MP3

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Nota: Se procura o aparelho de áudio que armazena e executa músicas e sons, consulte MP3 player.


U telec2k.jpg

Este artigo discute coisas intrínsecas aos anos 2000!
Provavelmente ele se refere a coisas daquela época, tais como Counter Strike, Harry Potter e TV Globinho.

Wikisplode.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: MP3.

Cquote1.png Resultados 1-10 de 6.02 × 1023 para mp3. Cquote2.png
Google sobre MP3

Cquote1.png Você quis dizer: WMA Cquote2.png
Bill Gates sobre MP3

Cquote1.png Você quis dizer: OGG Cquote2.png
Linus Torvalds e Richard Stallman sobre MP3

Cquote1.png Você quis dizer: AAC Cquote2.png
Steve Jobs sobre MP3

Cquote1.png São duas letras e um número. Cquote2.png
Capitão Óbvio sobre MP3

Cquote1.png Na União Soviética, quem abre processo por violação do direito autoral é VOCÊ! Cquote2.png
Reversal Russa sobre MP3

Cquote1.png Em Togo, você emepetreiziza a música. Cquote2.png
Inversão Togolesa sobre MP3

Cquote1.png MP3 grátis! Visite www.baixeumvirusefodaseupc.kct.ha e pegue o seu! Cquote2.png
Hacker sobre MP3


MP3 (MPEG-1/2 Boca Audio Layer 3) é um formato de arquivo de som muito usado para piratear os CDs e singles de suas bandas favoritas para compartilhar pela internet ou vendidos em CDs piratas em rodoviárias e ruas de comércio populares com a Rua 25 de Março.

O formato MP3 na verdade é uma compressão de um arquivo de áudio de boa qualidade com perda de dados, ou seja, o som fica uma merda, se comparado com o áudio original. Mas quem se importa com a qualidade quando pode ser baixado de graça na internet?

Há controvérsias sobre a verdadeira origem do MP3, mas dizem que ele foi realmente criado no dia em que Dercy Gonçalves foi posta ao mundo.

Uso comum[editar]

Sons MP3 são usados em conjunto de WAV e AEPUs (Aparelhos Eletronicos de Pouca Utilidade).

Eles são utilizados em conjunto de WAV apenas em AEPUs e computadores para reproduzir sons sonoros e servirem de peso de HD.

Alguns sons sonoros armazenados como MP3 podem ser compreendidos por seres humanos como música, outros como fala, outros como putaria e ainda outros como chiado, mas todos são MP3.

Quando o MP3 perde a sua capacidade de emitir sons sonoros ele serve de peso de HD.

Peso de HD[editar]

O peso de HD é aquele arquivo amado (lê-se MP3 corrompido, mas com nome bonito e que deveria funcionar) pelo seu usuário que mesmo sem ter utilidade é mantido no HD e é constantemente copiado junto com os backups do infeliz usuário. É o arquivo Highlander. O que o torna imortal é justamente a massiva quantidade que se instala nos computadores de seus usuários devida a preguiça de fazer uma boa limpeza.

Normalmente MP3 que são peso de HD tem embutido em seu nome "(1)" ou "(2)" ou "Copia de".


MP3 e a decadência da indústria músical[editar]

Apesar de não passar de ruído com aparência de música, o formato MP3 conseguiu a façanha de praticamente quebrar a indústria fonográfica que, exceto por uma pequena porcentagem do valor das vendas repassadas aos músicos, ficava com a imensa maior parte da fatia do bolo da venda de CDs, disquinhos de plástico que, virgens, compra-se por R$ 1,99, e gravados (com músicas em MP3) não passam de R$ 5,00.

Comprar músicas do seu artista favorito em MP3 é um bom negócio?[editar]

Não!

Em média, um CD custa algo como R$ 25,00 a R$ 30,00 e tem, em geral, 12 ou 15 faixas. Cada faixa em MP3 vendida avulsa no site de um músico eu gravadora custa custa, em média, R$ 1,99. Façamos as contas:

  •  \textstyle R$ 1,99 \times 12 = R$ 23,88 (em relação a um CD de R$ 20,00, economia de R$ 1,12, ou 4,48%)
  •  \textstyle R$ 1,99 \times 15 = R$ 29,85 (em relação a um CD de R$ 30,00, economia de R$ 0,15, ou 0,5%)

Isso para um áudio de péssima qualidade, além do fato de que você, que não é muito esperto, provavelmente não fará um backup, e acabará perdendo o áudio quando precisar formatar seu computador.

Se for assim, prefira um CD de verdade, que pelo menos tem qualidade técnica minimamente decente (ou não)

Comprar CDs ainda é a melhor opção?[editar]

Bem, você pode baixar os MP3 de graça, então porque vai pagar por isso? Se você não pagou nada, então compensa abrir mão da qualidade.

Outra dica é, caso você faça questão de um som decente, esperar 3 ou 4 meses (ou semanas, ou dias, dependendo do artista) após o lançamento do CD de sua banda favorita, para comprá-lo.

Especialmente em tempos em que não se vendem CDs suficientes nem para que o artista ganhe nem um disco de lata (as vezes nem o disco de plástico mesmo, isto é, o próprio CD...), quanto menos discos de ouro, platina, platina dupla, diamante, etc., é muito comum que depois desse período, o CD de sua banda preferida esteja sendo vendido a R$ 1,99 ou em promoções do tipo leve 5 pague 1, em gôndolas de supermercados e lojas de departamento.

O que fazer?[editar]

Mesmo correndo o risco de baixar vírus (especialmente para um n00b como você), o mais interessante é baixar os MP3 de fontes alernativas, até que o CD de seu artista favorito esteja mais barato que um cacho de bananas.

Ver também[editar]