Jóhanna Guðrún Jónsdóttir

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
ESTE ARTIGO É SOBRE UMA GOSTOSA!!

Ela provavelmente não sabe atuar, dançar, cantar, desfilar, praticar esportes, fazer cálculos matemáticos ou qualquer coisa de útil para a humanidade. Mas quem liga? Todo mundo a conhece apenas porque ela é uma baita duma

GOSTOSA

Morena a toa.jpg
Yohanna
Yohanna iceland.jpg
Yohanna congelada em algum lugar da Islândia
Nascimento 1990
Bandeira da Islândia Islândia, Hafnarfjörður
Ocupação Pseudocantora

Jóhanna Guðrún Jónsdóttir, ou simplesmente Yohanna caso você não queira parecer estar engasgando com um caroço de azeitona entalado na garganta ao pronunciar o nome verdadeiro dela, é uma semi-cantora da Islândia (não sabia que existia música lá) mais conhecida pela música Is It True? (se ela cantasse em islandês como todas outras cantoras da Islândia, estaria desconhecida até hoje). Reconhecida por sua pele pálida de parecer um defunto e cabelos loiros, a voz suave agrada, o problema são as composições mesmo, todas músicas da moça dão um tremendo sono em qualquer pessoa normal.

Carreira[editar]

Yohanna junto com Michel Teló, com quem fez dueto em 2009 com a música Al ef ég ná þér.

Apesar de ter nascido em Copenhagen, a sua nacionalidade é islandesa, isso é apenas um detalhe de logística já que não há condições de alguém fazer um parto nas desoladas montanhas da Islândia, e as mães precisam peregrinar para Dinamarca para ter seus bebês. Yohanna todavia cresceu em Hafnarfjörður uma cidade tão absurdamente tediosa que ela foi obrigada a começar a cantar com 6 meses de idade para te alguma ocupação que não fosse pescar em buracos no gelo, atividade típica islandesa que aliás ela nunca soube fazer muito bem.

Lançou seu primeiro álbum cedo aos 6 anos de idade, fazendo sucesso no Programa do Raul Gil onde sua voz e inteligência encantou a todos. Todavia, com medo da super-exposição, os pais da garota decidiram trancafiá-la numa torre no norte de Vestfirðir onde era obrigada a imitar aquela gorda que canta com Freddie Mercury em Barcelona, afim de refinar seus talentos vocais.

Quando já estava quase sendo esquecida, retornou adulta em 2008 parecendo uma princesa da Disney de tão pálida e loira, lançando o álbum Butterflies and Elvis, onde tem a música Is It True?, quando ficou em segundo lugar na Eurovision e ganhou reconhecimento pelos tarados que sonhavam com um sexo oral daquele bico que ela faz e quanto ao talento musical é digna de uma cantora desconhecida de show de calouro que recebe nota positiva do Pedro de Lara.

Mas como todo sucesso é passageiro, ela mal passou das eliminatórias islandesas para a Eurovision em 2011 e 2013.