Marituba

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Município de Marituba
"Cidade do Pirralho Jesus"
Bandeira de Marituba.png
Bandeira
Aniversário 22 de setembro
Fundação 22 de setembro de 1994
Gentílico marijuana
Localização
Localização de Marituba
Estado link={{{3}}} Pará
Mesorregião Cidades-dormitório de Belém
Microrregião Belém exceto Castanhal
Municípios limítrofes Não disponível
Distância até a capital Não disponível
Características geográficas
Área Não disponível
População Não disponível
Idioma Caboco
Clima Não disponível
Image27.gif Este artigo está poluído!

Pegue uma máscara de oxigênio e uma garrafa vazia, para carregar ar. COF COF COF...

Cquote1.png Você quis dizer: Maritoba? Cquote2.png
Google sobre Marituba

Cquote1.png Você quis dizer: Cidade-dormitório? Cquote2.png
Google sobre Marituba
Cquote1.png Experimente também: Cama Cquote2.png
Sugestão do Google para Marituba
Cquote1.png Onde fica Marituba? Cquote2.png
Qualquer um sobre Marituba
Cquote1.png É um bairro entre Belém e Ananindeua? Cquote2.png
Paraense sobre Marituba

Marituba é mais um município que fica próximo a Belém, no estado do Pará, e que ninguém conhece (ou tem a mínima vontade de conhecer, pois lá não tem porra nenhuma de atrativos turísticos), já que a mesma é ofuscada pelo brilho e esplendor (WTF?) da joia da Amazônia e maior metrópole daquelas bandas, a capital (se não a única mais importante do estado). Se não é o menor município de todo o estado, com certeza está pau-a-pau (ui!) com qualquer outra cidadezinha perdida entre um grande município e outro.

Lá não tem nada de interessante e as coisas são tão atrasadas que ninguém perde tempo passando sequer um dia ali (imagine como aquilo deve ser em feriado prolongado), preferindo passar as suas noites em Belém, ou mesmo Ananindeua, e indo para lá somente puxar o ronco, nada demais. Por esse motivo de ser tão fenada, não é a toa que Marituba seja simplesmente esquecida como uma legítima cidade paraense, já que pode muito bem ser comida englobada às maiores que estão em seu redor sem que ninguém sinta a mínima falta dela.

História[editar]

A estação ferroviária de Marituba no seu auge quando fabricava feno.

Marituba é uma cidade que nunca ofereceu nenhum problema para a capital, Belém, ou para qualquer outro município do Pará (pelo menos não diretamente). O governador do Estado sequer lembra da existência de Marituba no mapa (por isso lá é tão atrasada quanto a capital), achando mais fácil tomá-la como um simples bairro pobre de belém do que como um município propriamente dito, haja visto que ainda pode faturar uma grana tendo ela como um bairro do que como uma cidade independente, já que uma cidade gasta mais verba federal do que um estado (ou não?).

Marituba nunca teve problemas litigiosos, nunca aconteceu uma revolução em seu interior que gerou um grande atentado à Belém, ou aos seus habitantes, e nem possui uma história de guerras, para que ficasse marcada na história e entrasse para os anais do ensino público do estado (ou mesmo do Brasil), diferentemente da capital, que ainda teve revoltas de pobres valentes homens, que ocasionaram a conhecida Cabanagem e a "quase" independência do Pará, tal qual ocorreu com os Estados Unidos do Sul.

Um turista tentando encontrar alguma coisa de interessante para se fazer em um final de semana em Marituba (repare que a cidade está deserta).

É um dos municípios mais noobs do Pará, tendo a sua plena criação em miados meados de 1994, quando o município em que ela estava ajuntada há muito tempo, de nome Benevides, resolveu lhe dar um grande banimento de uma hora para outra e sem direito a separação total de bens, pois toda hora era um grupo de pobres humildes pessoas que saíam, de preferência da capital do Estado, e iam se amontoar por aquelas bandas como se fosse a Casa da Mãe Joana, aumentando a densidade da população de massa, em detrimento das de ricos que preferiam pagar o preço de viver em Belém do que em uma grande favela, haja visto que o lote de terra em Marituba era bem mais em conta do que em qualquer uma das outras sedes municipais.

Separada de Benevides, Marituba teve que se virar de quatro para não sumir em meio a tantas pessoas. Atualmente ela serve somente como um auxiliar de moradia para as pessoas que vivem na capital, haja visto que a localidade não tem porra nenhuma de interessante e nem tem mais lugar para onde crescer, devido ao fato de estar espremida entre dois municípios, que a impedem de dá um passo à frente, ou mesmo para trás (azar o dela).

Geografia[editar]

Casa de um morador de Marituba. Maior que isso, as casas não podem ser, pois lá não tem espaço.

Como já dito acima (mas que é bom repetir pra encher linguiça caso você seja cego), Marituba é uma porcariatiza espremida entre dois grande municípios paraenses. Do lado esquerdo (caso você não seja canhoto) encontra-se Ananindeua, um município que é tão próximo de Belém, mas tão próximo, que ninguém sabe onde é que termina um e começa o outro (se bem que pouca gente realmente se importa com isso); e, do lado direito, encontra-se Benevides, que foi o município que simplesmente expulsou Marituba de seu interior, quando viu que a mesma dava uma maior oportunidade à classes menos favorecida de recursos financeiros, o que transformava o município em um grande favelão.

Economia[editar]

Estando próxima de Belém, separados por simples 50 min (isso se você tiver um carro, pois, se for de ônibus, demora bem mais que isso), Marituba é mais conhecida como uma cidade-dormitório do que outra coisa, pelo fato de qualquer um preferir trabalhar na capital e voltar para lá só para dormir do que trabalhar por lá, haja visto que o que mais falta é emprego naquele lugar, já que lá não tem porra nenhuma para se fazer.

O município é considerado como quase 100% pobre urbano, já que não é qualquer um que tem dinheiro para comprar uma fazendo nas partes mais rurais do Estado (que já não são muitas, ou você esqueceu que lá o tamanho é diminuto?).

Até hoje ainda tentam achar alguma importância para Marituba além de cidade-dormitório dos maiores municípios do estado, porém, até hoje, ainda não descobriram um sinônimo interessante para a palavra inútil e que se encaixe à ela.

População[editar]

Menino Jesus de Marituba, quando ele crescer será praticamente um Cristo Redentor.

Tem uma das maiores densidades demográficas do Estado do Pará, que em outras palavras que dizer que tem pouca terra para muita gente.

Saúde[editar]

É um dos poucos locais onde a saúde do estado funciona de verdade (ou não). Mesmo assim, todo mundo prefere ir se tratar em Belém, pelo sim, ou pela não (ninguém quer arriscar sem ganhar nada).

Lazer[editar]

Só para não dizer que lá não tem nada, a maior diversão da localidade são os seus mais de oito mil igarapés, que fazem a alegria do pobrada que não tem como se locomover para Belém no final de semana ou para municípios com praias.

Tutirmo[editar]

O Menino Jesus de Marituba é uma das maiores atrações da cidade, podendo ser comparado com o Borba Gato de São Paulo Cristo Redentor do Rio de Janeiro (se bem que um é o mesmo que este famosão, só que em fases diferentes da vida).