Içara

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Photo1630.jpg

Içara é a capital do mel, do fumo (“nóis fumo” também é uma expressão bem utilizada) e do motel.

A cidade se originou em Urussanga Velha, antiga capital do Reino de Laguna, se desenvolveu principalmente após a construção de uma linha de trem que atualmente corta o centro do município. Nas madrugadas, porém, o maior movimento agora é na SC-444, mais conhecida como rodovia do amor. O nome de Içara é oriundo do palmito Juçara, Jissara ou Içaroba (ou paumitinho içaroba, como chamam os mais íntimos).

Baladas

A Casa do Rock é o point popular da juventude de todas as cidades vizinhas, embora muitos não admitirem que a frequenta, não perdem uma sexta e um domingo. Antes de entrar neste point, é necessário passar na frente do local com seu carro bem devagar, pois todas as mulheres que estão lá, observam atentamente os cabras, digo, o carro dos cabras; se houver aprovação, é so entrar e correr pro abraço. Conhecida por seus dois ambientes, a sacada onde estão apenas a alta sociedade playboys, e as interesseiras meninas pobres que querem achar um playboy trouxa para engravidar e fazer com que ele pague uma pensão bem gorda, além do 1,99 onde não tem puta pobre, viado sem cigarro e garçon de cara feia.

Chamego, local de entretenimento para as pessoas do mais alto garbo e requinte, com garotas top models e strippers provocantes. Correm boatos que foi no Chamego onde olheiros descobriram grande parte das panicats e madrinhas de escolas de samba. Recentemente provocou comoção em toda a América Latina, após um incêndio que danificou parte da estrutura, causando, além de tristeza geral dos frequentadores, um prejuízo de bilhões de dólares, sendo reconstruído com doações cedidas por diferentes governos do continente Sul Americano, preocupados com a possível perda desse patrimônio histórico destinado ao coito. Muitos o consideram a oitava maravilha do mundo.

Stucchi, antigo Taz Maluko, famoso por sua quartaneja, onde criciumenses vindos do rio maina se acham no El Divino. Frenquentado também pelas maiores compradoras de H²O²(água oxigenada) que adoram serem fotografadas pelo Anão Javeh, também conhecido como ladrão de site. Dueto, um lugar onde você deixa seu rim logo na entrada e apenas ganha um copo d'água.

Kozumel, um pavilhão em que funcionava uma loja de pneus, hoje cheio de tabua de caixaria pintada de marrom. Famosa por suas festas de no maximo 30 pessoas em plena sexta feira.

Manga Rosa, Parte superior de outro pavilhão, em que a pirralhada leva 5 minutos para subir as escadas.

Engenhos Club, também conhecido como trincheira, só tem homem e canhão de 60 anos de uso. Famoso pelo show do WW - Wladimir e Wanderlei, com seus solos alucinantes de teclado casio.

Belezas naturais

A cidade mais doce do Brasil tinha sete lagoas… uma já sumiu com o aterro de esgotos.

Além disso, tem na orla marítima três praias. Todas são redutos de outras cidades, menos dos próprios içarenses. De Criciúma, chegam os bombadões e as gostosas que embelezam a horrível extensão de areia. Do município vizinho, também chegam os picaretas, ladrões e bandidos que ocupam o calçadão principal do Balneário Rincão, balneário que possui o mar mais limpo do mundo. Além de um mar esplendorosamente limpo, o Rincão Beach (como é conhecido internacionalmente), possui um centro vasto, repleto de lojas com preços extratosféricamente altos e produtos importados diretamente do mercado negro. Além de uma população 58% de malacos, 35% de travestis e os outros 7% de emos bipolares, tem o público canino, que pela estimativa, em dois anos irá superar o número de pessoas residentes do local.

Foto de Rincão

É conhecida em todo o país por sua capacidade incrível de sair em noticiários - de polícia. E a cidade possui algumas peculiaridades. Uma verdadeira cidade cosmopolita, congregando aspectos de várias cidades do mundo. Veja:

  • Içara é a única cidade do Brasil em que mortos tem pleno direito constitucional de votar (Aspecto Transilvânia).
  • A disputa entre agricultores e mineradores eventualmente transforma a cidade num campo de guerra (Aspecto Bagdá).
  • Aliás, os buracos das toupeiras criciúmenses ( toupeirasi criciumensis bocósis) usados pra mineração, dão ainda o Aspecto Lunar.

Língua

Na condição de cidade cosmopolita, concorrente direta com Londres e Nova Iorque, Içara é dotada dos mais variados traços culturais, que se manifestam na linguagem. Por isso, é reconhecida internacionalmente como a cidade em que mais podem ser encontradas pessoas mudas. Aprofundados estudos tem sugerido que isso ocorra devido ao processo migratório da fauna, já que galinhas e veados que nunca aprenderam a falar o português, vão para outros países, não aprendem a nova língua e esquecem a antiga.

Indústria

Slogan de Içara

O mel faz parte do passado da cidade… Hoje, a maior parte do sustento de Içara vem da indústria de multas.

Num passado não tão distante, quando os radares foram banidos da SC-444, Içara estava à beira da falência. Porém, a implantação de lombadas eletrônicas, radares em semáforos e as blitze 24 horas por dia no verão, multando cidadãos das cidades vizinhas, reergueram está belíssima cidade. Em Içara existe uma lombada eletronica a cada 2 metros.

Graças a essa indústria, hoje Içara tem estradas que são verdadeiros tapetes. O balneário não é exceção: logo na entrada deste, exibe ao visitante uma excepcional avenida de pista dupla, calçada com as lajotas mais modernas da década de 70. Devido a inúmeros pedidos e protestos, o slogan da cidade agora é “Visite Içara e ganhe uma multa”.

Um novo meio para a industria de Içara são os pontos de prostituição próximos às polícias rodoviárias (onde há maior quantidade de dinheiro de todo o município), que recebem um lindo disfarce chamado de “Whiskeria”