Irkutsk (óblast)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Irkutsk (em russo, Иpkийyтублики), o lar arquitetônico russo.

História[editar]

Uma casa Irkutskiana.

Irkutsk, um deserto branco até a chegada do grande unificador Ivan, o Terrível, a região teve seu modo de vida revolucionado, quando o Império Russo contratou o jovem Oscar Niemeyer para revolucionar a arquitetura russa que estava muito sem graça naquela base de iglus.

Oscar Niemeyer desenhou umas capelas doidas jamais vistas de construção inviável, porém como os operários russos encaram qualquer parada, começaram a construir os castelinhos projetados. Niemeyer contratou depois alguns baianos (se felicidade era o que Ivan queria) que trataram de deixar tudo colorido e vibrante.

Os russos ficaram maravilhados com aqueles castelinhos divertidos e patentearam a construção. Desde então Irkutsk é patrimônio mundial da UNESCO como único local onde russos se divertem ou se descontraem em toda extensão do território.

Etnia[editar]

Um casarão de Irkutsk.

Formada por arquitetos sem imaginação e pedreiros em geral, a população de Irkutsk é como uma mistura de buriacos com cacássios, ou seja, uma etnia mais desconhecida ainda.

Geografia[editar]

Localizado no sopé da Sibéria, Irkutsk tinha tudo para seguir caminho de seu grande irmão sem graça Sakha, mas como o governo Irkutskiano contruiu castelos divertidos, vários parques de diversões e é natal o ano todo, em Irkutsk o branco é pintado.