Língua hindi

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Língua hindi é o dialeto falado pelos indianos que não falam os outros 700 dialetos da Índia, queira os indianos ou não, o hindi na verdade não passa de um árabe falado mais enrolado e num alfabeto mais escroto.

História[editar]

मेरे गधे से अपने हाथ में लेता है (tire sua mão da minha bunda) uma importante frase para você saber na Índia.

O antigo idioma hindustâni em certo momento se dividiu em hindi e urdu, mais precisamente quando a região do Hindustão se dividiu em "adoradores de vacas" e "comedores de vacas". Os adoradores de vacas adotaram a língua hindi.

Apesar da grande rivalidade entre muçulmanos que falam urdu e hinduistas que falam hindi, a verdade é que ambos idiomas são a mesma bosta esquisita que ninguém entende, as vezes nem os próprios indianos que acabam falando mais inglês do que hindi.

Gramática[editar]

O hindi é uma língua confusa, que nem os próprios indianos sabem falar direito, o que dirá um estrangeiro. Por exemplo: कुतिया (cadela), कुतिवेश्या (puta), e गाय (vaca) possuem a mesma terminação (य) que representa um "objeto que tenha nádegas" (Nitambōṁ), mas diferente das cadelas e das putas a vaca é sagrada e ser chamado de vaca é um elogio, enquanto ser chamada de cadela tem auma conotação mais canibal já que lá eles fazem churrasquinho de carne de cachorro, e ser chamada de puta é um elogio das qualidade físicas.

Veja essa frase:

"रसोई कुतिया जाना है कुगाय एक सैंडविच बनाने के लिए" na tradução fica: "Vá para a cozinha, puta, e faça-me um sanduíche!"

Esta frase de forte conotação machista pode ser modificada para um gentil pedido com o acréscimo de apenas uma pequena letra a mais:

"रसोई कुतिया जाना है गाय एक सैंडविच बनाने के लिए" dessa forma a tradução fica de uma maneira mais branda: "Vá para a cozinha, vaca, e faça-me um sanduíche!"

Outro detalhe particular do hindi é o fato de não existirem artigos definidos nem indefinidos, pois nada precisa ser definido como masculino ou feminino até mesmo porque ninguém sabe definir isso, lá tem mulheres de bigode para se ter ideia. E como a Índia é recordista em cirurgias de troca de sexo, é dispensável se definir os gêneros.

As flexão verbos são as coisas mais bizarras, basta colocar um "E" no final da palavra para qualquer flexão verbal e está todo mundo entendido.

Alfabeto[editar]

O hindi se escreve normalmente em Devanágari, uma espécie de sânscrito feito por alguém sem coordenação motora nos pulsos, consiste em fazer um rabisco retilíneo horizontal seguido por incompreensíveis inúmeros rabiscos verticais aos quais algumas pessoas chamam de "letras".

Bollywood[editar]

Sem o hindi não existiria Bollywood. Se não existisse Bollywood não existiria filmes de um monte de gente dançando ou com cenas de sexo com roupas. Graças a isso o mundo é grato ao hindi!