Monte Huangshan

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Este artigo é um
Patrimônio Mundial da Humanidade.

Pode ser uma ruína, uma cidade
de merda, um matagal abandonado,
mas está protegido!

World Heritage Site logo.png

Leitura recomendada apenas para
pessoas com cultura.

A UNESCO monitora este artigo.


O Monte Huangshan é um famoso pico antigo chinês, lar de velhinhos barbudos mestre em Kung Fu e artes milenares de matar num piscar de olhos. Bem típico da cultura chinesa, o Monte Huangshan é um dos símbolos do país e junto com Mao Tsé Tung e aqueles palácios de Pequim sempre aparece nas notas de dinheiro e qualquer outra propaganda da China.

Geografia[editar]

Habitante das montanhas voando. Hábito comum no local.

Huangshan é uma fria montanha, e aquele cenário de fundo de qualquer filme, pintura, ou livro chinês.

O que se sabe, é que a China, apesar de vasta, é quase tudo um deseto e rios imundos, então qualquer lugarzinho mais ou menos, eles sabem valorizar obrigando imperadores das mais diversas dinastias a frequenta-los, como o caso do Monte Huangshan.

A montanha abriga diversas fontes termais, como a Piscina do Velho Dragão, a Piscina do Dragão Verde, a Piscina do Dragão Branco dos Olhos Azuis, a Piscina do Dragão Negro Furioso do Olho Vermelho, a Piscina do Dragão Afro-Descendente, a Piscina do Dragão Branco, a Lagoa do Jade e vários outros locais com nomes de cartas de Yu-Gi-Oh!.

Patrimônio Mundial[editar]

A grande verdade é que essa montanha é iguais a qualquer outra montanha no mundo. Só no Brasil é possível encontrar centenas de buracos melhores, mas a UNESCO, como precisava puxar um pouco o saco dos chineses, tombaram a montanha como patrimônio mundial.

A montanha é peculiar, pois era uma colônia de férias imperial. Entrava imperador, saía imperador. Parece que na China há milhares de imperadores, porque qualquer lugar que você veja por lá, algum imperador passou por ali.