Lisanna Strauss

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Mr. M.jpg Hocus Pocus!

Este artigo se trata de charlatanismo magia, encantos e todo tipo de macumba. Ele serra pessoas ao meio, tira coelho de cartola, faz vodu e adora uma varinha mágica. Se vandalizar, Houdini fará você desaparecer.

Lisanna Strauss

Lisanna cosplay.jpg

Classe Mágica Maga Metamorfo
Fairy Tail
Idade 17
Apelido Kulilin
Mestre Ditto
Amin Khader
Parceiros Natsu Dragneel
Happy
Tipo de magia Transformação
Técnica(s) Reviver depois de 10 anos
Perfil
Roupa Cosplay de Neko
Família Mirajane (irmã gostosa)
Elfman (irmão maromba)
Yukino Agria (irmã gêmea perdida)
Sonho Casar com Natsu
Frase Favorita Cquote1.png Mira-Nee!!! Cquote2.png


Cquote1.png Metamorfo eu passo na bala de prata Cquote2.png
Dean Winchester
Lisanna Strauss é uma maga metamorfo presente no mangá/anime Fairy Tail que morreu, mas passa bem, obrigado. Uma versão animada de Amin Khader, depois de 10 anos teoricamente morta, depois que todos os seus companheiros e familiares choraram rios de lágrimas mais ou menos no mesmo estilo que o Edu Guedes, Lisanna reapareceu na guilda do nada, como se nada tivesse acontecido. E o mais impressionante nem foi ela ter ressucitado misteriosamente, e sim que ninguém da guilda deu a mínima, fora os personagens principais que fizeram comentários breves sobre a ressurreição, os poucos secundários com direito a falas conversavam com Lisanna naturalmente, ignorando o fato de que ela era praticamente um fantasma.

Passado[editar]

Lisanna nasceu naquela cidadezinha interiorana onde se passa o filme "A Colheita do Mal", onde os poucos habitantes são caipiras alucinados satanistas que dormem com a enxada do lado do travesseiro e fazem sacrifícios humanos anuais em nome de seus deuses pagãos. Só por isso a infância de Lisanna já podia ser considerada uma desgraça, e ela deveria agradecer aos céus e aos anjos de Sorano Agria por estar viva e inteira.

Lisanna, Natsu e Happy, tinham tudo para formar uma família feliz, pena que Lisanna prefere brincar de morto-vivo e Natsu preferiu se casar com Gray Fullbuster.

Porém, como desgraça pouca é bobagem, para cagar de vez a infância da protagonista deste artigo, em uma manhã de janeiro, um deus pagão aleatório ficou irritado com os habitantes da cidade, pois no ritual executado em dezembro eles tinham oferecido em sacrifício uma não-virgem alegando que as virgens hoje em dia são peças raras. Não querendo saber de desculpas, o tal deus resolveu subir do inferno e mastigar pessoalmente a alma de todos os infiéis que ali estavam, porém, foi impedido e exorcizado por Mirajane Strauss, a irmã mais velha de Lisanna, que com apenas uns 12 anos conseguiu executar o desencapetamento com sucesso. O problema é que, no processo, Mira-Nee acabou absorvendo um pouco do DNA do tinhoso, e ficou permanentemente com o braço deformado. Aí os FDP's da cidade, ao invés de agradecerem pelo salvamento, resolveram expulsar Mirajane, Lisanna e Elfman da cidade, acreditando que o demônio que antes eles louvavam agora estava vivendo e controlando o corpo da garota que o exorcizou. Assim Lisanna e seus irmãos começaram a vagar por aí, sobrevivendo de esmolas e restos de comida que os cachorros ignoravam.

Depois de alguns meses vagando por aí e alugando o espaço debaixo da ponte dos mendigos, Lisanna e seus irmãos chegaram em Magnolia, uma espécie de Tangamandápio renascentista. Após explorarem a cidade por algumas horas em busca de restos de comida nas lixeiras, os irmãos encontraram uma guilda, a Fairy Tail, cujo mestre, Makarov Dreyar, ao perceber que o trio tava quase morrendo, resolveu oferecer abrigo e comida, em troca de alguns poucos serviços escravos durante os próximos 30 anos. Dessa forma, Lisanna virou faxineira, enquanto que Mirajane virou garçonete e Elfman virou pedreiro, ajudando quando necessário na reconstrução da guilda, que é destruída quase todo dia.

História canônica[editar]

O motivo de Natsu Dragneel entrar 200% putaço em sua luta contra Rogue Cheney, e aplicar um overkill no mesmo sem misericórdia.

Após alguns meses na guilda, Lisanna já estava entrosada com a galera, especialmente com Natsu Dragneel, um moleque cabeça-oca que vivia fazendo palhaçada pra animar os vagabundos que ficam bebendo o dia inteiro no salão comunal da guilda. Depois de algumas conversas particulares e troca de nudes pelo zip zop, Lisanna fez Natsu prometer que iria se casar com ela em um futuro próximo. Na hora, o dragon slayer de fogo deu um miguézão, falou que aceitava da boca pra fora, já que além de não querer perder o contatinho, precisava de uma ajuda feminina para cuidar e ajudá-lo a não matar acidentalmente o gato com asas que achara há pouco tempo.

Passados alguns anos, agora com um bom domínio de sua genética de metamorfo e podendo se transformar em híbridos bizarros de animais com humanos, Lisanna começou a acompanhar os seus irmãos em missões de nível alto, assim ninguém poderia dizer que ela é só mais uma vagabunda come-dorme na guilda, assim como certos magos que ficam parados o dia inteiro na frente do mural de trabalhos. Em uma dessas missões, Elfman, querendo se mostrar pras 9vinhas, tentou fazer algo que não sabe, uma transformação completa em demônio belzebu chifrudo from hell. Obviamente o idiota, que não era lá um grande mago, acabou perdendo o controle sobre o próprio corpo, deixou a personalidade demoníaca assumir e deu um puta dum tapão bem na cara de Lisanna, fazendo-a voar por uns 10 quilômetros, matando-a na hora, ou não.

Depois de mais de 10 anos morta e enterrada, depois que Elfman e Mirajane martirizaram-se por todos esses anos e pensaram seriamente em suicídio por não conseguirem lidar com a culpa, eis que, do nada, Lisanna volta para a guilda no dia do aniversário de sua morte, sã e salva, como se nada tivesse acontecido, perguntando o que tinha para o jantar. Ninguém entendeu porra nenhuma, mas como estamos em um anime, onde as coisas naturalmente não fazem sentido, ninguém se importou muito em saber os detalhes, todos apenas comemoraram com muita cerveja e churrasco.

Após o seu retorno, Lisanna entrou para o panteão de personagens secundários esquecidos que só aparecem esporadicamente para dar vida ao salão comunal da Fairy Tail. A única diferença entre Lisanna e aqueles personagens secundários inúteis, como o gordinho do time da Levy McGarden, é que ela possui algumas linhas de fala em alguns episódios e possui interações especiais com Natsu Dragneel e Happy.

Magias e habilidades[editar]

A poderosa transformação incompleta e bizarra realizada por Lisanna. Temam-na!

Assim como todos os membros da família Strauss, Lisanna é uma maga metamorfo, ou seja, pelo menos na teoria, deveria poder se transformar em qualquer coisa. O problema é que, como prefere brincar de morto-vivo à treinar e desenvolver sua mágia ao máximo, Lisanna consegue metamorfosear o próprio corpo apenas em híbridos bizarros entre humanos e animais.

A protagonista deste artigo possui uma extensa variedade de transformações incompletas e estranhas, a maioria inútil tanto para combate quanto para utilidade, digassi di passagi, servindo apenas como alívio cômico em momentos inoportunos. Tendo isso em mente, quando o pau come e se faz necessário o suporte dos magos secundários da guilda, Lisanna sempre opta por duas transformações em especial, a transformação em pato amarelo gavião de franja (?) que lhe permite voar, ou algo próximo disso, e a principal, que usa em praticamente qualquer situação, a transformação em gatinho, na qual ela mantém a forma humana e apenas acrescenta um cosplay de neko.

Fairy Tail por Hiro Mashima
v d e h