Kate Hudson

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Rabbimetal.jpg Cadê o moedinha?

Este artigo é judeu! Ele odeia cananeus, foi escolhido por Javé e não come camarão porque é caro e anti-kosher. O autor deste artigo provavelmente é contador e deve estar cuidando da lujinha.

Kate Hudson
Kate Hudson
Quando finalmente ganhou um prêmio.
Nascimento 19 de abril de 1979
Los Angeles Bandeira dos Estados Unidos Estados Unidos
Ocupação Atriz
Olhos Verdes
Cabelo Loiro
Prêmios Só ganhou um prêmiozinho sem importância de Melhor Atriz Coadjuvante


Kate Hudson é uma atriz estadunidense, aquele tipo de atriz Made in Hollywood.

Início de vida[editar]

Kate nasceu em uma família mais ou menos talentosa, sua mãe é a premiada atriz Goldie Hawn e seu pai é o pseudoator, cantor, compositor e músico falido Bill Hudson. Seus pais se divorciaram quando ela ainda era bebê, pois seu pai não aguentava mais ela chorando a noite toda.

Após o divórcio, sua mãe traçou o ator Kurt Russell e assim formaram uma família feliz. Kate tem um irmão mais velho, o também ator Oliver Hudson, quando pequenos sua mãe e seu padrasto ensinaram as crianças todos os tipos de técnicas de atuações para que quando crescessem se tornassem atores conhecidos de Hollywood. No fim até que deu certo, pois Kate se tornou uma gostosa e Oliver se tornou um galã, ambos igualmente conhecidos mas não pelo talento.

Carreira[editar]

Kate junto com Anne Hathaway no filme Noivas em Guerra. O olhar das duas está mais para inimigas íntimas.

Começou a carreira da mesma forma como toda atriz começa, fazendo figuração. Figurou filmes desconhecidos e ficava sempre interpretando a mulher bonita que raramente falava e assim ficou anos interpretando o mesmo tipo de papel. O sucesso veio quando ela interpretou Penny Lane no filme Almost Famous, o tal filme fez grande sucesso por suas cenas doidas e lunáticas, sendo que Kate ganhou um prêmio qualquer de Melhor Atriz Coadjuvante. Dois anos depois, fez outro filme de destaque, o filme Como Perder um Homem em 10 Dias. Esse filme foi sucesso de bilheteria, porque atraiu milhares de mulheres de coração partido que queriam entender porque perdem os homens em menos de duas semanas.

E após isso, continuou atuando em diversos filmes, mas geralmente filmes sem graça como no clichê Amigos, Amigos, Mulheres à Parte, na qual fazia uma safada que tinha dois homens a sua volta e também em Noivas em Guerra, neste filme ela fazia um noiva estérica que queria se casar antes da amiga e tentava de tudo para conseguir se casar primeiro (coisa doida, não?). Atualmente continua fazendo atuações comuns e sem mais o destaque de antes.

Cquote1.png Eu uso Colgate, gente! Cquote2.png

Vida Pessoal[editar]

Ela tem um gosto particular em fazer filhos com músicos e semi-músicos. Chegou a se casar com o músico Chris Robinson, tiveram um filho e pouco tempo depois se separaram. Isso talvez pela agenda lotada de ambos ou por um caso extraconjugal de algum deles.

Depois ela se casou com o guitarrista da banda Muse, o doido Matthew Bellamy, e conseguiu ter um filho com ele, também se separando dele algum tempo depois. Claro que além de músicos, ela já se envolveu com atores galãs, mas foram casos rápidos e sem nenhuma importância.

Verdade ou Mentira?[editar]

Recentemente numa entrevista, o ator Dane Cook disse que o pior beijo que já deu no universo cinematográfico foi em Kate, quando contracenou com ela no filme Amigos, Amigos, Mulheres à Parte. Ele disse que parecia que ela tinha comido um prato de cebolas de tão ruim que era seu hálito.

Mas agora fica a dúvida: Foi isso mesmo que aconteceu ou ele tentou dar em cima dela, ela não quis ele e agora ele decide vingar-se difamando ela? Parece que isso é mais um mistério que cerca o mundo das celebridades hollywoodianas.