MC Leozinho

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Bandeira rj.jpg Coé, merhmão, eshte arhtchigo eh CARIOCA!

Não vandalize, senão a chapa vai ficarh quentche, cara. Agora deixa eu irh na praia pegarh um bronze nesse sol de 50 graush, comendo unsh bishcoitosh.

Emblem-sound.svg.png MC Leozinho
Mc leozinho.jpg
A característica mais marcante do MC Leozinho é o sorriso idiota dele
Nome Leonardo Freitas Mangeli de Brito
Origem Niterói Bandeira do Brasil Brasil
Sexo link={{{3}}} Masculino
Instrumentos
Nuvola apps kcmmidi.png
Vocal
Gênero Funk carioca
Influências Favelados em geral
Nível de Habilidade Baixo, ruim, pobre...
Aparência Ridículo
Plásticas Remoção de cérebro
Vícios
Nuvola apps atlantik.png
Cheirar loló
Cafetão/Produtor
Crystal Clear action bookmark.svg.png
DJ Marlboro

MC Leozinho, como já sugerem as letras "MC" de seu nome de guerra, é um dos incontáveis funkeiros que seguem estragando estampando o atual cenário musical no Brasil.

Biografia[editar]

Uma guria retardada dançando ao som do único sucesso de MC Leozinho.

Nasceu em 6 de maio de 1977 na favela cidade de Niterói, ou seja, como todo "cantor" de funk carioca que se preze, foi parido no Rio de Janeiro. Mesmo tendo quase 40 anos na fuça, continua agindo como se fosse um guri retardado, pelo mesmo óbvio motivo que o levou a ser funkeiro: a falta de inteligência.

Sua vergonhosa carreira teve início somente em 2006, quando foi descoberto cantando e comendo umas putas em algum baile funk pelo célebre DJ Marlboro, que o convidou para gravar uma música em parceria com ele. Surgiu assim o sucesso Se Ela Dança, Eu Danço, que chegou a ser um dos hits mais tocados daquele ano, com direito à gravação de um videoclipe que foi exibido à exaustão no Top TVZ do Multishow. Leozinho bem que tentou emplacar outras canções nas paradas algum tempo depois, mas felizmente não conseguiu.

Anos depois, quando ninguém mais sequer lembrava de sua existência, Leozinho voltou a ser notícia por tentar processar o SBT, que havia lançado um programa com o mesmo nome de sua única música famosa. Obviamente, tal processo não deu em porra nenhuma, até porque o próprio cantor também estava plagiando o título de um filme homônimo já existente.

Atualmente, parece ter deixado o funk um pouco de lado, e vem se dedicando a fazer participações toscas em reality shows ao lado de outras subcelebridades esquecidas. Sim, participações, no plural mesmo, porque não satisfeito com seu fracasso em A Fazenda 2, ainda se prestou a pagar mico em um quadro culinário do Mais Você.

Ver também[editar]