Kuwait

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
●دولة الكويت
●Q-HATE
●Q-uai-t, Cu White

Bandeira do Kuwait.png Brasao do Kuwait.png
Bandeira Brasão
Lema: Isso não é pra beber (petróleo)
Hino: Isso pode passar no cabelo (petróleo)
Kuweit-Pos.png
Capital Cidade do Kuwait
Maior cidade Areialândia
Língua árabe
Tipo de Governo Riqueza Socialista
Sultão/Guru Saddam Hussein Nasir al-Muhammad al-Ahmad al-Sabah
Heróis nacionais Mubarak, o Grande
Independência de si mesmo em 1961
Moeda Barris de Petróleo
Religião Islamismo
População O sultão, o eunuco, o bandido e 500 escravas no harém
Área Até onde o petróleo vai (Negligensiável% de água)
Analfabetismo 0%
PIB per Capita 5.000.000.000 USD/hab.
IDH 0.se for o dono do petróleo é 99, se for o empregado é 11
Fuso Horário
5
Clima Desértico
Site do Governo ??
Cquote1.png Qual o país em que todos os habitantes tem a bunda branca? Cquote2.png
Humorista idiota ou Louro José sobre Kuwait

Cquote1.png Já bebi. É um guaraná gostoso! Cquote2.png
Carla Perez sobre Guaraná Kuwait

Cquote1.png Já comi! Cquote2.png
Eu sobre seu Kuwait.

Kuwait (pronuncia-se Quiabo), conhecido também como Cú White é um país do Oriente Médio conhecido e hegemônico apenas por possuir vastos rios de óleo negro transbordando em seu solo.

História[editar]

Anaiza[editar]

A república democrática do Guaraná Kuat foi fundada no século XVIII pela tribo anaiza, espécie de dissidentes dos califas iraquianos. Conhecido como nação do petróleo, o Kuweit foi criada quando o grande xeque árabe Al-Mohammed ordenou que seus serviçais procurassem por petróleo de qualquer jeito. Encontraram na então região do atual Kuweit uma vasta quantidade de petróleo e a família do xeque ficou bilionária durante suas 20 gerações até os dias atuais, fazendo do sobrenome do xeque algo muito comum.

Domínio externo[editar]

Depois dos árabes guerrearem bastente entre si pela região fazendo com que perdessem a identidade, o Glorioso Império Britânico donos do mundo e intrometidos, chutaram a bunda dos árabes da região em 1700 e ficaram com o petróleo para eles. Nessa época todos os kuwaitianos foram escravizados pelos britânicos.

Independência[editar]

Após mais guerra, o Kuweit conseguiu a independência quando todos morreram ou na guerra, ou afogados em petróleo e posteriormente recolonizaram a região com deportados árabes americanos.

Para prevenir dos constantes e incessantes ataques forasteiros, Kuweit criou um muro gigante em volta de suas minas de petróleo (ou seja, murou o país inteiro). Como muro é sinal de mau-agouro na religião muçulmana, frequentemente chamam-no de . Em virtude da presença de mineiros na região, decidiram chamar o local de Cú-uai, posteriormente para ficar mais chique inseriram letras americanas e ficou Kuweit.

Guerra do Golfo[editar]

Guerra: ICOKuwait.pngICOUnited States of America.pngICOUnited Kingdom.pngICOCanada.pngICOBangladesh.pngICOEgypt.pngICOFrance.pngICOSyria.pngICOMorocco.pngICOOman.pngICOPakistan.pngICOItaly.pngICOQatar.pngICOUnited Arab Emirates.pngICOSaudi Arabia.pngICOAustralia.pngICONew Zealand.pngICOPoland.png vs. ICOIraq.png

Poucos sabem, mas a Guerra do Golfo foi no Kuwait.

Quando tudo parecia estar na paz, o Kuwait decidiu vender petróleo, coisa que era proibida pela OPEP. Em resposta a essa afronta o Iraque invade o Kuwait e eclode a Guerra do Golfo. Como metade do planeta odiava o Iraque, todos viram nessa ofensiva iraquiana o pretexto perfeito para ir meter bpombas no exército iraquiano e ainda terem na mão o cu dos kuwaitianos.

O Iraque perdeu a guerra e o Kuwait ficou devendo 80 trilhões de barris de petróleo para os Estados Unidos.

Fatos recentes[editar]

Kuweit é uma região naturalmente inabitável (a não ser que você beba petróleo ao invés de água), porém com a presença de tal recurso, os megalômanos muçulmanos locais construíram imensos palácios com importação ostensiva de tudo que um homem árabe precisa (água, escravas e terroristas).

Kuweit, atualmente é conhecido como traidor da causa árabe, pois é aliado declarado dos Estados Unidos e recentemente países que caíram na besteira de invadir o país como o Iraque tiveram seus respectivos ditadores enforcados sob falsas acusações.

Geografia[editar]

Carro no Kuweit estacionou em vaga proibida e agora o guincho (ao fundo) está o levando ao depósito

Como em qualquer país do Oriente Médio, você finca uma agulha no chão e começa a jorrar petróleo. O Kuweit é um trecho minúsculo de terra que só não é Arábia Saudita por que possui uma quantidade absurda de petróleo. O solo da região é tão cavucado que o país possui gravíssimos problemas de erosão e desertificação.

Possui um nome de refrigerante, este país é tão distante e desconhecido que só se ouve falar do petróleo que há nele... Nunca ninguém falou das gatinhas kuwaitianas, talvez porque não haja, mas se houvessem o cu seria branco (coisa linda de se ver).

Subdivisões[editar]


Economia[editar]

A economia do país é baseada na exportação de seu solo e relevo, ou seja, na exportação de areia e óleo de pedra. Além é claro, da exportação de Guaraná Kuwait.

Num lugar onde se olha para cima e só vê montanha, e se olha pra baixo só petróleo não seria muito fácil encontrar bons empresários e empregados para o mercado de trabalho, por isso eles plantam muito melão, tomate, pepino e cebola.

Flag-map Kuwait.png Kuwait
HistóriaPolíticaSubdivisõesGeografia
EconomiaCulturaTurismo
Boratasiacentral.jpg
Ásia
v d e h

Países: Afeganistão | Arábia Saudita | Armênia | Azerbaijão | Bahrein | Bangladesh | Brunei | Butão | Camboja | Cazaquistão | China | Chipre | Coreia do Norte | Coreia do Sul | Egito | Emirados Árabes | Filipinas | Geórgia | Iêmen | Índia | Indonésia | Irã | Iraque | Israel | Japão | Jordânia | Kuwait | Laos | Líbano | Malásia | Maldivas | Mongólia | Myanmar | Nepal | Omã | Paquistão | Qatar | Quirguistão | Rússia | Singapura | Síria | Sri Lanka | Tadjiquistão | Tailândia | Timor-Leste | Turcomenistão | Turquia | Uzbequistão | Vietnã

Territórios: Abecásia | Caracalpaquistão | Caxemira | Chipre do Norte | Coreia | Curdistão | Estado Islâmico | Goa | Hong Kong | Ilhas Spratly | Macau | Manchúria | Nagorno-Karabakh | Ossétia do Sul | Palestina (Cisjordânia e Faixa de Gaza) | Taiwan | Território Britânico do Oceano Índico | Tibete