Madonna

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Esta página se adequa à Nova Política de Conteúdo Sexual.
Conteúdo impróprio para menores de 18 anos! Tirem as crianças da sala! Este artigo tem conteúdo impróprio para menores!
Este artigo pode conter pornografia pesada ou leve. De preferência, leia-o de olhos fechados...

Se ele estiver cometendo uma infração à Política de Conteúdo Sexual, por favor, reporte à moderação.
Elavamosnos.gif Este artigo é sobre uma bruxa!

ou algo tão feio e horripilante quanto uma bruxa...

Se você vandalizar, será transformado em juiz de futebol.

Bernardinho nervoso jpg.jpg Please STOP the music!

Este artigo se trata de cantores, bandas ou músicas cantadas muito, mas MUITO mal.


331px-Longcat.jpg Prepare-se para ler:
Esse artigo é muuuuito grande e pode causar cegueira.
Pense duas vezes e não seja tão idiota antes de ler algo assim.
Emblem-sound.svg Madonna
Madonnaoldasfuck.jpg
Ela é a prova viva de que os dinossauros caminharam sobre a terra
Nome Putonna
Origem Michigan, Bandeira dos Estados Unidos Estados Unidos
Sexo De todo tipo (de hora à hora,as vezes o dia todo)
Instrumentos
Nuvola apps kcmmidi.svg
CUica e Vibradores
Gênero Puta velha
Influências Copélia, Gretchen, Rita Cadilac,...
Nível de Habilidade Icon 00 percent.png
Aparência Velha caída pagando de jovem
Plásticas Todas conhecidas por humanos
Vícios
Nuvola apps atlantik.png
Plagiar outros artistas, cirurgia plástica, namorar caras com idade para ser seus netos e não aceitar que seu tempo já passou
Cafetão/Produtor
Crystal Clear action bookmark.svg
Timbaland
Desentrevistasminibox.PNG O Desentrevistas
possui uma entrevista com
Madonna
Madonna caiu em apresentações não uma...
...nem duas...
...nem três...
...mas QUATRO vezes!


Cquote1.svg Você quis dizer: Maradona Cquote1.svg
Google sobre Madonna
Cquote1.svg Você quis dizer: Putonna Cquote1.svg
Google sobre Madonna
Cquote1.svg Cuidado com as quedas! É muito perigoso na idade dela! Pode acabar quebrando a anca! Cquote2.svg
Qualquer um sobre Madonna
Cquote1.svg Isso acontece com minha avó a toda a hora, também... Cquote2.svg
Eu sobre citação acima
Cquote1.svg Imito ela sim, e daí? Cquote2.svg
Lady Gaga sobre Madonna
Cquote1.svg Vamos ver quem adota mais, sua bruaca! Cquote2.svg
Angelina Jolie sobre Madonna
Cquote1.svg Quando uma pessoa quer dizer "entrei numa furada" ela diz "entrei numa Madonna" Cquote2.svg
Dicionário de termos técnicos sobre Madonna
Cquote1.svg Já peguei! Cquote2.svg
Chris sobre Gabriela Almeida Torrezani
Cquote1.svg Eu também! Cquote2.svg
Arthurnônimo sobre Gabriela Almeida Torrezani
Cquote1.svg Eu mais ainda! Cquote2.svg
Dercy Gonçalves sobre Madonna
Cquote1.svg Peguei, a gente se divertia tanto, mas, prefiro nem comentar.... Cquote2.svg
Copélia sobre Madonna
Cquote1.svg E quem não pegou? Cquote2.svg
Eu sobre Madonna
Cquote1.svg Eu! Cquote2.svg
Guy Ritchie sobre Madonna
Cquote1.svg Já peguei, ela e a Xuxa Cquote2.svg
Pelé sobre Madonna
Cquote1.svg Num é a Britinei Ispíar??? Cquote2.svg
Guria Retardada sobre Madonna
Cquote1.svg Madonna Whore! Cquote2.svg
Cyndi Lauper sobre Madonna
Cquote1.svg Ah, já sei... Não é aquele jogador argentino? Cquote2.svg
Carla Perez sobre Madonna
Cquote1.svg Vadia! Mão-de-vaca! Ingrata! Me dá um dinheiro? Cquote2.svg
Christopher Ciccone sobre Madonna
Cquote1.svg VAGABUNDA, VAGABUNDA,VAGABUNDA!!!→x144.000 Cquote2.svg
Gilberto Kassab sobre Madonna
Cquote1.svg Ela jamais terá a cintura como a minha! Cquote2.svg
Thalia sobre Madonna
Cquote1.svg A física não permite! Cquote2.svg
Galvão Bueno sobre a bunda recauxutada de Madonna
Cquote1.svg Prefiro não comentarrrrrr!!! Cquote2.svg
Copélia do Toma Lá, Dá Cá sobre sobre o passado de Madonna
Cquote1.svg Fui eu quem bebi e comi a Madonna!!! Cquote2.svg
Ana Carolina sobre Madonna
Cquote1.svg Já comi, tem gosto de galinha e hoje a gente Evita Cquote2.svg
Argentina sobre Madonna
Cquote1.svg Eu quero ser ela! Cquote2.svg
Britney Spears, Gwen Stefani e Lady GaGa sobre Madonna
Cquote1.svg Nós também! Cquote2.svg
Cyndi Lauper, Mariah Carey, Jennifer Lopez, Christina Aguilera, Elton John, Fergie, Janet Jackson, Jessica Simpson e Avril Lavigne sobre a citação acima
Cquote1.svg Madonna Puttana Cquote2.svg
Germano Mosconi
Cquote1.svg Madonna aqui eu dou um duro nela Cquote2.svg
Fidel Castro
Cquote1.svg Madonna sempre quis ver a capela sistina dela Cquote2.svg
Berlusconi
Cquote1.svg Já ex-comunguei essa sem-vergonha! E foi uma delícia! Cquote2.svg
Papa Chico Bento XVI sobre Madonna
Cquote1.svg Representante do Diabo na Terra!! Amarra Jesus Cquote2.svg
Cleycianne sobre Madonna
Cquote1.svg Não há nada que ela faça que eu já não tenha feito há 5 mil anos atrás! Cquote2.svg
Cher sobre Madonna
Cquote1.svg Ela é MARA! Cquote2.svg
Seu Ladir sobre Madonna
Cquote1.svg Pago pensão até hoje pra essa P$#@!” Cquote2.svg
Chuck Norris sobre Madonna
Cquote1.svg Madonä pega GERAU!111 Cquote2.svg
Tiopês sobre Madonna
Cquote1.svg Mas já comi, e gostei! Cquote2.svg
Chuck Norris sobre Madonna
Cquote1.svg Nasci igual minha mãe:Peladonna!! Cquote2.svg
Loooourdes Mary sobre Madonna
Cquote1.svg Ela é minha MãeDonna!! Cquote2.svg
Roccocó sobre Madonna
Cquote1.svg sEmPlI kIz SeAh Ki NeM eLaH mAiX nOuM cOnCiGuI...AiNdAh TeNtUh Cquote2.svg
Emo sobre Madonna
Cquote1.svg Ela encontrou Jesus! Cquote2.svg
Bispo Macedo sobre Madonna
Cquote1.svg Vai ter muitos bofes no show dela! Cquote2.svg
fã no show
Cquote1.svg Madonna? Isso é uma vergonha Cquote2.svg
Boris Casoy
Cquote1.svg Jesus Apaga a Luz, estou sem maquiagem! Cquote2.svg
Madonna na primeira rapidinha com Jesus
Cquote1.svg To the left, to the right (X70) Cquote2.svg
Pharrell sobre Bunda da Madonna
Cquote1.svg GENTE ARREGAÇADA NÃO VAI PARA O CÉU! Cquote2.svg
Bia Ramos sobre Madonna
Cquote1.svg ... Digo o mesmo!!! Mulher satãnica espalhadoura de doenças sensualmente transmissíveis Cquote2.svg
Cleycianne sobre Madonna
Cquote1.svg E foi aqui neste museu que a vagina de Madonna está guardada Cquote2.svg
Gloria Maria sobre Madonna
Cquote1.svg SEM-VERGONHAMMM! Cquote2.svg
Silvio Santos sobre Madonna


Madonna Múmia Ciliccone ou, simplemente Madonna (que, em italiano significa Mãe de Todas as Prostitutas, ou Nossa Senhora das Siririqueiras em Latim), é uma cantriz, prostituta, escritora erótica, empresária de empresas-feitas e dançarina de funk estadunidense de origem italiana (diz ela), que surgiu há 1000 anos atrás e vai continuar despirocando no palco até que o mundo acabe ou até morrer (sendo a primeira opção a mais provável).

Auto-intitulada Chamada de Rainha do Plágio POP desde o início dos tempos, alcançou o estrelato graças à sua habilidade de copular com todo e qualquer tipo de ser (animado ou não), inclusive em palco e nos videoclipes (através de aparelhos de rádio, bonecos ventríloquos, touros mecânicos, bandeiras, garrafas de água mineral,...) e inspirou todas as outras celebridades da Pop que vieram depois dela (desde Britney Spears a Miley Cyrus, entre todas as outras vadias da mesma laia) a fazer o mesmo: fiel ao seu nome, ela é, literalmente, a mãe de todas as putas da Pop... pois, se não fosse por Madonna, estas não puderiam fazer sua putaria habitual em palco, no videoclip, exibindo a calcinha (ou a falta dela) na rua, ... por isso ela é considerada "revolucionária": tornou aceitável fazer num espetáculo de "música" aquilo que se passa lá na Casa da Mãe Joana.

Infância[editar]

Ela surgiu num qualquer boteco do Michigan lá nos Estados Fudidos da América, filha de emigrantes italianos... mas como estavam em solo onde se falava ingrês, seu nome tem outro significado (para além dos ditos anteriormente): "mad" signifca "louca", enquanto "onna" signifca "mulher" em japonês... "Mulher louca", portanto. E isto explica, em partes, a origem da "porralouquice" da cantora.

Ela perdeu sua MÃEdonna quando era muito pequena e ficou traumatizada. Além disso, não tinha uma boa relação com seu papai, Lawrence Fishburne, de quem herdou a enorme vala entre os dentes: ela tentou encobri-la, certa vez com um dente de ouro, depois disso ela deu a bunda para todo o mundo para ser feliz... infelizmente não funcionou. Lawrence, para não ter de conviver com a endiabrada garotinha, resolveu colocá-la em um reformatório católico para pequenas freiras com os ânus disposto a distribuir. Naqueles tempos, Copélia havia imigrado ilegalmente para os EUA, para trabalhar em um casino qualquer fazendo a dança do poste ("dança do pau", no popular). Não tendo sucesso na terra de Tio Sam, Copélia precisava se esconder para que não fosse pega pelo FBI. Tudo bem que Copélia queria pegar e ser pega por aqueles oficiais grandões mas, ela não queria ter que voltar para o Brasil sem barbarizar um pouquinho. Copélia então se travestiu de freira e foi trabalhar adivinhem onde? No reformatório católico que Madonna fora exilada. Vamos combinar que Copélia de freira não tem nada: o que ela queria mesmo era que alguém acendesse a tocha no seu fogo.

Desde a sua juventude que Madonna é conhecida por ser um exemplo de beleza feminina. Ou não.

O caminho de Madonna se cruzou com o de Copélia, no momento em que Pépé (como era carinhosamente apelidada pelas colegas de profissão) tinha sido chamada para controlar o caos que estava no colégio. Vejam só, a garotinha tinha colocado pulgas nas calcinhas das madres e álcool no cafezinho dos padres, para que estes servissem de dançarinos de um boquete pocket-show que ela estava encenando. Foi olhando no fundo daqueles lindos olhinhos azuis, que Copélia percebeu que a menina tinha futuro, ela precisava apenas de um empurrãozinho e um tapinha na bunda. A partir daí, Copélia passou a ser então a mentora sexual de Madonna: as duas fugiram do reformatório para alegria de todos e começou aí a iniciação da pobre menina, então virgenzinha.

Já em Nova Iorque, Copélia passou a Madonna todos os conhecimentos que aprendera como “mulher da vida”, tendo como base o grande livro do Kama Sutra, seu livrinho de cabeceira, dentre eles o seu maior lema: “na vida vale tudo, exceto abstinência”. Esta era a senha para que Madonna acendesse dentro de si um fogo no rabo sem tamanho e partisse logo para a luta. O fato de a cantora desmoralizar a religião em seu trabalho, principalmente a Igreja Católica, foi um conselho que Copélia lhe deu para que ela se vingasse dos padres pedófilos e das irmãs gordas do reformatório, que escravizavam criancinhas. Mas, o feitiço virou contra o feiticeiro, no momento em que Madonna percebeu que já não precisava mais daquela velha assanhada, pois já tinha reunido todos os conhecimentos necessários para tacar fogo na cama, dar sem chorar e, melhor que isso: dominar o mundo. Madonna então denunciou Copélia aos federais e esta fora extraditada para o Brasil. A única coisa que esta vovó, digo gazela fogosa, diz sobre este período que passou com a "Rainha da Sucata do POP" é: prefiro não comentar.

Carreira[editar]

Ânus 70[editar]

Madonna quase se sufocou com uma camisinha quando atendia um cliente em Nova Iorque em 1978.

Madonna, que se havia mudado para Nova Iorque em 1978, costumava cantar em karaokês grátis nos bares, mas ganhava mais destaque quando fazia strip-tease no meio da música. Suas preferências eram cantar Gretchen, Rita Cadilac e Boney M. Ela não estava certa se daria bem com a entrada no mundo da música, já que em outras áreas ela dava muito e muito bem: para ganhar uma grana extra, costumava pousar desnudada e fazer outro tipo de favores para os produtores musicias, esperando por uma oportunidade para alcançar o susexsso. Também se estabeleceu como atriz de filmes trash, mas era muito tímida para a coisa. Ou não. Essa timidez se mostrou realmente um grande problema no momento que ela deveria gravar a sua primeira música... e ainda havia o problema de ela não saber cantar nem afinar o tom!

Diante da total falta de talento musical afinidade de Madonna com o canto, Alan, O Reprodutor musical, deu um microfone para a, até então, tímida cantora. Quando pegou no microfone, ela logo se lembrou dos ensinamentos da velha Copélia, que dizia que tudo quando era visto na base de muita sacanagem, se tornava fácil e mais gostoso. Ela, então, se transformou por completo: mostrou-se muito confiante e manejava o microfone como jamais outra mulher séria e decente havia conseguido. Como resultado deste teste que foi parar no sofá, Madonna foi rapidamente contratada e lançou seu primeiro disco: Everybody (autoexplicativo).

Depois de esnobar a Cher, passar a Cyndi Lauper, influenciar Britney Spears e ser plagiada pelo Gagão, a cantora alcançou o tão sonhado estrelato, conseguindo vender mais de 300 milhões discos (sendo grande parte deles pirata) durante seus 1000 anos de carreira. Emplacou também diversos sucessos nas paradas da Billboard (Bolas do Bill).

Ânus 80[editar]

Quando ainda atuava vestida e só fazia as putarias no backstage.

Depois de lotar boates e casas noturnas com as suas orgiaokês, Madonna havia gravado algumas demos: gravações ruins como o Demo, que um artista iniciante grava, mas que, no caso dela, havia de gravar a carreira inteira. Estas fizeram muito sucesso e chegaram às mãos de um produtor musical, que as entregou para a gravadora Sirene Records, que acabou contratando a artista. Algumas destas gravações se tornaram singles, como a famosa melô do bode Everybody, que estourou nas rádios e currais de todo o mundo. Seguiu-se Burning Up (Bunda Pro Alto) e o mega-hit Holiday (Olhe Dei). A primeira vez de Madonna, quer dizer, o seu primeiro álbum, Madonna – The First Álbum (Madonna: A Primeira Vez), aconteceu em 1983.

Um ânus... ops, um ano depois, Madonna surpreende o cenário musical e lança o álbum Like A Virgin (Como Uma Virgem). A MTV americana foi parida naquele ano e para as comemorações, a produção da emissora ligou, por engano, para a boate na qual a cantora trabalhava, a fim de encomendar uma stripper e uma torta de mousse de banana. Resultado: Madonna fora enviada para fazer a performance. A cantora chamou a atenção do mundo ao sair de dentro da torta gigante, toda melada de mousse, com uma banana enfiada no rabo... digo, na boca, e por transar com o palco da apresentação do primeiro Video Mousse Awards, enquanto cantava a música título do álbum. Ela se apresentou muito original e inovadora, plagiando o visual de Cindy Lauper: como aliás ia continuar fazendo ao longo da sua carreira mas com outros artistas da modinha, só para se manter no ativo.

Plagiando a Cindy Lauper Sendo "muito original" e "inovadora" nos VMAs de 1984.

No ânus seguinte de 1985, Madonna conquista fama internacional ao declarar que é Crazy For You (Louca Por Pinto) e que é uma Material Girl (Garota Materialista e Interesseira). Ainda pensando que não havia feito o bastante durante o ano, Madonna sai em turnê com o seu show A Vagina Viajante (The Virgin Tour), esgotando ingressos e mesadas de seus fãs em minutos. Em um momento de puro ócio cabeça vazia oficina do Diabo, Mamonnna cria as canções que seriam as mais conhecidas de sua carreira, como por exemplo, Papa Don’t Preach (Papa não Me Pape): resultado de suas relações conturbadas com o Papa e o seu pai; Open You Heart (Abra Sua Perna): uma convocação para as mulheres de todo mundo; entre outras. Elas foram reunidas no álbum Bluewaffle True Blue (Tri Bluefu), uma provocação a sua rival Cyndi Lauper que na época estava com seu trabalho True Colors.

Honrando suas (supostas) origens, Madonna plagiou honrou as putas italianas algures na década de 70 ou 80...

Neste momento, surgem publicadas na prestigada revista do mundo da música Playboy, fotos que Madonna havia feito anos antes e mostrando como subiu na carreira. Nas fotos, ela aparecia em poses sensuais mostrando, pela primeira vez ao mundo, a sua amiguinha de estimação. Na verdade, não se trata de um felino e sim, da perseguida da cantora que, de tão peluda, passa tal imagem a leitores incautos. Além de seu sováco cabeludo, que podia ser facilmente confundido com um animal atropelado. Mais tarde, durante as apresentações de Quem é Essa Gorda?, Madonna disse que não tinha vergonha das fotos e nem dinheiro para se depilar naquela época. A partir daí, Madonna entrou em regime de shows e investiu, mais do que nunca, em performances dançantes que lhe renderam alguns milhões e o reencontro com a magreza e o sucesso. Ela excursionava pelo mundo com a Who’s That Girl World Tour (Quem é Essa Gorda - O Show). Foi durante esta turnê que Madonna conheceu as suas clones e quebra-galhos, MaDonna DeLoyra e Nike Harris.

O que sobrou de Madonna depois da suruba nos VMAs de1984.

A década de 80 chegava ao fim... mas Madonna não podia deixá-la acabar assim, sem mais nem menos! O ano era 1989 e o que Madonna arquitetava era o lançamento do seu álbum, Like A Prayer (Comi Um Padre). Com o objetivo de consolidar a sua imagem de cantora, com uma voz bem preparada e canções bem escritas, Madonna estava se achando muito certinha, e o mercado estava atolado de bons cantores. Mesmo mudada, a velha Madonna ainda estava viva e para promover o álbum! Ela fez um clipe no qual aparece morena e de cabelos ondulados: na verdade, ela havia chamuscado o cabelo em uma vela durante as gravações do vídeo. Nele a cantora fazia tudo o que uma mulher jamais poderia fazer com um padre, entre elas, ver o que ele esconde por debaixo de sua batina e fazer o que ela diz no título do da canção: Comê-lo. São deste álbum os sucessos Express Yourself (Masturbação) e Cherish (Cheiração). A bomba estava armada e os anos 80 chegavam ao fim, ufa!

Ânus 90[editar]

Meu pivô caiu gente! E agora? - Madonna apavorada em 1993.

Depois de ter plantado uma bomba que só estourou no início dos anos 90, Madonna foi demitida. Não por Roberto Justus, mas pela Pepsi) depois do videoclipe Like a Prayer (Comi Um Padre), pois Madonna havia engordado muito depois da referida refeição. Em 1990, lança o álbum I'm Breathless: Music From and Inspired By The Film "Dick Tracy" (Sou Uma Transex: Músicas e Sons Produzidos Enquanto Estava Sobre o "Dick da Tracy"), que levou a música Vogue (Vulva) ao topo do prazer e do sucesso nas Bolas de Bill (Billboard). Não se dando por vencida, e ainda mais vingativa por conta do pé na bunda que levou da Pepsi, Madonna saiu em excursão com a sua turnê escandalosa: A Bunda Ambiciosa em 1990, fazendo com que até o Papa pecasse, pois ficou irado com a audácia que Express Yourself (Estimulate Yourself), na apresentação de Like A Virgin (Como Uma Virgem), performnance essa que lembrava muito uma cena chave do filme O Exorcista. Em uma das apresentações, Madonna recebeu uma notificação da polícia para que ela não fizesse justiça com as próprias mãos, o que configurava crime e atrapalharia o trabalho dos oficiais da justiça. Cagando e andando para o pedido, Madonna continuou com a performance.

Mostrando o que tem para dar em A Bunda Ambiciosa de 1990.

Mal as pessoas tinham juntado dinheiro para comprar o seu CDê anterior, I’m Breathless (Sou Uma Transex), a CÃOtora lançou sua coletânea The Immaculate Collection (A Inesperada Colocação), com seus maiores sucessos batendo recordes de venda. Gravou também o clipe de Justify My Love (Justificando Meu Bacanal), que foi censurado sendo, mais tarde, exibido após a meia noite, com a condição de que fosse assistido de olhos fechados ou vendados. Como Madonna estava fazendo seu pé-de-meia para a reforma, ela aproveitou todas as sobras e lançou um docu mentário com os bastidores da Bunda Ambiciosa, intitulado Em Coma Com a Madonna. Nossa, a década ainda só está começando!

A partir de 1990, Madonna nunca perdeu uma oportunidade para exibir o calor que sente na bacurinha.

Em 1992, Madonna havia pensado que ainda não tinha mostrado todo o seu talento para as pessoas. Ela sabia dançar, cantar, atuar, ou nada disso... mas isto não era tudo: ela sabia dar, e dar como ninguém e comia muita gente, sim, e era comida, também. Para tal ela lançou o livro Sex , onde dá dicas para os casais caretas saírem da rotina, inovando na hora do vamo vê, através de uma releitura pop-chic-fashion-vintage-cuul do Kama Sutra. Quem comprou usou e abusou, já a crítica caiu em cima e Madonna pôs mascara, dente de ouro e estofou o beiço para ser execrada perante o mundo. Coitada, se fosse só o livro tudo bem, mas ela havia lançado também o disco Erotica (Neurótica) e as vendas caíam a medida que os seus peitos foram caindo ao longo dos anos: muito rápido.

Madonna estava na pior, pois sua perseguida estava mais famosa do que ela e quase que respondia por si só: ela havia se tornado uma vagina ambulante. A comprovação deste fato occoreu quando ela forçou Madonna a fazer um show dedicado quase que exclusivamente ao seu ser: The Girlie Show (Mostrando o Grelinho) em 1993, batendo recorde (e outras coisitas mais...) de público na terra do sol, o Brasil. Madonna estava perdendo feio, pois sua pixirica estava fazendo bonito na mídia e ela estava perdendo cada vez mais espaço. Era preciso tomar uma atitude. O que sustentava as finanças de Madonna era o recém-criado selo Maverick (Madonna very Rica) e a sua galinha dos ovos de ouro, Alanis Morissette.

Madonna fazendo saduíche-íche com seus bailarinos gays em Fever (Fervo), em O Show do Grelinho 1993.

A reação veio com o CD Contos Eróticos – Para Ler Na Hora de Dormir (Bedtime Stories) em 1994. Tudo bem que era pornográfico do mesmo jeito, só que Madonna conseguiu se impor e assumir o controle de sua carreira, colocando-se de igual para igual com a carreira de sua piriquita. Madonna estava com saudades do sucesso dos velhos tempos pré-históricos de sua carreira, tanto que lançou a coletânea de badalos, digo, baladas Sómetendo para Relembrar (Something To Remember): isto no ânus de 1995. Em 1998, Madonna lança mais um álbum, fazendo com que algumas pessoas a considerassem mais madura, ou seja: velha. Ray of Light (Dando Até a Luz), plágio... ops, influenciado pela música techno e new age, que era modinha na altura. Por incrível que pareça, Madonna conseguiu finalmente encontrar a luz, fazendo sucesso e levando vários Grammylins, como prêmio para espanar o pó em casa. No entanto, Madonna, pasmem, depois de aprontar todo o tipo de putaria durante a década inteira, levou uma rasteira de uma então desconhecida ninfeta: Britney Spears, que fez a proeza de levar o título de Vadia revelação da Década concedido pela prestigiada publicação americana Bolas de Bill.

Ânus 2000[editar]

Para se manter relevante, teve de pegar a Britney em 2003...
... e a Aguilera também!

No início da Década de 2000, Madonna começa assistir com frequência o Canal do Boi e, inspirada pelo ambiente rural, lança seu mais novo álbum com um título extramamente original que nem ela mesma, Music (Mula), no qual flerta com touros mecânicos e com o estilo country travestido de música eletrônica. Do álbum, muita gente não se lembra, mas do clipe de um dos singles retirados do CD, muitos homens encucados não se esquecem: What It Feels Like For a Girl (Como Saber Se A Garota Está Fingindo). No vídeo, Madonna numa atitude desesperada, rouba um carro, sequestra uma velhinha e depois joga o veículo contra um poste. Tudo para não revelar o segredo...

Entre 2000 e 2001 esteve sumida e ocupada em outro casamento fracassado, parindo seu segundo filho e vendo mulheres mais novas e gostosas do que ela roubando seu estrelato. Em 2001 ela saiu na turnê Drowned World Tour (Dando pelo Mundo), lotando várias casa de massgaem por onde passava. Continuava fazendo sucesso nos seus locais habitais, mas estava perdendo sua relevância... afinal estava ficando velha e havia opções de safadeza mais apelativas no mundo do POP...

Madonna não aceitando a passagem do tempo, em 2005.

Madonna entristeceu e tentou elaborar um plano para recuperar a atenção dos mídia. Tinha de bancar um escândalo: algo que fedesse e fizesse muito barulho. Para tal, ela chamou o homem mais poderoso do mundo na altura, George Bush para a porrada: disse que ele era um bode e lançou um album criticando os Estados Fudidos e o seu tratamento das prostitutas, American Life (Dura Vida das Prostitutas Americanas) em 2003. No videoclip da música, ela aparece ao lado de corpos de mulheres esfoladas e arrombadas por seus clientes, e no final manda uma bomba de chocolate para o presidente. Como o mesmo é diabético, ele não gostou do soco de direita, digo, da direta de Madonna para ele. A partir daí, a cantora começa a sofrer pressão do poder e as vendas do CDê caem na mesma proporção que sua moral. Então, num ato considerado por muitos como inédito, Madonna dá por trás e edita o vídeo da canção, substituindo as polêmicas imagens do clipe anterior pelas suas, encarnando uma prostituta que, para se vingar, faz sexo com as bandeiras de diversos países. Para continuar sendo falada, causar polêmica e aparecer (seu hobbie favorito... afinal, é a única maneira de continua relevante), vai nos VMAs de 2003 e pega as duas gostosinhas que estavam roubando seu protagonismo: Britney Spears e Christina Aguilera, tomando-as como suas aprendizes oficiais.

Apesar de velha e catética, Madonna continuava atuando desse jeito em 2006.

Como já tinha feito de tudo e cantado todas as músicas de sua carreira durante seus shows anteriores e não havia mais ninguém para plagiar, Madonna, que na época tinha mudado de tintura de cabelo, sofreu uma crise de burrice aguda (condição também conhecida como o "mal da loira burra") e resolveu não inovar. O resultado foi a Re-Invention Tour (Re-Petida) em 2004. E como de costume, depois que encerra uma turnê, Madonna entra no estúdio e lança um novo álbum. Em 2005 foi a vez de Confessions On A Dance Floor (Confesso Que Dei Na Pista De Dança) em que, em mais um acesso de plágio, traz músicas com a cara Disco dos anos 70 e reedita o sucesso Gimme Gimme Gimme (A Man After Midnight) (Me Dá, Me Dá, Me Dá... A História de Um Homem Depois da Meia-Noite) do grupo ABBA, criando a música Hung Up (Um Rádio Na Pixirica). A canção é uma resposta (ou continuação) da original. São deste álbum os quase-sucessos Get Together (Orgia) e Sorry (Me Desculpe, Mas Não Vou Ao Brasil).

Como não poderia deixar de ser, se joga no mundo em mais uma de suas turnês sexuais, a Cu Fashions Tour , com os cachês e hora-programas mais altos do mercado. Tanto que bateu recordes de arrecadação e faturamento entrando para o boquete do Guiness Guiness Book como a avó mais cara do mundo e a que mais lucrou em 2006. Com isso, Madonna é apontada como uma das mulheres mais podres de rica do mundo pela revista Forbesa. Em 2008, Madonna entrou para o HALL of Fame of Rock: uma galeria de pessoas desprezadas por este gênero músical que, em seus incontáveis anos de carreira, em nada contribuíram para o seu crescimento e profusão. Na cerimônia de entrega do prêmio, Madonna foi acompanhada por um de seus pupilos, Justin Timberlake, só não tendo sido adotado por ela antes por ser loirinho e seu pai não ter troco para a nota de 50 que a cantora lhe oferecera... e por também não aceitar cheques ou ter maquininha para cartão.

Pronta para entrar em palco e correr o risco de quebrar a anca devido à sua idade avançada.

Em 2008, lançou Hard Candy (Cândida que Arde), que se constituiu como um alerta, já que Madonna considera o problema da Cândidíase, vivido por muitas mulheres, nada doce. No álbum Matronna encarna M-Dollar, uma velhinha interesseira disposta a dar porrada em quem quer que seja só para conseguir dinheiro, demonstrando o que aprendeu no tempo distante em que esteve casada com Sean Pennis. O disco foi um sucesso, quer dizer, um alívio para os que sofrem desse mal, e foi líder de vendas em farmácias e casas do gênero, ao lado de sucessos como Cialis e Viagra, que integram o hit parade há anos. O primeiro single de divulgação foi a canção 4 Minutes to Save The World (4 Minutos Para Dar Pelo Mundo), já que depois de curadas, é esta a primeira coisa que as pessoas querem fazer. O segundo single é a canção Give It 2 Me (Dá pra Mim), uma canção apelo-desesperado, já que os recém-curados, na seca há tempos, querem mesmo é tirar o atraso. Ainda nesse ano, saiu em turnê mundial, Estika e Puxa Tu, a qual fez grande sucesso em virtude de tratar de assuntos tão polêmicos como as técnica de aumentar o pênis. Entre uma música e outra, Madonna dava dicas arábicas de como se tornar um pé de mesa: tais dicas foram trazidas pela alma de Copélia em sessões de "mesa cabalística". Ainda nesse ano, Madonna estava conferindo o que ela sugere, em sua canção Take a Bow (plágio da Rihanna), que estava conhecendo mais de perto o jogador de beisebol, Alex Rodrigues.

Entretanto, a velhinha mais bem renumerada do showbiz, começa comprando litros de formol e aproveita para refazer suas 300 cirurgias plásticas por hora, para falar que é "jovem", "gostosa" e que "está com tudo em cima"... coisa que nunca foi, quer dizer "jovem" ela foi há 1000 anos atrás, mas "gostosa" nem por isso. Em 2009, lança seu noo disco Celebration (Celebrei meu bacanal), que é basicamente um best of, já que não tem mais nada de novo para apresentar. A múmia, que só fez sucesso na época da Dercy Gonçalves, teve de se contentar fazendo de "feat." em músicas da Britney Spears, Justin Timberlake, Pharrel Williams, entre outros astros mais jovens e conhecidos pela "juventude", para se manter no ativo e tentar ser relevante... Mas seu trabalho, nesse ano, se resumiu a ficar reclamando que Lady Gaga é um plágio dela... sendo que Madonna é tão velha que a Gaga não a conhecia antes dela ficar metendo a língua na boca da Britney lá em 2003.

Ânus 2010[editar]

Esqueci de tomar o meu Calcitran!

Nunca desistindo nem aceitando que seu tempo já passou, Madonna, tal como todas as putas desse mundo, quer morrer na profissão e, por isso, logo em 2010 lançou um novo álbum, intitulado Sticky & Sweet Tour (Turnê da Esticada e Gozada)... mas as vendas foram tão ruins que teve de ir abrir uma cadeia de academias e lançar uma linha de roupa junto com a filha, Lourdes, só para ganhar alguma grana. Ainda nesse ano, veio ao Brasil para divulgar uma campanha de adoção de crianças africanas mediante remuneração. Ela foi insistentemente perseguida por um puxa-saco do Lula para que aceitasse o convite presidencial para ser fotografada ao lado dele e de sua candidata ao governo Dilma Rousseff, porém, Madonna cansada de guerra de gente pegar carona em sua fama, delicadamente declina do convite mostrando o dedo em riste e completando com a frase: Diz pro Lula que enfia e rasga!. No entanto, Madonna prometeu se somente a Dilma aparecesse no seu camarim, ambas poderiam improvisar algo muito criativo que a candidata poderia usar nas alcovas do Palácio do Planalto em Brasília. Gente fina é outra coisa! Todavia, a imprensa tupiniquim não achou interessante publicar o fato para não parecer propaganda do Guia do Horário Eleitoral Gratuito.

Ela fugia da clínica geriátrica, para ir no MET Gala fazer essas figuras tristes, em 2016.

Em 2012 tenta de novo conquistar o sucesso com seu disco MDNA (Merdonna), mas não teve um único hit (de novo), e já só gays velhos (os sobreviventes que estavam dentro do armário na Década de 1980) e a tua mãe tua avó é que se lembravam do auge da carreira de Madonna... e, de novo, a idosa tem de se limitar a fazer colaborações com músicos mais jovens e da modinha como LMFAO, Nicki Minaj, M.I.A., Martin Solveig, entre outros. O disco falava de "temas polêmicos" como violência, sexo com bombeiros e nudez... muito original quando se trata de Madonna, visto que putaria é a única coisa sobre a qual ela sabe cantar nos seus mais de 30 anos de carreira... Em 2015 volta a tentar sua sorte com um álbum ainda mais fracassado, Rebel Heart (Cu Rebelde), que, tal como os anteriores, também não teve nenhum sucesso. Deprimida e emotiva, resolve sumir para fora da TV, das revistas e das rádios. Partiu para umas férias e fodas com seu ex-"marido", Gay very Rich, à pacífica ilha de Israel ou à rica e limpa Índia. E, ao contrário do que você leu aqui, à última checagem, o casal não está mais junto, porque Madonna entretanto dedicou-se a namorar caras com idade para ser seus netos. Então, ela desapareceu e seu paradeiro era um mistério, até ter aparecido em Lisboa para encher o saco ao presidente da câmara de Sintra, com exigências de cavalos em palácios do século XIX, fazer surubas no dito palácio e sabe-se lá mais o quê, que o autarca não aceitou, dizendo que ela era uma baranga sem educação, o que é bizarro já que os portugueses são conhecidos por gostar de mulher com bigode.

No final da Década de 2010, ela já estava tão velha e acabada que já andava de bengala.

Em 2019, sua festa pós-bosta Óscar foi marcada pelo seu encontro épico com Lady Gaga, o seu clone, andando de mãos dadas, dando abraço e terminando a noite com Gaga mudando, ela mesma, a fralda de Madonna (em vez da sua enfermeira de cuidados de idosos). Após 2039 anos sem lançar porra nenhuma (mas também ninguém estava interessado nisso), lançou um novo disco em Março desse ano intitulado Madame X (Mandonna XXX'), como premiere exclusiva realizada nos banheirões MTV das principais favelas clínicas geriátricas do mundo. Segundo a própria, foi influenciada pela sua vida em Portugal (que se resumia a encher a cara de vinho e sardinha assada com os velhinhos do bairro de Alfama) e dedicou ao disco aos portugueses... só para estes comprarem o album. Nesse ano, ainda vai atuar â premiação da Billboard Music Wards (vulgo: Billoved Prêmio), utilizando efeitos de projeção de PowerPoint, juntamente com o seu gigolô de luxo, Maluma, após uma sessão de lambidas sensuais realizadas no videoclip Medellin (Bebe Gin). A cantora Banditta Anitta (também conhecida como inimiga do Pablo Escobar) participou numa faixa musical intitulada Faz Gostoso (Faz Goxxtoso na Minha Larissina), um plágio de uma música da cantora luso-brasileira, Blaya. A turnê Mandonna XXX A.C. Tour foi um grande sucesso nas principais casas de repouso do Tio Sam, Tugalândia, Londres e Paris.

Plágios Influências[editar]

Uma das principais inspirações de Madonna.
Madonna com 100 anos cantando Like a Virgin.

Ela diz que suas influências principais vêm do Antigo Egito: local aonde foi embalsamada viva e depois de milhões de anos ressurgiu para atazanar o mundo com sua cara de suvaco e seus dentes de apanhar cocô de cachorro.

Madonna sempre uma cópia... digo se inspirou em Marilyn Monroe, noutras velharias que foram gostosas no tempo dos dinossauros, aquelas em que teu avô pensava quando estava sozinho no banheiro fazendo justiça pelas próprias mãos e em outros artistas. Também dedicou sua carreira inteira a seguir modinhas só para se manter no ativo, plagiando outras cantoras mais talentosas (Ou não) do que ela (como sua rival Cindy Lauper).

Aqui fica a lista de quem Madonna plagiou e de quem a acusou de plágio... e olhe que é capaz de ser maior do que a de quem já foi para a cama com ela:

  • Hide The Babies: A banda acusou Madonna de roubar as suas letras e o seu demo para gravar Like a Virgin (1984);
  • A canção "Open Your Heart" (1986) foi roubada de outra artista que já estava a trabalhar nela;
  • Malcolm McLaren: a canção Vogue (1990) é um plágio da música Deep In Vogue (1989);
  • Fritz Lang: Madonna plagiou o filme Metropolis (1927) no seu videoclip Express Yourself (1989);
  • Love: Acusaram Madonna de plagiar a sua canção She Comes In Colors (1966) na música Beautiful Stranger (1999);
  • John Lennon e Yoko Ono: Madonna plagiou fotografias do casal para o seu documentário In Bed With Madonna (1991);
  • Deee-lite: Madonna plagiou Power of Love (1990) na sua canção Rescue Me (1991);
  • Ingrid Chavez: a protegida do Prince acusou Madonna de ter plagiado uma canção sua e só ter mudado "um verso" ("Justify my Love", 1992);
  • Public Enemy: o grupo de hip-hop processou Madonna por plagiar Security of The 1st World (1988) na sua música Justify my Love
  • O livro "Sex" é um plágio de um livro fotográfico francês;
  • Easy Street Records: processaram Madonna por roubar as canções Deeper and Deeper (1992) e Bad Girl (1992);
  • Um site artístico indie acusou Madonna de roubar o seu slogan "Express Yourself, Don't Repress Yourself" para a canção Human Nature (1994);
  • Um amigo de Andrew Lloyd Webber acusou Madonna de roubar a autoria da canção You Must Love Me (1996);
  • Stefano Salvati: o diretor italiano processou Madonna pelo seu videoclip Ray of Light (1998) ser um plágio de um vídeo de Biagio Antonacci de 1994;
  • Uma cantora belga processou Madonna por plagiar a música Frozen (1998);
  • Max Blagg: acusou Madonna de plagiar um poema que fez para uma publicidade da GAP na sua música "Sky Fits Heaven (1998);
  • Cat Stevens: Madonna roubou a letra da música The Wind (1971) para a sua Impressive Instant (2000);
  • BBMak: A banda britânica processou Madonna e Guy Ritchie por plagiar o videoclip Still On Your Side(2000) para o video de Merdonna What It Feels Like For A GirL (2000);
  • Eminem: Acusou Madonna de plagiar a sua canção Bonnie and Clyde (1999) num dos seus videoclipes de What It Feels Like For A Girl;
  • Vincent D'Onofrio: processou Madonna por ter roubado sua ideia para o filme Swept Away (2002);
  • Guy Bourdin: plagiou o trabalho do fotógrafo para o videoclip Hollywood (2003), a família meteu processo;
  • Jem: acusou Madonna de roubar a sua música Nothing Fails (2003);
  • Billie Piper: Madonna plagiou o videoclip Honey to the Bee (1998) no seu Love Profusion (2003);
  • Pet Shop Boys: A canção Forbidden Love (2005) é um plágio da canção West End Girls (1984);
  • Goldfrapp: Acusaram Madonna de plagiar várias músicas suas para o disco Confessions On A Dance Floor (2005);
  • Tina Turner: Madonna plagiou o trabalho fotográfico de Turner, Acid Queen (1975) em várias produções fotográficas e videoclips em 2005;
  • 50 cent: Madonna plagiou a canção "Candy Shop" (2005) na sua "Candy Shop" (2007) com Justin Timberlake;
  • Foi acusada de plagiar e roubar todas as músicas presentes no disco Hard Candy (2008);
  • Peaches: Madonna foi acusada de roubar várias ideias e músicas dela;
  • Charlotte Church: Madonna plagiou a capa do disco Tissues and Issues (2005) numa produção fotográfica de 2015;
  • Kylie Minogue: Plagiou várias músicas e registos visuais;
  • Cindy Lauper
  • Beth Orton
  • Deborah Harry dos Blondie
  • Marilyn Monroe
  • Greta Garbo
  • Jean Harlow
  • Jane Mansfield
  • Jane Russell
  • Gina Lollobrigida
  • Marlene Dietrich
  • Bette Davis
  • Brigitte Bardot
  • Chrissie Hynde
  • Princesa Diana
  • Audrey Hepburn
  • Ginger Rogers

Voz[editar]

Sua voz é igual áquelas meninas de 12 anos que foram molestadas por Michael Jackson nos anos 90, ou seja (como disse uma crítica amiga no início da carreira dela): é como uma Minnie Mouse que se inflou com gás hélio e saiu por aí dando pra todo o mundo, querendo cantar...

Discografia[editar]

  • 1983: Madonna - The First Album : Madonna: A Primeira Vez
  • 1984: Like A Virgin: Como Uma Virgem
  • 1986: True Blue: Tri Bluefu ou true grue (em homenagem ao mafagafo o animal predileto de madonna)
  • 1987: Who's That Girl?: Em bom Portunhol: Quem é Aquela Rapariga?
  • 1987: You Can Dance: Você Pode Dar
  • 1989: Like a Prayer: Comi Um Padre
  • 1990: I'm Breathless: Sou Biscate
Plagiando Nicki Minaj Estrupando Drake no Coachella em 2015...
...e o cara passou mal!
  • 1990: The Immaculate Collection: A Imaculada Colocação
  • 1992: Erotica: Neurotica
  • 1994: Bedtime Stories: Contos Eróticos
  • 1995: Something to Remember: Só Metendo para Relembrar
  • 1998: Ray Of Light: Dando Até à Luz
  • 2000: Music: Mula
  • 2000: The Next Best Thing: A Próxima Coisa da Besta
  • 2001: GHV2: Gorda, Hipócrita e Vadia 2
  • 2003: American Life: Prostitutas Americanas
  • 2003: Remixed & Revisited: Remexida e Recauchutada
  • 2005: Confessions On A Dance Floor: Confesso que Dei na Pista de Dança
  • 2006: I'm Going to Tell You a Secret: Eu Vou Te Mostrar Minha Coisinha
  • 2007: The Confessions Tour: CU-Fashions Tour
  • 2008: Hard Candy: Cândida que arde em BR (exceto na região NE onde é conhecido como Rapadura)
  • 2009: Celebration: Celebrei meu bacanal
  • 2010: Sticky & Sweet Tour: Turnê da Esticada e Gozada
  • 2012: MDNA: Merdonna
  • 2015: Rebel Heart: Cu Rebelde
  • 2019: Madame X: Mandonna XXX

Singles[editar]

Eis alguns sucessos de Madonna:

  • Holiday (Hoje Dei)
  • Like a Virgin (Como [se eu fosse] Uma Virgem)
  • Like a Prayer (Como [se] Um Padre [não me comesse])
  • Justify My Love (Justificando Meu Bacanal)
  • Papa Don´t Preach (Papa Não Me Pape)
  • La Isla Bonita (Que Pica Bonita)
  • Can't Stop (Não Pare)
  • Into the Groove (Dentro da Gruta)
  • Vogue (Vagina)
  • Express Yourself (Masturbação)
  • Take a Bow (Taco é Bom)
  • Mother and Father (Papai-e-Mamãe)
  • Dear Jessie (Dei Pra Jessie)
  • Die Another Day (Arnaldo me Ordenha)
  • Fever (Fervo)
  • Secret Garden (Transa Secreta)
  • Cherish (Cheração)
  • Love Don't Live Here Anymore (Amor, Não Relo Mais Aqui)
  • Open Your Heart (Abra Suas Pernas)
  • Something To Remember (Somente Para Relaxar)
  • What It Feels Like For A Girl (Como Saber Se a Garota Está Fingindo)
  • Where's The Party (Onde é a Orgia?)
  • Why's It So Hard (Por que Isto é Tão Duro?)
  • You'll See (Seu Sêmem)
  • American Pie (Pica Americana)
  • Causing a Commotion (Causando Uma Começão)
  • Gambler (Gambá)
  • Nothing Fails (Nunca Broche)
  • Get Together (Fazermos juntos)
  • Everybody (Dei pro Bode)
  • Material Girl (Meteu Na Garota)
  • Crazy For You (Louca Por C*)
  • The Power of Good-Bye (O Poder de Um Chute na Bunda)
  • I'm Going Bananas (Eu Vou Nas Bananas)
  • Now I'm Following You (Agora Eu Fodo Você)
  • Nobody Knows Me (Ninguém quer me comer)
  • American Life (Putas Americanas)
  • Rescue Me (Rasgue-me)
  • Human Nature (Foda Natural)
  • Love Tried To Welcome Me (Amor, Tente Comer-me)
  • Inside of Me (Dentro de Mim)
  • I Want You (Eu Como Você)
  • I Love New York (Eu amo [dar] em Nova York)
  • Drowned World (Dando no Mundo)
  • Ray Of Light(Dando Até à Luz)
  • Little Star (Pequena Pica)
  • Like a Flower (Como Uma Foda)
  • Candy Perfume Girl (Doce Pica Na Garota)
  • To Have And Not to Hold (Para Puxar e Não Segurar)
  • Mer Girl (Garota Merdada)
  • Dress You Up (Tire a Sua Roupa)
  • Intervention (Plástica)
  • Someday (Só Me Dei)
  • 4 Minutes To Save The World (4 Minutos Para Dar pelo Mundo)
  • Give It 2 Me (Dá [o Pau] Pra Mim)
  • Dance 2night (Dando Esta Noite)
  • Devil Wouldn't Recognize You (Nem o Demônio Vai Se Relacionar com Você)
  • Ring My Bell (Toque Minhas Bolas) ou (Toca Minha Sineta)
  • Voices (Gemidos)
  • Spanish Lesson (Praticando Espanhola)
  • Heartbeat (Batida Gostosa)
  • Incredible (Introduzindo)
  • Erotica (Precisa traduzir?)
  • Beat Goes On (Bate Que Eu Gozo)
  • Ray of Light (Raio de Gozo)
  • Jimmy Jimmy! (Geme Geme)
  • No llores por mi Argentina! (Não goze em mim argentino)
  • Celebration (Bacanal)
  • Live to Tell (Fofoqueira)
  • Into the Hollywood Groove (Na Vagina de Hollywood)
  • Bedtime Story (Contos Eróticos)
  • Lament (Lamento/não ter te dado ontem/)
  • Get Stupid (Estúpida)
  • Pysical Attraction (Atração Física)
  • Revolver (Vibrador)
  • He's A Man (Macho)
  • Forbidden Love (Transa Proibida)
  • How High (Como é Grande)
  • Push (Puxada)
  • Who's that Girl? (Quem é Esse Travesti?)
  • Jump (Cavalgada)
  • Like It or Not (Goste disso ou não?)
  • Easy Ride (Fácil Posição)
  • It's So Cool (Isso é um Cu)
  • Cyber-Raga (Cleber, Me Rasga)
  • Lo Que Siente La Mujer (O Que Sente Uma Mulher Quando Dá)
  • Keep The Trance (Kibe Na Tranza)
  • Like An Angel Passing Through My Room (Como Um Macho Me Comendo Em Um Quarto)
  • 24 Hours (Dando 24 Horas)
  • Can't You See My Mind? (Você Já Me Viu Gozar?)
  • Why It's So Hard (Porque Isso é Tão Duro)
  • Like A Flower (Como Um Hímem)
  • Gone Gone Gone (Dei Dei Dei)
  • Freedom (Ânus Um)
  • Be Careful (Beecha do Carrefour)
  • Give 2 me (De para mim [de novo] ou não)
  • Don't Tell Me (Não dê [o cú] pra mim)
  • Sorry (Soque-me[ punheta ])
  • Deeper And Deeper (Dando e Dando)
  • Love Profusion (Amor de puta)
  • Shoo-Bee-Doo (Scooby-Doo [contos eróticos com o cão])
  • Pretender (Pretendo[Te comer] )
  • Lucky Star (Pica da Sorte)
  • Erotica/You Thrill Me (Eróticamente você me come)
  • True Blue (Bilau azul)
  • Music Inferno (Masturbação infernal)
  • Rain/Here Comes The Rain Again (Gozo/Lá vem seu sêmem de novo)
  • Girl Gone Wild (Velha assanhada)
  • Gang Bang (Grande Benga)
  • Turn Up the Radio (Ligue O Vibrador)
  • Give Me All Your Luvin (Me Dê Toda a sua porra)

The Rain Tapes[editar]

Madonna mostrando um dos segredos da "sua aparência jovem" (o outro é cirurgia plástica).

The Rain Tapes é uma coleção de músicas gravadas por Madonna para fazer parte do seu novo CD em 1992, Neurótica . Porém, o ex-presidente dos Estados Unidos, Bill Clinton, confiscou as músicas alegando que elas não deveriam ser lançadas e as pegou pra escutar na Casa Branca e fazer festinhas particulares com seus miguxos do Senado e rolar altos bacanais toda semana. Desde então, ninguém sabe onde ele enfiou tais fitas com conteúdos pôrnos, e nem querem saber, por que ele tinha fantasias indecentes com Madonna.

Turnês[editar]

Cquote1.svg Em ano que não tem show de Madonna, alguns países europeus amargam a baixa natalidade. Cquote2.svg
Barsa sobre a explosão demográfica causada pelos shows de Madonna
Cquote1.svg Eu amo o$ meu$ fã$ poi$ $ão ele$ que me fazem $er o que $ou hoje. Cquote2.svg
Madonna sobre ser rica.

Além de CDs, videoclipes e outras peripécias, Madonna rodou o mundo e outras coisas também com suas surubas itinerantes, resultando em uma série de DSTs, gravidez indesejadas (consequentemente, Baby Boom) e dores de cabeça (principalmente nos papais e mamaes). Nestes shows inferninhos musicais, Madonna deu e dá tudo de si a ponto de ser considerada a garota de programa Puta baranga mais bem paga do mundo. São eles:

  • 1985: The Virgin Tour: A Vagina Viajante ou A Viagem da Vagina
  • 1987: Who's That Girl Tour: Quem é Esse Travesti?
  • 1990: Blond Ambition Tour: A Bunda Ambiciosa
  • 1993: The Girlie Show: O Show do Grelinho ou Mostrando o Grelinho
  • 2001: Drowned World Tour'': Dando Pelo Mundo
  • 2004: The Re-Invention Tour: Re-Petida
  • 2006: Confessions Tour: Cu Fashion Tour
  • 2008: Sticky & Sweet Tour: Turnê do Estica & Puxa
  • 2012: MDNA Tour: Merdonna Tour
  • 2015: Rebel Heart Tour: Bunda Revelada Tour
  • 2019: Madame X Tour: Mandonna XXX A.C Tour

Carreira Cinematográfica[editar]

"Quem é esse travesti?"(1987) É Madonna na época que ela ainda carregava um poodle na cabeça.

Madonna se estabeleceu como atriz de filmes trash ainda na Década de 1970, mas estas produções caseiras ainda nunca foram reveladas ao grande público. Em 1985, lança o filme adulto Desesperadamente Comendo Susan , onde comeu o sucesso da protagonista do filme, Rosanna Arquette, matando-a de raiva. O filme fez enorme sucesso em cinemas e cabines eróticas onde foi exibido. Ela insistiu com sua penetração no cinema, apesar de seu último filme, Suruba em Shanghai de 1986, lançado pela produtora Estrangeirinhas, só não ter sido pior do que o dia em que ela resolveu cantar. Com isso, arremessa o filme Quem é essa Gorda? , onde interpreta uma ex-presidiária que engordou no xadrez. O filme não fez muito sucesso pois, a cultura da magreza era bem rígida já naquele tempo e não aceitava um filme tão fora de forma como aquele. Em 1990, aparecer como Biscathe Malonna no filme Dick Tracy (Dick da Tracy). A Longa-metragem conta a história de um travesti que se apaixona por uma garota de programa, vivida por Madonna e faz uma cirurgia de troca de sexo para viver um caso lésbico com ela. Tamanho foi o envolvimento de Madonna com o personagem Dick, que ela acabou se envolvendo com o protagonista do filme, o ator Warner Bros Betty.

Era só em pornochanchadas desse tipo que Madonna arrumava emprego em Hollywood.

Ao longo da Década de 1990, ela esteve maluca para estar no cinema e foi à Hobbinwood procurar um bom roteiro para encenar. Arrasada depois de ter-lhe sido negado o papel de Mulher-Gato, resolveu fazer uma chupeta muy básica no roteirista Ginger Rogers. Embasado nos trabalhos anteriores da cantriz, Ginger Rogers gozou e disse: “Madonna, EVITA que vai ser melhor pra você!”. Deslumbrada com possibilidade de estar novamente na grande tela e, ainda por cima homenageando sua terra natal Argentina, Madonna tratou logo de iniciar os preparativos de seu mais novo filme: Evita, baseado na história de Eva Perón, esposa de Adão Perón, que viveu no Baixo Éden, primeiro nome dado ao então país. O filme fez relativo sucesso mas Madonna saiu do mesmo jeito que entrou: sem o tão sonhado Óscar (um grandão dotadão, vestido com roupas cobertas de ouro que come a melhor atriz)... mas havia de ganhar todos os Framboesa de Ouro (um prestigiado prêmio cinematográfico) a que foi nomeada, sendo considerada (a par da Britney Spears) uma das piores atrizes de sempre em Hollywood.

Não se contentando em cantar, dançar, dublar, escrever, atuar, dar, inventar e fazer outras coisas que não podem ser publicadas aqui na Desciclopédia... em 2008 realizou seu primeiro filme como diretora: Filth and Wisdom (Imundice e Pouca Sabedoria), que, entre outras coisas, não quer dizer nada, que ela só fez para ver se volta na mídia com alguma merda coisa que ninguém pode deixar de notar... ou não, segundo as sábias palavras do mestre Caetano Veloso. Sua contribuição para o cinema segue com o documentário I am Because We Are (Eu Sou Assim Por Sua Causa), sobre as crianças africanas vitimadas, como o próprio título sugere, pelos atos de Madonna no passado.

Cquote1.svg Não perca seu tempo! Há muitas coisas mais legais para serem vistas por aí. Cquote2.svg
The New York Times sobre o novo filme de Madonna.

Madonna é um exemplo de beleza natural...
... de elegância...
... de mulher carismática...
...de simpatia...
...de sensualidade...
...e de talento!
  • 1832 a.C.: Nasce a Rainha do POP:Dercy Gonçalves lembra!
  • 1985: Um Certo Sacrifício: É assistir esse filme...
  • 1985: Comendo Susan Desesperadamente : Estrelando: precisa dizer?
  • 1986: Suruba em Shanghai : não me convidaram!
  • 1987: Quem é esse Travesti?: É a Madonna!
  • 1989: Doce Inocência: inocência de quem?
  • 1990: Dick da Tracy: E que Dick hein?
  • 1991: Em Coma Com Madonna: na cama?
  • 1993: Corpo em Decadência: Você que o diga!
  • 1996: GaROTA 69: filme educativo
  • 1996: Evita: não precisa dizer mais nada
  • 2000: Sobrou Pra você: viu, falei para Evitar!
  • 2002: Morra Outro Dia: por que não hoje?
  • 2002: Destino na Fossa: e o Dick também
  • 2006: Arthur e as Invisíveis Velhas: que adoram aparecer, mesmo que seja só dublando
  • 2008: Fogo nas ventas: com a participação de Copélia)
  • 2009: Sujos e Sábios: Pornô gerontofílico
  • 2011: W.E: Nóis

Como Diretora[editar]

  • 2008: Filth and Wisdom: Imundice e Pouca Sabedoria - Auto explicativo!
  • 2008: I am Because We Are: Eu Dou Assim Por Sua Causa

Livros[editar]

Cquote1.svg Em noites frias era muito difícil ter que sair apenas para dar algumas rapidinhas... Faço no cliente desde a famosa bola-preta, até o candelabro marroquino... Já em outras (noites), a coisa era mais animada: eu atendia de 15 a 20 pessoas. Cquote2.svg
Gracie, personagem de As Putas Inglesas, num trecho do livro: a lição de que devemos DAR o que temos de melhor.

Como se não bastasse... Madonna também escreve (ou excreta) livros. Sua obra abrange dois públicos distintos, adultos e crianças (apesar de que todo mundo compra sem discriminação). Toda a renda gerada pela venda destas obras foram destinadas a ONG's e creches que cuidam de crianças mutiladas e deformadas por suas músicas ou abandonadas por mães solteiras frequentadoras de seus shows, seguindo os passos de sua ídola Princesa Diana. São eles:

Pouco Infantis[editar]

  • 2003: As Putas Inglesas
  • 2003: A Mala do Sr. Peabody
  • 2004: Yakov Dando para os Sete Ladrões
  • 2004: As Aventuras Sexuais de Abdi
  • 2005: Enrico de Pinto (Dotadão)
  • 2006: As Putas Inglesas - Bom Demais Para ser Verdade
  • 2007: The English Roses - Friends for Life! (As Putas Inglesas – Mulheres da Vida!)
  • 2007: The English Roses - Good-Bye, Grace? (As Putas Inglesas – Bunda Grande Hein, Grace!)
  • 2007: The English Roses - The New Girl (As Putas Inglesas – Uma Nova Gorda)
  • 2007: The English Roses - A Rose by Any Other Name (Uma Puta Tem Vários Outros Nomes de Guerra)

Adultos[editar]

  • 1992: Sex (Precisa Traduzir?)
  • 1994: The Girlie Show (Mostrando o Grelinho)
  • 2003: X-STaTIC PRO=CeSS (Processada Pelo e-X)
  • 2004: Nobody Knows Me (Ninguém Deixa de Me Comer)

Cquote1.svg Enrico teve que aprender a lidar com a inveja, afinal, era muito duro para os outros meninos não ter um super dote, como era o que ele tinha. Além disso, o fato de ele fazer mais sucesso com as garotas... Cquote2.svg
Madonna sobre o sentimento de inveja que deve ser domado pelas crianças, em seu livro Enrico de Pinto.

Seus Fãs[editar]

Crystal Clear app xmag.pngVer artigo principal: Gay

Os fãs de Madonna, em sua maioria, se dividem em prostitutas e homossexuais. Como essas categorias englobam 99,9% da população mundial, Madonna é a artista feminina mais conhecida e amada do planeta Fio-Terra! Portanto se uma mulher for fã de Madonna, ela provavelmente é puta ou sapatão, e se um homem for fã de Madonna, bem.... Os passatempos favoritos dos seus fãs são lembrar de coisas que ela fazia na época em que a Dercy Gonçalves era virgem, e falar mal de Lady Gaga (uma cópia barata de Madonna)... O grande problema de Madonna é, ela é tão velha, que seus fãs estão morrendo, e os jovens só a conhecem por ser "feat." na música de algum astro pop da modinha.

No geral, são todos um bando de vagabundos, que acompanham a "diva" aonde for, fazendo fila nós estadios um mês antes dos shows, perdendo até o emprego se for preciso, como esse viadinho aqui:

Vida Pessoal[editar]

Madonna e seu Pennis, durante os anos 80: Ele queria enfiar minha cabeça no... cu... bículo do forno, diz a traumatizada cantora.

Depois de ter comido e ter sido comida por meio mundo (o que continuará fazendo o resto da vida), Madonna se casou com o ator pornô Sean Pennis, por motivos mais que óbvios em 1985. Para comemorar seu casamento com Pennis, Madonna se auto-intitulou de "vagina". No entanto, o casamento não viveu momentos muito felizes já que, por conta do seu filme Quem é Esta Gorda? (1987), Madonna teve que engordar alguns quilinhos. Além disso, seu marido Sean iria estrelar um filme de luta de espadas e com isso, tinha que ensaiar para convencer no papel de lutador. Um belo dia, Pennis se deparou com a mulher vestida de rosa fluorescente para ir num bordel baile e não resistiu: partiu a esposa de pancadas. Cansada de muito apanhar, Madonna entrou com um pedido de separação, que saiu em 1989. Algum tempo depois em uma entrevista, Pennis garantiu que havia confundido a cantora com um saco de boxe, exatamente igual ao com que contracenava no filme. Ator compenetrado, esqueceu-se da recomendação de não levar trabalho para casa e, consequentemente, atacou a mulher. Depois de ter dado para outro, Madonna decidiu segui carreira a solo para comprar seus vibradores e camisinhas de vinyl para não ter contato com leite infetado: e assim se explica como ela conseguiu sobreviver à epidemia de AIDS.

Com seu miguxo e rainha rei do POP, Michael Jackson... esse ela não pegou porque ele gostava de andorinhas.

Em 1996, ela surpreendeu o mundo ao revelar que estava prenhe do seu treinador que de tão pessoal que era, acabou se tornando o pai de Lourdes Maria Ciccone (nome dado em homenagem a dona do bordel bar que Madonna cantava no karaokê), chamada carinhosamente de Locca... se bem que, na verdade, nem Madonna sabe quem é o pai da criança, devido ás suas incontáveis transas com Jean Michel Basquiat, Tupac Shakur, John Kennedy Jr., Vanilla Ice e muitos mais só na Década de 1990 mas não se pode continuar a lista, caso contrário a página fica muito entulhada. Segundo seu irmão, Madonna abortou mais de 100 vezes! Durante esta altura, também se converteu ao Judaísmo, em particular à Cabala, se iniciando na bruxaria, macumba,...

Em 2000, Madonna entra na vida do então bem-sucedido cineasta Gay very Rich que, a partir daí, vê sua carreira degringolar. Primeiro porque Madonna casa-se com ele, depois porque tem um filho com ela, Rocco Ciccone Ritchie. O fedelho recebeu tal nome porque tinha dificuldades para falar quando nasceu e a sua mamãe em um momento de equívoco olhou para ele e disse ‘é Rocco’, quando queria dizer, na verdae, que o menino era mudo<. O prego final no caixão de Gayfgoi fincado quando Mandonna o obrigou a fazer um filme (e qual o problema?) estrelado por ela (ah bom, entendi!): Destino na Fossa . Como o próprio nome já diz, foi uma merda e queimou o filme de Gay junto à crítica mundial, e o casal divorciou-se em 2008. Existem rumores de que um dos problemas de seu casamento com Gay Rich (Gay Poor agora) foi justamente o fato do cineasta não ter suportado as sessões calabísticas que a dita obrigava o coitado a praticar todas as noites, religosamente, sem direito a relaxamento muscular. Não diga a ninguém, mas a velha ficou de mal com Niki Haris justamente por ela ter vazado essa informação na revista "Bucetas", ainda na época da "Re-petida Tour". Na revista, Niki, além de fazer um ensaio mostrando como fazer uma tatuagem no clitóris, conta histórias dos bastidores da vida da "megastar", como as obrigações que ela mesma impôe para a pobre Loudes Maria Leon, dentre as quais: não poder tirar sobrancelhas e buço e estudar línguas como sânscrito e hebraico moderno.

Madonna com o seu neto namorado, Jesus Luz.

Depois disso, durante das décadas seguintes, dedicou-se a fazer o mesmo que todas as velhas que rejeitam que estão envelhecendo e recusam a passagem do tempo: foi namorar caras com idade para serem seus netos (não pegando em cara nenhum com mais de 30 anos), que claramente só estão com ela para dar o golpe do baú e pegar carona na fama dela. Em 2016, ela ficou revoltada com a eleição de Donald Trump e disse que queria botar uma bomba na Casa Branca... muitos pensaram que ela ia aderir ao Estado Islâmico, mas afinal só se mudou para Portugal, que é o que muitos gringos fazem quando estão velhos entram na reforma. Ao longo dessas décadas também se dedicou a plagiar Angelina Jolie e adotar um batalhão de crianças africanas.

Lista de Quem já esteve na Cama com Madonna[editar]

OBSERVAÇÃO: ISSO E APENAS UMA PEQUENA ESTIMATIVA

Entrevista Inédita com Madonna[editar]

Veja aqui entrevista inédita com Madonna, por Mara Fiofis

(Des)fatos sobre Madonna[editar]

Tenho de ir colocar mais botox, as rugas já estão aparecendo de novo...
  • Madonna é tão velha que até virou vinho;
  • Madonna tem vários apelidos, entre eles: Dinossaura, Tutancamona, Velha, Vovó, Tia, Vaca, Múmia, coroa, boca suja, Tia Hebe, Véia Quacker, Fortonna, Safadonna,Malvadonna, Velhonna ,Saradonna, ...;
  • Copiou a Marilyn Monroe mas saiu ilesa das acusações porque ela já está morta;
  • É considerada um ícone gay por motivo nenhum, sendo odiada por outros ícones gays como Elton John, Cher e Boy George;
  • Madonna ganhou várias músicas em sua homenagem, entre elas: Madonna Whore de Cyndi Lauper; E já Comi a Madonna de Ana Carolina; 'She-Ha, Madonna de Robin Hood Williams e Lady Kate Madonna dos Os Besouros;
  • Madonna teve seus seios confundidos como Mamões de Corda;
  • Madonna diz ter tido uma revelação ao ler a Oração de São Francisco, mais especificamente no verso: É dando que se recebe;
  • Madonna, por conta de sua religião, pediu a amigos e parentes próximos para ser chamada de Estherica;
  • Madonna quer que seu bebê, David Panda, diga suas primeiras palavras em três idiomas diferentes: inglês, francês e marciano... ops, malawês (Chicheua). Esta última, língua oficial do país de origem da criança, o Malawi;
  • Madonna possui em seu vocabulário, pelo menos três palavrões para cada letra do alfabeto;
  • Madonna apagou sua pinta: foi quando descobriram que ela não era Marilyn Monroe;
  • Madonna ganhou um livro e uma minissérie chamada Madonna de Cedro, em homenagem a sua cara de pau;
  • Madonna, em entrevista a David Peter Pan do Au, Au Show (Late Show), disse que se fosse dona do mundo gostaria de reinventar algumas coisas, entre elas: Empresas: Microsoft se tornaria a Microshort; Filmes: Cantando na Chuva passaria a ser Transando na Chuva; V de Vingança, V de Vagina; Mudança de Hábito, Mudança de Sexo e Titanic, Tetas da Nic;
  • Madonna é muito amada por seus fãs, apesar de ela mesmo a assumir que não gosta desses viados mau cheirosos, dedadores de cu (ou vice-versa) e mau arrumados;
  • Escolheu os animais para irem a Arca de Noé, fez questão de escolher os viados primeiro, porque seriam os que apoiariam sua carreira de prostituição;
  • Ao visitar seus e outros países de terceiro mundo, Madonna leva seu melhor amiguinho com ela: álcool em gel: ou seja, ela é bem humilde em termos de TOCAR em uma pessoa;
  • Tem medo de ser esquecida;
  • Conhecida por ser completamente louca e psicopata, proibia sua própria filha, Lourdes, de se depilar, e obrigava suas crianças a tomar drogas e pinga mesmo quando elas eram menores de idade;
  • Seu beijo é mortífero e dá azar: basta ver como a carreira de Britney Spears foi pelo cano abaixo após aquele momento nos VMAs de 2003 (segundo alguns teóricos, Madonna fez macumba na gostosa para eliminar concorrência);
  • Ela diz ser a encarnação de uma VACA que pertenceu a Matusalém;
  • Já fez porno-chanchada com Xuxa, Rita Cadillac e Vera Fischer;
  • É uma das celebridades mais odiadas até pelas próprias celebridades. Entre os insuportáveis que não suportam Madonna incluem-se: Arsenio Hall, Prince, Cher, Janet Jackson, Mariah Carey, Elton John, Sandra Bernhard, Michael Jackson, Boy George, Mark Wahlberg, Lady Gaga, Piers Morgan, Gwyneth Paltrow, David Letterman, Donald Trump,...;
  • Os portugueses estão cagando e andando que ela esteja vivendo em Lisboa.
Mal se mudou para Portugal, já estava enchendo o saco e querendo regalias.

Legado[editar]

Em resumo: Madonna não passa de uma puta paga que subiu na carreira dando para os produtores e DJs de Hollywood e do mundo da música, sem um pingo de originalidade, e que se limitou a plagiar descaradamente o trabalho de outros artistas.

Madonna sempre ditou as regras da moda, por conta de seus fãs gays na indústria da moda. Sua influência, ou melhor, sua má influência nesse ramo é tão grande que, se ela falar que come bosta qualquer coisa de passarinho para parecer mais "jovem" e "elegante", todas as candidatas a popstar, gays, indies, emos e velhas mal-comidas vão comer... Basta lembrar que Xuxa, ao saber que Madonna ficou grávida da sua primeira filha, Lourdes Maria, também aderiu a modinha e tratou de engravidar de Pelé e dar à luz a Xaxa, sua filha xôxa.

As dançarinas, transformistas e habilidosas cantoras Britney Spears, Lady Gaga, Gwen Stefani, Christina Aguilera e são algumas das seguidoras fiéis do estilo Madonna de ser... ou seja ser puta e despirocar no palco.

Galeria[editar]

Alguns momentos de Madonna, eternizados nesta gayleria, ops.... galeria:

Afiliados[editar]

Que é como quem diz: putas do mesmo bordel

Latino.png Este artigo trata de uma personalidade mortalmente,
putaqueparivelmente e filhadaputamente odiada!
A casa dessa pessoa vive quebrada e pichada.

Conheça outros filhos da puta clicando aqui.