Kōta

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Cosmo.jpg "Que burro! Dá zero pra ele!"

Este artigo é sobre algo ou alguém burro ou completamente imbecil.

E acredita na veracidade das lutas da WWE.


Kōta
Kota.JPG
Nome completo Kōta Tyler da Silva Bauer
Idade 16 anos
Profissão Estudante
Família Só a Yuka
Amigos Lucy Nyu, Nana e Mayu
Comida Preferida Nyuu-san e sua prima
Sonho Poder esquecer seu maldito passado
Frase preferida "Hã?"

Cquote1.png Você quis dizer: Ataru Moroboshi Cquote2.png
Google sobre Kōta
Cquote1.png Você quis dizer: Inocente Cquote2.png
Google sobre Kōta
Cquote1.png Kōta... você quer chupar meus mamilos? Cquote2.png
Yuka sobre Kōta
Cquote1.png Que cara mais gay! A prima dele tá praticamente dando pra ele e esse idiota só fica negando fogo! Cquote2.png
Você sobre Kōta
Cquote1.png Pensando bem... esquece o que eu disse! Cquote2.png
Você ao ver Kōta comendo Yuka alguns episódios mais a frente de Elfen Lied
Cquote1.png Nyuu!! Cquote2.png
Lucy Nyu sobre Kōta
Cquote1.png Eu sinto como se fosse irmã da Nyu, o Kōta fosse meu pai e a Yuka minha mãe Cquote2.png
Mayu sobre Kōta e o resta da cambada de maior importância em Elfen Lied
Cquote1.png Acho que esse cara sofre de emisse, pois tá sempre se comportando feito um toda vez que se lembra de alguma porra que fez no passado... Cquote2.png
Dr. Petty sobre Kōta
Cquote1.png Odeio esse cara! Cquote2.png
algum azarado sobre Kōta (pelo simples fato dele viver com quatro garotas sozinhos dentro de sua casa)
Cquote1.png Bicho cagado! Cquote2.png
pernambucano sobre Kōta ser um cara de sorte... ou nem tanto
Cquote1.png Você não sabe o perigo que corre morando com essa vadia! Cquote2.png
Nana para com Kōta sobre Lucy
Cquote1.png ...? Cquote2.png
Kōta sobre todos os comentários acima

Kōta é um cara muito idiota do anime Elfen Lied que, juntamente com Yuka e as demais de sua hospedaria fudida, protagoniza secundariamente ao lado de Lucy, onde sua única função é ter um caso bizarro com a mesma.

História[editar]

Kouta e sua priminha dividindo um pouquinho de calor corporal.

Kōta era um cantor falido de bossa-nova que vivia fazendo showzinhos de quinta categoria nas favelas do Rio de Janeiro, mas que depois que sofreu de um seríssimo caso de emisse aguda amnésia acabou largando a vida de vagabundo e tendo que ser administrador de uma hospedaria falida pertencente a sua prima Yuka. Como as coisas estavam indo de mal a pior nessa budega, Kouta resolveu transformar esse lugar um puteiro pra vê se atraia mais cliente; dai resolveu sair pelas ruas a fim de contratar algumas putas e travecos para trabalharem pra ele em troca de qualquer idiotice que eles lhe pedissem (incluindo a própria bunda) e ao passar pela praia encontrou uma putinha retardada chifruda largada no meio da areia após ter dado para uns trinta durante uma noite de loucuras e resolveu chama-la para trabalhar pra ele em troca de nada, e como ela sofria a falta de um cérebro topou na hora, onde ficou conhecida entre seus clientes pelo nikename de Nyu (já que nem ela se lembrava do próprio nome e só sabia falar Nyuu!).
Mais tarde outras minas se juntaram pra brincadeira, no entanto Kouta acabou tomando um processo por envolver menores de idade no ramo da putaria, mas acabou tendo a hospedaria sustentada pelo governo graças a um bolsa família arranjado com um amigo de Brasília, onde pode continuar vivendo com as quatro gurias fazendo filmes pornôs caseiros para depois vende-los na internet apesar do escândalo.

Vida turbulenta na hospedaria[editar]

Kouta e Nyu em mais um dia de trabalho no seu puteiro particular

Sendo um dos poucos personagens masculinos do anime (o que o torna consequentemente o macho alfa dessa história), a única função de Kouta nessa porra por inteiro seria foder todas as garotas que moram com ele, o que, para decepção de muitos, ele nem sequer soube fazer direito. Pra começar ele passou uma penca de episódios negando fogo a própria prima por achar que se envolvesse com ela num relacionamento mais pesado estaria cometendo incesto, mas de tanto a guria insistir ele acabou cedendo (seguindo o princípio de que quando dois querem, a suruba rola); no entanto apareceu essa tal de Nyu pra aumentar a concorrência com esse mongoloide, onde Kouta para não deixar transparecer que era racista e rejeitava outras garotas por terem pacto com o cão chifres, o que deixou Yuka muito puta da vida. Como se não bastasse também apareceu a pirralha da Mayu que obrigou o pobre rapaz a cometer pedofilia contra sua própria vontade, bem como Nana em prol da mesma necessidade dessa última guria só que com as chifrudas envolvidas.

Cquote1.png Então, qual de nós duas você vai levar pra cama hoje, Kouta? Cquote2.png

Devido a uma visita do juizado de menores a sua casa, Kouta acabou tendo que deixar seus casos entre Mayu e Nana de lado e se coformar só com as duas garotas mais velhas que não largavam do seu pé. Alem disso, Kouta sempre foi muito estúpido ao ponto de nunca perceber quando as garotas estavam praticamente nuas na sua frente de pernas abertas faltando implorar pra ele enfiar a mandioca nelas. Apesar disso ele tenta dar uma de responsável procurando transparecer uma falsa imagem de viado enrustido ou até mesmo de figura paterna patética, sendo que todas do alojamento só conseguem vê-lo como um perfeito mané (embora sortudo, segundo os otakus).

Trauma de infância (seguido de amnésia por 8 anos)[editar]

Kouta e Lucy no tempo no tempo em que estavam se descobrindo. Que inocencia

Devido aos devidos problemas de nível crônico no minúsculo cérebro de Kouta (se é que ele tem um), ele não consegue se lembrar de muita coisa que antecede ao seu passado sombrio que o fez entrar em depressão profunda seguido de uma amnésia de período altamente extenso e até problema de identificação de pessoas já conhecidas (o que não é tão grave quando se trata de alguém que possui o QI de uma ameba). Segundo os flashbacks de Elfen Lied, quando Kouta ainda era um pirralho infeliz, ele havia conhecido Lucy (que ele depois de reencontra-la por algum motivo idiota não há reconheceu e agora chama-a de Nyu) os quais ficaram amiguinhos até o dia em que a chifruda deu um chilique psicótico por pegar Kouta batendo umasinhas pra sua prima. Dai Lucy decidiu se vingar decepando a irmã e o pai de Kouta bem na frente dele, e como o muleque era meio emo entrou em estado de viadagem choque por nunca ter visto tanto sangue em sua vida. Com isso ele foi internado uma clinica pra jovens problemáticos e usuários de drogas onde passou oito anos em estado vegetativo até voltar em si misteriosamente sem se lembrar de sua infância. Como? Pergunte isso ao gênio que escreveu o roteiro do mangá! Ele só chegou a se lembrar da prima porque ela disse que eles eram parentes e aos poucos foi tentando fazer o garoto botar a caixolinha da memória pra funcionar (o que pra alguém com a mentalidade de Kouta pode ser considerado uma missão impossível).

Seus casos amorosos[editar]

Yuka tentando fazer Kouta tomar atitude de homem

Apesar de ser um baita imbecil, Kouta é o único personagem que teve a (suspeita) sorte de ter duas gurias brigando por ele durante todo o anime. A verdade é que ele mesmo desencadeou toda essa confusão quando conheceu a Lucy, pois assim que ficaram amiguinhos ela começou a sentir fortes emoções pelo muleque e acabou se apaixonando por ele, ao mesmo passo que sua prima já tinha uma tara por ele quando ainda eram bebês (o.O). Dai vem aqueles momentos flashbacks em que Kouta quase comeu a Lucy quando era criança bem como bateu umas pra sua priminha, assim fazendo Lucy odiar a Yuka e querer mata-la, coisa que só não foi feita porque Kouta apelou pro lado gay emocional da guria-mutante.

Cquote1.png Afastem-se, idiotas! Ele é só MEU!! Cquote2.png
Lucy sobre Kouta

Depois de oito anos tentando superar seu trauma de infância, ele se reencontra com as duas minas que querem que ele as foda de qualquer jeito; enquanto Yuka tenta arrancar estúpidos beijinhos a força e fazendo-o largar de ser tão estúpido, Lucy se aproveita de sua personalidade retardada (a Nyu) para fazer umas trepadinhas com o rapaz. Isso se sucede até o momento em que Lucy resolve se afastar de Kouta por motivos de segurança Iternacional, liberando o caminho por completa pra Yuka finalmente leva-lo pra cama, sendo que mesmo depois do suposto desaparecimento de Lucy, muitos afirmam que esses três ainda ficam se agarrando (em todos os sentidos possiveis).

Ver também[editar]

Golden Horseshoe.jpg Sacode essa cueca, Anônimo!

Este artigo é sobre alguém mais feliz que pinto no lixo! E o autor é tão
pé-quente que frita ovo nos pés!

Se vandalizar, jogaremos um monte de ferraduras na sua cabeça!