara do primatão que ele é só uma bosta que se fode para caralho na vida para no final morrer e ser como se nunca tivesse existido. O coitado do serumano então fica boladasso quando pensa que todos os perrengues que passa na vida na verdade não tem significado algum e ele, na verdade, não vai ganhar nenhum tipo de recompensa depois de morrer.

Logo, para poder encarar a própria patética fraqueza física e total insignificância na ordem das coisas sem dar um tiro na cabeça ao perceber que a bosta de sua existência pode ser que não tenha significado algum, o serumano foge para um lugar seguro onde ele pode alucinar que é algum tipo de guerreiro lendário com o poder de derrubar cem homens com as mãos limpas ou que foi um dos escolhidos por algum tipo de entidade super poderosa para colocar ordem na natureza e nos outros homens. Esse tipo de patético primata, o qual não consegue encarar a realidade, recebe vários nomes: otaku, weeaboo, religioso, gamer, cinéfilo, sacerdote, etc.

Mas não se preocupem, amigos, no final das contas, mesmo que as outras pessoas os odeiem para caralho, a vida humana hoje tem uma média de duração de uns 70 anos, logo, serão apenas 70 anos de dor excruciante e desesperadora. Na ordem do universo, sua vida não importa merda nenhuma assim como a opinião de todos os primatas que te odeiam. Tudo, eventualmente, vai apodrecer e se degradar. Na verdade, a partir desse momento tudo é apenas escuridão e dor. Mas você pode se livrar de tudo isso facilmente... É só arrumar um .38 e colocar na sua boca... daqui para frente eu não posso dizer mais nada, pois seria apologia ao...

Mas Deus te Ama!!!! (Na verdade, não. Ele só te criou para poder se divertir sadicamente com todo o teu sofrimento, pedaço de merda!!)

Biologia[editar]

Anatomia[editar]

O Homo sapiens geralmente possui quatro membros (nos seres do sexo masculino, são cinco), mas eles são bípedes. Já em relação à cor da pele, pode variar bastante dependendo de fatores como exposição solar, bronzeamento artificial, ou quando estamos cagando! Uma curiosidade que podemos destacar é que os humanos são uma das espécies mais forte do universo. Afinal existem vários mutantes, xamãs, Orcs que desejam acabar com a raça humana, mas estes perduram até hoje. Exceto o Ender Drago.

Fisologia e necessidades[editar]

Um fator importantíssimo para a sobrevivência do ser humano é a dieta! Ou você come, ou você morre! Entendeu? (Agora vai explicar isto a uma bulímica!) Outra coisa importante é o sono (todo vagabundo sabe disso!).

  • Fazer sexo ocasionalmente (até o casamento)
  • Fazer sexo nunca (depois do casamento)
  • Comer e beber água sempre para produzir toneladas de merda e litros de mijo
  • Ir ao banheiro sempre que não pode ir
  • Entrar na banheira segundos antes de tocar o telefone
  • Falar mal dos outros sempre
  • Ver Big Brother
  • Falar merda
  • Exibir o carro que tem
  • Matar algumas pessoas de vez em quando (por isso que tal espécie criou o GTA: para satisfazer a tara por genocídio e violência sem correr o risco de ser extinta)
  • Criar ideologias idiotas para ocupar o tempo e ter justificativa para tretar como por exemplo o liberalismo, o nazismo ,comunismo ETC...
  • Fazer merda e criar quadrinhos e memes
  • Gastar horas de sua vida escrevendo comentários retardados no youtube e artigos inúteis na Desciclopédia
  • Sentir diariamente o desejo de matar tudo o que vê pela frente
  • Se achar superior a todo o restante do reino animal
  • Se achar tão importante que imagina haver um Deus, que criou um universo infinito e mesmo assim tem tempo para se preocupar com uma cambada de primatas pelados e subdesenvolvidos.

Qualquer humano privado de alguns desses itens, por certo tempo, terá uma morte instantânea. Sobretudo ao item "Falar merda".

Ciclo de vida[editar]

Acha engraçado? Pois saiba que um dia será você! A não ser que faça uma plastica

Resumidamente a vida humana é vivida em 3D: Dor, Decepções e Doenças. Mas também pode ser vivida em 2D: Degradação e Desgosto. Claro que se o serumano tiver uma graninha, a coisa pode ser menos pior, mas não muito no final das contas. Por essa razão existem as drogas, a bebida e os alucinógenos, para o Homo sapiens esquecer a merda que é a vida.

De qualquer forma, a desgraça começou quando seu pai estava fudendo sua mãe! Ai, eis que o espermatozóide encontra o óvulo e pronto! A cagada foi feita! Daí você nasce, cresce e um dia, quando você esta grandinho, vai fuder alguém e ai, esse alguém vai ficar grávida! E pronto, começou tudo de novo! Você tem filhos e sua vida vai virar um inferno! Claro que nada disso é feito propositalmente, pois, a esmagadora maioria das crianças são indesejadas, apesar dos pais dizerem para seus filhotes que os amam incondicionalmente. Mas a verdade é que quando um primata humano olha para um buraco ou qualquer coisa com forma de bunda e tetas, qualquer pensamento lógico é desligado na cabeça do filho da puta e tudo o que ele pensa é em botar toda substância espermal acumulada em sua próstata para fora. E isso só prova que, mesmo querendo provar que é civilizado e está acima dos outros bichos, na verdade o serumano não passa de um macaco que precisa esporrar por aí sem parar. Já as fêmeas da espécie são mais seletivas (a não ser que sejam gordas e feias) e conseguem segurar as piriquitas com mais sensatez. Claro que tudo isso muda quando as primatas com xoxota têm contato com afrodisíacos como dinheiro, carro importado, posição de poder, etc. Todavia, elas tentam de todo modo negar que suas pernas são muito mais propensas a se abrir com esses poderosos afrodisíacos e qualificam qualquer um que as chame de interesseiras de machistas imundos e mimimimi...

Depois de uns poucos anos de putaria indecente o Homo sapiens envelhece. Se for mulher, vai ter menopausa e perceber, por conta dos culotes gigantes e cheios de estrias e celulites, que chegou a hora de arrumar um mangina para sustentá-la e cuidar de seus filhos sem pai. Se for homem, vai sofrer com impotência e ficar sozinho ou casado com um canhão saído do Inferno para o resto dos tempos caso seja pobre (por essa razão a maioria faz de tudo para acumular riquezas na juventude)! Depois disso, o serumano começa a ficar gaga, e finalmente, parte dessa pra melhor (ou pra pior, dependendo se você foi bonzinho).

Dieta[editar]

Vai uma saladinha?

Geralmente são carnívoros, e muitos são canibais! A dieta muda com frequência de acordo com o sexo e com a orientação sexual! Se for homem, come mulher, se for mulher, come homem! Mas se for gay ou lésbica, como indivíduos do mesmo sexo.

Também existem aqueles que são vegetarianos, e só comem vegetais! Mas eis que surge uma nova forma de nutrição: Os onívoros (que comem de tudo). Estes adoram surubas e geralmente são giletes (ou seja, cortam pros dois lados).

Psicologia[editar]

O cérebro de um homem

O cérebro é o centro de controle humano! É lá que tudo acontece. Geralmente, há quem diga que sem um cérebro não se pode sobreviver, todavia, já há casos de pessoas que foram privadas deste órgão, e continuam a levar uma vida normal (um bom exemplo é o de George W. Bush)e funkeiros.

Sub-espécies de Homo Sapiens[editar]

Embora as pessoas tentem alegar que todos os seres humanos são iguais, esta afirmação é falsa! Durante a evolução de nossa espécie, houve um diferenciamento de varias formas! Ao todo, existem três espécimes principais: Os normais (como eu por exemplo), as loiras, e os emos. Analise agora estas duas ultimas categorias!

  • Loira: A loira é uma espécie de cocota do sexo feminino que na sua evolução não foi capaz de atingir um nível decente de inteligência, calcula-se de que seja parecido com o de plantas e levemente mais evoluído que os das amebas. Mas elas mesmas dizem isso ser um exagero. Realmente as amebas estão muito evoluídas se comparadas com as loiras, muito boas, dóceis e aptas por sinal.

A maioria são fúteis e vulgares, sendo o hobby das mesmas enrolar o cabelo. Têm preferências a dar para traficantes, gringos, boys, manos, surfistas e turistas. Muitos garotos chatos adoram zuar as mesmas e elas respondam com para garoto ou com um tapa. Muito sexy por sinal.

Seu habitat natural é o shopping.

Emo-sapiens
  • Emos: Emo, do francês emo-fif, significa biba emotiva. Há também fontes que afirmam que vem do latim emossae, ou seja, "sem genitália". Emos são exatamente o cruzamento de homossexualismo com música punk, em perfeita harmonia, embora a viadagem anule o efeito destrutivo característico da música punk.

Em um show emo, o máximo de violência que se vê é uma briguinha aviadada de tapas porque um desarrumou a franjinha do outro. Emos existem desde os primórdios da civilização, com as primeiras marcas em cavernas terem sido encontrados milhões de anos. A única diferença é que agora, ser emo está na moda.

Esta espécime é caracterizada pelo fato de não possuir genitália! Não se pode saber se é homem ou mulher, ou ate mesmo os dois! Seu habitat natural são os penhascos em que eles costumam pular para cometer suicídio (pelo bem da humanidade) ou em shows de bandinhas emos. esse site ñ contem informações corretas

  • Ser um mano: A espécie ser "humano" possui uma subespécie: ser "um mano", (tá ligado?) esses seres se consideram uma raça superior e estão dominando os exemplares Humanos, seu habitat natural são os morros, principalmente dos grandes centros urbanos, seu principal predador é um ser chamando polícia (ou puliça, mega, porco, coxinha, gambé... como eles falam), estes invadem seus habitats (favelas) para capturar os líderes.

- A alimentação desta subespécie é baseada em uma planta conhecida como cannabis, porém variam a dieta comendo a coca (ína e não cola, ou melhor cola também...) - conseguem alimento através de uma ferramenta essencial a sua sobrevivência 3oitão, geralmente utilizam no semáforo. - características: usam boné, geralmente torto, carça larga, tênis 5 números maiores, escutam RAP, hip hop ou funk, usam 3oitão, andam de opala rebaixado quase arrastando no chão e quando você olha... que que tah oiando ai mano? ké apanha? (se estiverem em bando)

Tipos de Crioulos[editar]

  • Crioulos das Neves: Também conhecido por Neandertal ou crioulo do gelo. Essa raça de Homo sapiens habita o norte da Zoropa. Suas principais características são o albinismo e recessividade genética. Quer dizer, apesar de muitos se orgulharem de terem os olhos e cabelos claros e a pele rosada, o que esses idiotas não percebem é que isso é uma mutação genética que causa falta de melanina e os torna mais frágeis a luz solar, principalmente os olhos e a pele. Então, como humanos de verdade têm os cabelos e olhos pretos, podemos dizer que, apesar dos primatas pálidos chamarem outras raças de sub-humanos, os sub-humanos na verdade são esses neandertais rosados das neves. De toda forma, de acordo com Hitler, Francis Galton e Dylann Roof só os crioulos das neves seriam brancos de verdade. Apesar de no passado terem sido selvagens sanguinários e machos para caralho (os famosos vikings), hoje em dia não passam de patéticos feministos escravocetas que fazem protesto usando saia e não tomam nenhuma atitude quando veem suas mulheres sendo estupradas pelos crioulos do deserto. Na verdade, hoje os patéticos crioulos das neves gostam de pagar crioulos da savana para comer suas mulheres enquanto eles filmam, fato que faz com que Erik, o Vermelho, um respeitável assassino, estuprador e psicopata, se revire no túmulo. Apesar de hoje não passarem de gays enrustidos, num passado recente os crioulos do gelo foram responsáveis por um digno rastro de genocídios, saques e estupros em massa levados a cabo contra os crioulos da planície, crioulos do deserto, crioulos do arroz, crioulos banqueiros, crioulos do mar, crioulos das estepes e crioulos do curry. Ou seja, antes de ser domesticado e emasculado pelas feminazis, os crioulos do gelo dominaram, abusaram, escravizaram, assassinaram, etc. todas as outras raças de crioulos. Exemplos famosos são os de Hitler, que botou vários crioulos banqueiros no forno e assassinou uma caralhada de crioulos da tundra só pelas risadas e pelo Churchill, que matou de fome alguns milhões de crioulos do curry. Nos Jewnited States of Murica, muitos ratos de trailers fracassados utilizam sua falta de melanina no corpo como forma de diferenciação social, pois, como perdedores que nunca contribuíram com nada de relevante para a espécie humana, precisam se agarrar na cor da sua pele para se sentirem menos derrotados. De toda forma, o escravocetismo e boiolagem dos crioulos das neves são incuráveis. A verdade é que o que ocorreu ao crioulo do gelo é uma amostra do que o feminazismo e o politicamente correto podem fazer com os machos da espécie Homo sapiens. De vikings genocidas passaram a cuckolds patéticos, que sonham em chupar rolas pretas e árabes e depois colocá-las nos cus de suas esposas de meia-idade (porque todo neandertal albino é velho e broxa, caso vocês não saibam). O fato de apoiarem merdas que não vão trazer nenhum tipo de benefício a eles mesmos como o Movimento Negro e o feminismo só prova que o homem rosado é hoje uma triste figura que, graças a Jeová está velho e logo vai sumir da face da Terra.
  • Crioulos da Tundra: Quase o mesmo que o Crioulo da Neve, mas habita o Leste da Zoropa. Contudo, diferentemente de seu primo, o crioulo da tundra ainda tem as bolas entre as pernas e continua com as nobres atividades que os crioulos das neves abandonaram.
  • Crioulos do Arroz: Também conhecido por Crioulo do Anime, AZNI ou Chong Chong. O Crioulo do Arroz habita o Leste da Zázia. Entre suas atividades favoritas estão a matemática e o casamento com almofadas com desenhos de lolitas. A fêmea dessa raça é conhecida por encher a cara redonda de plástica a partir dos 10 anos de idade (além disso elas geralmente mantêm um corpo de criança de 10 anos de idade até a velhice). Uma das características mais peculiares dos aznis é que eles só gostam de andar com outros aznis. Quando acontece de algum crioulo do arroz se relacionar com outras raças de crioulos, geralmente é porque querem posar de rebeldes para os pais. Contudo, é sabido que os genitores da raça geralmente deserdam seus filhos caso esses não se tornem médicos até os 12 anos de idade. Por serem materialistas ao extremo, superficiais, falsos, escorregadios e bons em matemática, os crioulos do arroz lembram muito os crioulos banqueiros. Contudo, os crioulos do arroz nunca foram vítimas de genocídio por parte do crioulo das neves. Ao contrário, os crioulos do arroz do Japão é que mataram uns 30 milhões de outras sub-raças de crioulos do arroz como chineses e coreanos só pelas gargalhadas. Além disso, como ocorreu ao crioulo da neve, o crioulo do arroz, antes selvagem e genocida, foi domesticado e emasculado, mas não pelas feminazis e sim por duas lindas bombas atômicas que crioulos do gelo da Murica jogaram sobre eles fazendo com que esses primatas sem pelos corporais se tornassem as patéticas criaturas suicidas que podemos encontrar naquele arquipélago de merda.
  • Crioulos da Floresta e Crioulos da Planície: Também conhecidos como injus, são os habitantes originais do continente que hoje chamamos de América. Antes da chegada dos crioulos do deserto e dos crioulos do gelo, os crioulos da floresta viviam em paz, realizando sacrifícios humanos a uma bosta de deus cobra com penas e praticando canibalismo porque acreditavam que se matassem, esfolassem, assassem e comessem um bom número de outros crioulos da floresta, seriam recompensados pelo Deus Crioulo da Floresta dos Raios com uma passagem para uma tal Terra sem Mal (o que é bem louco de se pensar... mas não que eu esteja condenando essa nobre atividade). Já os crioulos da planície viviam uma vida semi-nômade na América do Norte praticando a digna atividade do escalpo de mulheres e crianças, pois os outros crioulos da planície achavam que isso era sinal de bravura por ter coragem de entrar no território inimigo. Tudo isso mudou quando os crioulos do deserto da Zoropa chegaram praticando guerra bacteriológica. Os injus que não morreram de varíola foram colocados para brigar uns com os outros pelos crioulos do deserto e também foram apresentados ao famoso trabuco cuspidor de ferro ou hora do pum pum pum. Além do genocídio em massa, os crioulos do deserto também colocaram os crioulos da floresta para realizar atividades gratuitas como mineração e agricultura enquanto estupravam se uniam com as injas libertando algumas pragas no mundo como mexicanos, brasileiros, chilenos, peruanos, hondurenhos, etc. O crioulo do deserto foi tão legal com o crioulo da floresta, que, além de colocá-los para realizar atividades divertidas ainda ensinavam o cristianismo como recompensa ao contrário dos crioulos do gelo, que simplesmente genocidaram os crioulos da planície sem ensinar a adorar o senhor Gzuis porque eram mais adeptos da baixaria. Os primatas vermelhos são primos distantes dos crioulos amarelos da Ásia e, como eles, não possuem pelos corporais atestando claramente sua baixa masculinidade.
  • Crioulos do Curry: Apesar de serem responsáveis por uma das civilizações mais antigas do mundo, o crioulo do curry perde tempo com atividades como adorar um deus elefante e uma vadia de oito braços. Além disso, os crioulos do curry tem uma estranha adoração por bovinos, geralmente levando a cabo atividades sexuais com esses animais herbívoros. Também são vistos dirigindo táxis em Nova Iorque e ganhando 9 centavos a hora para trabalharem como atendentes de telemarketing. Uma vez donos de um grande império, foram esculachados e colonizados por uma sub-raça de crioulo das neves conhecida como inglesa até que um crioulo do curry conhecido como Gandhi aceitou chupar as pirocas rosadas de mil soldados britânicos em troca da liberdade de seu povo, sendo lembrando como um grande herói por isso (visto que 99% dos crioulos do curry são gays, basta ver aquelas dancinhas que eles fazem em seus ridículos filmes para atestar esse fato). Hoje em dia os maiores inimigos dos crioulos do curry são os outros crioulos do curry, só que um grupo adora o deus elefante e o outro grupo adora o deus dos crioulos do deserto chamado Allah. Assim como outras raças, também teve um império construído na base da pilhagem, matança e violações. Todavia, um dia o imperador Ashoka se converteu ao bundismo e proibiu todas essas atividades dignas. Dessa forma, sem a graça necessária, o império ruiu em pouco tempo.
  • Crioulos da Estepe: Também conhecidos como mongóis, foram um dia um grupo de indivíduos respeitáveis que conquistaram os crioulos do arroz, os crioulos do curry e os crioulos do deserto deixando no caminho pilhas de cadáveres, vilarejos incendiados e pessoas violadas. Quase conquistaram os crioulos das neves quando esses ainda eram ensebados miseráveis vivendo na Idade Média. Contudo, a morte do chefe crioulo da estepe Ogodai impediu os crioulos da estepe de terem acesso a todas as xoxotas rosadas de austríacas e alemãs. Contudo, para não sair de mãos abanando, os fodedores de cavalos aproveitaram a viagem de volta para casa para devastar e tornar vassalos búlgaros, croatas, sérvios e russos só de sacanagem. Outros asiáticos centrais como cazaques, uzbeques, afegãos, etc. também podem ser considerados crioulos da estepe, visto que 99% deles saíram do saco do comedor e estuprador Gengis Khan (um bom homem).
  • Crioulos do Deserto: São os semi-negros que vivem em volta do Mar Mediterrâneo. Metade adora Allah e a outra metade adora Gzuis. Os adoradores de Allah, também conhecidos como cabeças de toalha ou fodedores de bodes, vivem no Norte da África e Oriente Médio. Já os adoradores de Gzuis vivem no sul da Zoropa. Apesar disso, existem alguns adoradores de Gzuis no Oriente Médio e muitos, muitos, muitos adoradores de Allah no sul da Zoropa. Os crioulos do deserto são uma espécie estranha, visto que tem a pele amarelada, mas não são aznis, o cabelo duro, mas não são crioulos da savana, e alguns lembram os crioulos do gelo, mas não são brancos de verdade. Geralmente, os crioulos do deserto têm os cabelos e olhos pretos, mas também existem alguns desses sub-caucasianos com olhos e cabelos claros, tipo 1 ou 2 em cada 10. Os crioulos do deserto da parte sul do Mediterrâneo geralmente se engajam em atividades como terrorismo, auto-martírio com explosivos ou carros bomba, venda de escravos, estupros, fazer dezenas de filhos, sexo com camelos, sexo com bodes, sexo com cabritos, compra de armas de crioulos do gelo, allahu akbar, decapitações e outras traquinagens. Já os crioulos do deserto da parte norte do Mediterrâneo se envolvem em atividades como serem estuprados pelos adoradores de Allah, máfia, sexo com travestis, máfia, masturbação, sexo com homens, sexo consigo mesmo, sexo com mulheres desde que elas usem um consolo de borracha, sexo com o Super Mario, sexo com o Luigi, sexo com o Manuel, homossexualidade. Entre os crioulos do deserto, podemos encontrar a sub-espécie conhecida como Crioulo Banqueiro. Essa sub-espécie vive em guerra com os Crioulos de Allah e possui um esporte peculiar, que consiste em surrá-los. Essas criaturas baixas e peludas são conhecidas como os verdadeiros senhores dos Crioulos das Neves.
  • Crioulos do Mar: também conhecidos por Macacos do Mar ou Asiáticos Primitivos do Sudeste. Esses subsubsubsub-asiáticos são os primos com bolas dos Crioulos do Arroz. Quer dizer, estão para os aznis assim como os crioulos da tundra estão para os neandertais albinos. Ao contrário dos Chongchong do Leste, os crioulos do mar ainda não foram civilizados e por isso passam seus dias cagando nas próprias mãos e atirando bosta uns nos outros ou nos bravos turistas que visitam o poço de merda onde esses primatas vivem para fazer turismo sexual com as milhares de travestis que existem por lá. Sim, o turismo sexual com travestis é a principal fonte de renda de países como Vietnã, Tailândia, Filipinas e Camboja. Os principais clientes das adoráveis ladyboys desse fim de mundo são os crioulos do gelo da Zoropa e da Murica. Já os crioulos do deserto não precisam pegar avião para pegar uma mulher de peruzinho visto que são bem servidos pelas milhares de travestis brasileiras que vão fazer programa em Roma, Lisboa ou Madrid. Apesar da selvageria própria a esses neguinhos amarelos, eles foram capazes de inventar artes marciais fodidas de foda como o Muay Thai para poderem se matar com mais eficiência. Também é digno de nota o fato de que um bando de crioulos do mar fodidos, maltrapilhos e mortos de fome foram capazes de botar os neandertais albinos da França e dos Estados Unidos para correr.
  • Crioulos Misturados: Também conhecidos por Brasileiros, Bostileiros, Bagaceiros ou Sub-Crioulos do Deserto. Essas abominações de Deus foram um erro da natureza. Na verdade, essa praga foi criada por Gzuis como uma punição para o mundo pelo extermínio dos injus. Bem que os rednecks do Alabama tentaram avisar-nos com frases como "Deus não colocou as raças separadas pelo mundo à toa" ou "Fique com a sua raça!!". Mas os crioulos do deserto não escutaram, visto que é uma das características do crioulo do deserto de Portugal, esses sub-semitas, enfiar o Manuelzinho em qualquer coisa que ande, por mais nojento que seja. Dessa forma, como resultado dos estupros cometidos de Norte a Sul do Bananil pelos Manueis e Joaquins, hoje temos esse vírus chamado BrHue. Esse serumano híbrido é realmente peculiar. Alguns têm a pele rosada, nariz de preto, olho de índio e cabelo afro. Já outros têm a pele preta, nariz de índio, olhos claros, cara arredondada de asiático e cabelo escorrido cor de ferrugem. Basicamente o bostileiro foi criado quando Jeová estava brincando no modo editar do Winning Eleven depois de ter fumado crack. Contudo, de modo geral o crioulo híbrido é vendido nas cores amarelado-hepatite e marrom-cor-de-bosta.
  • Crioulos da Savana ou Crioulos Crioulos: Os primeiros crioulos a surgirem no mundo e que deram origem a todos os outros. Seu habitat natural são guetos na África do Sul, Brasil e Murica onde eles se dedicam a atividades como fumar crack, beber e se matarem de todas as formas possíveis (e depois quando a polícia aparece eles dão uma de Numfi "Num fiz nada não, seu puliça..."). Quando se dedicam a entreter o Crioulo das Neves e o Crioulo do Deserto jogando Negroball e Frufruball ou fazendo rap,funk,pagode ou reggaeton os Numfis conseguem se mudar para Beverly Hills ou Jardins. Foram escravizados, saqueados e esculachados por quase todas as outras espécies de crioulos (quer dizer, ainda são...). Alguns foram levados para a América pelos crioulos do deserto e pelos crioulos das neves para substituir os injus que tinham sido exterminados e colocados para realizar atividades lúdicas e recompensadoras como produção de açúcar, plantio de cana, tabaco e algodão, carregar baldes de merda, vender cocada na feira, prostituição, etc. Contudo, os mal-agradecidos crioulos da savana do Haiti em vez de reconhecer a bondade dos crioulos das neves e dos crioulos do deserto por tê-los tirado daquele continente de merda e os levado numa viagem de cruzeiro gratuita além de tê-los ensinado o valor do trabalho, resolveram que não queriam mais brincar. Começaram então um movimento que ficou conhecido como Giant Chimpout ou a grande revolta dos primatas. Napoleão no começo não se importou muito, pois pensou que era só estalar o chicote para que os crioulos da savana percebessem que era melhor voltar para a jaula senzala brincadeira. Mas ele não contava que esse chimp out[1], que se mostrou ser um chimpavassalador, seria muito maior do que os chimpouts que tinham acontecido antes e teve de se contentar em permitir que o Haiti, ou África Americana, se tornasse independente. Contudo, num supremo movimento de zoeira, ele impôs a condição de que os crioulos da savana deveriam pagar reparações pelos empregados gratuitos que tinham abandonado o trabalho sem justa causa e foi apoiado nisso pelos crioulos do gelo da Murica deixando, dessa forma, a Chimpolândia quebrada e falida. Todavia, essa foi a última vez em que o crioulo do gelo levou a melhor sobre o crioulo da savana, pois esse desenvolveu a técnica muito usada pelo Movimento Negro chamada de vitimismo, fazendo com que, pelo White Guilt, os crioulos das neves façam tudo o que os crioulos da savana quiserem. Como última observação, já citamos aqui que uma da especialidades dos crioulos da savana ao lado do Niggahball e da Corrida é o Chimpout. Sempre que você vir um arrastão, quebra-quebra, briga em boca de fumo de crack, rebelião na cadeia, etc. pode ter certeza de que o Chimpout se manifestou. Contudo devemos lembrar que mesmo outras raças são propensas a se entregar à irracionalidade do Chimpout, pois todas descendem dos crioulos da savana; mas nenhum Chimpout tem o grau de sofisticação do Chimpout do crioulo da savana visto que sua área cerebral dedicada ao controle emocional é subdesenvolvida.

Fatos[editar]

  • Eles falam;
  • Eles existem até hoje, e já dominaram o mundo;
  • Alguns tomam banho, outros não;
  • É o único animal que pensa que não é animal;
  • Existem humanos de várias espécies (ao todo já foram catalogadas em torno de 42, dentre elas o humano forquilha);
  • São os únicos que mijam na água que bebem.
  • Acham-se os seres mais inteligentes do universo mas matam, destroem, etc só para conseguir um pedacinho de papel com um número impresso (vulgarmente conhecido como cédulas de dinheiro, ou ainda, papel pintado) ou uma pedrinha colorida e bonitinha (diamantes, rubis, pérolas, etc).

Curiosidade[editar]

Certa vez, uma carta foi encontrada entre as galerias subterrâneas da Cidade de 25 de Março em São Paulo. Foi traduzida para o coreano e castellano. Depois de vendida (por um real a dúzia), também foi traduzida, com erros ortográficos, para o português brasileiro. Isso é recente e muitos acreditam que ela tenha sido escrita por extraterrestres, expressando suas opiniões sobre a raça humana, assim como, o Planeta Terra. Segue abaixo a carta na íntegra:


"Planeta Xuxa III

130.000.001ª anotação de bordo


Queridos compatriotas, o pior lugar para se viver é o Planeta Terra. Nela, as águas são sujas, os alimentos são intoxicados e os ares envenenados. Seus habitantes, os Homens, desfrutam de suas impurezas; mas não todos! Sempre uns mais, outros menos e muitos nada. O Homem enxerga apenas o próprio umbigo. É cego nato para enxergar as formas e as cores dos umbigos dos outros. As Mulheres dominam os Homens. Somente são vulneráveis ao espelho e a inveja. Desfilam com seus corpos seminus, pois sabem que apenas com isso podem dominar qualquer grande guerreiro. Os Homens acreditam que dominam as Mulheres. Por isso, eles são os habitantes do Planeta Terra, e as mulheres, coabitantes. Na nossa opinião, acreditamos que elas que preferem desta forma. Os habitantes e coabitantes do Planeta Terra, os humanos, possuem um deus. O nome dele é Dinheiro. Este é indiscutível. Porém, eles também possuem subdeuses; seus nomes podem ser: Edir Macedo, Jesus Cristo, Buda, Raul Seixas, ou mesmo, Deus. Estes sim são discutíveis a tal ponto de ninguém se entender. Discutem tanto que esquecem que moram no Planeta Terra e são humanos. Cada um sabe uma coisa diferente sobre esses subdeuses; porém, sobre o deus Dinheiro todos sabem a mesma coisa: 'É muito bom estar com ele!' (sic.). Os animais do Planeta Terra também possuem um deus: o humano. Da mesma forma que o deus Dinheiro trata os humanos, os humanos tratam os animais. Os animais pensam da mesma forma que os humanos: 'seja feita a Vossa vontade!' (sic).


Sem mais para o momento.
  1. https://www.youtube.com/watch?v=dG1jVurVxcY