Leandro e Leonardo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
60px-Bouncywikilogo.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: Leandro e Leonardo.

Cquote1.png Vou chorar. Desculpe mas eu vou chorar Cquote2.png
Leandro e Leonardo sobre a hora em que você voltar

Leandro e Leonardo era o nome de uma dupla de dois cornos goianos que segundo teorias, teriam sido os mais famosos e bem sucedidos da história do Brasil na sua área de atuação.

No entanto, há teorias que afirmam que a afirmação acima é fora de propósito, uma vez que Zezé di Camargo e Luciano e Bruno e Marrone conseguem ser tão cornos quanto, apesar de terem feito mais sucesso.

A história[editar]

Aí, Leandro! Você achou o lugar que eu gosto!!.

Inicialmente eles eram uma dupla de dois irmãos que tentava a sorte trabalhando na roça e plantando tomate, coisa que não dava dinheiro e nem futuro nenhum, no que um dia eles resolvem partir para o tudo ou nada, tentando a carreira "artística". Eles fizeram sucesso graças a letras melosas e grudentas, que acabaram por se grudar ao cérebro de algumas gurias retardadas dos anos 90 que estavam cansada de rock e que por isso estavam dispostas a aceitar qualquer coisa, mesmo que fosse uma praga de Sertanejo de doer os ouvidos.

O estouro[editar]

Eles começaram a estourar para valer com o Entre Tapas e Beijos, sucesso bizarro que lembra em muito as letras do estilo do Fuscão Preto e as músicas de corno cantadas pela dupla João Mineiro e Marciano, grande sucesso na época.

Depois disso, eles lançaram Pense em Mim, que viria a ser um estrondo tão grande a ponto de arrebentar o cú da mulher melancia, sendo que durante anos eles viveram bem graças aos sucessos.

Há informações inclusive de que eles teriam influenciado as coisas bregas que viriam a seguir, tais como Mamonas Assassinas e todo o movimento da Axé Music, coisa que nunca foi confirmada.

A Separação da Dupla, e a Origem do Universitário[editar]

Graças ao poder da Máscara da Morte de Câncer, que não aguentava mais os estrondos sertanojentos da dupla, houve uma enorme batalha para que finalmente os ouvidos brasileiros se livrassem dessa dupla de uma vez por todas.

O Mascara da Morte, tentou mandar o Leonardo para uma dimensão paralela, onde que ele seria o rei, mas foi burro o suficiente para não querer dominar a Terra Universitária (onde mora o Anti-Luan Santana, afilhado do anti-Cosmo). Mas, como o seu irmão era mais espertoo, aceitou a proposta do Dourado, e dizimou o Ritmo do sertanejo Universitário neste Mundo paralelo! Porém, este ritmo, saiu por uma brecha no espaço, e contaminou todo o nosso planeta

Veja também[editar]

v d e h
Os cantores e duplas sertanejas, sô!
Xitãoróxorãozinho.jpg