Jötunn

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Jotun)
Ir para: navegação, pesquisa
Quevedo25on.gif Este artigo se trata de coisas que nón eczisten!!

Este artigo se trata de algum mito, lenda, conto, história de pescador ou desculpa esfarrapada. Tome cuidado, pois você pode espirrar e ter sua alma levada pelo capeta caso alguém não fale saúde.

Viking.JPG Ek est årtikkel Vikingen!

Este artigo veio das frias terras dinamarquesas! Ele gosta de remar, louva Odin e o Deus Metal, não tem nenhum senso de privacidade ou de educação e seu autor chegou ao Valhalla. Não vandalize ou envolva a Finlândia neste artigo!

60px-Bouncywikilogo.gif
Para os neo-ateus que preferem acreditar em mentiras, os supostos experts da Wikipédia têm um artigo sobre: Jötunn.
Loki, um Jotun, sorrindo pra foto.

Os Jötunn(ou Jotun para os noobs), são os caras grandões, feiosos e fortões; ou seja, os típicos vilões, da mitologia nórdica.

Eles eram inimigos dos deuses(Aesires e Vanires), dos humanos, dos animais, dos ETs e deles próprios, já que eles não se autosuportavam.

Origem[editar]

A origem dos Jötunn é tosquíssima. Conta-se que, depois da Voluspa, saiu um gigante do Rio Slidr. Só por ele ser gigante e feioso, ele já seria um Jötunn. Só que, como não havia classificação científica naquela época, ele não foi classificado como tal.

Devido a alguma coisa que tinha na água do rio(talvez fezes de Aesir), aconteceu uma bizarrice nos ombros dele. Do direito, saiu um garoto, e do esquerdo uma garota. Só que as crianças não saíram, mas ficaram dependuradas nos ombros do gigante, que teve que ficar andando por aí com dois moleques balançando nos ombros.

Pra piorar, um pé dele teve relações sexuais com o outro pé[?], o que deu origem a um monstro de seis cabeças, 19 pés, 42 mãos e 1 perna. Esse monstro acabou fugindo para a Grécia, se tornando a Hidra de Lerna

Loki, quando viu aquilo, ficou com muita raiva, já que ele não tinha sido o autor de tamanha pérola. Com isso, ele decidiu se vingar do gigante, confinando-o em Niflheim. Mas, antes disso, ele soltou as crianças dos ombros dele[1].

O gigante acabou dando origem à população de Niflheim, enquanto as crianças que ficaram por aqui se reproduziram e deram origem aos Jötunn.

Características[editar]

Alguns Jötunn, raptando uma garotinha para fazer coisas más com ela.

Os Jötunn são seres gigantes, feios, malvados e do contra. Logo de cara, conquistaram a antipatia de 800% do mundo. Por isso, foram colocados junto dos humanos na geografia yggdrasiliana.

Eles costumam ter aparência de monstro[2], com garras, muitos olhos, cores estranhas e linguagem imcompreensível. Alguns chegam a ter várias cabeças, sendo por isso chamados de homens.

Outros não tem forma humana, sendo por isso chamados de não-humanos[3]. Exemplos disso são o lobo Fenrir e a serpente Jörmundgandr.

Já outros Jötunn são considerados nobres por não serem tão bizarros. A esses, curiosamente, são atribuídas características virtuosas, como dotes, banda larga e dinheiro. Odin procura estes tipos de Jötunn, para que els traiam o movimento jötunniano e passem para o lado do bem, para lutar contra seus ex-amigos no Ragnarok.

Os Jötunn e o Ragnarok[editar]

Jötunn não gostam muito do Ragnarok, até porque são muito grandes para poderem controlar o personagem direito. Eles também ficam muito irritados quando morrem para porings[4], o que faz com que eles acabem destruindo o computador.

No entanto, eles também te alguma utilidade nele, já que toda guerra precisa ser uma luta entre "Lado A" e "Lado B". Os Jötunn atuaram como vilões, mas não pode-se dizer que foram derrotados porque ninguém venceu o Ragnarok.

Lista de Jötunn[5][editar]

Notas[editar]

  1. Parece que Loki não era muito inteligente quando se tratava de vinganças.
  2. Talvez porquê eles sejam monstros.
  3. Na verdade, eles já não são humanos por serem Jötunn.
  4. NOOBS!!
  5. Apenas alguns, porquê eles são muitos.