Loveless

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Sem comentários...
Loveless é algo que Hanabusa Idou aprova!

Este é um típico artigo Yaoi, que menciona coisas gays que só gays yaoístas curtem. Se você é cabra omi e odeia Yaoi, NÃO LEIA este artigo, pois ele pode levá-lo para o lado rosa da força, mas se carapuça serve, sente, digo, sinta-se à vontade.

Hitler curtindo um som do Fresno. Loveless é emo.

Se você não respeitá-lo(a), um deles chamará o Adolfinho para lhe transformar em purpurina.


Loveless
ピカチュウ
Loveless final fantasy.jpg
E depois ainda perguntam porque certos mundos podem acabar...
Gênero Novela, Shotacon, Pedofilia, Yaoi
Mangá
Autor Michael Jackson
Divulgação Square Fix
Onde sai Gay Fantasy
Primeira publicação maio de 2002
N° de volumes 24 - 15
Anime
Dirigido por Mokona
Estúdio Pedo Bear produções
Onde passa Japão, Estados Desunidos,
Primeira exibição 24 de Abril de 2005
N° de episódios 12(ainda bem)
Filmes nenhum
OVAs nenhum

Cquote1.png Não é pedofilia! Pedofilia seria quando um adulto abusa de uma criança, não aconteceu nada! Cquote2.png
Fangirl yaoi retardada sobre Loveless
Cquote1.png Isso ecziste, mas nom deveria eczistir Cquote2.png
Padre Quevedo sobre Loveless
Cquote1.png Você traiu o movimento dos irmãos mais velhos! Cquote2.png
Dado Dolabela sobre Seimei
Cquote1.png Esse Soubi é um mau karatêr! Cquote2.png
Miguel Falalbela sobre Soubi
Cquote1.png Não vi nada! Cquote2.png
Magela sobre decência em Loveless
Cquote1.png Se eu pudesse eu matava MIL Cquote2.png
Jeremias sobre Pedofilos
Cquote1.png Onde foi que eu errei? Cquote2.png
Pai desconhecido de Ritsuka sobre Ritsuka
Cquote1.png Depois nós é que somos pedofilos Cquote2.png
Padre sobre Soubi
Cquote1.png Na União Sovíética, as orelhas perdem VOCÊ! Cquote2.png
Reversal russa sobre Loveless
Cquote1.png Não gosto de pedófilos. Nunca vi um pedófilo vivo mais do que três centésimos de segundo... Se existem pedófilos é porque ainda não fui atrás de todos eles... Cquote2.png
Chuck Norris sobre pedófilos
Cquote1.png Crianças não podem amar? Poxa, essa é nova heim O_o Cquote2.png
Fangirl yaoi retardada sobre Essa doença que ela chama de amor
Cquote1.png Denunciado por pedofilia Cquote2.png
orkut sobre comunidade de Loveless
Cquote1.png SEU PEDOFILO!!! SEU VIADO!!! Cquote2.png
Capitão Nascimento sobre Soubi
Cquote1.png VOCÊS NÃO SÃO CAVEIRAS, MUDEM DE NOME SEUS MERDAS! Cquote2.png
Capitão Nascimento sobre os "Zeros"
Cquote1.png Creio que eles pratiquem pedofilia Cquote2.png
Capitão Óbvio sobre Loveless
Cquote1.png Cansado das suas orelhas de gato? Encontre um parceiro(a) para sexo agora mesmo. Cquote2.png
Site Pornô no mundo de Loveless sobre Loveless
Cquote1.png Cheirar gatinhos e levar rola, só nesse mundo faz isso, cara! Cquote2.png
Jailson Mendes sobre Loveless
Cquote1.png Que coisa horrível, isso é mutilação Cquote2.png
Catgirl sobre a perda da virgindade em Loveless


PEDOFILoveless é um anime meladamente dramático, pedofilo,gay e zoofilo criado por Michael Jackson,sua principal função, é kawailizar a pedofilia, chamando a atenção de vários pedofilos incubados,gurias gordas e feias, sua e da Xuxa.

Bonito, não? Mas segundo algum artigo do Código Penal isso dá cadeia!!

De onde saiu essa merda ideia?[editar]

60px-Bouncywikilogo.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: Loveless.
Soubi tentando convencer Ritsuka a fazer coisas libidnosas.

Michael Jackson inspirou Loveless nele mesmo, pois costumava chamar seus AmIgUxOs, que eram tudo otakus, EMO e o Felipe Dylon, para "brincar" no maior ponto de pedofilia deste mundo, que é a sua mansão, adoravam usar tiara de orelha e rabo de gato, brincavam de perder a virgindade de "mentirinha", quem perdia o jogo, teria que tirar suas orelhas. Certa vez, ele estava assistindo o programa pornografico para crianças da Xuxa, que é o TV Xuxa(dããããããã),mas quando viu o episódio do xuxucão, ficou morrendo de extase em sua poltrona(ele adora animais, como COBRAS por exemplo, mas odeia ARANHAS), e no mesmo momento lembrou da sua "brincadeirinha" que tinha com seus MiGuXoS, e de repente, sua imaginação doentia criou uma mistura de pedofilia,zoofilia e viadagem, um ser meio-emo e meio-animal, e com o tempo, começou botar essa ideia em prática(já praticava metade dela), desenvolveu uma história bem bizarra(mas para os retardados, é uma coisa fofa e kawai), porém, não sabia desenhar porra nenhuma, daí teve que contratar alguma outra mente doentia, para desenhar essa imundice.


História[editar]

Demonstração do "amor"

Ritsuka é um garotinho emo de 12 anos, irmão do seu irmão mais velho, Seimei, que se matou ao descobrir que seu irmãozinho tinha tendencias a queimar a rosca... na verdade, Ritsuka não sabe o motivo da morte de seu irmão(nem eu), acha que foi assassinado por antiotakus de uma máfia de pouco valor chamada "AECDRBD"(Anime é cópia de RBD)onde adoram avacalhar nerds de animês, mesmos sendo eles próprios também nerds desocupados tentando pagar de fodas.


Certo dia, um pedófilo estranho chamado Soubi visita sua escola e diz a ele na maior cara de pau que era amigo do irmão dele e sabe o motivo do seu suposto assassinado(Todo mundo sabe que ele se matou). Mas é de fato só uma arte-manha para botar o moleque numa aventura inútil, para que possa realizar suas praticas pedófilas espalhar amor pelo mundo.

Personagens[editar]

Ritsuka tendo mais um de seus ataques emo
Ritsuka

Um viadinho triste e traumatizado, vive reclamando da vida e é sempre espancado por outros alunos ajuizados antiemo do seu colégio. Para se vingar do AECRBD, teve que se sujeitar ao teste de bibice. Recebendo assim o nome de Loveless(que além de ser o nome do desenho, significa: Aquele que não é amado) ao sujeitar a esse teste, Ritsuka acabou passando por um trauma séríssimo que o fez perder a memória toda vez que o Soubi se aproximava.

Seu passatempo é deixar o Soubi tirar fotos dele para postar no seu Fotolog.

Soubi

O cara apareceu no desenho com a intenção de manipular ajudar Ritsuka. Embora as otakas o achem lindo, se ele existisse de verdade não passaria de um garoto magricelo, de longos cabelos loiros com óculos. Por alguma coincidência, no teste de baitolice, conseguiu trapacear, receber o título de Beloved(que significa aquele que é amado - só pelas otakas, por você, pela sua mãe e pelo Ritsuka).

Seu hobbie é dizer que deve obedecer o Ritsuka, mas sempre que Ritsuka pergunta sobre o seu irmão(motivo pelo qual a estória começou) ele disfarça. Portanto, paga de dominante quando na verdade é bottom.

Seu hobbie é ligar para o telefone das pessoas e dizer: "Seven Days". Ele já chegou até a fazer isso para o Soubi, que ficou assustado e com medo de ser descoberto.

Típica garota peituda que é deixada de lado
Yuiko

Uma menina simpática e afim do viadinho Ritsuka, mas como todo emo prefere mesmo é queimar a rosca, ele não deu bola pra ela. Algumas otakas acham que ela é chata, mas na verdade ela é igualzinha as outras otakas.

YaoiYayoi

É um moleque aí que ficou afim da Yuiko que morre de inveja do Ritsuka por receber bastante atenção dela. Não é importante. E apesar de seu nome...sugestivo, é um dos poucos personagens heterossexuais da trama.

Youji

Mais um emo que descobriu que é gay com seu "amiguinho" Natsuo.(Tão novinhos...) Ele costuma assediar o Ritsuka, deixando o Soubi e o Natsuo "irritadas".

Natsuo

Apareceu junto com seu "amigo querido" no episódio 6, e depois de perderem para o Soubi numa batalha, viraram amiguinhos dele e foram pra sua casa porque o Soubi achou os dois gostosos. (Kawaiis, como o mesmo disse.)

Professora Hitomi Shinonome

Uma professora boa de 23 anos e virgem, como no universo de PEDOFIloveless, em que a promiscuidade é celebrada, ela é fatalmente discriminada por ainda ser virgem. Aparenta gostar do Soubi, mas este não está nem aí pois é incapaz de satisfazer plenamente uma mulher.

Kio

Outro emo apaixonado por Soubi. Como não conseguiu a atenção dele, Kio decidiu se mudar para outro desenho igualmente imoral.

Hatsuko

A psicologa de Ritsuka, que está tentando transformar ele num cabra homi, e parece que está conseguindo(ou não), veja na sessão de imagens, a cena entre Ritsuka e garota de cabelo rosa.

Mãe de Ritsuka

Uma mãe que falhou no seu trabalho de mãe, deixou seu filho virar viadinho.

Seimei

Irmão mais velho do Ritsuka, sabe-se pouca merda sobre ele (e nem se quer saber), só que era o ativo na sua relação de bichice com o Soubi. Era ele quem protegia Ritsuka das mãos pedófilas do Soubi e das otakas pevertidas. Ao contrário do Itachi Uchiha, que fingia ser malvado e no fundo era bom, Seimei provou que era o grande vilão do desenho, luta ao lado de Adolfinho, o seu Fighter, é responsável por aliciar vários garotinhos.

Capitão Nascimento

Entrará no final do anime, no 13º episódio, o "GAYLESS" (sem viadagem) é revelado que Soubi já estava sendo observado pela Polícia e pelo BOPE há mais de uma ano, e que o cerco finalmente se fecha, com a ajuda de seus amigos Chuck Norris e Lindomar ele invade a casa de Soubi, apreende os computadores(repleto de fotos inocentes do Ritsuka pelado) e vários ursinhos de pelúcia, doces e coisas do tipo(que seriam usados para atrair outras crianças), altuando Soubi em flagrante, assim começará o outro anime: Enzai, sobre a vida de Soubi "no país das calças bejes" mas nesse o Soubi é que vira Uke...

Modo de batalha[editar]

Soubi e Ritsuka prestes a "batalhar"

Sim, as lutas de PedofiLoveless são inovadoramente embaitoladas e pedófilas, essas batalhas acontecem sempre em duplas e são divididas entre FIGHTER(o que ataca o oponente) e SACRIFICE(o que leva na bunda recebe os ataques). Basicamente a luta funciona da seguinte maneira: um FIGHTER precisa atacar o outro, enquanto o SACRIFICE precisa impedir que isso aconteça, ganha aquele que conseguir deixar o outro totalmente esfolado. Mas, para isso acontecer é preciso ter muito "amor" pelo outro, e acabam apelando para beijos, sexo anal,sexo oral, sado masoquismo e todas essas putarias.

Exemplo:

Batalha em Loveless

Cenas[editar]

Esse anime não tem nenhuma cena de viadagem e pedofila explicita, apenas implicita, e é o que deixa muito a desejar aos fãs retardados. Eis aqui algumas cenas traumatizantes inuteis, e outras, apenas inuteis.


Virgindade[editar]

Em PEDOFILoveless, a virgindade é representada por orelhas e rabo de gato(porque eles gostam de saber quem é virgem apenas para comê-lo e tirar suas orelhas), e as pessoas meio-humanas e meio-animais são cruelmente discriminadas(nesse anime, promiscuidade é pureza), e como todo mundo sabe que nos homens (seguros de si), a sua virgindade está no pênis, mas nessa bosta também está no seu traseiro, o que deixa homens inseguros, com MUITA raiva, mais raiva até do que da horrenda pedofilia . As pessoas virgens também são cruelmente abusadas pela pratica cruel do cheiramento de gatinhos, muitas acabam ficando sem os pelos a orelha e os rabos de gatos sem perder a virgindade, e demoram muito para crescer.

Final[editar]

O final de PEDOFILoveless é de deixar qualquer um feliz (menos os otakus e os emos). É que depois de tanta denúncia que essa pouca vergonha levou, o anime e o mangá foram DEFINITVAMENTE cancelados, e seu site oficial DELETADO, deixando Michael Jackson na falência. Bom, na verdade o mangá continua vivo (infelizmente). Porém, essa droga já destruiu o que restava dos cérebros dos yaoístas (se é que tinham algum), de modo que eles insistem em fazer fanfics com os personagens desse desenho, mesmo mal sabendo escrever. Sendo a maioria deles adolescentes, não se autoafirmaram ainda.

Videos[editar]

Video 100% original do musical Loveless o Rei leão que aparece no episódio 24

Pessoas que também participam desse jogo Fighter/Sacrifice[editar]

Ver também[editar]

v d e h
Este artigo fala sobre um anime.