Matinta Perêra

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Matinta)
Ir para: navegação, pesquisa
Xuxosameneg.jpg Este artigo é sobre uma bruxa!

ou algo tão feio e horripilante quanto uma bruxa...

Não leia este artigo se for puritano.


Cquote1.png Você quis dizer: Baba Yaga Cquote2.png
Google sobre Matinta Perêra
Cquote1.png Experimente também: Avó da Samara Cquote2.png
Sugestão do Google para Matinta Perêra

Matinta Perera nos dias atuais, ao visitar um fulano qualquer. Pena que ele já morreu!

Matinta Perêra (nome de casada) ou se prefirerem Matinta Pereira de Oliveira (que é o nome de solteira) é uma lenda tipicamente indígena e brasileira. Basicamente, é uma espécie de bruxa maligna viciada em dar um tapa na pantera fumo. Criada sem nenhuma razão aparente, inicialmente era uma lenda contada de pai pra filho na intenção de fazer com que a criança ficasse com medo e fosse logo dormir, deixando assim os pais livres para fazer o que quisessem. Mas os inventores não contavam que essa lenda fosse chegar tão longe (pra quem dizia que mentira tem pernas curtas, ei um exemplo que não tem!), mais precisamente no Japão, e se tornasse um filme de sucesso, claro que com algumas adaptações, já que todas as lendas indígenas são extremamente sem noção.

Na verdade esta lenda é mais uma maldição que uma entidade. Normalmente o amaldiçoado é uma velha, mas já teve casos de serem crianças, jovens, mulheres, homens. Um desses casos dela não ser uma velha foi na cidade de Inhangapi, onde a Matinta era um negão bem forte, musculoso, que ao invés de pedir fumo, exigia Mega Mass ou bomba pra cavalo. Outro caso interessante foi no Morro do Pombo Hermafrodita, que fica no Rio de Janeiro, onde a Matinta que assombrava o local era um traficante italiano bem gordo. Ele aceitava apenas charutos e cafés capuccinos – ai daqueles que negassem tal pedido!

Eu sou A Lenda[editar]

1 - A Matinta Perêra é uma velha vestida de preto e com os cabelos caídos na cara. Tal qual sua semelhante oriental.

2 - Ela gosta muito de sair durante a noite, geralmente em noites sem lua. Mas ela sai também quando alguém assiste a uma fita sem pé nem cabeça, e trata de avisar a essa pessoa algo de extrema importância.

3 - Quando alguma pessoa para qual ela aparece não consegue enxergá-la ou for cega, ela solta o periquito um assobio bem forte para atrair essa pessoa. Se não funcionar, ela atira uma pedra na cabeça dessa pessoa e ela rapidinho olha.

4 - Ela é tipo Raul Seixas, uma metamorfose ambulante. Gosta muito de se transformar em animais como lagarta, cobra, sapo, camaleão, elefante, camelo e etc...mas o que ela mais gosta de virar é coruja. Só não me pergunte o porquê.

5 - Muitos dizem que é fácil saber como ela é. Ao ouvir o assovio, basta você convidar a pessoa que assoviou para tomar café, mesmo sem ter visto. Então no outro dia, a primeira pessoa que bater em sua porta, logo pela manhã é a Matinta Perêra. Se for sua mãe, seu pai, tua namorada, o padre, o capeta não interessa, é a Matinta Perêra e você deve matá-la o quanto antes, antes que ela te mate.

Matinta quando mais jovem e sua banda de góticos trevosos.

6 - Ela tem poderes sobrenaturais, claro que se não tivesse, nunca se transformaria em animal algum. Recentemente ela fez um curso de bruxaria no Senac e anda praticando essas magias. Dizem que suas magias tem apenas um objetivo: Matar. Ou quando não mata, deixa aleijado. Ou quando não aleija, deixa doente. Ou quando não adoece, é porquê o feitiço não funcionou e você pode seguir sua vida tranquilamente, como se nada tivesse acontecido. Ou não.

Outra versão sobre ela diz que ela é uma coruja, e que se torna mulher todas as noites para atrair os tarados punheteiros para sua cama, fazendo deles de gato e sapato. Só que como no interior do Amazonas é difícil encontrar algum nerd, ela simplesmente passa assoviando pela frente das casas, e se no outro dia não tiver tabaco ou cachaça na porta das casas, ela volta na noite seguinte e mata toda a família. E mesmo se após a morte destes, no outro dia não tiver nada na porta da casa dos assassinados, ela vai até o cemitério e sodomiza os corpos das pessoas mortas.

Como essa versão não tem nada a ver com o filme que fizeram, quase ninguém conhece-a. Recentes pesquisas informam que a Samara é neta de Matinta Perêra, só que ainda quando pequena, foi abandonada por seus pais no Japão, e a partir daí, começaram as filmages do filme O Chamado.

Como se livrar de uma :[editar]

A simpática Matinta Perêra, contaminando o ambiente com seu invejável bom humor.
  • Para a sua sorte existem quatro maneiras de se livrar dela, conheça-as abaixo :
  1. Existem métodos mágicos que permitem prender a Matinta, um deles você tem que ter uma tesoura virgem ( zeradinha, se ela encostar no papel perdeu o cabaço ), uma chave e um terço. Quando der meia noite você abre a tesoura igual como faz na perna da sua namorada ou como você faz pro seu namorado, a enterra no local onde a Matinta aparece, coloque no meio da tesoura a chave e o terço em cima, depois faça seis orações enoquianos especiais. A Matinta ficará presa no local onde fizeste este ritual, não conseguindo se afastar dele.
  1. O segundo é quando ela tiver voando ao redor da sua casa assobiando, você deve pegar uma agulha virgem ( se tocou em algum pano ou linha perde o cabaço ) e um cinto de couro, a espete neste cinto e recite Ave Maria 100 vezes em um segundo, caso consiga a Matinta baterá de testa em alguma parede ou árvore e vai embora toda baqueada.
  1. Você pode ficar invisível para ela, basta cobrir suas mãos com um pano preto e esteja calçado com uma bota de couro de Mucura, as unhas humanas são como fogo para ela, desse modo se aproxime da casa onde ela mora e tocando na porta recite uma oração Celta secreta e mije no local, na manhã seguinte ela aparecerá na forma humana na frente da casa, se perguntando quem foi o puto que sujou a porta dela enquanto limpa. Esse terceiro método serve apenas para sacanear com ela.
  1. O quarto método é o mais complicado : você deve ir seis da manhã na casa dela, na hora que ela se deitar na cama para voltar ao normal pegue na cabeça dela e vire ao contrário e saia rápido do local, no horário das seis ás sete da manhã ela fica desmaiada, como se estivesse recarregando do passeio noturno, cuidado com o horário de verão, ao acordar a Matinta ficará horrorizada ao perceber sua cabeça ao contrário ( a dela, não a sua ) e sumirá da sua cidade.


Catalendas[editar]

A aberrante verdadeira forma de Matinta Perêra, a qual ela só assume em períodos de forte abstinência de fumo (ou quando vê alguma propaganda sobre os malefícios do cigarro na TV).

No programa infantil de terror Catalendas há uma história sobre a Matinta Perêra, esse episódio foi um dos primeiros a serem feitos e um dos mais assustadores. Tudo começa quando Dona Preguiça, durante o meio da madrugada, aparece em sua janela, coloca um pouco de maconha tabaco na sua janela, enquanto a sombra de uma coruja passa por sua casa, então ela diz Venha tomar café da manhã amanhã de manhã! e depois que volta a dormir, e o maconha tabaco some. Durante bem de manhã, Preguinho chega à boca de fumo casa da Dona Preguiça, que convida ele pra entrar dentro da sua casa e lá conta uma história.

Por volta dos anos 90, dois amigos, um chamado Justino e o outro Iberê, os dois estão viajando de ônibus pela esburacada estrada de terra, a Trans-amazônica, com destino à um vilarejo no interior do Pará. Ao chegarem lá, um senhor, que é o Seu Pedro, convida eles pra dormirem na casa do filho dele, e lá, ele fala sobre a Matinta Perêra, que podia ser qualquer maricota que morasse lá, e ele diz que toda a noite ela passa nas casas e pega maconha fumo e comida que tem que serem deixados na janela, e se não fizerem isso, ela começa a atormentar quem não deu nada pra ela, fazendo a pessoa ter alucinações horríveis e ficar com dor de cabeça, mas enquanto ele diz isso, a Matinta aparece na frente deles, com cabelos esbagaçados e coberta bor um pano marrom. Alguns dias depois, Iberê diz que quer ver essa Matinta de perto e tirar uma foto dela, mas quando chega perto da floresta, fica com medo dela, sua câmera não consegue funcionar, então ele fica meio tonto. Quando chega na casa, ele insiste pro seu amigo abrir, mas ele está dormindo, então ele começa a ficar tonto, ter dor de cabeça e desmaia, então, a Matinta surge das trevas do chão, e sai andando de lá, enquanto toca uma música macabra.

Na manhã seguinte, Iberê está com dor de cabeça, dormindo na rede, e ao seu lado estão Justino e Seu Pedro. Seu Pedro diz pra ele que o único jeito de derrotar a Matinta Perêra é dizer no meio da noite, enquanto ela é coruja "Valei-me, nosso Senhor!!!, e Iberê faz isso no meio da noite, vai até lá fora durante a noite e enquanto a Matinta passa em forma de sombra de coruja, ele diz "Valei-me, nosso Senhor", então ela começa a cair de maneira lenta e aterrorizante. E depois de um tempo, quando Iberê já não está mais lá, ela se levanta e diz "Égua! É a tercera vez qui eu caiu, a genti num podi neim mais pegá um fumu pa fumá!" então ela vai embora. E alguns dias mais tarde, eles estão voltando de ônibus, e eles ficaram conversando sobre a Matinta e as férias lá, então no fundo do ônibus, a Matinta estava escondida.

Dona Preguiça diz para preguinho que tem outra forma de saber quem é a Matinta Perêra, é só convidar ela pra tomar café, que ela vem, então ela fica olhando pra Preguinho, que nega ser ele, então, eles ouvem alguém falando "Oh di casa! Mi vê um cafezinho aí, Dona Priguiça!", olham pela janela, falam "Dona Anta", então Preguinho desmaia e Dona Preguiça deixa seu livro cair.

Ver Também[editar]

8175c6428facfcc9422ae7ed5ac47339--adult-cartoons-sexy-cartoons.jpg Este artigo trata de uma mulher malvada.

Ela já enganou a todos, mas provavelmente vai se arrepender de tudo
o que fez e terminar com os miguxos.