Leite de vaca louca

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
10413.gif

Leite de vaca louca fez pacto com o CAPETA!
Então é melhor nem se meter com esse artigo, senão o capeta vai atrás de VOCÊ!!!

 

No Wikipedia.png QUEBROU A CARA!

Os espertalhões da Wikipédia NÃO têm um artigo sobre: Leite de vaca louca.

Vacaloka.jpg

Criancinha que tomou leite de vaca louca.
...

Cquote1.png Você quis dizer: Leite adulterado Cquote2.png
Google sobre Leite de vaca louca
Cquote1.png Já tomei. Cquote2.png
Brasileiro sobre Leite de vaca louca
Cquote1.png Faz mal para a saúde. Cquote2.png
Capitão Óbvio sobre Leite de vaca louca
Cquote1.png Prefiro não comentar. Cquote2.png
Copélia sobre Leite de vaca louca
Cquote1.png Naaaaâo t-tem um valor-alor nu-nu-tri-tri-tri...adequado. Cquote2.png
Ruth Lemos sobre Leite de vaca louca
Cquote1.png Isto ecziste. Cquote2.png
Padre Quevedo sobre Leite de vaca louca
Cquote1.png Se eu pudesse eu tomarra mil litro! Cquote2.png
Jeremias sobre Leite de vaca louca
Cquote1.png A vaca foi quem boto pra nóis bebê! Cquote2.png
Jeremias sobre Leite de vaca louca

Leite de vaca louca é um "alimento" muito consumido no mundo inteiro, principalmente no Brasil, embora todos os nutricionistas sejam contra e façam campanha para acabar com o seu consumo. Ele é conhecido por diminuir a sanidade mental de quem o toma, deixando a pessoa visivelmente alterada. Também provoca sintomas físicos diversos, como o alargamento da boca, das narinas, das orelhas e diminuição da massa encefálica, embora cada pessoa possa reagir de uma maneira diferente.

História[editar]

Vaca louca.
Outra vaca louca.

Grécia[editar]

O leite de vaca louca começou a ser consumido na Grécia Antiga, pois os gregos precisavam de um alimento "energético" para competirem em suas idiotices olimpíadas esportivas. Para obter este "complemento alimentar", começaram a dopar suas vaquinhas leiteiras incluindo diariamente na alimentação das mesmas uma porção de cogumelos alucinógenos, causando-as sintomas estranhos e alterações de comportamento. Estas mudanças refletiam na qualidade do leite e em seus efeitos no organismo humano. Quando alguém tomava esse leite, os efeitos que sofria eram imprevisíveis. Alguns faziam caras estranhas, outros gritavam coisas incompreensíveis, alguns até saíam correndo e quebrando tudo que encontravam pela frente. Os esportistas eram os maiores consumidores da época, pois o leite de vaca louca é um poderoso energético e estimulante, apesar dos efeitos colaterais.

Roma[editar]

Hmmmmmmm.

Quando os gregos começaram a organizar competições internacionais, o segredo do leite de vaca louca foi descoberto e roubado por outros povos. Todos queriam saber o porque dos atletas gregos terem um ótimo desempenho durante as corridas, lutas, saltos na vara e arremessos de discos feitos de metal pesado, como Sepultura e Iron Maiden. Os romanos foram os primeiros a roubar e se beneficiar dessa incrível arma secreta, inicialmente apenas os atletas e os soldados. O exército romano é muito conhecido por ser bravo e conquistador, mas a verdade é que eles devem toda a sua fama ao leite de vaca louca, porque sem ele não teriam conquistado a Península Ibérica nem porra nenhuma. Após as conquistas do Império Romano, a população romana começou a tomar esta poderosa perigosa bebida, resultando imediatamente em um caos fora de controle, e em poucos minutos a cidade estava em chamas. Nero, o imperador, assistiu todo aquele desastre sem fazer absolutamente nada além de tocar uma lira idiota, pois naquele dia Nero estava totalmente chapado. Além de várias garrafas de leite de vaca louca, também havia cheirado gatinhos. Pode-se dizer então que o leite de vaca louca foi o responsável pela ascensão e queda do Império Romano.

Egito[editar]

Vaca louca tomando o próprio leite.

Antes da queda do Império Romano, Júlio César, imperador que governou antes de Nero, havia conquistado o Egito e também o coração de sua rainha Cleópatra, tudo graças ao leite de vaca louca. Após a conquista do Egito, Júlio César descobriu que estava apaixXxoOnAdiNhuUu por ela e para tentar conquistá-la preparou para ela um pResEenTiNhUuuUU: ele sabia que Cleópatra era louca por cobras (aliás, quem não sabe), e mandou fazer uma garrafa em formato de cobra para lhe dar de presente. Após encher a garrafa-cobra com leite de vaca louca, Júlio César foi procurar sua amada que ainda o odiava por ter conquistado seu país. Quando Júlio César mostrou a cobra para Cleópatra, ela logo caiu de boca e começou a tomar todo aquele leite, como se estivesse hipnotizada. Como o leite de vaca louca tem um efeito imprevisível, Cleópatra começou a arranhar o próprio pescoço e logo depois caiu morta. Para esconder sua culpa, Júlio César inventou que Cleópatra teria sido picada por uma cobra venenosa. O fato gerou muita polêmica na época e apenas contribuiu para aumentar o consumo de leite de vaca louca, que logo se espalhou pelo mundo.

Substância ativa[editar]

Ninguém sabe ao certo qual é a substância causadora desses efeitos do leite de vaca louca, várias pesquisas ainda estão sendo feitas. Por enquanto sabemos apenas que uma modificação genética das vacas que comem cogumelos alucinógenos é a causa dessa mudança no leite.

Pessoas que tomam leite de vaca louca[editar]

Adolf Hitler tomava leite de vaca louca.


Não ver também[editar]