Malacacheta

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
O mais competente pedreiro de Malacacheta, levando material para construir a sua casa.

Cquote1.png Ha-Ha! Cquote2.png
Nelson Muntz sobre o nome dessa cidade
Cquote1.png HAHAHAHAHAHAHAHA MWAHAHAHAHAHA! HAHAHAHAHAHAHAHA Cquote2.png
Qualquer um sobre o nome dessa cidade

Malacacheta é um pequeno vilarejo caipira localizado em algum buraco do estado de Minas Gerais. De acordo com as últimas pesquisas do IBGE/Datafoda-se, que aconteceram em 1908, Malacacheta possui uma população de nove habitantes, contando com os espertos que fugiram para alguma cidade melhor (o que não é lá muito difícil, visto que qualquer cidade é melhor do que Malacacheta).

História[editar]

De acordo com os caipiras da região, esse foi o assustador Tinhoso que foi incorporado pelos camponeses.

Infelizmente, ninguém sabe a história dessa desgraça da cidade, talvez porque não tenha uma história. Porém, de acordo com os caipiras da região, que ficam puxando uns baseados na porta de suas casas, em 1900 e guaraná com rolha, aconteceu na cidade um fato deveras interessante, que ficou conhecido como Aparição do Demônio no Catulé.

Não gostaríamos de entrar em detalhes sobre esse fato, afinal, como pobres e inocentes criancinhas estavam envolvidas, é bem capaz que o governo brasileiro e os moralistas baratos da cidade venham nos censurar, dizendo que isso é uma puta falta de sacanagem. Porém, como estamos simplesmente andando e cagando para a as censuras, que apenas servem para atrasar o desenvolvimento e a capacidade de pensamento dos indivíduos brasileiros, que já por natureza tem uma certa dificuldade para elaborar teorias complexas, iremos contar o causo do Tinhoso assim mesmo... E foda-se a censura!!

Tudo começou quando, em uma noite de Lua cheia, um grupo de camponeses plantadores de batata e mandioca resolveram fazer uma experiência, que consistia em misturar algums folhinhas de ayahuasca com algumas doses de Cachaça Nabunda. Obviamente, isso deu merda, e, alguns minutos após terem ingerido a substância, esses camponeses sofreram um grande efeito alucinógeno e um tanto quanto lisérgico, além de terem ficado com os olhos completamente vermelhos, devido ao exagero no consumo da ayahuasca.

Como estavam completamente doidões, para os camponeses, todas as pessoas eram como se fossem monstros,m que precisavam ser exterminados custe o que custar. Então, para exterminar os "monstros", os camponeses pegaram as suas enxadas, e foram atrás de todos os seus inimigos. Infelizmente, as primeiras pessoas que eles encontraram foram algumas crianças indefesas, e, como as enxergavam como frutos de uma obra do Tinhoso, eles resolveram simplesmente mandá-las para o andar de baixo de uma única vez...

Depois disso, esses camponeses acabaram tomando um tiro de sal na bunda, tiro este que tinha vindo das carabinas de dois canos dos habitantes da cidade. Após terem tomado esses doloridos tiros não-mortais, os camponeses simplesmente saíram correndo, e desapareceram no meio dos enormes matagais que existem em Malacacheta. Depois desse dia, eles nunca mais foram vistos.

Cidade[editar]

Atualmente, Malacacheta é apenas uma cidade roceira comum, que está mais para um bairro do que para uma cidade propriamente dita. Os moradores da cidade não podem nem mesmo assistir o Programa Silvio Santos, pois os sinais de televisão ainda não chegam onde o vento faz a curva.

Lazer[editar]

Como a cidade não possui nenhum ponto turístico, nem mesmo um boteco para o pessoal jogar sinuca, os habitantes de Malacacheta se dedicam apenas à atividade sexual (sendo que nem isso eles conseguem fazer muito bem, haja visto o número miserável de habitantes de Malacacheta.)

Economia[editar]

Acha mesmo que existe uma economia em Malacacheta? HAHAHAHAHAHAHA MWAHAHAHAHAHA! HAHAHAHAHAHAHAHAHA, que piada. Até mesmo a Rede Manchete (R.I.P.) possui uma economia melhor do que Malacacheta.