Miguel de Cervantes

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
El matador.jpg
Cervantes.jpg
VIVA LA DESCICLOPEDIA, ALZAD LOS BRAZOS, HIJOS

Este artigo tem sangue espanhol! Por isso não se espante se você levar uma chifrada ou ver pingos de uma paella com azeitonas esparramadas. Um Picasso original pode estar por trás de Usted!

Cuidado! Tomás de Torquemada e a Inquisição Espanhola estão de olho nos vândalos!!

Wikisplode.gif
Para aqueles sem senso de humor, os espertalhões da Wikipédia têm um artigo (pouco confiável) sobre: Miguel de Cervantes.

Cquote1.png Tenho mais talento. Cquote2.png
William Shakespeare sobre Miguel de Cervantes

Cquote1.png Tenho mais talento. Cquote2.png
Machado de Assis sobre Miguel de Cervantes

Cquote1.png Quem é esse mané? Cquote2.png
Você sobre Miguel de Cervantes

Cquote1.png Es un tío muy talentoso. Cquote2.png
Miguel de Cervantes sobre citação acima

Cquote1.png A liberdade, Sancho, não é um pedaço de pão. Cquote2.png
Miguel de Cervantes sobre menosprezar Sancho com uma comparação óbvia


Intensa batalha entre Miguel de Cervantes e Tio1.jpg pela popularidade na Inciclopedia.

Miguel de Cervantes foi um muchacho espanhol do século XVI. É conhecido pelo seu combate contra Dom Caixote Quixote de La Mancha e também por ser muito lembrado na versão espanhola da Desciclopédia aquela porcaria da Inciclopedia, a Inciclopedia. Depois da derrota contra o Caixote Quixote, ele escreveu um livro cheio de mentiras contra o fidalgo. Logo após o fato, foi arrastado pela Inquisição Espanhola, porque era um herege e cometia crimes contra a humanidade. Desta forma, iniciou uma próspera carreira como biógrafo de cavaleiros. De suas frases, podemos apreveitar apenas da mais profunda sabedoria que Cervantes nunca escreveu. Todo escritor e filósofo que se preze deve seguir tal tradição. Um claro e sensato manual de como inventar suas citações pode ser encontrado aqui: Citações (espanhol). Podemos ver que tais citações são constantemente encontradas por toda a Inciclopedia e provam o nível de imaginação de tal indivíduo.

Tabela de conteúdo

[editar] Vida e Obra

Ainda que muitos não tenham certeza, a vida deste escritor foi muito árdua e agitada, não só porque ficou sem os braços.Foi autor do livro Don Kichute de la Mancha.

[editar] Infância e Juventude

Nem tudo é o que parece, Sancho.

Miguel de Cervantes Saavedra (ou Miguelito como diziam seus amigos), nasceu no ano de 1547 em uma província espanhola por obra e graça do Todo-Poderoso. Seu pai foi um famoso médico de sua época. É sabido que a mãe de Miguel tentava fazer justiça e por isso teve o Miguelito. Como cavaleiro, Miguel teve que chorar por sua primeira lágrima pois desde o nascimento e o primeiro grito durou muitos anos. Por tudo isso, o pai de Miguel havia interpretado o nascimento do filho como um tumor, já que o escutava chorar e espernear por todo dia e também por sair uma substância pegajosa e verde de seu nariz. Nos documentários que guardavam as anotações da Reforma na época, está escrito que entre o berro de Miguel e o de William Shakespeare teve um tempo médio de 16 minutos. Para evitar que o confundissem com um estrupador da época com o mesmo nome, colocaram o apelido de Saavedra para salvar o garoto de ser capturado pela Santa Inquisição. Na juventude, estudou em um colégio jesuíta e logo foi a Madri para seguir os estudos, acompanhado pelo ilustre Juan López de Hoyos, que publicou um de seus primeiros poemas em um livro que narrava como morreu uma das esposas de Felipe II (que por certo foi de hemorragia anal).

A Batalha de Lepanto Depois de alguns anos como acionistas, a família de Miguel quebrou ao subir o petróleo na bolsa e cair os dólares esterlinos dos caracóis. Miguel começou a apresentar espasmos de chateação e tédio acusando as cabras e ovelhas de sua fazenda, alegando que já não o divertia tanto quanto antes. Seu pai já havia matado a única escrava. Nesse momento, o Império Espanhol, devido à guerra contra o Império Inglês, ainda não podia trazer a tecnologia do ADSL no Peru pois a conquista foi atrasada pela guerra e a qual o Miguel estava muito, mas muito entendiado. Não satisfeito com a tediosa vida na Espanha, Cervantes decide dar uma rápida escapada para a Itália e vendo a batalha de Lepanto para se juntar às fileiras da Liga da inJustiça contra os Turcos e a sua ambição por dominar o mundo. Foi nesta batalha que o pobre Miguelito perde seu braço esquerdo, mas mesmo assim ele ficou orgulhoso e contente por ter participado deste massacre, no que podemos apreciar em toda a sua obra.

Depois de perder o braço matando turcos como queria, Cervantes foi capturado por um grupo de turcos sobreviventes e confundido por uma pessoa de alto grau social como um da Coroa Espanhola, ofereceram uma grande quantia por sua cabeça. Lamentavelmente se equivocaram a respeito e como ninguém queria resgatar o pobre escritor, Cervantes ficou 5 anos sem ver a luz e suas quatro tentativas de escapar da cela foram à merda. Depois desse período, foi resgatado por uns monges pois ao ver o estado lastimável do nosso pobre herói, ficaram com pena e o levaram para a Espanha.

[editar] Começa a Lenda

Já na Espanha, volta com sua família e começa a buscar por trabalhos temporários para pagar as diversas tentativas de fuga.Para começar a ganhar dinheiro, fez o que todo sem-braços faz: aprender a tocar teclado com os pés. Recebia 25 centavos por show, quando agradava muito os clientes, sempre agradecido por tamanha generosidade. Dentre os outros trabalhos que ele conseguiu, podemos citar que ele ficou como espião da coroa Portuguesa, como vendedor ambulante e até como Profissional do Séquiço. Logo após pagar todas suas dívidas, Miguel dedicou-se plenamente ao que mais gostava de fazer: a literatura. Tendo escrito anteriormente diversos poemas e vários manuscritos tanto em sua juventude como na sua vida de preso (podemos encontrar 94% delas na Inciclopedia), cria a sua primeira obra completa:La Galacea, uma novela de 6 tomos que nunca chegou a terminar, tendo traçado apenas o primeiro tomo. Entre esse tempo, teve uma aventura com a esposa de um vendedor e logo com outra mulher com quem se casou, mas esta rebelou-se e mostrou a verdadeira cara: uma Bruxa, de quem se separou dois anos mais tarde.

Após uns anos vai para o Mantegas, seguindo com seus diversos trabalhos como mercenário da Coroa Espanhola, entre eles de abastecer a Incrível Armada com marihuana, razão que também que ele foi pego e preso novamente. Por sua experiência em cárceres, escapou novamente da justiça. Foi em uma destas que ele escreveu o livro Dom Quixote de La Mancha. Em alguns meses depois da prisão em público (em 1606 para ser exato) fez a primeira parte de seu livro e 10 anos depois, a segunda. Depois de Quixote, criou vários poemas e narrações extraordinárias, muitas delas escondidas por seus oponentes, que foram derrotados anos depois.

Atualmente, Cervantes encontra-se trabalhando com a coisa que foi a sua maior criação desde o Dom Quixote: A versão espanhola da Desciclopédia, a Inciclopedia. Assim, os artigos que de vez em quando você lê deve-se a ele.

[editar] Versões de Dom Quixote

Contra a crença popular, os livros mais conhecidos de Miguel de Cervantes na realidade não são dele. O famoso Dom Quixote foi corrompido por inúmeras edições falsas. A mais famosa dessas edições falsas foi O Quixote sem-vergonham, parte Dois, na qual Dom Quixote não vai à imprensa saber de onde essa falsa versão de sua biografia está sendo impressa. Essa edição foi queimada pelo Inquisidor Espanhol Torquemada. Mas dizem que Sansón Carrasco ainda pode ter uma cópia que foi entregue pessoalmente ao cavaleiro da Lua-Branca. Ainda pior que isto foi a falsa versão francesa "Don Quixote de le Mancheault" que fugiu da censura já que o Torquemada não sabia francês. Jorge Luis de Azevedo, talvez outro heterônimo de Fernando Pessoa, também escreveu sua própria versão de Dom Quixote, ainda que seja parecido palavra por palavra com a original. Igualmente, Azevedo escondeu sua réplica original em um labirinto em algum lugar de La Mancha de cujo nome não quer concordar. Conta a lenda que em uma viagem de Cervantes a América do Sul, fez amizade com um cara chamado Mário, que depois de se embebedarem, roubou do Miguel umas anotações e publicou os mesmos com o descarado nome de "Capítulos que se tenha Esquecido".

[editar] Cervantes X Shakespeare

Mk-literario.jpg

As comparações feitas entre os dois grandes escritores são inevitáveis. A começar pelo fato de que ambos foram escritores, suas obras foram muito importantes para a literatura inglesa e espanhola, ambos tinham barbas enormes e calvos, escreveram várias obras famosas, nasceram na mesma época e morreram no mesmo dia (23 de abril de 1616 e por aí vão as semelhanças entre ambos. Existe uma teoria precisa citar fontes que diz que os escritores se conheceram e eram rivais e que tinham testemunhas vários personagens ilustres da época como o Oscar Wilde, Tio1.jpg e Anônimo.

Sobre o aspecto literário, os que odeiam o Cervantes dizem que suas obras são um plágio de Shakespeare, e os que odeiam este último, dizem que suas obras são baseadas nas de Cervantes. Todavia, não existe um acordo, mas uma coisa é certa: Ambos se plajearam mutuamente.

Desde aqui, fizeram vários duelos e permutações entre os dois e em formatos diferentes: Literatura, Cinema, Televisão e até fotos no Paint com os dois se confrontando. Recentemente foi feito um vídeo com esses dois personagens, na qual ambos se matam pelo amor de uma mulher.

[editar] Você Sabia que...

Qualquer semelhança é uma mera coincidência.
  • ...Cervantes não sabia falar Javanês?
  • ...Cervantes é o verdadeiro criador da Inciclopedia?
  • ...por isso mesmo é o clichê mais usado, mais que o Tio1.jpg?
  • ...Oscar Wilde copiou sua ideia e criou a Uncyclopedia?
  • ...Dom Quixote não foi o único que escreveu Cervantes?
  • ...há um pirata zumbi pertencente ao jogo Soul Calibur que também se chama Cervantes?
  • ...a Cervantes só falta aparecer em um episódio de Os Simpsons?
  • ...Cervantes não perdeu seu braço como diz a lenda, e sim devido ao onanismo?
  • ...Cervantes e Shakespeare são a mesma pessoa, mas creem-se que Cervantes pode fazer viagens pelo tempo e ser a mesma pessoa, já que se observa retratos que eles são exatamente iguais e não tem nenhum registro histórico de nenhum dos dois sobre a verdadeira data de nascimento?
  • ..."Dom Quixote" foi somente um plágio de um filme maravilhoso de animação, o Donkey Xote?
  • ...Cervantes significa Cerveja de Antes?

[editar] Veja Também

v d e h
Os maiores nerds gênios de todos os tempos!
Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas