Morchella

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
FUNGOS9.jpg Este artigo é fúngico!!

Ele é feito de filamentos brancos, faz parte dos remédios que você toma, pode virar cerveja e consegue comer jiló! Se vandalizar este artigo, ele vai transformá-lo em um zumbi!


Morchella é um cogumelo "diferente", ao contrário do Cogumelo fálico este já nasce fálico por natureza, talvez um caminho mais rápido para quem não quer ter uma "obra de arte pintosa" e esperar demais. Esse Cogumelo só precisa de um pouco de calor, carinho e umidade para logo ocupar um espaço no seu quintal.

O cogumelo[editar]

Um cogumelo morchella em perfil, não parece fálico para você?

Cogumelos. Cogumelos são um presente de Deus que nos fazem pensar sobre vários assuntos: Morte (o veneno do cogumelo), Religião (wtf?) e Sexo (WOW! WTF???).

Desde os primórdios observamos que os Cogumelos são um dos fungos que mais mostraram potencial para produzir essas obras, que se dane que existe só dois tipos de fungo (apesar de que há cientistas que vão querer me contrariar mas para o povão só existe o Cogumelo e o Mofo), mas o Cogumelo é um dos assuntos que está entre os 10 mil mais comentados ao olhar para o gramado.

Seja como for, o Morchella representa um grande grau de perícia, basta você pegar um texto vagabundo na internet para produzir o seu cogumelo fálico e virar o assunto da vizinhança e dos gramados.

Foi organizado um manual de como criar o seu Morchella tipicamente fálico. Mas não garantimos que sairá exatamente ele, isso dependerá de VOCÊ e dos agrotóxicos, os anabolizantes da natureza, claro.

Fazendo o seu[editar]

Cuidado! Cogumelos Morchella se reproduzem e quando nasce um nasce vários! Ah sim! Essa imagem é patrocinada pela Fungipédia, a enciclopédia afundada por malucos por fungos. (WTF?)

Essa sessão foi criada para as pessoas que decidiram serem preguiçosas o suficiente para se dedicar a criação de um Cogumelo fálico de forma NATURAL sem agrotóxicos ou cogumelos morchella e que assumiram ser incompetentes o suficiente para não conseguir cultivar um cogumelo, coisa que praticamente todo mundo faz sem nem ter vontade.

Bom, primeiramente se você quer ter um cogumelo naturalmente fálico desses você deve primeiramente encomendar o seu, esses cogumelos só crescem na França, o país dos cogumelos hoje em dia. Eles são muito difíceis de achar sem falar que é muito difícil pegá-los também se forem postos direto no vaso eles não teram o mesmo formato.

Afinal ele vai se despedaçar.

E na Internet, onde você achava que ia achar de todo o tipo de produto estranho você nota que não tem cogumelos morchella, e se tem é porque é muito caro.

Mas eu adiantei e coloquei nesse link aqui Cogumelos Morchella por 1 000,00 £.

Estava brincando... Acha mesmo que vai conseguir um cogumelo desses assim? Não! Fungos não se compram e esse comércio de cogumelos é coisa para pegar otário, o cogumelo virá todo amassado e você será Sax Rolled, mas enfim, você vai ter que fazer no mano-a-mano.

Criando um[editar]

Agora te parece fálico? Olhe a base!

Há um grupo de ingredientes para poder formar um, primeiramente você tem que ir para a França, se acha isso muito difícil encomende mais um pouco de terra de lá que é natural, agora siga atentamente e literalmente os passos.

Você vai colocar a terra no fim do seu terreno, se morar em apartamento melhor, coloque perto do muro contra o sol, ele só deve pegar a terra de manhã. Agora vamos aos ingredientes sugeridos para a criação do Cogumelo.

Na internet diz que quando você decide fazer um Morchella o resultado sairá de forma, digamos, "não como você queria" afinal você pode estar produzindo um outro cogumelo, a receita é para Morchella, mas acaba saindo um outro tipo de cogumelo. Então o site sugere que você gaste 10 baldes de água em cima da grama onde você colocou a terra.

Depois, você deve jogar bastante agrotóxico no terreno e tapar com uma estufa, se morar na sua casa, tudo bem, não terá problema, mas se você morar em um edifício eu acho que nesse momento o síndico vai querer tirar, então outra exigência para fazer o cogumelo: seja o síndico do edifício, se você for bem legal poderá ver até onde vai a paciência dos moradores.

Então, você pode continuar adicionando agrotóxicos diariamente e envenenando o solo do seu condomínio e regando todo o dia.

Depois de 2 meses, quando você ver grandes "gotas marrons" na estrutura, você pode retirar pois isso quer dizer que já tem até mofo lá dentro, então revele o seu trabalho, deve ter saído um outro tipo de cogumelo gigante e não fálico, pode tentar quantas vezes quiser, na quinta vez quem sabe saia.

Mas, enfim, chame a família para mostrar que a sua mãe estava errada.

Você ia fazer alguma coisa boa na vida.

Conte como esse cogumelo é fálico e tire uma foto pois era um dia memorável.

Danos e reconhecimentos[editar]

Isso é um cogumelo morchella!

Aqui essa sessão está reservada para os danos e reconhecimentos.

Vamos começar pelos danos: Danos no seu bolso por dois galões por dia de agroquímicos no solo, envenenamento do poço cartesiano que fica abaixo do edifício, uso de agroquímicos sem licença, custo para trazer um punhado de terra da França para o Brasil, a conta da água enorme e boatos de que você queria usar o cogumelo para suprir "necessidades ocultas" pelo condomínio ou família.

Agora aí vai os reconhecimentos.

Sua mãe estar enganada que você não tinha vontade de fazer algo que preste e ter conseguido fazer um Morchella no Sul.

Para mim parece mais é que foi desvantajoso.

Mas você podia ter usado outras alternativas.

Epa? Tem outras alternativas?[editar]

Sim, podia ter entrado na Wikipédia e pegar aqueles comentários nerds, plantar uma árvore que tava no texto ou encomendar uma árvore daquelas que você levava de brinde um cogumelo morchella! Mas eu aposto que os gastos com todos os itens atrás não foram maiores que essa de encomendar a árvore, certo?

Mas, você deve ser um Idiota ou algo assim? Devia ter visto em outro lugar, não aqui.

Ver também[editar]

v d e h
Grandes (ou pequenos) artigos fálicos da humanidade