Meryl Streep

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Joana.jpg

Meryl Streep é uma ex-gostosa
Ela já inspirou muitas homenagens, mas foi o tempo quem realmente a comeu.

Cquote1.png ela está viva!! Viiivaaaa!!! Cquote2.png
Oscar sobre Meryl Streep
uma das várias poses de Meryl pra disfarçar a idade.

Cquote1.png ela é a imagem da perfeição, mas hoje não “Faro” Cquote2.png
Oscar sobre Meryl Streep
Cquote1.png hum, amadora!! Cquote2.png
Katherine Hepburn sobre Meryl Streep
Cquote1.png ela é a rainha branca e eu a vermelha da vida real Cquote2.png
Helena Bonham Carter sobre Meryl Streep
Cquote1.png ela não vai ter sucesso enquanto não vir para cá Cquote2.png
Disney sobre Meryl Streep
Cquote1.png ela roubou minha poção da juventude Cquote2.png
Stein sobre Meryl Streep
Cquote1.png e aí velhooooota Cquote2.png
ICarly sobre Meryl Streep
Cquote1.png como é que é ter um rosto de marmore? Cquote2.png
Sam Puckett sobre Meryl Streep
Cquote1.png então foi você que roubou o Bill line Cquote2.png
Mulher gato sobre Meryl Streep

vamos brincar de estátua? “Posso ficar hoooras assim”.

Cquote1.png Ela dá um caldo hein? Cquote2.png
Pierce Brosnan sobre Meryl Streep
Cquote1.png odiei, pedi magra atlética e alegre e você me trouxe isso Cquote2.png
Miranda Priestly sobre Meryl Streep
Cquote1.png essa não!! minha ex-mulher Cquote2.png
homer simpson sobre Meryl Streep
Cquote1.png minha idala de infância, gracinha!! Cquote2.png
Hebe Camargo sobre Meryl Streep
Cquote1.png Você quis dizer: a casa de cera Cquote2.png
Google sobre Meryl Streep

Meryl Streep é uma “famosa” e premiada atriz americana, que foi cobaia em uma experiência realizada pelos organizadores do OSCAR, cansados de ver ex-prostitutas ganhando o Oscar todo o ano, injetaram em Meryl canais lacrimais programados e uma voz multipolar.

Meryl colhendo o primeiro trunfo de sua experiência.

BIOGRAFIA[editar]

mesmo sem ela está morta, mas é só esperar uns minutinhos mesmo

Meryl Streep nasceu filha do corcunda de Notre Dame e Merlin Monroe, tendo no seu sangue o destino de saber fazer os outros chorarem, mas ser gostosa ao mesmo tempo. Sempre de classe media Meryl nunca soube como é ter um calo na mão, cresceu mudando de país várias vezes, contando com as viagens pro exterior, tinha ido a todos os países do globo com oito anos de idade. Meryl teve ou ainda tem dois irmãos que têm a vida de hoje graças a ela! Uma vida de desconhecidos, incluindo eu, ninguém sabe quem são ou o que fazem. A filha da p*ta antes de ser atriz estudou artes e música numa universidadesinha de b*sta chamada Vassar, só pra esfregar na cara de seus irmãos. Foi levando as coisas e pronto! ficou adulta. Em 1975 conheceu seu grande “Parceiro” o Oscar que em duas seções e alguns ajustes faciais criaram o que há de mais moderno em vida biônica, a partir daí sua capacidade de imitar os costumes de pessoas que nunca fizeram parte de sua realidade chegou ao ápice.


A CARREIRA[editar]

No começo de sua carreira pós operação Meryl descolou alguns Oscars, mas depois dos jurados descobrirem o seu segredo metálico, voltaram a escolher as mesmas raparigas de sempre. Mas o retardado do Oscar continuava indicando ela todos os anos, fazendo ela querer se esconder dentro de seu próprio sapato a cada premiação. Mas mesmo assim a Meryl resolveu CAGAR tentar esquecer o que o Oscar dizia ou fazia e continuou fazendo seus filmes B. Os filmes mais famosos de Meryl Streep são:

Tem aquele do... e o outro que ela está tipo... e tem aquele outro que ela está com o cabelo meio...

Meryl sempre trabalhou em porcarias sem bilheteria filmes pequenos e de baixo orçamento, o seu filme que mais faturou nas bilheterias, foi a comovente história de “deus veste farrapos” no qual interpretava uma mendiga que andava na moda.

Streep em “deus veste farrapos”.

Meryl tentava levar a vida fazendo um filme aqui uma peça de teatro ali e um ‘’’programa ‘’’ acolá, mas estava tão desligada no que realmente fazia que trabalhava em filmes trash mas não largava a atuação respeitável vejamos os cagaços filmes de Meryl.

FILMOGRAFIA[editar]

Veremos agora todos os filmes de Meryl (exceto os pornôs que foram retirados, porque os prêmios que ganharam não são muito de se ter orgulho)

1977 - Julia lesbo 4ever: duas namoradas amigas de infância mantêm contato mesmo tomando rumos sociais bem diferentes.(novela das oito? É possível)

reencenação de lesbo 4ever por meryl streep

1978 - o franco atirador O esperto comedor: Meryl ainda gostosa, finge que é namorada de um bandidinho cheio de testosterona e dá pra ele para não morrer.

1979 - Kramer VS Kramer Aranha VS Bicho pau: faz uma mulher do bem (tipo Hitler) que deixa o pai se foder criando o filho, e depois volta quando o moleque maior e vai na justiça pra pegar o bostinha.

1981 - a mulher do tenente francês A amante do tenete Frances: executa com perfeição (até demais) a amante de um idiota qualquer.

1982 - a escolha de Sofia Salomão as avessas: teve que deixar a gostosice de lado para fazer uma mãe num campo de concentração que tem que escolher um dos filhos pra morrer (filme levinho de sessão das tarde).

1983 – Sikwood - o retrato de uma coragem Manual – motivos para ser covarde: Uma corajosa que morre.

1985 - entre dois amores pra quem eu dou hoje?: o título já diz o contexto.

1986 – estranhos na mesma cidade i wanna rock: sexo, drogas, e álcool, isso é rock’n roll baby.

1988 - um grito no escuro como abortar depois dos 9 meses: uma mãe que mata seu bebê. Muito indicado para as crianças, faz elas perceberem que têm sorte de estar aqui.

pelo jeito parece que vem aí deus usa farrapos 2

1989 - ela é o diabo a avó de Beth a feia: faz cenas de sexo como amante mas sempre escondendo o produto com o lençol e por isso é punida por uma gorda verruguenta.

1990 – Lembranças de Hollywood um futuro não muito distante: com uma amiga passa o filme babando pensando em como era Hollywood.

1992 - a morte lhe cai bem necrofilia topa?: ela e uma ex-rival bebe um troço e fica vivendo jovem e imortal pra sempre só que com o tanto de acidentes que tivaram o corpo se desmembra espontaneamente. muito sexy!

1994 - o rio selvagem um rio do barulho: tem várias aventuras e loucuras da oesada com afogamentos e tudo mais.

2001 - A.I. inteligência artificial M.Ã.E. inteligência inesistente: pais desesperados por ter o filho doente, resolve adotar uma criança robô que veio do nada.

o tempo passou pra ex-prostituta do filme mama em mim ah! mas a elasticidade dela ainda tá boa

2004 - desventuras em série desgraças seguidas: meryl faz uma tia drogada que morre por fazer uma correção de português, fica sabendo todas as regras de gramática depois de fumar uma página.

2005 - terapia do amor terapeuta do mau: mãe que não deixa o filho adolescente comer uma trintona só porque não tem um pra ela.

2006 - O Diabo Veste Prada deus veste farrapos: velha mandona que acha que sabe o que é moda quando na verdade veste farapos.

2008 - duvida sai neguinho: freira velhaca do caralho tem uma dúvida sobre alguém novo entre ela (não entre como ela queria)

2008 - mamma mia! mama em mim ahh!: prostituta idosa que canta pra sua voz sair sem usar o aparelho.

2009 - Julie e Julia as julias: velha retardada descobre talento pra culinária e uma adolescente retardada tenta aprender com ela.

2011 - A dama de ferro trator humano:politica cujo cargo desconheço mas que tem dentes que fazem uma cratera.

1234quatro.jpg
Meryl Streep é um dos Grandes Vencedores do Oscar de melhor atriz no ano de 1983 Emmy!


Meryl Streep é um dos Grandes Vencedores do Oscar de melhor atriz coadjuvante secundária no ano de 1980 Emmy!


Meryl Streep é um dos Grandes Vencedores do Oscar de maior número de indicações falhas no ano de 2011 Emmy!


Meryl Streep é um dos Grandes Vencedores do Oscar de consegui mais um antes de morrer! no ano de 2012 Emmy!


VIDA PESSOAL[editar]

Meryl por ser velha pra caralho uma senhora, é muito questionada sobre seu rosto juvenil, os repórteres sempre mandam indiretas para Meryl confessar que fez um rosto de cera já fez uma ou outra plástica, mas ela nega e diz que abusa mesmo dos cremes pra rosto (provavelmente pra polir a lataria).

Meryl usando seu creminho, é uma técnica pra espalhar melhor

Atualmente Meryl Streep reside em um azilo na Califórnia do qual sai obrigada pelos antigos realizadores do Oscar, para fazer personagens juvenis e alegres como no musical “Mamma em Mim ah!” no qual interpreta um idosa ex-prostituta que fica pulando o tempo todo para o coração não lembrar de ter um infarto.

mas não é que o creme vale apena cara? ou ela só trocou o rosto de cera de novo