Lixeiro

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
LuisEspalhaLixo.gif
Lixeiro é papo de doido!

Ele pode falar sobre alguma coisa doida, alguém doido, ou foi escrito por um doido. Se você mora num hospício, onde tudo que se tem pra comer é gelatina, é recomendável não ler o artigo. Mas se você é como os nerds da uiquipédia, sem nenhuma gota de doideira, fique à vontade!

EU NUM TÔ LOKO!!!


Cquote1.png Aí, Zé, achei um pedaço de pizza nesse saco de lixo aqui, no meio do papel higiênico usado! Cquote2.png
Lixeiro sobre jantar
Cquote1.png Será que essa dentadura nessa sacola de lixo encaixa na minha boca? Cquote2.png
Lixeiro sobre Descoberta Arqueológica
Cquote1.png Sai fora que esse aí é meu!!! Cquote2.png
Lixeiro para o vira-latas, sobre posse territorial
Cquote1.png Que merda! Dois lixeiros desejando felicidades do alto das suas vassouras. Cquote2.png
Boris Casoy sobre dois lixeiros
Cquote1.png O mais baixo da escala do trabalho... Cquote2.png
Boris Casoy sobre garis
Cquote1.png Eu faço loucuras no alto dessa vasoura! Ui! Cquote2.png
Gari sãopaulino

Icon tools.png Lixeiro
Privada ambulante

Lixeiro.jpg

Modelos fotográficos
Lema Quando pensar em lixo, pense em mim!
O que faz Coletor de inutilidades
Utilidade Alto
Popularidade Ignorado
Salário Icon 33 percent.png
Empresa Prefeitura. Ou empresa terceirizada.
Sindicato Liga dos Auxiliares para TRansformação das Inutilidades NAcionais (LATRINA)
Profissionais Ilustres
Crystal Clear action bookmark.svg.png
Antônio Fagundes e Cuba Gooding Jr
Ex-Profissionais Roberto Justus e Lula
Na ficção Cuba Gooding Jr interpretou um lixeiro em Herói
Animal Gambá
Planta Plantas alucinógenas
Padrinho da Profissão
Male Icon.png
Boris Casoy
Madrinha da Profissão
Female Icon.png
Dercy Gonçalves



O lixeiro é o nome do cargo que ocupa o profissional responsável pela eliminação de detritos não reaproveitáveis (ou não...). Ou seja, o lixeiro cumpre mais ou menos a mesma função que a privada, salvo o fato de lidar com restos que, normalmente, não saíram de um corpo humano.

A profissão de lixeiro é fundamental para o desenvolvimento da humanidade. Isso porque, ao longo de sua história, ela produziu muitas inutilidades. Hoje em dia, por exemplo, o maior depósito de lixo do mundo é Brasília, cuja despejo é realizado por lixeiros conhecidos como eleitores. Por essas e por outras é que se estuda um melhor aproveitamento do lixo, buscando reaproveitá-lo por meio de reciclagem, bem como uma melhor formação dos lixeiros.

Para se tornar um lixeiro, o processo é bem simples, embora árduo. Basta que você passe a vida] sem ir para a escola, ludibriando seus pais e coçando o saco por aí sem, no entanto, se envolver com atividades criminosas -uma verdadeira mágica, dentro das circunstâncias. Também ajuda não possuir nenhuma aspiração profissional e pessoal -o que inclui casar com uma mocréia de baixa-renda e ter com ela uns 15 filhos. Se quiser, o lixeiro pode se tornar um PHD na sua função, frequentando uma universidade que ofereça um curso apropriado, como o bar da esquina.

A remuneração de um lixeiro não é alta, mas ao menos chega a ser superior à percebida por algumas profissões de ensino superior, como o magistério. Isso porque a colheta de lixo é uma função estrategicamente mais fundamental para o país do que o seu desenvolvimento técnico-científico, como podem comprovar o estado de nossas ruas (e de nossas escolas).

[editar] Vantagens de ser um lixeiro

Um lixeiro em um belo e calmo dia de trabalho.


  • Um lixeiro não precisa frequentar academias caríssimas, perdendo horas nas esteiras rolantes, por exemplo. As horas que passa correndo atrás do caminhão de lixo já os deixam em muito boa forma.
  • No Natal o lixeiro é um dos poucos profissionais que não precisam se preocupar em gastar seu décimo-terceiro com Cidra Cereser ou cartões-postais de quinta categoria, uma vez que eles recebem essas porcarias esses presentes de graça de pessoas que gastaram demais na ceia de bom coração.
  • O lixeiro pode se deleitar com comidas caríssimas de restaurantes franceses que não são aproveitadas pelos seus clientes. O único inconveniente é o fato de essas comidas geralmente estarem podres e do cardápio ser constituído por refeições de gosto duvidoso, como escargott, testículos de boi e ova de peixe; mas isso pode ser desprezado, considerando-se que seus filhos não comem mais do que um pão dormido cada um há mais de um mês.
  • O lixeiro não precisa se preocupar com a ceia de fim de ano. Os restos de peru, os ossos mal mastigados de coxa e os caroços de frutas deixados no lixo bem que podem compor um farto cardápio para ele e sua família, que poderão contemplar com fartura gastronômica os fogos de um novo e promissor ano que se inicia.
  • O lixeiro pode recolher aquela camisinha usada daquele bairro de ricos e depois inseminar a própria mulher com o esperma premiado. Nascido o rebento bastardo, poderá exigir aquela indenização milionária na justiça, bem como uma pensão alimentícia caríssima. Mais garantido do que apostar na Mega-sena!

[editar] Hierarquia Sanitária

Mais um dia normal na vida de um lixeiro e sua família
Lixeiros criticando duramente um simples cidadão e sua opinião.

Um homem que lida com porcarias pode galgar altos cargos dentro do ramo sanitarista, se souber aproveitar as oportunidades. Numa listagem hierárquica sobre as funções ligadas a esse nobre ofício a qual foi, gentilmente cedida pelo sindicato da classe onde os garis estão no topo da lista seguida dos mendigos que ainda não se ambientaram com a reciclagem de papelão.

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas