Monica Bellucci

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Esta página se adequa à Nova Política de Conteúdo Sexual.
Conteúdo impróprio para menores de 18 anos! Tirem as crianças da sala! Este artigo tem conteúdo impróprio para menores!
Este artigo pode conter pornografia pesada ou leve. De preferência, leia-o de olhos fechados...

Se ele estiver cometendo uma infração à Política de Conteúdo Sexual, por favor, reporte à moderação.


Monica Bellucci
Monica Bellucci
Oh, mamma mia!
Nascimento 30 de Setembro de 1964
Città dil Castello, Itália
Ocupação Atriz e Ex-modelo
Altura 1,759 cm.
Olhos Castanho
Cabelo Castanho


Cquote1.png ... Cquote2.png
Taradão enquanto assite Matrix, nem lê a legenda, e só fica olhando os peitos da Monica
Cquote1.png Italians do it better! Cquote2.png
Madonna sobre Monica Bellucci
Cquote1.png Ai tão gostosa! Tão rica! Cquote2.png
Homem sobre Monica Bellucci
Cquote1.png Uma das mulheres mais gostosas desse negócio. Se não for a mais! Cquote2.png
Capitão Óbvio sobre Monica Bellucci
Cquote1.png Minha noiva mais tesuda! Cquote2.png
Dracula sobre Monica Bellucci
Cquote1.png Mas qual Elizabeth Taylor! A Cleópatra mais gostosa é a Monica Bellucci! Cquote2.png
Eu sobre Monica Bellucci
Cquote1.png Quem pensaria que Maria Madalena fosse tão gostosa? Cquote2.png
Jesus Cristo sobre Monica Bellucci
Cquote1.png Uf! Cquote2.png
Elizabeth Taylor sobre citação acima
Cquote1.png Ela parece que podia ser minha irmã. Cquote2.png
Isabelle Adjani sobre Monica Bellucci
Cquote1.png Já bati a ver! Cquote2.png
Punheteiro sobre Monica Bellucci
Cquote1.png Eu também! Cquote2.png
Você sobre citação acima
Cquote1.png Italianas!!! Vem provar da minha pasta, Monica! Cquote2.png
Seu Tio Engraçadão sobre Monica Bellucci

Monica Bellucci é uma atriz italiana, gostosa até doer, de chorar por mais e é o orgulho dos genes italianos (porque todos os homens sabem que as italianas são umas baitas de umas gostosas).

[editar] Infância

Monica Bellucci dantes de dormir.

Nascida em 1964, numa vila perdida na Itália.

Seu pai era Dono de uma empresa de camiões e sua mãe trabalhava como pintora, Monica teve uma infância comum numa cidade comum italiana (dessas desconhecidas) com uma família comum. Até sua beleza era comum, pois na Itália só existe mulher gostosa.

Para continuar com sua vida comum, Monica entrou na Faculdade de Direito. No entanto, descobriu que era demasiado gostosa para ser advogada e acabaria por ser comida pelos clientes/juízes/magistrados/tudo-o-mundo-que-trabalharia-no-tribunal e que, muito provavelmente, seriam velhos e feios pra cacete. Então, um plano brilhante surgiu na sua cabeça.

Como sempre fora objeto do desejo de todos os homens, Monica encontrou o modo mais fácil de ganhar dinheiro quando se é bonita, imprestável, sem utilidade, e uma baita de uma gostosa: Modelo. Decidida a mostrar seus peitos de sonho, em 1988, mudou-se para Milão, uma das grande capitais da Moda mundial, para se tornar modelo.

Trabalhou para estilista da zelite como Dolce&Gabanna e pousou para revistas de Nova Iorque e Paris. Sua classe e elegância italiana conquistou o mundo da Moda, mas Monica achava que tinha capacidades de ir mais longe na sua carreira e aumentar ainda mais sua conta bancária.

Sabendo falar Italiano, Espanhol, Francês e Inglês fluente, Monica começou a ter aulas de representação, para iniciar sua carreira enquanto atriz. Ao começo, pensou invergar pela carreira pornôgrafica, contudo, não teve coragem e foi pela vertente clássica - sempre poderia continuar a posar nua, de qualquer modo.

[editar] Carreira

Monica Bellucci passeando na rua.

Monica escolheu, então, a profissão certa: tinha apenas de andar de lá para cá, posar para fotos mostrando os peitos, ganhava rios e rios (e lagos e cascatas) de dinheiro, até que sua fama de estendeu da Itália até ao Mundo e virou o sonho de todo o Punheteiro.

Sua carreira enquanto atriz começou nos anos 90. Contudo, apesar de uma baita de uma gostosa, de ser tesuda até doer, o seu talento não correspondia ao seu aspeto e ganhou papéis sem relevo, em La Riffa (em 1991) e em Bram Stoker's Dracula, em 1992, onde representa a noiva mais gostosa que o Conde Dracula alguma vez teve e é assassinada por Anthony Hopkins.

Depois de mostrar seus belíssimos seios e seu corpo, Monica era um deleite entre os punheteiros, contudo o negócio do cinema não gostou muito da sua competência enquanto atriz, então Monica regressou aos seus estudos de representação e em 1996 chegou a ser nomeada para um César (uma versão reles do Óscar, francês) pelo seu papel em L'Appartement.

Depois de todas as cenas de putaria, pelos seus seios, pelo seu rosto estupidamente belo - tudo em conjunto, uma tesão descomunal; Monica Bellucci tornou-se conhecida pelo Mundo fora e levou todos os punheteiros a seguir os seus próximos filmes, na esperança de, mais uma vez, ver os seios/bunda/pernas/estômago/fígado de Bellucci.

Em 2004, tornous-se a Maria Madalena mais tesuda que o Mundo alguma vez conheceu e que Jesus Cristo alguma vez comeu! Monica conseguiu transformar o aborrecimento e dramatismo que era A Paixão de Cristo, falado em àrabe antigo, numa verdadeira excitação. Não mostrou os seios - a comunidade punheteira ficou triste.

Em 2005, Monica interpreta uma Rainha malvada no épico fantástico The Brothers Grim, onde não causou somente ereções a Matt Damon e ao falecido Heath Ledger, como a todos os homens (e algumas mulheres) que viram o filme.

Ao longo da sua carreira, Monica sempre deleitou seus seguidores, não com sua representação (que essa... enfim!) mas com a baita da gostosa que é. E a caminho dos 50 anos, Monica Bellucci continua tão tesuda como sempre.

[editar] Vida Pessoal

Monica Bellucci dantes de comer

Com seios generosos, curvas vincadas, lábios grossos, olhos amêndoados, pernas longas e cabelos negros - Monica Bellucci é uma tentação italiana que leva qualquer Homem a trepar paredes, a trepar montes, montanhas, o Everest, ir até à Lua, se fosse caso disso!

Como era o sonho de qualquer homem, nos anos 90 casou-se com um fotógrafo de moda, um italiano, chamado Claudio Carlos Basso. Contudo, o fotógrafo não tinha estofo para aguentar a brasa, gostosa e tesuda, tudo o que Monica era, e divorciaram-se.

Em 1992, come Keanu Reeves à força toda, em conjunto com mais duas mulheres, numa cena do filme Bram Stoker's Dracula. O ator não se conteve (como nenhum Homem se conteria) e ficou com uma ereção durante uma semana. E nem o duche frio lhe valeu!

Em 1999, Monica volta a casar-se. Desta vez com o ator francês Vincent Cassel, que recentemente comeu Natalie Portman e Mila Kunis em Black Swan. O casal casa-se numa cerimónia à moda da zelite e atualmente já têm dois filhos. Provavelmente vivem em Paris.

Em termos religiosos, como questionada em relação ao filme A Paixão de Cristo, Monica diz-se não ser completamente Ateu, pois acredita numa energia que liga todas as formas de vida. Mas não é Católica, como a sua personagem Maria Madalena.

É fluente em italiano, inglês, francês, espanhol e árabe antigo.

Monica não quer saber dos pobres, não faz obras de caridade nem dá donativos, ela é como Emma Watson: Pobre? Nem vê-los! - elas são muito da zelite. Tem ainda dupla nacionalidade: italiana e francesa. E como ambos os países são as elites da Europa, Vincent e Monica vivem no luxo e vestem Chanel.

Ferramentas pessoais
Ver e modificar namespaces

Variantes
Visualizações
Ações
Navegação
Colaboração
Votações
(F)Utilidades
Novidades
Redes sociais
Correlatos
Ferramentas
Outras línguas