Império Mogol

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa


●Muġalīh Sulṭanat
●Solṭanat Moġuli Hend
●Império Mogol

Bandeira do Império Mogol (1526–1764).png
Bandeira
India map.png
Mapa da época
Capital Agra - Fatehpur Sikri - Deli
Língua persa; urdu
Tipo de Governo Monarquia feudal
Sultão Pica das Galáxias Babur à Aurangzeb
Moeda Ruppes
População 1 zilhão de indianos



Império Mogol foi um império tão mongol, mas tão mongol, que até faltava o "n" em seu nome. É caracterizado pelo intenso avanço tecnológico que surgiu na Índia antiga, especialmente nos quesitos de fabricação de turbantes e políticos, por ter criado a maior democracia monárquica sultanata da história do mundo tratando-se de uma miscelânea asiática composta de terra, pântano, incensos, neblina, tempero e muitos elefantes de três trombas.

Este império compôs mais de 80% da população mundial de sua época, sendo que quase todos se diziam reencarnação de Hare Krishna. O motivo de todos indianos terem uma leve cara de chinês é resultado desta época, quando os mogóis importaram chineses para trabalharem como vendedores de pastéis.

Formação[editar]

Olifontes de guerra mogóis protegendo os portões da capital Agra.

A alma penada de Tamerlão um dia vagava pelo rio Ganges, triste após sua derrota e morte na Batalha das Três Gargantas Profundas, quando a Santa Silvia deteu os 4 grandes khans bem dotados numa mesma cena. Tamerlão, como um vilão renegado da DC Comics dos anos 80, começou a assombrar alguns indianos, até que encontrou a oportunidade de Incorporar-se em Babur, com quem criou um vasto império cheio de pimentas e deu continuidade a seus planos de dominação mundial.

Auge[editar]

Foi durante o domínio mogol que maravilhas da Índia foram criadas afim de esbanjar o dinheiro que a população inteira renegava - que nessa época fez voto de pobreza eterno por todas suas próximas gerações - Assim os governantes puderam construir Taj Mahal, Bollywood, plantações de pimenta e berinjelas, equipes de Formula 1 e a suntuosa indústria de cervejas Brama.

Declínio[editar]

Com a chegada do colonialismo, o sultão mogol perdeu função. Vários homens brancos que se alimentam de vaca vieram carregados de armas até os dentes, dotados com um sistema bancário central que invariavelmente os fazia sempre mais ricos que os mogóis, mesmo que os mogóis tivessem muito mais produtos e variedade de território. Com seus planos diabólicos, telégrafo, estradas e ferrovias, culminou o fim do Império Mogol e início do Raj Britânico.