1. TRABALHO DE CONCLUSÃO DE CURSO

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
(Redirecionado de Monografia)
Ir para: navegação, pesquisa


O Trabalho de conclusão de curso, também conhecido vulgarmente pela sigla TCC que pode querer dizer Trabalho de Calejamento Cerebral, Trabalho do Cão-Capeta ou ainda Tomou no Cu Completamente é o último trabalho entregue no final de um curso, em especial dos ditos torturadores superiores, também chamados de forma sádica como "orientadores" que não orientam à porra nenhuma já que a banca passa o falo de qualquer jeito.

Em boa parte dos cursos superiores o TCC é cobrado como um textão¹ escrito à Caneta™ Bic® seguindo a forma de uma monografia (daí seu nome alternativo, já que de grafia só tem a fonte Arial tamanho 12), enquanto em outras instituições que ainda não vivem na idade média, são cobradas digitadas conforme a maldita norma da ABNT NBR 14724, impressas com capa em brochura, tudo isso pro orientador enviar uma cópia pra Comlurb uma semana depois da apresentação — e isso se ele não mandar fazer de novo.

Devem ser o produto de exaustivas pesquisas, formulações e discussões, além do sangue, suor e lágrimas dos alunos. Mas na verdade acaba sendo um plágio de algum trabalho de outro inútil qualquer.

Figura 01

Professopaciencia.jpg
Professor avaliando seu trabalho de TCC e apoiando a defesa da sua Monografia.

O TCC também é um instrumento de tortura educativo utilizado para coagir os alunos a fazer algo que eles não fizeram (ou não fazem :D) durante todo o período de contenção de faculdade ou curso, ou seja, clonar estudar. Para tanto, eles devem fazer o que se chama de "revisão de bibliografia" o que significa ler e transcrever trechos de milhões de livros que falam exatamente sobre o mesmo assunto exaustivo, coisa conhecida há vários séculos há bastante tempo entre os noobs ou "esperto" os "gênios" como recriação de obras já prontas, ou pelos vagabundos mais "apressados" popularmente como Trabalho do Ctrl+C Ctrl+V.

Figura 02

Boça1.jpg
Aluno 1000% dedicado compenetrado, depois de terminar o seu arakiri, ou ato de suicídio o seu Trabalho de Conclusão de Curso ou Monografia.

Eles também devem referenciar e comentar tudo o que leram. Detalhe: ele precisa papagaiar comentar o mesmo assunto. Como já foi escrito por outros otários, ele apenas repete o tema "com suas palavras" no intuito de que o trabalho obtenha um volume e seja elogiado pelo professor, o qual está pouco se lixando se tem conteúdo, ele quer mesmo é que você se foda como ele também se fodeu em seu período de universitário.

1.1. Fases[editar]

Um TCC que se preze tem de ser dividido em fases de projeto. Essas fases foram criadas a fim de servir como um spoiler ao reprodutor do trabalho (ESTUDANTE UNIVERSITÁRIO, 2017) e podem orientar (ou desorienar ainda mais) o estudante.

Segue abaixo as fases de projeto de um TCC, segundo um espécime do Universitarus Brazilicus:

Tabela 01

Fase Tempo
Tentativa de escolha do tema "Se foda...ainda tenho mais 7 meses" Primeira semana
Esperança que o orientador te indique um tema legal
Frustração quanto a indicação do tema
Escolha do tema
Procrastinação Dois meses coçando o saco e vivendo la vida loca.
Desespero Desespero... 5 meses no bate-cabeça
"To fudido, tenho só 5 meses"
...desespero!
Macumba, benzimento, oferenda do seu corpo pro capeta 50 minutos (o tempo do culto)
Correção final da bagaça Seu orientador pra falar que ta fazendo alguma coisa vai falar pra você corrigir alguma merda inútil de novo Faltando uma semana para a apresentação final
Outra merda de correção Nunca acaba essa merda de correção? Faltando um dia para a apresentação final
Entrega do trabalho escrito à banca
Apresentação Começão do seu cú pela banca 1 hora de pura encheção de linguiça
Começão do seu cú pelos erros de português que o word não corrigiu automaticamente
Final da porra toda: Você passa com uma média imbecil, depois de ter entregado sua alma pra acabar com essa porra.

Modo de vida de um universitário as vésperas de da apresentação de seu trabalho de conclusão de curso.

Isso não quer dizer que a culpa pelo seja exclusivamente do aluno, só um pouco. Os professores da banca pressupõe que todos os alunos tenham um professor(a) orientador(a), quando na verdade quem costuma fazer cosplay de orientador são aqueles caras cansados de trabalhar na mesma instituição há mais de 30 anos, cansados de ver os mesmos rostos, as mesmas pessoas...

1.1.1. Orientação[editar]

Crystal Clear app xmag.pngVer artigo principal: Professor "orientador"

O orientador de um trabalho de conclusão de curso normalmente é aquele professor em fim de carreira que apesar de vivido, não possui moral suficiente pra compor a banca de jurados (banca esta que tem a participação especial do Pedro de Lara). Então aquele srs. ou sras. são designados para dar aquele apoio moral pra um ou mais grupos de trabalho o que sempre não acontece.

Figura 03

Thurmann.jpg
Exemplo de um professor que com certeza compõe uma banca de TCC.

Em razão de um orientador ter exata noção sobre sua condição no mercado de trabalho, ele estará pouco se fodendo para seus "orientados" (sic) participando do trabalho apenas na última semana antes da apresentação, com aquelas conhecidas palavras motivadoras:

Olha... Tá tudo errado... Eu te avisei!
Orientador ao ver o trabalho pela primeira vez.
Por que você mudou isso!? Estava bom antes... agora vai ter que fazer tudo de novo...
Orientador depois de ver as milhares de correções que ele mesmo sugeriu que fossem feitas.

Um orientador, mais que a banca, nunca estará satisfatoriamente satisfeito. Este ser vai mandar os alunos os quais ele desorienta, a corrigir as mesmas merdas que ele mesmo disse pra fazer e com isso o pobre aluno acaba por refazer 300x a mesma parte do trabalho. Por isso um orientador também é conhecido pela OMS como sendo um portador de esquizofrenia e bipolaridade2.

1.1.2. Banca[editar]

A parte mais temida de um trabalho de conclusão de curso, a banca funciona como um conselho de professores que cagaram e andaram no decorrer do curso e no final resolveram usar tudo o que sabem em perguntas feitas com o único fim de ferrar o aluno.

Normalmente compõem a banca aqueles professores que aparentam saber pra caralho (mas só aparentam mesmo), aqueles com algum título expressivo (doutor em uma uniesquina e mestrado em outra uniesquina) ou ainda tem aqueles que tem uma boa relação íntima com a diretoria e coordenação do curso e então são escolhidos por meio da coleguismocracia.

2. REFERENCIAS BIBLIOGRÁFICAS[editar]

MORE: Mecanismo online para referências, versão 2.0. Florianópolis: UFSC Rexlab, 2013. Disponível em: ‹ http://www.more.ufsc.br/ › . Acesso em: 14 jun. 2017.

ADMPUNISHER (Acre). Fundação Desciclomídia. Orientador: O mestre Jedi. 2007. Disponível em: <http://desciclopedia.org/wiki/Orientador>. Acesso em: 14 jun. 2017.

APENDICE
[editar]




¹: O TCC também pode ser confeccionado nos seguintes tamanhos: pequeno, médio, grande, extra-grande, gigante, extra-gigante, infinito, sua mãe e em alguns casos, nos tamanhos super-pequeno, minusculo e ponha uma virgula no meu Lattes, por favor sendo este último o menor tamanho de todos.