John Adams

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Abraham Lincoln a cores.png
Caravela-1.jpg

Este artigo é relacionado à história.

E contém referências a importantes eventos históricos da evolução da humanidade.

Os militares monitoram este artigo.

John Adams
Larrycor.jpg
Vice-Presidente: Thomas Jefferson (maldito!)
Tempo de mandato: 4 de Março de 17971801 (maldito Jefferson!)
Precedido por: George Washington
Sucedido por: Thomas Jefferson (morra!)
Nascimento: 30 de Outubro de 1735 - Braintree, Massachusetts
Morte: 24 de Abril de 2058 - Iraque
Primeira dama: Madonna
Partido: Cientologia

John Adams, Jr foi o primeiro careca a ser presidente dos Estados Unidos da América. Também foi o primeiro presidente a comer alguém na Casa Branca, e também o primeiro a perder uma reeleição para o cabeludo Thomas Jefferson. Ele era dono da fábrica de chicletes Adams, que foi instrumental para a independência norte-americana (George Washington usava goma de mascar para fixar sua dentadura).

[editar] Biografia

Nasceu em 1735 em Bostan, Amassaechutess. Seu pai era lixeiro e agente funerário, e sua mãe era a melhor prostituta do Brooklin. Aos 46 anos, conseguiu entrar no curso de direito do Instituto Politécnico de Crime. Em 1764 estuprou a doente mental Abigail Smith, com quem teve vários filhos: Amy Adams (1765-1813), o futuro presidente John Quincy Adams (1767-1848), Mortícia Adams (17681770), Douglas Adams (17701800), o Agente 86 Don Adams (17721832) e Bilbo Bolseiro (1775), que morreu de pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose.

Adams era considerado chato e metido a besta. Ninguém gostava muito dele, nem mesmo seus parentes mais próximos. Historiadores acreditam que ele adquiriu seu gênio irascível depois de começar a perder sua linda cabeleira sedosa e loira, aos 12 anos.

Em 1765, Adams inicia sua insurreição contra a coroa britânica após a Inglaterra começar a aumentar os impostos sobre perucas e elixires de crescimento de cabelo. Em 1770 acontece o famoso Massacre de Bosta, em que cinco catadores de esterco de cavalo são assassinados por soldados ingleses. Adams defende os soldados e ganha um beijo na careca como recompensa.

Em 1772, o governador de Massachusetts, Tomás de Aquino manda os constituintes dançarem lambada, macarena e a infame dança do siri. A população inicia uma revolta, e Adams é escolhido como líder. Em seu tratado "USA Über Alles", ele denuncia o parlamento britânico e condena a prática do futebol.

Entre 1774 e 1778, Massachusetts envia Adams por SEDEX para o Congresso Continental, em Paris. Em junho de 1775, ele coloca George Washington e seu namorado o Marquês de Lafayette no comando das tropas de Virgínia.

Em 1776, ele assina a Declaração de Independência com o sangue de seus escravos. No mesmo ano, publica Governo Para Idiotas, um livro de autoajuda com ilustrações e letras grandes fáceis de ler.

Jorge III.

Em 1780, ele dá um pulinho na Holanda para pegar grana e maconha. Aproveita para pegar também um pouco de gonorreia em um prostíbulo local.

Em 1785, ele é obrigado a visitar o Rei Jorge III da Inglaterra, que estava internado em um manicômio. O monarca louco pula no colo de Adams e o usa como cavalinho, antes de encolher-se em um canto e dormir chupando o dedo.

Em 1789, Adams torna-se o primeiro vice-presidente americano no governo de George Washington. Como todo vice, ele é guardado em um armário para ser retirado somente em emergências. Washington gostava de usar a careca de Adams como cinzeiro e porta-copos.

Na eleição de 1796 (porque o puto do Washington venceu dois mandatos), Adams finalmente vira presidente. Adams nunca comprou um escravo porque tinha nojo de negros. Ele também odiava os franceses. Uma dos primeiros documentos que ele assinou quando assumiu o gabinete foi o Ato de Repúdio de 1798, que garante o direito a todo americano cuspir na face de estrangeiros. Adams também era bem vagabundo como presidente, preferindo ficar em casa jogando videogame do que ir para o trabalho.

Ao perder a eleição de 1800 para o popstar Thomas Jefferson, Adams se retira da vida pública e vai plantar batatas na sua fazenda. Passa o resto da vida mandando bilhetes cheios de insultos para Jefferson.

[editar] Ver Também


Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas