Lara-Su the Echidna

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

TARDES-time-travel DW.jpg

Great Scott!

Este artigo trata de algum indivíduo, bugiganga, energia ou qualquer outra porcaria
com a capacidade de viajar no tempo e transitar entre as realidades

E enquanto você lê, surge um novo universo alternativo.

KimPlayboy.jpg Lara-Su the Echidna é uma ruiva!

Era feia quando pequena, mas agora põe loira pra comer poeira.

Clique aqui para conhecer outras deusas do fogo.

I love nerds.jpg

Sim, Nerds Gostosas existem!
E por mais que você não acredite, este artigo trata sobre uma delas!

Lara Croft Su
LaraSu2009.jpg
E o Knuckles dizia que ela era muito novinha para virar uma guardiã da Esmeralda Mestre... Será?
Ano de criação 2004
Primeira aparição Archie Comics
Habilidade(s) Viajar Fuder com as timelines
Amigo(s) Sonic e os Freedom Fighters de qualquer dimensão (menos na do Scourge)
Inimigos Dr. Eggman Shadow do Futuro e seus alienados aliados
Quem gosta da Lara-Su Qualquer um que curte Hentais da turma do Sonic

Cquote1.png Você quis dizer: Filha bastarda dimencional de Knuckles Cquote2.png
Google sobre Lara-Su the Echidna
Cquote1.png Você quis dizer: Kyle Reese versão feminina Cquote2.png
Google sobre Lara-Su the Echidna
Cquote1.png Não se metem comigo ou com a minha familia, senão eu meterei um cacete em você! Cquote2.png
Lara-Su sobre a todos que zombam dos Equinas
Cquote1.png Ela é muito bem durona como o papai aqui, mas ainda ta novinha demais para se tornar uma guardiã da Esmeralda Mestre! Cquote2.png
Knuckles sobre Lara-Su
Cquote1.png Sua vaca do caralho! Você arruinou o meu império emo! Cquote2.png
Shadow sobre Lara Su

Lara-Su the Echidna é a filha do ManoKnux com Julie-Su que, além de ter nascido com o poder do Chaos Control, também adora ferrar timelines tanto quanto o Barry Allen Silver the Hedgehog.

Infância e juventude[editar]

Yoda.jpg
Este artigo ou seção trata do futuro. Tudo que for escrito a partir daqui foi baseado nas premonições do Mestre Yoda.
Clique aqui para mais premonições do mestre Yoda você ver.

Lara-Su, assim como qualquer equidna do mundinho mirabolante de Sonic, nasceu em Angel Island, mais precisamente em um futuro alternativo onde Sonic acabou de vez com a raça de Eggman, se casou com a Amy Rose Princesa Sally e se tornou o rei de Móbius. Diferentes de seus amiguinhos, ela logo despertou habilidades psicodélicas sobrenaturais que foram herdados de seu arteiro papai (graças as mil e umas energias radioativas que o equidna dos mano passou em toda a sua fudida jornada nos quadrinhos do Sonic).

Vez ou outra ela acaba apagando sua própria existência... mas ninguem liga, já que ela, assim como a Grette, sempre volta

Devido às suas próprias experiências solitárias e nenhum pouco interessantes na posição de guardião da Master Emerald (sem falar nas inúmeras intrigas a lá X-Men com a Irmandade dos Mutantes Guardiões), Knuckles se recusou a permitir que Lara-Su treinasse para se tornar uma Guardiã (mesmo ela já tendo dado uma mãozinho ao Rei Sonic 2 anos atrás), tentando reduzi-la a uma mera "filhinha de papai" que era muito linchada na escola pela pseudo-fama de garota mimada. Isto continuou até que ela falsificou documentos do governo para se apresentar como maior de idade a fim de alugar filmes pornôs passar por uma cerimônia idiota em que moças adolescente furries são introduzidas à sociedade adulta, na qual devem ter sua virgindade retirada com alguém de sua raça, para azar de Knuckles que não fazia ideia das farofas sua filha aprontava quando ninguém estava de olho.

Lara-Su e seu priminho discutindo a relação

Mesmo depois das fraudes sociais de identidade e ritos de orgias, Lara-Su ainda continuou insistindo com o birrento papai que lhe deixasse se tornar uma Guardiã, onde nisso envolveu até seu priminho Rutan (filho de sua tia Lien-Da) num maravilhoso diálogo que compartilhava ataques de TPM. A garota teve de aturar mimos por mais 4 anos seguidos, até que misteriosamente descobre que seu papito ManoKnux, reunido com Rotor e o Rei Sonic, tinha descoberto que toda a realidade de Móbius estava prestes a se fuder, e a única forma de tirar o mundo dessa foça era que alguém fosse transmutado enviado pros confins do inferno tempo pra impedir a fodelância geral. Nisso Rei Sonic entra na máquina do tempo, é mandado pra não-sei-quando apagando sua existência (ou seja, se fudeu!) enquanto Knuckles só assistia a cena de camarote. Nisso começamos a vida conturbada das viagens na maionese feitas por Larinha em duas realidades paralelas sem noção. Qual dos dois é o verdadeiro? Você Decide!

Realidade 1: Light Móbius[editar]

Nessa linha do tempo, o desaparecimento de Sonic afeta praticamente tudo: a galera começa a ficar mais chapada que usuário de drogas assistindo o filme Fantasia da Disney, os filhos do ouriço com Sally desaparecem, a rainha Sally entra em depravação depressão e tenta se matar de desgosto, a Legião Sombria dos Echidnas de Preto tentam dar um golpe de estado, uma versão barata do Shadow volta dos mortos, dá um cacete em todo mundo, bota ordem na casa e impede Sally de cometer suicídio, usurpando a coroa sendo agora o novo rei dessa bagaça (e ainda chamam isso de timeline do final bom... vai entender esse roteiristas malucos.).

É bem verdade que a culpa desse estrago todo não foi da Lara-Su e sim do Sonic que resolveu se transmutar voltar no tempo sem mesmo saber o que diabos poderia acontecer. Lara-Su entra como solução pra essa parafernalha toda no momento em que Shadow passa a comandar tudo que nem um ditador filho da puta que resolve transformar a monarquia dos Acorn num partido militarista (influência de seu horrendo jogo onde abusou do uso de armas de fogo e artilharia pesada).

Começando a tretar com as autoridades locais[editar]

Até o Manik tentou arrancar uma casquinha dela...

Após vivenciar toda essa desgraça, Lara-Su, como qualquer filhinha de papai patricinha, ignorou todas as mudanças ocorridas com essa maracutaia como se nada tivesse acontecido ao seu redor, isso porque a essa altura do campeonato, ela estava mais preocupada com seus status social e com sua agenda praticamente lotada dos partidos que ela levaria para a cama. A ignorância foi tamanha que até se esqueceu da existência dos filhos de Sonic com Sally, Manik & Sônia (não, não estamos falando dos irmãos do Sonic) e até dos assédios sexuais que costumava sofrer por parte do Manik (esse ai aprendeu direitinho com o pai).

Vendo o quão feio a situação tinha ficado, Knuckles finalmente toma vergonha na cara e resolve deixar de bancar a mamãe-coruja (ou pai... enfim, você entendeu a referência) e cedeu ao pedido de treinar a garota pra se tornar a próxima Guardiã, já que ela foi a única opção que restou de restauração pra salvar a humanidade da papagaiada feita pelo Shadow.

Alterando a linha do tempo (Isto já tá parecendo fanfic de nerd)[editar]

A Batalha final entre a Lara-Su e o Rei Shadow!

Seja lá qual tenha sido a alteração que Sonic fez no passado, o futuro continuava fudido, e agora Lara-Su era quem tinha que concertar essa desgraça. O Shadow substituiu o Sonic como marido de Sally e continuava ferrando com a vida dos pobres mobianos, talvez pra descontar sua frustração sexual, pois diferente do Sonic, Shadow era um broxa emo e não conseguiu reproduzir com a Sally (isso até decobrir que além de tudo isso, ainda por cima era estéril). Nesse meio mundo de mudanças, Knuckles virou um general pau-mandado com o apoio de sua cunhada malígna Lien-Da que servia como conselheira capacha do rei.

Enquanto isso Lara-Su evoluía seu poderes treinando sozinho mais rápido que a Rey após ter sido escanteada pelo Luke, tanto que até cogitou a possibilidade de abandonar toda essa desgraça de Irmandade dos Guardiões e virar um Jedi, mesmo não entendendo porra nenhuma do porque os seus amigos e namorados haviam se mandado pro limbo. Felizmente Viu-Mais-Rabus Tails, que estava muito puto com todo esse choque de lembranças paradoxais a partir de alterações temporais, pôs fim nessa putaria de cronologia. Dai Tails entra em contato com Lara-Su e após um rápido drible da vaca no regime didatorial de Shadow, os dois encontraram ex-Rei Sonic todo fudido, vivendo que nem mendigo em um beco qualquer da cidade de Mobotrópolis, pedindo esmolas e se sustentando a base de um chillidog estragado que encontrou na sarjeta.

Nisso Lara-Su e Tails tentam ajudar o coitado, apenas para serem capturados pelo traíra do Knuckles... Isso até saberem na prisão que Knuckles traiu os seus novos aliados para se juntar aos traidores de Shadow que anteriormente havia traído, mas que na verdade não traiu... porque agora ele virou traidor dos verdadeiros traidores, que são os malvados.. digo, traiu os vilões pra não trair mais os mocinhos-- Enfim, disse que era tudo uma farsa e que ainda tava do lado do bem só pra enganar os do mal.

Cquote1.png Se tudo não passava de farsa, por que diabos você me espancou na prisão? Cquote2.png
Ex- Rei Sonic sobre o porquê de Knuckles tê-lo espancado
Cquote1.png Eu só tava retribuindo ao que você me fez a 25 anos atrás e porque eu ainda tenho este maldito olho metálico na minha cara! Cquote2.png
Knuckles respondendo à pergunta de cima
Cquote1.png ...filho da puta! Cquote2.png
Sonic sobre resposta acima

Nisso Sonic, Tails e Knuckles vão pra pancadaria final contra o Rei Shadow e salvar a Sally, deixando pra pobre da Lara-Su a responsabilidade de libertar o Rotor, que também estava no xilindró, e carrega-lo pra fora de lá (pois é, aspirante só se fode). Pra surpresa de todos, Shadow dá uma surra em geral, já que Sonic ainda tava só o bagaço de seus últimos anos na miséria enquanto que Tails e Knuckles ainda... éhh.. eram personagens secundários que só sabia dar apoio ao protagonista dessa joça. Em meio a toda essa trambicagem Lara-Su chega botando moral e enfrenta Shadow do mano-a-mano. Dai rola toda aquela briga a lá Dragon Ball Z, com direito a Chaos Spear, Chaos Blast, Kamehameha, Alex Full Sonic Boom, Força Jedi e até Genki Dama, sendo que no final Lara-Su dá uma de Mulher-Maravilha virando Super Sayajin usa a versão mais leve do ZA WARUDO! salvando o reino para que Sonic e Sally possam finalmente fazer com que tudo volte ao normal (além de tirar aquele atraso e já garantir descendentes) e derrotando o ouriço-negão-emo para sempre... FIM?

O Retorno do verdadeiro Shadow![editar]

Depois de tantas aventuras suicidas, Lara-Su esperou 5 malditos anos pra ser rebaixada a babá dos novos filhos de Sonic e Sally

Lara-Su nem mal havia botado essa cópia barata do Shadow pra dormir, e a galerinha remanescente do seu antigo Império (que idolatrava aquela bicha broxa) decidiu fazer que nem os irmãos Elric e realizar uma transmutação humana furry dessa vez trazendo o verdadeiro Shadow machão e fodão pra vinga-los, onde nada daquela boiolagem teria acontecido, já que o verdadeiro ouriço-overpower não daria mole(ui!) para nenhuma puta e foderia(nos dois sentidos) qualquer merdinha metido a herói (inclusive a puta desse artigo).

O verdadeiro Shadow de volta pra botar ordem nessa porra... ou não.

Nisso a Lara-Su fala a pro Rei Sonic a respeito dessa falcatrua, e este então manda que ela reúna um grupo de moleques-filhos-dos-componentes-de-sua-antiga-gangue pra formar os Novos Lutadores da Libertinagem Liberdade, onde é claro Lara-Su o Rei seria o líder (mais uma vez a fedelha é recanteada pra ralé dos coadjudantes). Pra piorar as coisas, o verdadeiro Shadow vem à tona, dá uma boa olhada em tudo o que está rolando, acha tudo uma tremenda viadagem, liberta do Tikhaos pra destruir tudo e todos, e por fim volta pro seu sonhinho da beleza já que não viu solução nenhuma pra essa rixinha de metecáptos. Como se não bastasse o Silver aparece nesse tempo só pra ferrar ainda mais com a timeline, Sally e os filhos de Sonic são sequestrados e logo são resgatados pelo próprio rato de gel e os novos integrantes só sabem encher linguiça na trama, sempre sobrando pra Lara-Su ter que dá conta de tudo. Após carregar praticamente o time todo nas costas por mais de duas edições, Lara-Su já estava mais do que na certeza de que pelo menos ela poderia ser a grande heroína no final dessa história... Só pra no final ver os malditos filhos do Sonic matarem Tikhaos dando-lhe o golpe de misericórdia no monstrengo.

Cquote1.png Headshot! Cquote2.png
Manik &Sônia sobre como mataram Tikhaos

Muito emputecida, sobro apenas para Lara-Su desabar suas mágoas nos braços do filho do Vector ir para a esquina mais próxima, onde encheu a cara até o dia amanhecer. Surpreendentemente acordou na cama com seu primo Rutan, e achando ter cometido incesto resolveu entrar pra uma tribo de emos afogar seu desgosto em crack e LSD, passando a ser dependente química até os dias de hoje (ou o futuro de hoje...?). Felizmente ela ainda continua bancando a Mary Sue dessa timeline do azulão, cargo que certamente irá ocupar pelo resto de sua vida, já que pretende encerrar a descendência da Irmandade dos Maconheiro nela mesma (depois de tanta merda feita, no final das contas ela foi a mais sensata dessa geração de equidnas acefaloides).

Realidade 2: Dark Móbius[editar]

Lara-Su Jani-Ca
Jani-Ca Fight.jpg
A Lara-Su que ninguém conhecia, mas que sempre esteve lá, em alguma realidade perdida do tempo
Ano de criação 2004 2002
Primeira aparição Archie Comics
Habilidade(s) Ficar presa em timelines fudidas
Amigo(s) Silver e os Dark Freedom Fighters (não confunda-os com esses viados)
Inimigos Enerjak e seus fantoches
Quem gosta da Lara-Su Qualquer um que curte Hentais da turma do Sonic

Aqui, depois que Sonic se mandou pra puta que pariu, nada de anormal aconteceu, isso porque Enerjak voltou dos mortos pra tocar o terror no mundo, estabelecendo seu golpe do baú reinado faraônico e no meio dessa confusão, segundo reza a lenda contada por Julie-Su, Knuckles tentou confronta-lo e acabou sendo assassinado por alguém de sua própria laia logo após tê-la engravidado (perdeu a vida, mas não antes de perder a virgindade). Por um breve momento isso poderia ser um motivo de felicidade pra Lara-Su dessa timeline, pois com seu velho morto, ela teria que ser a nova Guardiã de Angel Island pra não deixar a Irmandade dos Maconheiros se escafeder, porem toda essa alegria foi pro brejo quando soube que até pra ter esse título era necessário a viadagem de ritual satanesco onde um mano-raiz passa o cajado cachimbo da paz pro novo mano-nutella. Sem muitas escolhas, a fedelha tenta fazer o que qualquer garota adolescente sensata em pleno vigor em auge da puberdade faria: Voltar no tempo e matar o assassino de seu pai antes que este o matasse.

Começando a (tentar) ferrar com o tempo-espaço[editar]

Numa busca desesperada de salvar a vida de seu querido papai, Lara-Su invade a central da Skynet, onde encontra a máquina do tempo e volta para o ano de 1995 3224, quando o clone do vampiro Michel Temer tentou usurpar a presidência da república pela segunda vez este estava tentando pagar de diplomata num julgamento sem-noção no pior estilo House of Cards. Com uma chegada completamente plagiada do T-800, Lara-Su encontra o tal tratante chamado Remington que se preparava pra matar o mano dos echidnas no próprio tribunal eleitoral, onde ela chegou na voadora e impediu o cara de atirar primeiro.

Cquote1.png Onde é que eu tô? Cquote2.png
Lara-Su prestes a fuder com a timeline das HQs

Só que na verdade o dito-cujo estava prestes a atirar no senador corrupto que tentou matar ManoKunx também com um tiro. Felizmente a Sega chegou com seus advogados e uma equipe de Pais-de-Santos para ressuscitar o maloqueiro drogado apresentando uma lei que impedia qualquer autoridade de matar personagens oficiais dos games de Sonic. Nisso Lara-Su é mandada de volta pro seu tempo mais perdida que cego em tiroteio.

Cquote1.png Essa referência foi desnecessária! Cquote2.png
Capitão Referência sobre ultima frase acima

De volta para o futuro[editar]

Depois de todo esse mal entendido, Lara-Su retornou a seu tempo original onde pressionou sua mãe contra a parede sobre toda essa historinha que ela havia contada sobre seu pai, ao que Julie-Su deu uma de Obi-Wan Kenobi e respondeu que foi tudo verdade de um certo ponto de vista só pra não admitir que foi uma grande Pegadinha do Mallandro. Colocando enfim todo o conto na versão original, Lara-Su descobre que seu pai não foi morto pelo vilão, mas que na verdade ELE é o próprio vilão que foi corrompido pelo lado sombrio e agora está metendo o terror em todo mundo (bem original, não?). Pra completar o clichê, Julie-Su resolveu juntar um grupo de rebeldes para lutar contra este império do cão, e agora que Larinha já era maior de idade poderia se juntar a essa galera na guerra plagida do George Lucas.

Lara-Su Jani-Ca e sua trupe de lutadores mendigos

No meio de toda essa parafernalha, os rebeldes conseguiram derrotar a Legião Sombria do vilão, mas Knuck.. digo, Enerjak conseguiu sequestrar uma caralhada de rebeldes (incluindo a Julie-Su) com os quais começou a criar um novo exército de zumbis-robóticos chamados Prelates, sobrando pra Lara-Su ter que liderar tomar de conta dos rebeldes restantes, reduzidos a seis furries. E assim seguiam seus dias infelizes fazendo baderna e pregando o anarquismo para as poucas mentes pensantes de mundinho pós-apocalíptico.

A ameaça de Enerjak e chegada do Silver[editar]

Durante alguns trancos e barrancos, Lara-Su consegue roubar a espada dos Acorn o sabre-de-luz dos Skywalker que era a única arma que poderia faze-la lutar pau-a-pau contra Enerjak Darth Vader sem precisar de treinamentos obscenos com Mestre Yoda, onde se tornou mais badass que o seu eu da outra linha temporal. A essa altura Lara-Su mudou seu nome para Sarah Connor Jani-Ca e renomeou os integrantes restantes de Suppression Squad Dark Freedom Fighters, compostos pelo fudidos Bunnie, Fiona, Rotor, Antoine, Bean e Bark Scarlette Jorranson, Payback, Dagger, Cutlass Depardieu, Demo e Blockbuster, vivendo num estado de miséria muito pior que o ex-rei Sonic da primeira timeline.

Só nessa linha do tempo mesmo ela não foi uma codjuvante idiota

Como desgraça pouca é bobagem, já não bastando toda a fodelância dessa linha do tempo, eis que Silver aparece pra tentar ajudar os mocinhos, a fim de criar outro maldito paradoxo temporal que nunca será justificado (lê-se princípio da Song of Storm roteiristas preguiçosos). Assim, Lara-Su Jani-Ca diz que a única forma de derrotar Enerjak é sugando suas energias com a tal espada mágica abençoada por Son Goku, e depois de muito lenga-lenga, brigas de colégio, xingamento de mães, disparos de raios laser's explosões a lá Michael Bay, Silver e Enerjak lutam no antigo estilo dos mestres jedi e Jani-Ca (diferente da primeira Lara-Su) dá o golpe de misericórdia no faraó echidna, onde Knuckles volta a virar um velhote arrombado e nossa heroína herda os poderes do Enerjak, ficando ainda mais over-power. Pra alívio da humanidade, ela não fica do mal, mas usa todo esse poder pra libertar o exército dos Prelates fazendo todo mundo voltar ao normal, e depois que Silver vai embora, ela volta a se chamar de Lara-Su voltando a sua antiga vidinha medíocre como se nada tivesse acontecido (embora a população terá de seguir reconstruindo todas as civilizações mundiais pelas próximas 50 gerações... Fazer o que? Não se pode acertar todas.). E assim acaba a historinha de Lara-Su nessa estúpida segunda timeline.

Cquote1.png Caralho, que merda... Cquote2.png
Dave Jones sobre final da segunda timeline

Triste fim de Policarpio Quare-- digo, Lara-Su[editar]

Assim ficou Lara-Su depois que foi estraga pelo maldito Ken Penders

Atualmente, assim como a sua mãe (a mãe dela, não a sua bobão), as personagens estão demitidas no "banco de reservas" dos HQ's da Archie Comics. Isso porque, por motivos de força maior judiciais, não poderão mais aparecer nas historinhas, pois o criador desse e outros personagens secundários, terciários e de vareados não está trabalhando na editora e ainda por cima passou o rodo em meia dúzia de personagens que nem são dele, fazendo um verdadeiro arrastão na Archie Comics.

Mas não se preocupe caro leitor vagabundo pois, ela vai aparecer em uma nova comic ridículo muito bizarra chamada "The Lara-Su Chronicles", criada pelo maldito dono desses personagens: o estraga-prazeres Ken Penders, a qualquer momento... Basta saber quando, onde e porquê. Nós não temos essa informação, afinal nós não somos site de fofoca. Vai procurar o que fazer, tá?

OS: Já adiantamos apenas que se você tem problemas com imagens chocantes nem pesquise por essa desgraça.

Veja também[editar]

252089 - Fantina Gardenia Pokemon.png Este artigo trata de uma Hentai Girl
Ela é gostosa, mas nón ecziste. Ela participa de algum desenho, jogo ou quadrinhos e usa uma calcinha de fio de nylon.