Morgoth

Origem: Desciclopédia, a enciclopédia livre de conteúdo.
Ir para: navegação, pesquisa
Night creature.JPG Morgoth surgiu das trevas!!

Vamos mergulhar o mundo nas trevas!!

Puro osso.gif



Morgoth prestes a esmagar um inseto.

Cquote1.svg Você quis dizer: Melkor? Cquote1.svg
Google sobre Morgoth

Cquote1.png Experimente também: Darth Vader Cquote2.png
Sugestão do Google para Morgoth

Cquote1.png Experimente também: Matador de elfos emos Cquote2.png
Sugestão do Google para Morgoth

Cquote1.svg Papai! Cquote2.svg
Sauron sobre Morgoth

Cquote1.svg O concurso de Miss universo pela televisão!! Cquote2.svg
Professor Girafales vendo Morgoth através do palantír

Cquote1.svg Você traiu o movimento Valar, véio! Cquote2.svg
Dado Dolabela sobre Morgoth

Cquote1.svg Get Over Here! Cquote2.svg
Scorpion durante a invasão à Terra Média

Cquote1.svg Uma gracinha. Cquote2.svg
Hebe Camargo sobre Morgoth

Cquote1.svg Houston, we´ve gotta a problem. Cquote2.svg
Tom Hanks sobre o roubo das Silmarills

Cquote1.svg Apertem os cintos. Vai ser uma noite trepidante. Cquote2.svg
Sauron nos dias em que Morgoth tira o atraso

Cquote1.svg Eu sou o capiroto. Cquote2.svg
Morgoth sobre si próprio, numa entrevista da imprensa

Cquote1.svg Eu sou o rei do mundo! Cquote2.svg
Jack sobre seus momentos antes de Morgoth afundar o Titanic

Cquote1.svg Some daqui, some daqui, some daqui, some daqui, some daqui, some daqui! Cquote2.svg
João Gordo sobre Morgoth

Cquote1.svg Back to the shadows Cquote2.svg
Gandalf sobre Morgoth

Cquote1.svg Ah! O carinha do Harry Potter Cquote2.svg
Carla Perez sobre Morgoth

Cquote1.svg Não que ele fosse negro... Cquote2.svg
J.R.R.Tolkien sobre Morgoth, negando preconceito racial

Cquote1.svg Oh I´m Heir of The High Lord Cquote2.svg
Sauron sobre Morgoth

Cquote1.svg Vofê é deffprevível Cquote2.svg
Patolino sobre Morgoth

Cquote1.svg Morgoth I cryed! Cquote2.svg
Hansi Kürsch contando como encontrou Morgoth no trem outro dia

Cquote1.svg Satanás! Cadê você Satanás? Cquote2.svg
Bruxa do 71 sobre Morgoth

Cquote1.svg Filho da puta! Cquote2.svg
Fëanor sobre Morgoth

Cquote1.svg Me erra. Cquote2.svg
Morgoth sobre o comentário de Fëanor

Cquote1.svg Tu vai se fuder, miserável! Cquote2.svg
Fëanor sobre o comentário acima

História de Morgoth[editar]

Morgoth (apelidinho de Melkor) era um recalcado que teve vida mais longa que de seus irmãos pra poder ver a cada dia mais suas vitórias. Esse foi o castigo que papai Eru lhe impôs.

No princípio de tudo, Melkor queria cantar mais alto que todo mundo uma música horrorosa, que posteriormente ficou conhecida como funk. Por causa da discriminação que sofreu por parte de seus irmãos, e por ter fumado um baseadinho escondido de Eru, ele foi desprezado e se escondeu na Terra-Média, onde pôde investir em sus plantações de maconha e fazer tráfico de outros entorpecentes com seus coleguinhas do mal.

Melkor era da night, mas seus irmãos eram uns coxinhas que faziam festinahs durante o dia. Pra acabar com a palhaçada das luzes que atrapalhavam suas baladinhas, foi lá e derrubou tudo pra mostrar quem mandava naquela porra - PERDEU, PLAYBOY!

Eis que na escuridão surgiram uns malucos conhecidos como elfos. Alguns deles foram facilmente levados para o narcotráfico e para o PCC (Primeiro Comando de Cuiviénen). Outros tiveram o priviléééégio de conehcer Utumno e se foderam, pois foram transformados em Orcs.

Um dia Melkor ficou sabendo que um tal de Fëanor tinha umas pedras bem das boas e resolveu roubá-las, mas para isso teve que matar o vacilão Finwë que não aceitou suborno. Melkor era contra essa parada de óculos espelhado na cabeça, e encrustou as pedras em sua testa, no lugar dos óculos. Assim surgiu o FuNk 0$T3NT4$$4UM

Morgoth levou junto sua comparsa Ungoliant, que quase comeu as pedras alegando "Tô com fomeee / quero leiteeee/ E eu assumo uma pipoca meee sacodeee / Quero croquete com maionese / Eu te apresento a Larica dos Muleke". Melkor não suportava essa asneira, e Ungoliant ficou puta da vida porque ele não queria fazer parceria, então ela tentou se engolir, criando o Quadradinho de Oito.

(Nightfall in Middle Earth - Morgoth em seu trono escuro)

Depois do assalto ao banco central de Valinor e a destruição da central elétrica das duas as árveres somo nozes, Morgoth ficou de tocaia no complexo de morros das Thangorodrim, nos confins de Angband. Os elfos revoltados com a puta falta de sacanagem formaram facções para atacar Morgoth, mas mesmo entre elas havia mil tretas. Fëanor brigou com seus irmãos por causa do domínio do tráfico local, mas morreu logo que chegou à Terra-Média e não conseguiu nem chegar perto de Morgoth. Seu irmão Fingolfin pelo menos conseguiu fazer uns arranhões em Melkor, deixando-o no mínimo atordoado.

Para piorar, apareceram os homens humanos humanoides. Morgoth deu risada quando essa raça de excomungados surgiu na Terra-Média. Mal sabia que esses caras lhe causariam problemas, pois, mesmo com todas as intrigas e picuinhas que causou entre os próprios homens e entre os elfos, esses malditos formaram alianças pra acabar com ele. Numa brincadeira de esconde-esconde que durou milênios, os reis élficos se esconderam em suas fortalezas, que ninguém fazia ideia de onde ficavam, pois naquela época não havia Google Street View. Apesar das dificuldades, sempre havia um x9 pra contar para as bestas de Angband onde estavam todos, ou alguma anta que se deixava ser seguida por orcs.

Nessa época, um casal do inferno, conhecido como Beren e Lúthien (um humano filho de uma égua e uma elfa desaforada) invadiu suas propriedades na maior cara de pau, conseguiu controlar seu cachorro dando-lhe um suculento pedaço de bacon, fez todos os guardas dormirem dando-lhes dorgas pesadas, e até fez uso de uma canção de ninar famosa contra o próprio Melkor "Nana neném / que a Cuca vem pegar". Mas esta não fez efeito por muito tempo, e só permitiu a Beren roubar uma das pedras da testa dele, deixando-lhe um buraco, que parecia um olho e posteriormente inspirou Sauron a decorar o topo de Barad-dûr.

Morgoth, então, formou uma aliança nunca antes vista, com seu filhote Sauron, com Balrogs, dragões, e um exército infinito de orcs, que haviam multiplicado como gremlins. Planejaram um golpe de estado, assassinando o rei de Nargothrond, o rei de Doriath e o rei de Gondolin. Só matou esses caras aí, ninguém muito importante.

Então, na destruição da última cidade élfica, quando todas as esperanças já estavam perdidas e os Valar estavam cagando pra Terra-Média (tudo isso aconteceu enquanto os Valar bem folgados estavam no meio de um jogo de truco), um maldito chamado Ëarendil saiu navegando com as dorgas em direção a Valinor e restituiu o poder do tráfico de toda Arda para os Valar. Eles ficaram com dó dos reféns que Morgoth havia feito e indignados com os horrores a que submetia seus criados e capangas, então deram uma chave de braço em Morgoth, algemaram, jogaram no camburão e o deixaram mofando na prisão perpétua (ou seja, até o fim dos tempos). E sem direito a julgamento, porque a justiça é lenta mesmo, e o número de páginas do processo de Melkor já era absurdo.

Morgoth deixou um único herdeiro, Sauron, um filhote de cruz-credo que encheu o saco e fez estragos na Terra-Média até a Terceira Era, quando destruíram o anel.

Aspectos que o tornam Vilão[editar]

  • Ele era um invejoso recalcado;
  • Não era o queridinho do papai Eru, esse era Manwë;
  • Melkor era funkeiro: queria cantar mais alto que todo mundo e estragou a Ainulindalë;
  • Sequestrou elfos e levou-os para um morro, torturou-os e deu origem aos orcs;
  • Se achava pra caralho;
  • Foi expulso de Valinor porque era chato pra caralho;
  • Destruiu a Terra, porque estava entediado;
  • Amiguinho da Ungoliant, de Balrogs, Orcs, Dragões... gente boa!
  • Não tem sentimentos, e fere os dos outros;
  • Roubou umas pedras - if you know what I mean;

Pessoas que não conseguem matar Morgoth[editar]

  • Você, com certeza;
  • Sua mãe;
  • Os Valar - é, nenhum deles!;
  • Os reis élficos (simplesmente foram esmagados por Morgoth);
  • A tia Nena;
  • O ranger vermelho;
  • Os caça-fantasmas;
  • O Tiranossauro Rex do Jurassic Park;
  • Os Digimon.
  • O Ronaldinho Gaucho

Pessoas que provavelmente sobreviveriam alguns segundos[editar]

  • Beren e Lúthien, aquele casal Z03iR0;
  • Ungoliant (que se não se comesse, teria comido Morgoth);
  • Gandalf
  • Saruman
  • Hansi Kürsch
  • Fëanor
  • Fingolfin
  • Finwe
  • Megazord
  • Blaze

Pessoas que podem matar Morgoth[editar]

  • Eru, o criador
  • Tolkien

E só, não se anime.

Coisas que Morgoth odeia[editar]

  • Qualquer coisa iluminada, tipo lâmpadas, árvores, estrelas, o Sol, a Lua, as Silmarils
  • Qualquer coisa criada pelos Valar
  • Rebelde: elenco, direção, SBT e todos os que contribuiram de alguma forma.
  • Crepúsculo: livro, filme, copos, camisetas, fotos do Edward, etc...
  • Loucademia de Polícia, A Lagoa Azul e qualquer filme da sessão da tarde
  • Harry Potter, poderzinho saindo da varinha.
  • Hip Hop.
  • Tango.
  • Todos os Uchihas que existem.(Menos Itachi Uchiha e Madara Uchiha)
  • Poesias.
  • Shoujo.
  • Os batutinhas.
  • Pernalonga e Patolino.
  • Pantufas.
  • Todo e qualquer objeto tingido.
  • O diário da Princesa.
  • Troy Bolton.
  • Pessoas que gostem dos itens acima.
  • Fëanor.
  • Elfos
  • Húrin
  • Huan, aquele cachorro abençoado.
  • Mulher Melancia.
  • Lady Kate.
  • A novela das 8.
  • Quem fala Min ajuda.
  • Noobs em geral.
  • Boiolagem

Coisas que Você pode fazer para tentar agradá-lo[editar]

  • Ser macho
  • Se humilhar
  • Morrer

Não há mais nada que você possa fazer para agradá-lo.

Coisas de que Morgoth gosta[editar]

  • Submissão
  • Blind Guardian
  • Silmarills
  • Invejar os Valar
  • Odiar humanos e elfos
  • Odiar o mundo
  • Odiar Eru
  • Odiar o fato de estar odiando o próprio ódio de odiar coisas odiosas

Enfim, em seu coração há muita ternura.

v d e h