Iroqueses

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Iroqueses eram os índios que viviam nos Grandes Lagos caçando bisões e fumando seu cachimbo até que um dia sofreram uma grave invasão alienígena e foram exterminados completamente.

História[editar]

Sim, essa iroquesa parece bonitinha, mas na realidade ela quer apenas sua carne para oferecer num sacrifício para seu deus Cthulhu, e depois beber seu sangue.

Os antigos iroqueses deixaram poucoas pistas sobre sua cultura primitiva, além de relatos orais de veracidade duvidosa que incluem espíritos de lobos e possessões demoníacas, historiadores podem lidar com restos de pontas de flechas, machados de pedra, a arte rupestre, e bichinhos de pelúcia de rocha.

Os iroqueses foram uma parte crucial para a entrada da América na Segunda Guerra Mundial, pois quando Adolf Hitler capturou todos iroqueses e os jogou em campos de concentração, o então presidente americano Franklin Roosevelt, sabendo disto, ele ficou furioso. "Ei, nós é que queríamos oprimir e matar essas pessoas! Não é justo!" Assim, os EUA declararam guerra à Alemanha, mas não antes de Hitler ter matado todos os iroqueses.

Sabe-se que durante sua perseguição os iroqueses fizeram até uma bandeira inspirada em tapetes persas, mas a importância disso é completamente irrelevante.

Cultura[editar]

Os iroqueses veneravam um deus único chamado T'ckchnack'lqueztlexrchkcle (pronuncia-se: T'ckchnack'lqueztlexrchkcle) que era descendente direto do espírito do lobo que ascendeu à Lua.

Os iroqueses foram os responsáveis pelo gênero do rock conhecido como Death Metal, cuja banda mais popular era conhecida como T'chqululu Chquvulu (pronuncia-se: Megadeath).