Maria Gadú

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Maria Gadu)
Ir para: navegação, pesquisa
Lesbian logo.png Este artigo pode levar-te para o Lado Azul da Força!

Este artigo contém fatos sobre sapatas e gosta de Fórmula Truck.

LesboKiss.gif


Arband.jpg

Este artigo é sobre um(a) artista, grupo musical ou uma banda.
Certamente, fãs idiotas alienados odiarão este artigo!!


Emblem-sound.svg.png Maria Gadú
Gadu terno.jpg
Rapaz buííííto
Nome Maria João Francisco Gadú Eller
Origem link={{{3}}} São Paulo
Sexo Ainda está sendo pesquisado
Instrumentos
Nuvola apps kcmmidi.png
pandeiro
Gênero Shimbalaiê
Influências Cássia Eller
Nível de Habilidade Alto nível. Os melhores cabarés cariocas
Aparência Rapaz feminino, ou moça masculina, tanto faz
Plásticas 15 no moicano
Vícios
Nuvola apps atlantik.png
Ne me Quitte Pas
Cafetão/Produtor
Crystal Clear action bookmark.svg.png
Rede Globo

Cquote1.png Faço ela ser hetero bem rapido,so nao fiz por que nao quis! Cquote2.png
Chuck Norris sobre Maria Gadú
Cquote1.png Você quis dizer: Cássia Eller Cquote2.png
Google sobre Maria Gadú
Cquote1.png Você quis dizer: Tintim Cquote2.png
Google sobre Maria Gadú
Cquote1.png Você quis dizer: Júnior, irmão da Sandy Cquote2.png
Google sobre Maria Gadú
Cquote1.png Você quis dizer: Mário Gadú Cquote2.png
Google sobre Maria Gadú
Cquote1.png É o Peter Pan? Cquote2.png
Garota sobre Maria Gadú
Cquote1.png Solta minha mulher, FDP! Cquote2.png
Pedro Neschling sobre Maria Gadú
Cquote1.png Fazer o que? Ela é mais macho que você! Cquote2.png
Luiza Possi sobre Comentário acima
Cquote1.png Seu pai se orgulharia tanto! Cquote2.png
Maria Eugênia sobre Maria Gadú
Cquote1.png É o meu garoto! Cquote2.png
Cássia Eller(do céu) sobre Maria Gadú
Cquote1.png De todo amor que eu tenho, metade foi tu que me deu Cquote2.png
Maria Gadú sobre Luiza Possi
Cquote1.png Quer roubar minha cena, mas a gente trepa as vezes Cquote2.png
Ana Carolina sobre Maria Gadú
Cquote1.png Olha, será que ela é moça? Cquote2.png
Ana Carolina sobre Maria Gadú
Cquote1.png Lindo! Tesão! Bonito e Gostosão! Cquote2.png
Sapatinhas teen no show sobre Maria Gadú
Cquote1.png Porque eu so é homem, menina eu sou é homem, como sou Cquote2.png
Mara Gadú sobre ela mesma
Cquote1.png Ela é minha melhor amiga! Cquote2.png
Leandro Léo(o anão super dotado do "Gente Inocente") sobre Maria Gadú
Cquote1.png Essa sapatinha muito sapeca vai passar pelas mais altas confusões cantando a ex de um ator muito sem sal em um clima de muita azaração que até Deus duvida, em emissora onde tudo pode acontecer Cquote2.png
Narrador da Sessão da Tarde sobre Maria Gadú

Maria Queeeem?[editar]

Maria João Francisco Gadú Eller obviamente herdou o lesbianismo o talento de seu pai(Cássia Eller), e o primeiro nome de sua mãe é piroca esporrada, a esposa viúva de Cássia Eller, Maria Eugênia. Cantora, compositora e violonista teen indie cult mpb shimbalaiê e alternativa, Maria Eller Gadú, após a trágica morte de seu pai, decidiu que faria carreira própria, e aos 7 anos de idade já tocava em bares, pubs, restaurantes, bordeis, e churrascarias. Morou em São Paulo sua vida inteira, vivendo de música, mulheres e moicanos, e só em 2008 mudou-se para o Rio de Janeiro, com nota para o incrível fato de que mesmo se tratando de uma paulistana, Maria Gadú tem sotaque carioca, principalmente na pronúncia do "S" com som de "X", o que pode ser observado em canções como "eXcudos" e a clássica "Ximbalaiê", composta por ela aos 2 anos de idade, com seu violãozinho de plástico, presente de Maria Eugênia. Contemporânea de artistas muito talentosos, como Calypso, NxZero, Fresno, Lady Gaga e César Menotti & Fabiano, Maria Gadú teria pela frente a enorme dificuldade de encontrar o seu lugar ao sol.

Gadú neném, no colo dos pais

Carreira[editar]

Especialista em fazer versões de tudo que existe no mundo, desde canções de Chico Buarque até miados de Kelly Key (ou musiquinhas cansativas e onomatopéicas de sua ex namorada Sandy), Maria Gadú, essa lesbica nojenta fez sucesso sem precisar sequer coçar o saco (enquanto tanta gente precisa ensaiar cem vezes por semana, fazer show em troca de cerveja, gravar demos, fazer pactos com o demo, e etc...) quando comeaçou a tocar pela farofa carioca, e o sucesso relâmpago se deveu não necessariamente à sua vozinha delicada de menininha, m sua fofura a là Mallu Magalhães ou ao seu moicano, mas sim à pessoa enigmática que ela é. As pessoas passavam a maior parte do show questionando "É menino? É menina? É uma entendida que parece um rapaz? É um gay que parece uma moça? É hermafrodita? É a reencarnação da Cássia Eller? Não sabia que o Chicão era cantor..." e os empresários, muito espertos, viram nisso uma possibilidade lucrativa de ganhar bolões de aposta durante os shows de Cássia Jr, mas Mario Maria Gadú não ficou nada contente de não receber nenhuma parte dos lucros milhonários obtidos com as apostas, e prometeu se vingar interpretando Ne Me Quitte Pas à plenos pulmões até ninguém mais aguentar. Acontece que isso chamou a atenção do diretor Jayme Monjardim que na época preparava sua memória póstuma à sua querida mãezinha Maysa (não, não a anã "ciborgue" do Silvio Santos, a cantora, idiota!), e preparava-se pra estrear a série Maysa-Quando fala a sem noção. Como a Maysa em pessoa cantava essa música chatérrima também, O Jayminho ficou comovido, e resolveu dar uma chance pra Gadúzinha, colocando ela pra fazer participação especial com direito à cantar a música(de novo!) e tudo. E daí, caiu nas graças da principal alienadora da população Rede Globo.

Gadú e seu anão de estimação
Os genes de moicano são hereditários

Maria Gadú: a Ascensão[editar]

No início de 2009, Maria Gadú Eller apresentava, aos 22 anos de idade, seu primeiro álbum, o Homo-anônimo, já deu o que falar em uma sequência de chás das cinco shows, e aí mesmo que o pessoal da Globo caiu matando. Lá se foi Shimbalaiê(que ninguém sabe o que significa, podendo ser apenas um barulhinho engraçado de fazer com a boca, ou a invocação de algum exu) parar na trilha da novela das oito (Viver a vida), As versões de "A História de Lilly Braun" e adivinha? Mais uma vez a chatíssima "Ne Me Quitte Pas" foram parar na mini-série Cinquentinha(que reunia todo o elenco de barrocas embalsamadas da Globo). Depois veio "Lounge" na série A vida alheia, "Linda Rosa" na novela Cama de Gato e daí, sambarilove, foram só flores para a Sapa Teen, como pra qualquer cantor novo no ramo apadrinhado pela feliz família Marinho(ninguém pode ficar sabendo, mas isso só aconteceu na verdade, porque testes de de DNA confirmaram a paternidade de Cássia Eller, quando ela foi fazer os testes pra participação em Maysa. Foi só descongelar a amostra de sangue que a Globo tinha no arquivo do Vídeo Show, comparar com a amostra da Gadú, e chegar à conclusão facin, facin).

lésbica?[editar]

Sim, pensei que estivesse óbvio . Em uns anos não tão próximos mas não tão distantes, Gadú confessou nem precisava ser sapatão algo que estava "meio" óbvio por causa de seu estilo de ser masculino e como sempre foi o maior estouro, a notícia foi parar na casa do carvalho em todo tipo de revista, principalmente as de fofoca com a veja, tititi, cabrito e várias outras que só mulher ou gay lê . Não satisfeita com o estou e repercussão que a notícia fez, ainda começou um namoro com a desconhecida tal da Lua Leça, que foi um estouro ainda maior que foi parar no fantástico, globo e principalmente na Internet, aquelas notícias idiotas e fúteis não pararam de aparecer como nunca, era só clicar no Google que você já iria ver a notícia que Maria sapatão Gadú estava namorando a lua Leça,só indo pro Acre mesmo pra não ver essas notícias

Romances[editar]

Em momento romântico com Ana Carolina
Com a atual namorada, Luiza Possi

Depois de já ter catado cantoras pop, teen, gatinhas e filhasdecelebridadequesóaparecemporcausadospais como Wanessa Camargo e Sandy Xororó, Gaduzinha partiu para desafios maiores. Seguindo o conselho de Sérgio Reis(aquele sobre a panela velha), procurou intimidades com a já veterana Ana Carolina, e as duas tiveram um affair, que resultou na canção "Mais que a Mim", cantada pelas duas, e escrita de Ana pra Gadú. Após esse período, Gadú começou um namoro com a também filhadecelebridadequesóapareceporcausadamãe Luiza Possi, ex do abestalhado ator Pedro Neschling(outro que só ficou famoso por ser filho da múmia atriz Lucélia Santos). Namoro este, que as duas fazem questão de negar pra manter as aparências, mesmo que todo mundo já tenha sacado qual é a delas. Algumas pessoas afirmam que as duas já compraram as passagens pra lua de mel na fofolândia.



Discografia[editar]

  • Maria Gadú(2009) - Até agora, o único álbum que Cássia Jr gravou. (Esperamos que ela pare por aí). No álbum você pode encontrar:
  1. . Bela Flor (Música feita em homenagem à garotas gêmeas com quem passou férias românticas em Angra dos Reis)
  2. . Altar Particular (Música sobre sua cama, onde ela leva as "mina)
  3. . Dona Cila (Feita pra sua avó, mas com pequenos fragmentos feitos pra Luiza Possi)
  4. . Shimbalaiê (Tradutores de todas as línguas, dialetos, raças, cores, índoles e credos ainda estão tentando identificar o que isso significa)
    MANria Gadú.jpg
  5. . Escudos (Música sobre sexo regular)
  6. . Tudo Diferente (Canção comparando os corpos de Ana Carolina e o de Sandy)
  7. . Laranja (Sobre uma índia gostosa e o tamanho de algo "talvez o orgão sexual dela".)
  8. . Lounge (Sobre sexo casual e vinho)
  9. . Linda Rosa (Cantada barata que ela dá na vizinha, pela manhã)
  10. . Encontro (sobre um momento especial com Mart'Nália)
  11. . Shimbalaiê 2 Reborn (Pout-porri de compilações intelectuais - Ai se eu te pego, Surra de bunda e etc)

Entre suas composições voce pode encontrar a mais famosa..." Maria Sapatão de dia é maria de noite é João"


Moça
Casal Feliz passeando com o filhote



Grandes sapatas cantoras
v d e h
Botina.jpg
002.png

Mulheres másculas que mudaram a voz da música brasileira
Adriana CalcanhotoAna CarolinaÂngela Rô RôCássia EllerDaniela MercuryGal CostaIvete SangaloMarina LimaMaria BethâniaMaria GadúMarisa MonteMart'NáliaRoberta MirandaSimoneVanessa da MataZélia Duncan