Moeda (Minas Gerais)

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa

Moeda é um município de Minas Gerais que recebeu esse nome quando foi comprado do prefeito da cidade por uma criança de 9 anos. O prefeito estava tão desesperado para sair do cargo que vendeu o município por uma moeda de 50 centavos mordida dada pelo menino. Todos que vivem em Moeda tem uma auto-estima muito baixa, pois ser trocado por tão pouco dinheiro não é para qualquer um. Só prostitutas fazem isso.

Fundação[editar]

Filósofo de Moeda, fazendo o que mais sabe fazer.

Fundada 1953, quando o antigo prefeito teve a coragem de transformar aquela mísera vila em um complexo município que pagaria as contas do governo. Moeda recebeu esse nome porque buraco de trás do prefeito, segundo alguns boatos, tinha o tamanho de uma moeda de 50 centavos quando ele teve sua primeira experiência anal.

Outras versões dessa mesma história procuram confundir mais a cabeça já fraca do povo de Moeda. Dizem que a cidade antes tinha dignidade até ser vendida para um garoto de 9 anos que não assumiu a direção da cidade por ser muito imaturo e não cumprir de acordo com seus compromissos.

A cidade[editar]

A cidade em si é um fim de mundo. O nome Moeda deveria sugerir um sinônimo de riqueza, mas desde que os exploradores instalaram a vila que originaria a cidade, nunca viram uma moeda entrar no banco da cidade.

Outra coisa sobre a cidade é que ela serve para mostrar que os nomes de cidadezinhas de Minas Gerais está beirando ao besteirol: você pode achar até mesmo nomes como Pintópolis em um lugar como Minas Gerais.

Embora haja muitas histórias falando do nome da cidade, uma outra possibilidade é que um retardado responsável por nomear as cidades começou a pegar vários nomes comuns, pois sua criatividade teria se esgotado no quinto item.

Atualmente[editar]

A cidade vive na sombra das cidades de nome malicioso como "Fort Dick" cuja localização é tão incerta que varia de Minas Gerais até na Birmânia.

A cidade continua como sempre continuou: sem nenhuma moeda entrando no banco, mais lisa do que um pneu depois de uma corrida de Nascar e tão afundada no buraco que começou a cavar para a China.