MICA

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Você quis dizer: Mico Cquote2.png
Google sobre MICA
MICA é um míssil criado na França com a intenção de mandar para a companhia de São Pedro todos os tipos de unidades aéreas que estivessem tentando invadir o país.

Características[editar]

Um típico chefe de estado admirando a sua mais nova aquisição. De agora em diante, seus problemas se acabaram, e nenhum avião desconhecido vai se atrever a ficar circulando em seus céus.

A grande vantagem do MICA é que ele tem uma espécie de sensor de calor, sendo que ele consegue perseguir qualquer coisa que tenha uma temperatura elevada. Ou seja, qualquer avião que esteja queimando combustível (e poluindo a atmosfera) é rapidamente abatido, sem dó e nem piedade. Porém, o sensor de calor não é sempre conveniente, afinal, se o MICA for usado no sertão do Ceará, por exemplo, é capaz do míssil ficar doido, de tanto calor elevado, e explodir, mandando todo o estado para os ares.

Quanto ao poder de destruição, não se pode dizer que ele tenha um poder de destruição que pode ser invejado pelo Osama Bin Laden, porém, o seu poder de destruição é razoavelmente alto. Como esse míssil foi desenvolvido apenas para formar uma bateria antiaérea, o poder de destruição dele está de bom tamanho, apesar de ter gente que acha que o seu poder deveria ser maior.

Curiosidades que você não quer saber[editar]

Apesar do MICA ser uma mero coadjuvante na arte da destruição, ele acabou chamando muita atenção, principalmente porquê eles custam mais baratos do que o velhos e conhecidos mísseis antiaéreos americanos. Porém, os maiores exportadores desse tipo de míssil foram os países do Oriente Médio, mais precisamente aqueles que tem um certo atrito com outros países mais poderosos militarmente. Com o MICA, esses países mais "fracos" teriam pelo menos uma defesa antiaérea, sendo que eles conseguiriam mandar facilmente os inimigos aviadores para a companhia de São Pedro.

Além desses países do Oriente Médio, os únicos países que se interessaram no MICA foram a própria França, pois sendo eles os produtores, eles tinham que fazer propaganda, e a Grécia, que queria esse míssil para se proteger daqueles que queriam se apropriar de seus patrimônios históricos apesar de ninguém se interessar.