Mario & Luigi

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Virtualgame.jpg Mario & Luigi é um jogo virtual (game).

Enquanto isso, Lavos destrói o mundo.

Alexkidd-gen alexkidd jankendance.gif
Mario & Luigi é da época da Velha Guarda dos Games

e só é conhecido por gamer raiz


Mario & Luigi
Super Mario DOS.png

Super Mario e sua brilhante (?) aparição no DOS

Informações
Desenvolvedor Nintendo (?)
Publicador
Ano 1994
Gênero plataforma
Plataformas DOS
Avaliação 70%
Idade para jogar Livre


Mario & Luigi, ou Super Mario do DOS é o único jogo da franquia lançado diretamente pro PC naqueles tempos de jogos superantigões de computador, como Jetpack, Dangerous Dave, Jazz Jackrabbit e outros tantos que só rodavam em DOS. Com isso algum maluco programando VGA teve a ideia brilhante de criar esse jogo bizarro que até hoje a Nintendo tem medo só em lembrar que isso algum dia existiu.

História[editar]

Mario tentando pular fora dessa plataforma.

Mike Wiering, um programador sem criatividade, estava jogando Super Mario World em seu SNES lá em 1994. Daí ele achou o jogo muito legal, mas sentia pelo fato de ele mal poder jogar no SNES devido a viver preso em seu PC por culpa da merda do emprego que ele tinha. Daí ele decidiu tentar converter seu joguinho predileto em um formato que rodasse em MS-DOS. Daí ele conseguiu crackear vários sprites do Super Mario Bros. (o primeirão) e do Super Mario Bros.: The Lost Levels e criou essa versão fabulosa (?) do jogo.

O game é completamente babaca. A jogabilidade desse jogo é lenta pra cacilda (nem em DOXBox essa merda roda rápido), e a quantidade de estágios é irrisória, TENDO APENAS UM ÚNICO E MÍSERO MUNDO COM SEIS ESTÁGIOS! Pra piorar, a maioria das versões desse jogo por aí sempre suprimiram os estágios 4 e 5, já pulando pro 6, e pior ainda, sem display para mostrar quantas vidas você ainda tem, quantas moedas você coletou e em que estágio você está.

Em 2010, se já não bastasse a picaretagem anterior, fizeram uma versão nova do mesmo jogo, só que agora usando gráficos originais mesmo do Super Mario World. Com isso, apareceu até mapinha. A adaptação conseguiu ficar ainda mais feia que o original, pois além do mapa, da introdução e do Super Mario ter ficado no formato desse game supracitado, os personagens ficaram com sprites horrendas, que não tinham nada a ver com nada, parecia uma mistura das versões anteriores.

Missão[editar]

Passar pelos seis estágios. E só. Não tem nenhum Bowser no final pra matar (nem um Fake Bowser sequer), nem nenhuma princesa ou Toad pra dizer "mas nossa princesa está em outro castelo". Ou seja, é inútil.

Uma curiosidade[editar]

Embora o nome do jogo seja "Mario & Luigi", o Mario verde nunca aparece no jogo (motivo: não há modo dois jogadores nessa velharia). Em outras palavras, big fail!

Ver também[editar]