Joshua Norton

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Matisyahu20.jpg Cadê o moedinha?

Este artigo é judeu! Ele odeia samaritanos, foi escolhido por Javé e não come lagosta porque é caro e anti-kosher. O autor deste artigo provavelmente é contador e deve estar cuidando da lujinha.

EUA Falencia.jpg Powered by Chevrolet

Este artigo é gringo! Ele usa eletrônicos da Apple, tem um Chrysler poluidor, não joga futebol e acha que é privilegiado..

Joshua Abraham Norton (entre 1817-1818 a 8 de janeiro de 1880), também conhecido como Imperador Norton, Norton I, Imperador dos Estados Unidos e Protetor do México ou também "o doidão de São Francisco", foi o primeiro e único imperador dos Ixteitix, tendo governado entre 1859 a 1880, embora ninguém de lá sequer tenha ou faça a menor ideia de que algum dia ele governou por lá.

Vida e obra[editar]

Nota criada em 1871 para comemorar 12 anos de reinado do Norton I. Pena que não vale nada.

Norton nasceu em Reino Unido, chegou a viver um tempin na África do Sul e panz, chegou a passar um tempo no Império do Brasil, onde aprendeu que caras barbudos são respeitados e viram imperadores (se ele se referia a D. Pedro II, só a segunda parte realmente é verdade), daí após fazer uma ideia muito imbecil com arroz pra jogar em casórios, que deu errado pra cacete, já que ninguém tava dando a mínima pra casar em São Francisco, ele até chegou a entrar em desespero. Daí ele relembrou do que viu no Brasil e tentou implantar nos Estados Unidos. Em 1859 ele se autoproclamou IMPERADOR DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA, o sonho de consumo de todo Trump.

A princípio ninguém deu um puto por ele - na verdade, do princípio ao fim, mas isso não vem ao caso no momento -, achando que era só mais um desses loucos de feira. Ele chegou a dar uma de Jair Bolsonaro e dizer que a culpa é de todo mundo e decretou o fuzilamento de todo o congresso americano. Claro que lá não é Brasil e todo mundo só riu mesmo.

Insistindo tanto, conseguiu anexar o México aos EUA - ainda que fosse só uma brincadeirinha dos mexicanos marotos -, e assim o povo logo o transformou na versão humana e americana do Rinoceronte Cacareco] ou do Macaco Tião, e logo ele tornar-se-ia mais importante até que o presida mais importante dos americanos, o Abraham Lincoln em pessoa as vezes tinha de pedir desculpas pelo desleixo de vários babacas da Casa Branca no tratamento ao nobre Norton I.

Decretos mais importantes[editar]

Joshua e sua pomposa carruagem.
  • Chegou a banir o funcionamento de uma empresa de trens por negarem ele pegar uma caroninha. A empresa não só pediu desculpas como ainda enviou um vale-banana enorme que dava a ele uma maria-fumaça a hora que ele quisesse.
  • Tentou casar com a Rainha Vitória, que quase aceitou o convite, mas desistiu de última hora porque ficou com medo de ele fazer os EUA dominarem o Reino Unido.
  • Decretou o fim da Guerra da Secessão. Não deu em nada dessa vez porque por falta de internet o e-mail dele pros líderes da União e Confederação jamais chegou.

Morte[editar]

Morreu em 1880 após uma caída na gandaia de leves nas ruas de SF numa chuvarada daquelas. Na sua sepultura está escrito até hoje "O Imperador Norton trabalhou, não comeu ninguém, vivia na rua, tomava uma cerveja da boa com todo mundo, ia pra igreja e pro puteiro na mesma noite e não se cansava. Poderíamos dizer isso da maioria dos indivíduos que exerceram seu cargo?"

Em sua homenagem foi criado o Norton Antivírus que...

Cquote1.png Puta merda, mas que bosta de homenagem hein? Cquote2.png
Eu sobre essa tal homenagem que eu mesmo citei no fim do artigo.

Ver também[editar]