Hyper Street Fighter II

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Virtualgame.jpg Hyper Street Fighter II é um jogo virtual (game).

Enquanto você lê, Joanna Dark mata o ET Elvis acidentalmente (ou não).

Hyper Street Fighter II for PolyStation 2
Street Fighter II para PolyStation 2.png

Capa do jogo

Informações
Desenvolvedor Capcom
Publicador Capcom
Ano 2003
Gênero Luta de rua
Plataformas PolyStation 2
Avaliação Indefinido
Idade para jogar Livre

Hyper Street Fighter II é um dos trocentos relançamentos de Street Fighter de Rodoviária, este título em específico relançado originalmente apenas para PolyStation 2 em 2003, mas depois adaptado nos anos seguintes também para relógio de microondas, marcapasso e Nokia 3310. Nada mais é que a Capcom mercenária sugando dinheiro dos fãs até o talo ao continuar relançando Street Fighter II indefinidamente. O jogo foi um sucesso porque o PolyStation 2 só tinha jogo feito no Paraguai, então este era considerado o primeiro jogo decente do console

Novidades[editar]

Na versão para PolyStation 2 era permitido o spam de Hadoukens.

A primeira e única mudança notável em relação a qualquer outro Street Fighter II foi a remoção do galego fortão da abertura e do negão que toma um cruzado na abertura da abertura do jogo, o que é um puta de um vacilo, afinal esses dois só aparecem na abertura e nunca foram personagens jogáveis e agora que foram removidos até da abertura não sobrou nada para eles. Apesar desse vacilo da Capcom muitos fãs parecem ter relevado tal mudança, apesar de drástica e maldosa demais. O motivo dessa remoção sumária se deve ao fato de que como o jogo foi lançado para um console paraguaio havia essa controvérsia sobre a abertura ser racista e ofensiva demais para as pessoas da América Latina, por isso na nova abertura temos apenas o Ryu dançando salsa, um ritmo latino.

Na jogabilidade nada mudou, apenas é possível selecionar a velocidade dos personagens nos combates havendo portanto 50 variações para cada personagem relativo a cada um dos 50 relançamentos de Street Fighter II, podendo assim se jogar no ultra-lento referente ao Street Fighter II de Rodoviária, até a velocidade Créu 5 presente no Super Street Fighter II Turbo Revival.

Porra, é isso, os malditos não se deram ao trabalho de fazer mais nada, não passa de um Street Fighter II Turbo para PolyStation 2.