Marília Atlético Clube

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Marília Atlético Clube
Escudo do Marília.png
Brasão
Hino Música de dor-de-cotovelo
Nome Oficial Marília Jacinto Leite Aquino Rego
Origem link={{{3}}} São Paulo- Marília
Apelidos Bolachas
Torcedores Trouxas
Torcidas Tiozões do Abreu
Fatos Inúteis
Mascote Bolacha
Torcedor Ilustre Reynaldo Gianecchini
Estádio Abreuzão
Capacidade 20.000 9 trouxas e um vendedor de balinha
Sede Inexistente
Presidente Joey Trakina
Coisas do Time
Treinador Zé da Roça
Pior Jogador Nuvola apps core.png Pinga
Melhor Jogador Crystal Clear action bookmark.svg.png Batata
Patrocinador Trakinas
Time
Material Esportivo Mabel
Liga Campeonato Brasileiro
Divisão 3° Divisão
Títulos 5° divisão do campeonato interior paulista feminino amador - 1965
Ranking Nacional 67°[carece de fontes]
Uniformes Uniforme Marilia 1.jpg
Uniforme Marilia 2.jpg



Marília Atlético Clube é um daqueles clubes de futebol do interior de São Paulo que só serve para encher o saco, são igual a fogo de palha. Mestre Yoda previu que o time vai falir em 2017.

O Marília é famoso (aliás, esse time não é famoso em lugar nenhum, nem na própria cidade, dominada pelo tráfico e criminalidade - corintianos)... O Marília é conhecido nas redondezas de seu estádio por ser o único time no mundo que aceita bolachas como ingresso e levar bolachadas dos adversários em campo.

História

Fundação

Um ex-torcedor da Marília.

A história dramática desse time começa em 1942, quando ele é infelizmente fundado, com o nome Esporte Clube Comercial, um nome incrivelmente idiota que deu azar ao clube que terminou a sua primeira competição em último lugar na série Z-3 do campeonato paulista. O nome foi trocado para o atual Marília Atlético Clube, mas o futebol continuou péssimo.

O time participa dos mais variados torneios de várzea de São Paulo, quando em 1954 o time entra em falência depois que o presidente do clube gasta toda sua grana em cachaça.

Década de 70

Porém, em 1969, alguns amigos apostaram as suas mulheres num jogo de truco num churrasco de fim de semana num clube, o vencedor acabou comendo a esposa atlética do amigo, chamada Marília. Depois disso, durante a pelada de final de tarde, teve a ideia de recriar o Marília Atlético Clube.

Durante a década de 70 inteira o time se dedica a ganhar porra nenhuma.

Décadas de 80 e 90

Já durante a década de 80 e 90 o Marília se dedicou a fazer figuração no campeonato paulista e ficar perambulando por todas as divisões existentes do estadual, conseguindo as vezes 9 rebaixamentos consecutivos.

Anos 2000

Com a invenção do futebol moderno em 2002 com o surgimento do Winning Eleven e da segunda divisão do campeonato brasileiro, o Marília agora passa a se dedicar a ficar rebaixando e disputando todas as divisões existentes (exceto a série A), tanto que em 2003 fez de tudo para ajudar o Palmeiras e o Botafogo subirem de volta para a série A.

O "Cavalo Paraguaio" como é carinhosamente chamado por sua fanática torcida composta sobretudo por vendedores de pipocas, chegou a disputar a série C, e está planejando uma meta de vanguarda para tentar a qualquer custo um dia jogar a Série Z.

Campeonato Paulista de 2015

Ninguém sabe como o Marília estava disputando a Série A1 do Paulistão em 2015, o elenco tinha apenas 15 jogadores, sendo que três deles eram do sub-16, não tinha estádio, usava uniformes emprestados e sem numeração, não treinava e cometeu a façanha de realizar a pior campanha de todos os tempos de todos os campeonatos paulistas possíveis. Após 15 jogos acumulou 13 derrotas, 2 empates e nenhuma vitória, nem do XV de Piracicaba ganhou, nem do Linense ganhou, nem do Capivariano ganhou! Terminou com um total de 6 gols marcados, o que representa uma média de 0,005 gols marcados por partida, e de 36 gols sofridos que representa uma média de 12 gols sofridos por jogo. Tomou goleada de todos times possíveis, até do São Bento.

A Federação Paulista estudou a possibilidade de rebaixar o Marília direto para a Quarta Divisão após esse desempenho fraquíssimo. A POrtuguesa e o Guarani contestaram, pois sem o Marília não teriam 6 pontos grátis na Série A2 de 2016.

Títulos

  • Vice-Campeonato Brasileiro Série C: 2002 (essa porra não é título)
  • Campeonato Paulista - Série A2: 2 vezes — 1971 e 2002 (essa merda não é título)
  • Vice-Campeonato Paulista Segunda Divisão: 1999 (esse lixo não é título)
  • Torneio José Ermírio de Moraes: 1975 (essa bosta não é título)
  • Copa São Paulo de Futebol Jr.: 1979 (esse cocô não é título)
  • Vice-Campeonato Copa Mercosul de Futebol Feminino Infantil: 2003 (esse caralho não é título)
  • Vice-Campeonato Paulista Mirim: 2003 (AAAAAAAAAAAAAAAA)

Curiosidades

  • Você sabia, que na realidade, o Marília Atlético Clube não tem títulos?