Medo

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Cquote1.png Eu tenho medo Cquote2.png
Regina Duarte sobre Medo
Cquote1.png To com medo, vou embora Cquote2.png
Felipe sobre Medo

Medo de usar roupa...

Medo é algo que significa que é hora de correr pra caralho e chamar a mamãe, isso se você não for aleijado ou mudo. Ele costuma pegar tudo que tenha sangue no corpo, mesmo barata, que é um bicho nojento, onde a cabeça pode viver separada do corpo e vice-versa, mas ela também sente medo apesar do sangue gosmento. As reações variam entre tremer, ficar paralizado, dar gritinhos finos (tem gente que se revela ao levar um susto), arregalar os três olhos, etc.

É melhor que o líquido soltado por medo saia por cima...

Voltando à ela, medo de barata é comum em pessoas sensíveis, mas qualquer um se irrita com esse bicho: se deixar se prolifera... mas o artigo é sobre medo ou barata? Não, já existe o artigo sobre a barata, melhor se borrar sem esmagar esse envernizado bicho. Se de início, o medo for pequenininho, já é um alerta porque a tendência dele é aumentar, e se estiver com medo do escuro, acenda a luz, mas não deixe que o escurão aumente: está em suas mãos, fazendo isso pode ser que o medo não aumente, mas se o clarão for muito forte também pode te machucar o olho, e é de dar medo, e se acha que tudo rosa pode lhe salvar, saiba que o rosadão também é amedrontador. A maioria dos medos não tem fundamento, mas quando tem, e você não pode correr, nem reagir, apenas reze sinta o medo em todo o seu espírito... e talvez ele saia. O espírito, não o medo.

O mijo ocasionado pelo medo costuma ser mais amarelo que a urina comum, ele carrega substâncias que deveriam aliviar o medo pela sua diminuição para que a pessoa tivesse uma ação mais ofensiva, mas esse escoamento provoca vergonha e inutiliza o efeito, longe da eficácia daquela coisa quentinha, em 36/37° escorrendo pelas pernas, que deveria ser, e você ainda pode correr mais devagar com as pernas abertas

Um estágio como esse, embora pareça terrível, não o é: o organismo escolheu desse jeito, em troca de não deixá-lo morrer do coração, e é por isso que em agradecimento, o coração é desenhado sempre em forma de bunda. Além disso pense na limpeza intestinal sem que seja preciso fazer a chuca, e a chuca pode não deixar nada para a flora intestinal, porque você acha que bibas gostam tanto de produtos com lactobacilos? Reposição, claro. E o medo com certeza se vai junto com a bosta, mas cai no mesmo problema do mijo, e é ainda mais desagradável ao olfato, se o medo não tiver fundamento, automatcamente a atenção se voltará para o incidente.

[editar] Vídeo

.


== Ver também==

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas