MOL Vidi Football Club

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
MOL Vidi Football Club
Escudo do Videoton.png
Brasão
Hino '
Nome Oficial Videopornô Football Club
Origem Bandeira da Hungria Hungria- Székesfehérvár
Apelidos
Torcedores
Torcidas
Fatos Inúteis
Mascote
Torcedor Ilustre
Estádio Toltoy Stadion
Capacidade
Sede
Presidente
Coisas do Time
Treinador
Pior Jogador Nuvola apps core.png
Melhor Jogador Crystal Clear action bookmark.svg.png
Patrocinador
Time
Material Esportivo
Liga Campeonato Húngaro
Divisão I
Títulos
Ranking Nacional
Uniformes



Videoton Football Club é um time de futebol desprezível lá da Hungria que só serve para perder, atualmente pertencente ao Tom Cavalcante que usa o time para postar seus vídeos na Internet.

História[editar]

Fundação[editar]

O clube foi criado em 1941, ainda com o nome de Székesfehérvári Vadásztölténygyár SK, na língua orc local mesmo, pois naquela época antiga a globalização ainda não existia, então a equipe bastava ser compreensível para seus irmãos. Como qualquer time de orcs, era bem fracassado e nada respeitado. O seu nome nada agradável de escrever também era desmotivador para que a torcida não crescesse nunca, e assim o time passou sua primeira década no total ostracismo.

Década de 50[editar]

Após o fim da Segunda Guerra Mundial, os orcs foram dizimados pelos elfos e os poucos sobreviventes foram viver no Uzbequistão, e por isso o time modificou seu nome para algo mais simplificado e agora passou a se denominar de Vadásztölténygyári Vasas, não que tenha facilitado tanto ainda. A década de 50 ficou marcada como a época de ouro do futebol húngaro, o Vadásztölténygyári era aquele time ruim que só servia para tomar goleadas dos times bons da Hungria que só venciam de 9x0 pra cima e pareciam assim falsamente serem os melhores do mundo.

Décadas de 60 e 70[editar]

A partir dos anos 60 o clube é comprado por uma empresa locadora de vídeos e muda seu nome para Videoton SC, e sobe para a primeira divisão húngara em 1968.

Desde então se tornou especialista em terminar meio da tabela, pois não desejava rebaixar, mas também não desejava ser campeão e se classificar para as competições europeias onde temia tomar lavadas dos adversários realmente bons do ocidente, e não os falsamente bons do futebol húngaro.

Copa da UEFA de 1984–85[editar]

O Videoton foi a grande sensação da Série B da Champions League de 1984–85. Na época, o campeonato não era composto por bilhões de times como hoje em dia, e isso beneficiou bem o Videoton.

Para chegar na final, o Videoton chegou a golear Dukla Praga, Paris Saint-Germain e FK Partizan. Nos penaltis eliminou o Manchester United que estava pouco se fodendo pra esse campeonatinho, e na semifinal foi a vez de golear mais um time de nome estranho, o FK Željezničar.

Na final deu azar de não enfrentar nenhum Sevilla FC, FC Porto ou qualquer time secundário desses acostumados a vencer a Copa da UEFA, o Videoton enfrentou logo o Real Madrid, e óbvio que perdeu sem chances, ficando com o vice que na Hungria é tão valorizado.

Títulos húngaros[editar]

Só em 2011 foi ganhar seu primeiro campeonato húngaro que não foi conquistado nem na década de 80, e olha que o melhor time da Hungria é equivalente ao campeão da Série C do Brasileirão.

Títulos[editar]