Jasmine Sinclair

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
ESTE ARTIGO É SOBRE UMA GOSTOSA!!

Ela provavelmente não sabe atuar, dançar, cantar, desfilar, praticar esportes, fazer cálculos matemáticos ou qualquer coisa de útil para a humanidade. Mas quem liga? Todo mundo a conhece apenas porque ela é uma baita duma

GOSTOSA

Morena a toa.jpg
Jasmine Sinclair
Jasmine Sinclair.jpg
Nascimento 10 de Outubro de 1982
Bandeira da Inglaterra Inglaterra
Ocupação Profissional liberal
Altura 1,63
Signo Libra
Cabelo Ruivo (apesar de quase sempre estar pintado de louro)

Jasmine Sinclair (10 de Outubro de 1982) é uma gloriosa profissional liberal (muito liberal, diga-se de passagem), que faz parte do alucinógeno e prazeroso mercado de putaria pornográfico inglês. Por possuir um talento grande, muito grande, grandioso, Jasmine Sinclair sempre recebe ofertas de trabalho, sendo que a maioria desses convites são para atuar em filmes que giram em torno de práticas sadomasoquistas. Mas Jasmine Sinclair nem se incomoda com isso, e sempre aceita esses convites talvez porque ela goste disso.

História[editar]

Jasmine Sinclair, o perfeito estereótipo da professora que você sempre sonhou ter.

Ninguém sabe exatamente onde foi que Jasmine Sinclair nasceu, mas acredita-se que tenha sido em alguma daquelas cidadezinhas minúsculas da Inglaterra que são completamente dominadas pelos hooligans. Quando criança, todos os dias, Jasmine Sinclair era obrigada a ficar assistindo as brigas idiotas que os hooligans de sua cidade arrumavam com os hooligans das outras cidades, tudo porque o atacante do seu time de coração quebrou a unha após ter recebido um tapinha nas costas do adversário. Por conta de toda essa violência, quando entrou na adolescência, Jasmine Sinclair decidiu sumir dali, indo para algum lugar mais seguro, como Bagdá ou Meca. Porém, como tinha pouco dinheiro (mais precisamente apenas duas notas de 1 dólar e sete tampinhas de garrafa), Jasmine Sinclair não conseguiu ir muito longe, e apenas conseguiu chegar em Londres.

Chegando lá, como estava no vermelho, Jasmine Sinclair tinha que arrumar um emprego urgente, ou acabria morrendo de fome. Como não tinha sequer começado o primário, Jasmine Sinclair teve extrema dificuldade em encontrar um emprego, sendo que a melhor coisa que conseguiu foi como assistente do assistente do assistente do roupeiro do Várzea London F.C, um clube que participava da Divisão Z do Campeonato Inglês. Apesar de não gostar nada de ter que trabalhar em um emprego que pagava apenas o suficiente para comprar um pacote de arroz de marca duvidosa no fim do mês, Jasmine Sinclair perseverou, até que, alguns meses após ter começado no emprego, já ganhou uma promoção: Ela deixou de ser a assistente da assistente da assistente do roupeiro para ser a assistente da assistente do roupeiro. Com essa promoção, além de conseguir comprar um pacote de arroz da melhor marca no fim do mês, Jasmine Sinclair ainda podia comprar dois pirulitos de chiclé.

Mesmo podendo comprar todas essas coisas, Jasmine Sinclair ainda não estava satisfeita com o seu salário (tem gente que nunca está feliz mesmo), e, para tentar ganhar um pouco mais, se ofereceu para animar a torcida inexistente do Várzea London F.C. No princípio, o presidente do clube, que era um famoso mendigo que pedia esmola nas ruas de Londres, não sabia porque era necessário uma líder de torcida, visto que o clube não possuia sequer um torcedor. Porém, Jasmine Sinclair usou os seus métodos secretos, e conseguiu convencer o presidente do clube à promovê-la à líder de torcida.

Apesar da equipe de Jasmine Sinclair não possuir sequer um torcedor, as equipes adversárias tinham. Em uma bela tarde de Sol, enquanto o Várzea London F.C jogava um clássico contra um timeco chamado Chelsea, um torcedor da equipe londrina adversária reparou em todos os talentos que Jasmine Sinclair possuía, e resolveu convidá-la para uma pequena "entrevista" em sua agência. Como Jasmine Sinclair não tinha nada de melhor para fazer, ela resolveu aceitar, e, no dia marcado, foi ao encontro do estranho agente.

Durante o reencontro com o agente, Jasmine Sinclair achou meio estranho que todas as janelas do local estivessem fechadas, pois o ambiente cheirava à mofo. Mas o agente disse que isso era necessário, pois dessa maneira eles podiam realizar tranquilamente o teste do sofá. Ao ouvir isso, Jasmine Sinclair ficou meio assustada, pois não era muito experiente na arte do amor. Bem, mas isso não era importante, pois o agente lhe ensinou tudo. Ao término do famoso teste do sofá, Jasmine Sinclair passou com honra ao mérito, e já estava pronta para integrar a tropa de elite de putas pagas inglesas.

Carreira[editar]

A carreira cinematográfica de Jasmine Sinclair não é muito extensa, até porque ela não gosta muito de ficar fazendo sexo com idosos na frente de milhares de câmeras, que vão transmitir esse feito para todo o mundo. Então, Jasmine Sinclair se dedica mais às aparições em revistas masculinas, para fazer a alegria de todos aqueles punheteiros que não possuem dinheiro para assinar uma internet ou para comprar um computador.