Mágica

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Como alguns pássaros ficam após saírem da bunda cartola.

Mágica, diferente de magia, não é bruxaria nem feitiço nem macumba, exatamente por isso é uma coisa bem chata. Se você já criou algum pelinho debaixo do sovaco e sei lá mais onde e ainda gosta de show de mágica é porque a sua vidinha está mesmo chata demais. Chega de chatice, que pra encher o saco infelizmente não falta ninguém, então vamos à mágica.

O que é isso[editar]

Alguns chamam de ilusionismo o que é uma grande ofensa, aqueles lencinhos, cartolas, caixotes faltando a parte de baixo da mulher(isso pode ser frustrante), e judiação com coelhinhos e pombos — não é porque pombos cagam tanto e parece que, diferente de outros pássaros, fazem questão de cagar em você ou em algo que lhe pertença, que eles devem ser espremidos em caixinhas ou paninhos pra shows bestas e nenhuma besta foi prejudicada pra fazer essa página aparecer — isso tudo não pode ser chamado de ilusionismo apenas porque ilusionismo tem muito mais a ver com aquelas boas e certeiras camuflagens da natureza, como quando um Aye-aye se disfarça de demônio ou vice-versa.

Exemplo de encantadores de jumentos de garimpeiros.

Pode ser ilusionismo quando também, uma borboleta se disfarça de perereca ou vice versa. Bem como aquelas camuflagens de camaleões ou aranhas armadeiras que conseguem camuflar buracos, isso sim é perfeito ilusionismo, nada de mágica. Ilusionismo malandragem de como o vira-bosta consegue se acasalar igual doido, depois deixar os ovos entre os ovos de outros pássaros, arrumando babás integrais e gratuitas.

A natureza faz ilusionismos que nem de longe podem ser comparadas à mágicas, não importando o que o dito mágico utiliza. A Natureza pode fazer ilusionismo quando alguém está no deserto para achar que está chegando, mas na verdade não está. Pode fazer ilusionismo no mar... mas não são sereias, isso das sereias nada tem a ver com a natureza, mas sim com a noia do infeliz marinheiro muitos dias no mar, começando a ter delírios por falta de boceta... ou peka se você prefere a linguagem mais fresca kawai. A natureza no mar faz sim a ilusão Fata Morgana, aquilo sim é ilusionismo que deixa a macacada confusa, alguns até achando que a Terra é em formato de rodela.

Quem costuma fazer[editar]

Se mágica não é nem magia nem ilusionismo, o que é então essa porra? Mágica é uma tentativa de ilusionismo que pessoas criaram pra enganar trouxa fazendo as moedas de ouro ou prata delas sumirem, coisas assim, mas como há gosto para tudo, algumas autoridades sem ter nada mais o que fazer apreciaram as coisas que os pilantras inventavam e criaram a tal da mágica do bem, que era pra enganar um público que queria ser enganado e que pagaria por isso sem que fosse preciso arrancar as moedas deles sem que eles soubessem.

Se arisque a saber entre as ajudantes do mágico, quem é mulher mesmo e quem dá o truque.

Dessa forma aperfeiçoaram os truques, de modo que alguns percebiam, mas a maioria não. Os que haviam percebido nem por isso teriam seu dinheiro devolvido, mas se não conseguiam apreciar o truque, havia sempre um traveco dando o truque... mas nem sempre a putinha contratada era um traveco, não o era na maioria das vezes, essa mágica de esconder o pinto também nem sempre todos deixavam de notar, o pior era quando alguém ia negociar com algumas das recatadas ajudantes o preço de uma noitada pós show e só então, descobria o truque.

Scalobaloba ou algo assim, pergunte a ele o que isso significa. Apesar de usar dessas palavras mágicas o canal parece ser de ciência. O que essa porra tem a ver?

Resumindo, mágica é bem coisa de gente, não que humanos não pertençam à natureza, porém há aquela tese de que pode ser que sejamos o único erro da natureza, eu discordo, você eu não sei, mas a mágica mesmo é algo inexistente ou seja, sempre que você tenta enganar e consegue atingir os olhinhos inocentes de alguns, está fazendo mágica, nem é preciso que esteja dando um show de bobagem, nem vestido com um chapelão ridículo pra estra fazendo mágica. Aquela chapelão já é de desconfiar que é onde escondiam magicamente o produto do roubo. Outras mágicas pode ser encantar burros, se o resultado esperado é levar os burros a algum lugar, então foi uma condução, mas se os burros tiveram que ser encantados ou hipnotizados, eles não sabem direito o que está ocorrendo, não é mágica mas eles são burros mesmo é hipnose, pois mágica a pessoa pode estar vidrada, mas está em plena consciência e está se esforçando pra ser enganada e não ver o truque.

Ver também, se quiser[editar]

v d e h
Série de Mágicos e Mágicas
Magic hat and wand nath r.svg Mágicos

Criss AngelDavid BlaineDavid CopperfieldFada MadrinhaHarry HoudiniHans KlokHarry LorayneMister MOriental Magic ShowPadrinhos MágicosPenn e TellerPhilip BluePrincesa TenkoPyong Lee

Mágicas, Truques e Acessórios
Assistente de mágicoChapéu de MágicoCortar assistente ao meioKit de MágicaMágicas com baralhoPó mágicoTirar coelho da cartolaVarinha mágica