Minnesota

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
DPMorrendo.jpg Aqui NÃO é a Wikipédia. E o autor deste artigo sabia disso.
NÃO copie artigos da Wikipédia e cole na Desciclopédia com leves alterações!

Este artigo parece um câncer mortal em estado avançado contraído enquanto seu autor infringia algumas regras da Desciclopédia. Segundo nossos médicos, ele tem mais uma semana de vida, a contar de 23 de maio de 2018 até 30 de maio de 2018. Nós achamos que ele merece outra chance, então dê a ele um tratamento quimioterápico agora mesmo!
Lembre-se: Pesquisas são incentivadas para que você crie o artigo mais completo. Mas pesquisar não significa fazer Ctrl+C Ctrl+V da Wikipédia.

Cquote1.png É um ótimo lugar, para podemos atravessar as fronteiras americanas. Cquote2.png
Imigrtantes ilegais sobre Minnesota

Cquote1.png Foi por isto que eu reforcei a segurança naquele local. Cquote2.png
George W. Bush sobre suas fronteiras desprotegidas
Cquote1.png Minha sopa? Cquote2.png
Vovó surda sobre Minnesota.

'Minnesota ou Minishota para otakus pedófilos gays é um dos 50 estados dos Estados Unidos da América, localizado na Região Norte dos Estados Unidos da América do país que domina o Mundo inteiro. É o maior estado da região centro-eeste dos Estados Unidos em extensão territorial e de imigração ilegal também.

A sua história[editar]

Eis aqui um pouco da história sobre este estado tão gelado e polemico que é esse Minnesota (ou não).

Até em 1858[editar]

O lixo time de basquete do estado.

Os primeiros exploradores europeus a explorarem a região que atualmente constitui o Estado de Minnesota foram os franceses Pierre Esprit Radisson e Médard Chouart, em 1660 que achavam que aqui tava com bastante ouro para poder explora-lo, pois qual outro motivo os franceses desejavam povoar um local tão gelido? Então, a região era habitado pelos nativos americanos sioux. Uma segunda tribo nativo americana, os chippewa, instalariam-se na região em meados da década de 1750. Os chippewa e os sioux logo tornaram-se inimigos e começoui uma lomga sachina por causa disso.

Em 1679, o francês Daniel Greysolon, em busca de uma passagem terrestre para a costa do Oceano Pacífico, passou pelo atual Minnesota, de barco, mesmo asqui sendo terra pura. Duluth chegou à região via o Lago Superior (após construirem um barco neste local) e explorou o interior da região, reivindicando toda a região que constitui atualmente o Minnesota para a coroa francesa, ou seriam queimados vivos na fogueira. Um ano depois, o belga Louis Hennepin e seus dois companheiros de exploração, foram capturados pelos sixous, no atual Illinois. Os nativos americanos levaram os três para o atual Minnesota. Hennepin, em sua viagem no Minnesota, foi a primeira pessoa de ascendência européia a pisar na região onde está localizada atualmente a cidade de Minneapolis. Duluth, enquanto isto, tendo ouvido notícias da captura de três brancos desconhecidos por parte dos sioux, organizou uma missão de busca e resgate. Após encontrar os sioux, ainda em 1679, Duluth, com sucesso, exigiu a liberação dos três cativos, para escraviza-los, óbvioo.

E com o passar de longos anos, o forte crescimento populacional do Minnesota - concentrado primariamente na parte leste do território - fez com que a porção oriental do Território de Minnesota fosse elevado à categoria de Estado em 11 de maio de 1858 para poderem ter a vantagem de serem um governo de um país rico, tornando-se o 32° Estado americano. Então, o Minnesota possuía mais de 150 mil habitantes, e já possuía seus atuais limites territoriais, já que era quase impossível cresce-lo com os estados já oficializados em sua volta. A porção ocidental transformaria-se em 1861 no Território de Dakota, ou a cidades de ganksters perigosos, mas isto é uma outra história.