Menir

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Wikisplode.gif
A nossa sátira autorizada, a Wikipédia, tem um artigo sobre: Menir.
Cquote1.png Por que o medo cara? É só uma pedra! Cquote2.png
Futura vítima da ira do Menir

Cquote1.png Então foi aqui onde os alienigenas vieram? Cquote2.png
Você sobre o Menir

Menir, também denominado perafita, é um monumento pré-histórico de pedra, cravado verticalmente no solo (ortóstato), às vezes de tamanho bem elevado (megálito denominado menir) onde se encontra o maior mistério da humanidade e não estamos falando do número 42.

A sua história[editar]

Para erigir seus monumentos, os homens da época pré-histórica provavelmente começaram por levantar uma coluna com ajudas de alienigewnas e as suas técnologias de levar grandes pesos seus grandes esforços, em honra de um deus ou de um acontecimento importante, embora a maioria dos historiadores relacionem o seu aparecimento com:

  • Culto da fecundidade (aqui rolava muito sexo a vontade)
  • Marcos territoriais (quem manda nessa porra aqui são os carvenosos e não você)
  • Orientadores de locais (oo vilarejo para ser saqueado fica no oeste)
  • Santuários religiosos (sacrificando virgens gostosas em nome de algum Deus gay)

Esses monumentos pré-históricos eram pedras, cravadas verticalmente no solo, às vezes bastante grandes (megalito denominado menir) onde necessitaria ser um Hércules da vida para poder levantar uns desses. Pelo peso dessas pedras, algumas de mais de três toneladas, acredita-se que não poderiam ter sido transportadas sem o conhecimento da alavanca, ou das ajudas de uns extraterrestres.

Estas pedras (os menires) deram origem às colunas de pedrinhas erguida venerado por muitos turistas. Mais tarde percebeu-se que, usando três elementos, era possível construir, que seria a força escrava, algum especialista em equilibrio e um otário para levar a culpa se tudo desse errado.

Viking.jpg
v d e h
Os bárbaros vêm aí... Olê olê olá!