Kreator

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Meu neto! Cquote2.png
Iron Maiden sobre Kreator

Cquote1.png Filho! Cquote2.png
Venom sobre Kreator

Cquote1.png Papai! Cquote2.png
Kreator sobre Venom

Cquote1.png Bastardo! Cquote2.png
Slayer sobre Kreator

Cquote1.png Padrasto! Cquote2.png
Kreator sobre Slayer

Cquote1.png Eu gosto, portanto quem não curte Kreator é um emo filho da puta! Cquote2.png
Chuck Norris sobre Kreator

Cquote1.png Eu num curto, rap rulez mano! Cquote2.png
50 cent, um pouco antes de levar um chute de Chuck Norris, sobre Kreator

Cquote1.png O BOPE escuta Kreator, portanto o BOPE é lugar pra macho, o pessoal da favela escuta funk e rap, portanto a favela é lugar de Playboyzinho, puta, viado e maconheiro Cquote2.png
Capitão Nascimento sobre Kreator

Cquote1.png KREATOR é mais porreta que fumar com a Tieta! Cquote2.png
Luiz Caldas sobre Kreator

Banda formada durante a Santa Inquisição, o Kreator é influenciado pelo Venom, pai do Black Metal (estilo contra aos valores religiosos de W. Bush), e pelo então aclamado NWOBHM, sendo suas influências: Black Sabbath pais do heavy metal], Judas Priest (aquele que traiu Jesus Negão) e Iron Maiden, a lenda viva do Heavy Metal.

Leia esse Artigo[editar]

Esse artigo está completamente certo, não leia o da wikipédia, pois está errado!!!

Formação[editar]

Capa do álbum com mensagem subliminar explícita de apologia ao sexo e ao satanismo
  • Milho Petrozza: Vocalista, guitarrista base e solo, líder-fundador da banda, headbanger descabelado (cabelo de milho), odiado por Satan, por ter uma voz macabra que desperta a inveja do pobre diabo.
  • Jugem "Ventor" O Réu: Baterista que toca na velocidade da luz (primo do Dave Lombardo), segundo vocalista (mais berra do que canta), co-fundador da banda, e o resto não importa.
  • Christian Geiser: Baixista caladão, pois o gato comeu a língua dele, adora usar roupas póstumas.
  • Sami Ainda Serei Emo: Guitarrista solo, cujo sonho é ser emo, pois mais parece uma mocinha.

Ex-membros[editar]

Evolução[editar]

Depois de lançar discos de Thrash Metal consagrados pelos fãs headbangers, a banda entro na onda do Metal Alternativo, incorporando características do Metal Industrial, literalmente uma poluição sonora, e do Gótico, vindo a lançar o seu disco de merda,Emorama, contando com a participação do pai do movimento Emo-Gotic, Tio Wolf, na faixa-título. Posteriormente a banda lançou o Viola Rebolation, que marca o retorno da banda ao Thrash Metal, com excelentes solos de viola, levando Almir Sater a se tornar um paga-pau de carteirinha da banda, decepcionando Tio Wolf, que acreditava ter mais um membro na Emo-Gotic Assossiation. Em 2003 a banda lançou o Live Tormentation, homenageando o antigo nome da banda, Tormentor, e em 2005, o bem produzido Enemy of Emo, com clássicos como: Enemy of Emo e Impossible Babality. Em 2009 a banda lançou seu mais novo de inéditas: Horta de Calos e segue em turnê no Além.

Atualmente[editar]

A banda encontra-se em turnê em algum lugar dos infernos. muito bom!

Discografia[editar]

Curiosidades[editar]

Kreator é o verdadeiro nome de Crono Cross, vocalista e baixista do Venom. O nome foi adotado pela banda, até então chamada Tormentor, para homenagear Crono Cross, que acreditam ser um demônio.

Milho Petrozza, antes de ser vocalista e guitarrista do Kreator, era um espantalho macabro, chegando a participar de um episódio do seriado Supernatural.

Christian Geiser é dono do cemitério onde foi gravado o clipe de Cemetery Gates do Pantera e do Pet Cemetery do Ramones, sendo dirigido pelo próprio Geiser e produzido pelo dinossauro Rex Brown.


Mirror2.jpg Conheça também a versão oposta de Kreator no Mundo do Contra:

Espelhonomdc.jpg