Língua dinamarquesa

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Língua dinamarquesa é o dialeto do norueguês falado na Alemanha, faz parte da família das línguas tr00, embora algumas teorias discordem que o dinamarquês seja um idioma, mas sim um problema de fala congênito que não se tem certeza se é herdado geneticamente, ou apenas o patrimônio social.

Tabela de conteúdo

[editar] História

Pessoas demonstrando seu amor fervoroso pela Dinamarca.

O idioma dinamarquês surge por volta do ano dos anos de 800 e 1100 quando os vikings do sul contraem uma inflamação na garganta devido ao clima ser mais ameno que o da Escandinávia. Aquilo viria dar origem ao dialeto dinamarquês.

Durante a Idade Média o linguista Tolkien adaptou alguns resquícios de élfico presentes no Dinamarquês Antigo, utilizando um sistema de transliteração esperântica, tornando agora o idioma escritível no alfabeto latino

Com a Reforma Protestante, em 1525 uma grande rebelião contra a tirania alemã, sueca, norueguesa, anglo-saxônica e albanesa que se abatia na Dinamarca, resultando na reformulação do idioma dinamarquês no que ele é conhecido como hoje. Muitos estrangeiros encontram dificuldade extrema para conseguir assimilar o idioma dinamarquês, isso se deve porque a linguagem moderna dinamarquesa foi preparada pela equipe de relações públicas do Partido do Povo Dinamarquês (Dansk Folkeparti) para impedir o fluxo de refugiados para a Dinamarca, especialmente os muçulmanos, por isso tantas vogais foram introduzidas, no intuito de dificultar que os árabe (que reprimem a existência das vogais) entendem dinamarquês.

[editar] Gramática

O dinamarquês é caracterizado por numerosas armadilhas gramaticais desenvolvidas com a confusão da mente entre saber que antes de "Ǽ" com acento não se usa Ð. articulação imprecisa.

Para se ter uma noção de como este idioma é bizarro, palavras como "Desciclopédia" são traduzidas como "Spademanns Leksikon" (nenhuma letra em comum), e "Porco com uma bomba no chapéu" se diz "Mohammed".

[editar] Fonologia

Para conseguir simular a fala dinamarquesa, grampeia as laterais dos seus lábios. Em seguida, preencha o espaço vazio formado com cerveja, mingau, ou isopor.

[editar] Alfabeto

O dinamarquês utiliza-se do alfabeto latino, com o acréscimo das vogais Æ, Ø, Å, Ә, θ, porque o dinamarquês é tr00 e precisa de muitas vogais pois é um idioma falado gritando.

Abaixo o alfabeto dinamarquês completo. Note que algumas letras não possuem variante em minúsculo:

A a, Ǽ ǽ, Ø ø, Å å, Ỗ ỗ, P p, Ð ð, J j, IJ ij, Þ þ, Д д, Ә ә, Җ җ, Ҹ ҹ, Ҝ ҝ, ß, 卐, Ợ, ŧ, ჭ, ლ, Θ, カ, θ, σ, ფ, ŋ, 龘齉豔籲鬱釁

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas