Insensato Coração

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

A Dona do PedaçoO Sétimo GuardiãoSegundo SolO Outro Lado do ParaísoA Força do QuererA Lei do AmorVelho ChicoA Regra do JogoBabilôniaImpérioEm FamíliaAmor à VidaSalve JorgeAvenida BrasilFina EstampaInsensato CoraçãoPassioneViver a VidaCaminho das ÍndiasA FavoritaDuas CarasParaíso TropicalPáginas da VidaBelíssimaAméricaSenhora do DestinoMulheres ApaixonadasEsperançaO CloneLaços de FamíliaPor AmorA IndomadaO Rei do GadoO Fim do MundoExplode CoraçãoA Próxima VítimaFera FeridaRenascerDe Corpo e AlmaDancin' Days (1978)

Ptbosta.gif Este artigo tá uma bostinha.
Ele está pequeno, chato e sem graça. Será que teria alguma alma caridosa capaz de fazer uma boa ação, tipo a de editar e colocar coisas engraçadas, de forma que ele fique mais engraçado e menos idiota? Só tome cuidado porque o Moderador Malvado está de olho em VOCÊ!
O logo desta porcaria.

Cquote1.png Você quis dizer: Insensato Barracão Cquote2.png
Google sobre Insensato Coração
Cquote1.png Você quis dizer: O Léo não tem coração Cquote2.png
Google sobre Insensato Coração
Cquote1.png Experimente também: Quem assiste é viadão! Cquote2.png
Sugestão do Google para Insensato Coração
Cquote1.png Esse André é bom, mas eu sou bem melhor! Cquote2.png
Chuck Norris sobre André
Cquote1.png Porra, o Léo quer tomar meu lugar Cquote2.png
Fred, de Passione, sobre ter perdido seu posto de vilão
Cquote1.png Ele nunca ganhará de mim, seu canalha! Cquote2.png
Clara, de Passione, sobre frase acima
Cquote1.png Adorei ter mais uma noite com essa gata Cquote2.png
Alexandre Frota, sobre Bibi
Cquote1.png A próxima é comigo, gatão! Cquote2.png
Copélia, sobre frase acima
Cquote1.png E o que vai ser? Cquote2.png
Alexandre Frota sobre frase acima
Cquote1.png Prefiro não comentar! Cquote2.png
Copélia, sobre frase acima
Cquote1.png Ai que saco, eu num mereço tanta besteira, prefiro ver CSI! Cquote2.png
Telespectador agoniado quando vê cenas chatas em Insensato Coração e quer trocar de canal

NewBouncywikilogo.gif
Para os neo-ateus que preferem acreditar em mentiras, os supostos experts da Wikipédia têm um artigo sobre: Insensato Coração.

Insensato Coração é uma novela das 8, 9, 10,..... vixe, mah perdi foi a conta, que veio a substituir a italianada de Passione e foi substituída por Fina Estampa, e tinha de tudo pra dar certo no começo. Pois é... tinha! Agora, a história tá ficando muito chata fadigante.

Uma história sem pé nem cabeça surpreendente[editar]

Uma família de Floripa, bem de vida, formada pelo casal Raul e Wanda, tem dois filhos. Um é trambiqueiro (Léo) e faz de tudo pra ter dinheiro, inclusive quebrar os negócios da família e até matar se for preciso. O outro é o bocó bom-moço da história (Pedro), que é piloto profissional e conhece seu grande amor, Marina, em um resgate de um sequestro dentro de um avião (só em novela mesmo). Coincidência, ou não, ela também é de família rica, melhor (quatrilionária), neta de uma empresária de sucesso chamada Vitória, e prima de Bibi, uma perua dama, que já deu em cima até do Alexandre Frota e do Big Macky (ela já deu... em cima, povo maldoso... do Raul Pitbull, mas achou o jeito dele muito esquisito). Voltando a novela, ela tem um affair, um homem das cavernas, conhecido como Douglas, um carioca, que possui como irmã Natalie L'Amour, uma ex-participante do BBB Volúpia na Montanha, e adora se mostrar nas festas de gente podre de rica. Não é pra menos, afinal ela namora o mau-caráter e também empresário (que novela mais clichê, hein?) Raul Cortez. Este é pai de Rafael, um romântico à moda antiga que namora Cecília (a filha dos também bens de vida Júlio e da insuportável Eunice), e Paula, uma moça gata, mas que esculacha com tudo e com todos, e tem um namorado possivelmente bissexual chamado Eduardo (já reparou em como ele olha pros homens, aiaiaiuiui, como diria o Sílvio Santos?). Como em toda santa novela da Rede Globo, o núcleo se transferiu da puta que pariu pro Rio de Janeiro, pois sabemos que a Globo não quer saber de criar um estúdio fora do Rio (por isso estão tão acostumados com o Projac, coisa de gente acomodada). Então... no Rio, Marina trabalha em uma repartição e tem Carol, que trabalha na mesma repartição, como grande amiga. Carol é uma pobre e ingênua moça, que veio do interior e acha que tudo no mundo é lindo, até conhecer melhor a André, um de seus amigos de infância, que a leva pra perdição cama. Ele é um gala-seca conquistador barato, que não se importa com os sentimentos femininos, quanto mais comer, melhor (por isso, Chuck Norris o tem como irmão), André é tão fodão bom, para engalobar conquistar as periguetes mocinhas que comeria sua irmã! Léo, o mau-caráter, tentou dar um golpe em uma enfermeira técnica, Norma, tentando faturar uma bolada de um paciente dela, e ela era 10 em tudo na sua personalidade... de visual 10trambelhado, 10cabelado, 10organizado, 10estimulante... nossa, quantas qualidades ela tinha. Depois de ter ido à prisão e conhecido os Racionais MCs, ela viveu o diário de uma detenta, e conheceu uma amiga que fala pelos cotovelos, Jandira, que a ajudou. A partir de então, mudou de visual, ficou tão sexy quanto a Britney Spears, e se tornou maquiavélica, e faz de tudo pra tentar desmascarar Léo, usando das mesmas vagabundagens armas que ele.

O Grande Final Alice deu pro William assim como a Daisy pro Beto (matou a vontade), e eles ficaram amigos (ooh...)
André fodão descobriu que ia perder uma das bolas e achou que ia ficar impotente por conta disso. Mas não, ele botou uma bola de plástico no lugar e voltou a comer mulheres (menos a Carol, que resolveu ficar com o Raul papai babão para dar para ele diariamente), e teve um segundo filho e o Raul teve mais um filho ao mesmo tempo que era avô.
O André comeu a Leila mas eles não furunfaram diariamente porquê ele furunfou com a Leandra Leal e a Leila com o Thiago Rodrigues, que estava vesgo. O Léo sequestrou a Marina em troca de sei lá quantos milhões de euros (mais clichês...), só que o Pedro espancou ele e a Marina deu para ele depois disso e ficou grávida, vindo a ter o filho no meio do casamento da Carol.
Norma foi assassinada brutalmente, covardemente, horrivelmente, friamente (tá, chega) por Wanda, que queria salvar seu filho e já estava pirando na batatinha. Mas ela não foi presa porque estava doidinha (é, mas a Jandira foi) e foi internada. Natalie virou deputada federal, a mais votada do Brasil (acho que eles se inspiraram no Tiririca)... bom, e deu para todos os deputados de Brasília.
Eunice foi descoberta e ela saiu como a segunda puta da Liga da Putaria Carioca, vindo atrás apenas de Natalie, e perdeu o cargo na Liga da Família Carioca, e se separou de Júlio corno manso durante toda a novela (que a expulsou de casa para comer a bela mulata que trabalhava com ele), e acabou terminando servindo chá para a própria filha.
Todos os pobres da novela (tirando o Serginho, que tava lá de penetra) se lambuzaram com uma feijoada da Fabíola (mas peraí, ela não fazia bolinhos de bacalhau?) e terminaram felizes para sempre.
Bom, Paula começou a vender marmitas na praça e uma velhinha mal-educada jogou um macarrão com feijão na Paula (que desperdício!)
O Kléber descobriu que era pai do Eduardo e acabou aceitando o filho... no final, ele até tava conversando com o Hugo sobre como dar direito para o Eduardo.
Bom, Cortez foi preso, Vinicius também, Ismael também. Jandira levou um recado para Cortez na prisão a mando de Norma, pois ela foi se consultar com um médium e recebeu um recado de Norma... bom, ela contou que foi Léo quem mandou o vídeo dele agindo normalmente como um bom político para Kléber, então Cortez subornou a cadeia inteira para atirar Léo lá de cima e então ele bateu a cabeça e foi se encontrar com Norma lá no purgatório. Mas ele foi barrado e mandado para o inferno.
E, para variar, os casaizinhos finais: Carol e Raul, Alice e William, Daisy e Beto, o novo Kléber chamado Garnizé, a nova Sueli chamada Sula, Eduardo e Hugo, com direito a casamento no cartório, Júlio e a bela mulata, Serginho e Olívia, Cortez e o carcereiro, Vinicius (que assumiu sua homossexualidade encubada) e Ismael, Gabino e Fabíola, e o sem dúvida, mais chato da novela, e que apenas hipertensos e diabéticos gostam: Marina e Pedro otário da novela, com uma patricinha filha.

Personagens[editar]

  • Léo- Mau-caráter, só consegue comer mulher pagando elas, tirando a Norma, que é feia para caralho. Será obrigado a participar de um reality show dentro de um quartinho onde é vigiado e comido por Norma. Para se dar bem, passará a comer ela diariamente, causando sono nos telespectadores.
  • Norma- Ex-enfermeira burra, seguidora do estilo Betty, A Feia no início da novela, agora ricaça milionária por prometer a Teodoro que deixaria ele comê-la. Também matou a sapatão presidiária Araci Laranjeira com um travesseiro (que clichê!). Fica revoltada com Léo, que a enganou e nunca mais quis saber de comer ela. Agora, pra se vingar, passará por cima de todos e obrigará Léo a comê-la ininterruptamente, parecendo uma novela pornô em repetitivas cenas de tchaca-tchaca na butchaca, antes disso fará Léo comer o pão que o diabo defecou.
  • Pedro- Mocinho (viado) chute nos ovos bondoso e chato, só que ser o gostosão da Justiça que tem tendência a ficar paraplégico, pois já ficou em uma novela das 6 (Como uma Onda). No fundo sente inveja de Léo e vice-versa.
  • Marina- recomendada para diabéticos e hipertensos pois é sem sal nem açúcar. Mocinha chata e insuportável, o que faz todos torcerem por Norma. Só veio para substituir a Ana Paula Arósio, que entrou em depressão.
  • Raul- Pai do Léo e Pedro, é um velho gordo que só serve pra ficar amarrado nos ovos de Pedro e Léo falando da vida deles, e já comeu Vanda e Carol.
  • Vanda- velha Metida a perua que deu pro irmão do Raul e ele acabou com ela, e tb roubou uma prima de quinquagésimo grau.
  • Carol- mulher independente, vive dando pra André e pro velho babão do Antônio Fagundes. Acabou tendo um filho do negão de Ó Paí, Ó.
  • André- um dos poucos negões da novela, come todo mundo e dispensa no dia seguinte. Mulherengo irmão do Chuck Norris, comeu boa parte do elenco e dos figurantes.
  • Eunice- megera ordinária; se acha as pregas e só que ser o que não pode. É esposa de Júlio, que não sabe comer ela e ela vive lhe botando chifres.
  • Horácio Cortez- Banqueiro mau-caráter e mulherengo, é meio-lobisomem e só quer saber de comer Natalie, por isso matou a baranga Clarice, sua mulher original, que mais parecia a Ana Carolina. "É isso aíiiii"!
  • Natalie L'Amour- puta ordinária e rapariga. Gostosa, ex-participante de um reality show (Big Bosta Brasil). Lá ela deu pro Pedro Bilau, agora quer ficar rica e participar da Fazenda, mas acaba protagonizando cenas de sexo com Cortez pra se dar bem.
  • Kléber- Jornalista homofóbico que é gay encubado e se faz de machão.
  • Daisy- Ex-mulher do Kléber, quer dar pro seu chefe Beto. mas fica sempre na seca braba.
  • Bibi- Assim como o André, deu para metade do elenco e dos figurantes da novela.
  • Douglas- Irmão burro da Natalie q fala: "Pô, Bibi!" e gosta de ler dicionário.
  • Beto- Chefe da Daisy q prefere dizer q é casado do q comer a Alice em paz.
  • Milton- velho bundão metido a cu doce, é Pai idiota da Bibi, comeu a Fabíola e aí morreu atropelado por um busão.
  • Gabino- bananão Dono do bar, que só dá lucro por causa do bacalhau de Fabíola! É pão-duro e peida no fogo pra não comprar um abano. Não sabe passar perfume e tem mania de limpeza, sonha em dar uma trepadinha com a Fabíola, pois até um velho com idade para ser seu pai comeu ela.
  • Leila- beiçuda com olhos de lâmpada de 60 watts, parece um ET e é Filha da Eunice, q achou maravilhoso ter orgasmo e gostou do André. GOSTA DE MEXER COM MODA, O QUE É UMA BOSTA!
  • Cecília- Filha boazinha da Eunice q deu pro Rafa e pro Vinicius, mas o Vinicius enganou ela e agora ela engravidou dele, para foder com a vida dela.
  • Vinicius- "Prayboy" boçal de quinta metido a besta e q comeu a Alice sem camisinha no começo da novela. Bate em gay, comeu a Cecília, faz racha, esconde cerveja no armário do irmão, e ainda vai ser pai ou seja é multiuso e ele não gosta de viado porque já viu a rolha de um.
  • Oscar- Cara chato e bobo q só serve para ser pai do Vinicius e fazer sorrisinhos amarelos igual no tempo que participava do Caminhão do Faustão, ou do progama puxa-saco da Globo intitulado "Vídeo Show".
  • Gilda- Peruona que é mulher gostosa do Oscar, nem fede nem cheira.
  • Tia Neném- É uma velha seca de macho, e por isso desconta na cachaça. A tia fofoqueira de Antônio Fagundes, sendo que só é alguns anos mais velha que ele, embora aparente ser vó dele. E que só quer o bem da família.
  • Zuleica- Bete Mendes como sempre se supera no papel de velha abestada que só serve pra encher linguiça. Devido a assistir a novela, ficou lerda e sem forças pra dar umas boas palmadas na filha megera, Eunice.
  • Jonas- O irmão idiota da Sueli q morreu com um corte no pé, e foi parar em Cordel Encantado com um olho a menos. (WTF?)
  • Sueli- velhona que é dona de quiosque gay, protege os gays e logo descobre que seu filho é viado. Fica em dúvida se no passado foi comida por Kléber.
  • Luciana- A noiva do Pedro que morreu num acidente de avião. Já foi tarde, pois era sem sal é uma tremenda picolé de chuchu.
  • Júlio- O marido bundão de Eunice, leva mais chifre que capa de toureiro, pois não saber fazer gostoso com a megera.
  • Ismael- malandro idiota que roubou Teodoro, é um idiota que agora ajuda a Norma e come a Eunice achando q ela é rica.
  • Wagner- O advogado do Cortez q come a Natalie nas horas vagas e no final vai acabar ficando com ela, pois ñ vai sobrar opção.
  • Henrique- gigolô da Bibi, lambe-ovo do Cortez q tentou roubar ele mas se fodeu.
  • Irene- A prima gostosa do Pedro q nunca deu para ele, engravidou se masturbando com a camisinha usada dele e morreu atropelada pelo Léo.
  • Teodoro- velho babão e comilão, virou o Marido da Norma que morreu de pneumonia, sem nunca ter comido a ex-enfermeira.
  • Jandira- baranga pobre que Ajuda a Norma e é piradona, e almeja ser comida por Ismael.
  • Vitória- perua velha e otária, é uma múmia rica e a avó da Marina que dá pro Oscar nas horas vagas.
  • Ai, dei!- Mãe da Natalie e do Douglas q só sabe limpar privadas e nas horas vagas é feiticeira no Castelo Rá-Tim-Bum.
  • Quim- bocó bunda-mole que só serve pra levar chibata no meio da cara de Rafa e Vinícius. Amigo-da-onça do Rafa e amigo do Vinicius que filmou a Cecília furunfando com Rafa e pôs no Redtube.
  • Gayduardo- Filho da Sueli q não sabe se é gay ou bi, mas resolve sair do armário e dar direito pro professor de advocacia Hugo.
  • Roni- bicha afetada e caricata, é um viadinho amigo e promoter da Natalie e adora chamar o Douglas de Dãglas.
  • Alice- Irmã gostosa da Carol que passou na mão do Vinicius e do Beto até chegar no William.
  • William- Trabalha com a Marina e quer comer a Alice, além de encher linguiça.
  • Paula- Filha do Cortez que deu prum gay sem saber. É uma megera pé no saco - na verdade seu problema é falta de macho!
  • Serginho- Filhinho da mamãe com cara de cachorro que vê frango de padaria, que pega a Olívia (ele ainda ñ comeu ela).
  • Olívia- nerd adolescente gostosinha e putinha filha do Kréber e da Daisy e que pega o Serginho (Ainda ñ deu para ele, mas o irmão dele ela já experimentou).
  • Hugo- Professor gay q gosta do Eduardo para poder dar "direito" nas horas vagas pra ele.
  • Chicão- Amigo gay da Sueli, é um viado de baixa renda que trabalha como garçom(nete?) e por ser pobre vive sendo espancado por homofóbicos.
  • Araci Laranjeira- Sapatão Presidiária, discípula de Tonhão da TV Pirata que foi morta com um travesseiro por Norma.

Trilha Sonora[editar]

  • É constituída de quatro CDs; pela ordem, nacional, samba, internacional vol. 1 e internacional vol. 2, lançados entre fevereiro e abril de 2011 nas lojas, além ainda de um álbum com sessenta composições instrumentais de Roger Henri, lançado apenas pelo iTunes;
  • A trilha sonora nacional traz 18 composições, conjugando os grandes intérpretes da MPB com novos talentos da época, indo de Caetano Veloso, Maria Bethânia e Chico Buarque (com Miúcha e Tom Jobim) até Zeca Baleiro e Verônica Sabino, incluindo "Que País É Este?" com a Legião Urbana, de seu álbum homônimo, lançado em 1987. A capa traz Paolla Oliveira, como a protagonista Marina;
  • O segundo CD, Samba, traz Camila Pitanga como Carol, e dezesseis sambas, conjugando os bambas com novos nomes do gênero, como Zeca Pagodinho, Arlindo Cruz e Martinho da Vila;
  • A trilha sonora internacional foi dividida em dois volumes, o primeiro com um repertório mais adulto contemporâneo, e o segundo com músicas mais modernas. No primeiro CD, Eriberto Leão (como Pedro) e 12 faixas, incluindo Frejat, Elvis Presley com uma nova versão de sua clássica "Suspicious Minds", do filme Viva Elvis, lançado em 2010, Jorge Drexler, entre outros;
  • O sucesso de vendas da segunda trilha internacional (com Lázaro Ramos como André) foi puxado principalmente por três canções: Firework (Katy Perry, de seu álbum Teenage Dream, de 2010), I Don't Know What to Do (Tiko's Groove em uma parceria próspera com o russo Gosha) e Talking to the Moon, do álbum de estreia de Bruno Mars, "Doo-Wops & Hooligans", de 2010. Este álbum foi lançado em 16 de abril de 2011, curiosamente antes do volume 1 (agora não me pergunte por quê) juntamente com Malhação internacional 2011;
  • Teve também uma trilha instrumental, com 61 composições de Roger Henri.

Nacional[editar]

  1. Coração em Desalinho - Maria Rita (abertura)
  2. Sem Poupar Coração - Nana Caymmi
  3. Ela é Minha Cara - Mart'nália
  4. Love - Simone
  5. Só Louco - Dori Caymmi
  6. Pra Que Discutir com Madame - Diogo Nogueira
  7. Ela Vai Pro Mar - Luiz Melodia
  8. Trocando em Miúdos - Maria Bethânia
  9. A Tonga da Milonga do Kabuletê - Tom Jobim, Vinícius de Moraes e Monsueto (quem?)
  10. 20 Anos Blues - Elis Regina
  11. Turma do Funil (No Baixo Leblon) - Tom Jobim, Chico Buarque e Miúcha (tema da Tia Neném)
  12. Domingo Azul no Mar - Oscar Castro Neves & Leila Pinheiro
  13. Verdade da Vida - Ney Matogrosso
  14. Homem com H - Zeca Baleiro
  15. Super-Homem (A Canção) - Caetano Veloso
  16. Eu Preciso de Você - Verônica Sabino
  17. Que País é Esse? - Legião Urbana
  18. Magia - Roger Henri

Samba[editar]

  1. Poxa - Zeca Pagodinho
  2. Não Dá - Arlindo Cruz
  3. Quer Saber da Minha Vida, Vai na Macumba - Dudu Nobre
  4. A Semente - Marcelo D2
  5. Não Quero Mais Saber de Nada - Leandro Sapucahy
  6. Beijo Sem - Marisa Monte e Pedro Baby
  7. É Ela - Grupo Revelação
  8. Panos e Planos - Moyseis Marques
  9. O Samba - Magali (não, não é a personagem dos quadrinhos)
  10. A Voz do Morro - Marcos Sacramento
  11. O Que Será de Mim? - Pedro Paulo Malta e Alfredo Del-Penho
  12. Tristeza - Soraya Ravenle
  13. Mulheres - Martinho da Vila
  14. No Pagode do Vavá - Paulinho da Viola
  15. O Sol Nascerá (A Sorrir) - Grupo Zoasamba
  16. Sonho Meu - Clara Redig

Internacional vol. 1[editar]

  1. Satisfaction (I Can't Get No) - Frejat (e ficou tão fodona quanto a dos Stones)
  2. Pack Up - Eliza Doolittle
  3. Grace Baby - Paris Wells
  4. Suspicious Minds (Viva Elvis) - Elvis Presley
  5. Eco - Jorge Drexler
  6. Comment te Dire Adieu - Emiliah
  7. Amor - Ben E. King
  8. You're My Everything - Sarah Vaughan, Harold Money & His Orchestra
  9. 'S Wondeful - João Gilberto
  10. 'Round Midnight - Alexandre Elias e Alessandra Maestrini
  11. Senza Fine - Ornella Vanoni
  12. Mon Manège A Moi (Tu Me Fais Tourner La Tête) - Bibi Ferreira

Internacional vol. 2[editar]

  1. Firework - Katy Perry
  2. All the Lovers - Kylie Minogue
  3. I Don't Know What to Do - Tiko's Groove feat. Gosha (sucesso do caralho em 2011!)
  4. How Soon is Now - David Guetta feat. Steve Angello, Sebastian Ingrosso & Julie McKnight (uau! O cara é foda, ele pode.)
  5. Calling Out Your Name - James Blunt
  6. When You Got a Good Thing - Lady Antebellum (os mesmos que cantam "I Just Wanna Need you Now...")
  7. Talking to the Moon - Bruno Mars (outra música foda de 2011)
  8. I'll Help You Stay - John Kip
  9. Bring me the Dawn - Carlo Dall'anese feat. Fábio Castro (do hit Monday, de 2008, lembrou?)
  10. Live It Up - Ali Pierre
  11. Let You Go - Double You (essa é da época mesmo, não se engane)
  12. The Best of It - John Nathaniel
  13. C'Est La Vie Street - Lowrider (não é francesa. Apenas a trilha anterior tem músicas em várias línguas)
  14. Convince Me - Val Emmich

Instrumental[editar]

  1. Magia
  2. A Troca
  3. Acordo
  4. Aparece
  5. Armação Sensual
  6. Beiral
  7. Busca Noturna
  8. Captura
  9. Cercar
  10. Penumbra
  11. Dinamismo
  12. Encontro
  13. Engano
  14. Espionar
  15. Esquecimento
  16. Farejando
  17. Fim de Noite
  18. Flagra
  19. Golpes
  20. Não é Tarde
  21. Nova Emboscada
  22. O Helicóptero
  23. O Plano
  24. O Prazo
  25. Orla
  26. Paraíso Fuga
  27. Pegadas
  28. Plano da Lancha
  29. Salvamento
  30. Segredo
  31. Sempre Escondido
  32. Sigilo
  33. Totalmente
  34. Último Adeus
  35. A Busca
  36. A Fronteira
  37. Cidade
  38. Depois do Sol
  39. Em Copa
  40. Entristecendo
  41. Escapada
  42. Esquecimento
  43. Invasão
  44. Lembrança
  45. O Ataque
  46. O Nascimento
  47. Pesadelo
  48. Premiação
  49. Primeira Angústia
  50. Quando Sonhei
  51. Sedução
  52. Sombra
  53. Tema de Norma
  54. The Best
  55. Velado (velado mesmo, não "veado")
  56. Veloz
  57. Voltando
  58. Presságio
  59. A Primeira Vez
  60. É Cedo
  61. Saudade

Abertura[editar]

Composição: Monarco/Ratinho
Numa estrada dessa vida
Eu te conheci, oh, Flor!
Vinhas tão desiludida
Malsucedida
Por um falso amor

Dei afeto e carinho
Como retribuição
Procuraste um outro ninho
Em desalinho
Ficou o meu coração
Meu peito agora é só paixão
Meu peito agora é só paixão

Tamanha desilusão
Me deste, oh, Flor!
Me enganei redondamente
Pensando em te fazer o bem
Eu me apaixonei
Foi meu mal

Agora
Uma enorme paixão me devora
Alegria partiu, foi embora
Não sei viver sem teu amor
Sozinho curto a minha dor