Love (Álbum dos Beatles)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Lego-beatles-abbey-road.jpg Este artigo se trata de um álbum

E já teve milhares de cópias vendidas! (ou não).

Conheça o resto da playlist clicando aqui.

Love é o último álbum (e também um dos piores) da banda de pop rock inglês The Beatles. Tecnicamente, este álbum é so mais uma das tantas coleções de remixes das músicas dos Bítous lançados no mercado. A únicia diferença é que este Love, ao contrário das outra coletâneas, é caro pra burro.

História do "Projeto"[editar]

Capa alternativa para a versão de colecionador do álbum

Após o lançamento de Beatles Rock Band, os empresários malvados viram que os Beatles continuavam arrasar os corações das garotinhas - embora não tanto quanto antigamente - então decidiram investir em mais um produto com os dizeres "The Beatles" estampados na capa. E o resultado foi estrondoso, velhinhas que se lembram do tempo em que Ringo Starr ainda era famoso foram logo comprar o álbum, e gastaram todo seu suado dinheiro da aposentadoria com esta ínfame coletânea.

Porém, contudo, no entanto, logo após o estrondoso número de vendas do álbum, foi hora da crítica entrar em ação. Alegando que o álbum é um dos piores dos Beatles (assim como fizeram com Yellow Submarine) e sugerindo boicote a tal coletânea.

O Show[editar]

Em uma tentativa falha de promover o álbum e, principalmente, conseguir dinheiro, os mesmos empresários malvados que tiveram a ideia de lançar este "Love" decidiram chamar o pessoal do Cirque du Soleil para montar uma apresentaçãozinha infame para tirar mais dinheiro do bolso dos fãs dos Beatles. E não precisa nem dizer, mas, o "espetáculo" foi um fracasso.

Agora, é hora da Beatallica entrar em ação[editar]

Apesar das críticas duras em relação ao álbum, os mesmos empresários do começo do artigo viram que os Beatles ainda tinham muitos fãs dispostos a gastar seu suado dinheirinho com produtos da banda e decidiram lançar mais uma coletânea de remixes de músicas da banda, Love 2.0. Agora trazendo músicas inéditas da banda que "inspirou" os Beatles, a grande Beatallica.

Com direito a solos remixados da época em que a Beatallica ainda tinha o polêmico guitarrista Chimbinha entre sua formação, este Love 2.0 foi considerado muito melhor que o primeiro por trazer músicas que há muito tempo não eram encontradas para venda (e principalmente, para download ilegal).

Crystal Clear app kguitar.png

Gene Simmons deu sua benção a este artigo!

Obrigado! Este artigo se sente mais forte agora :)

Clique aqui para mais abençoados.